História I Hate You, I Love You - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), TWICE
Personagens Chaeyoung, Dahyun, J-hope, Jihyo, Jimin, Jin, Jungkook, Jungyeon, Mina, Momo, Nayeon, Rap Monster, Sana, Suga, Tzuyu, V
Visualizações 42
Palavras 1.046
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OI GENTE SANGUE BOM.

Minha primeira fic, eu me esforcei bastante pra fazer esse capitulo, e calma gente, ao decorrer da historia vocês vão entender tudo.
ESPERO QUE GOSTEM, AMANHÃ OU SABADO TEM CAPITULO NOVO.
ENJOY~

Capítulo 1 - Capitulo 1


              ~ Seoul, South Korea. 07:00am, 14/10/2016

Tzuyu dormia serenamente em seu quarto, cortinas fechadas e um profundo silêncio em tal cômodo que parecia estar vazio, só dando a perceber que ele estava ocupado por conta do barulho de sua calma respiração. Depois de curtos 2 minutos, o quarto da garota foi invadido por sua irmã mais velha, Park Jihyo, que pulou em cima da garota, começando a fazer cócegas na mesma com um largo e simpatico sorriso no rosto.

- Acorda! você vai se atrasar no seu primeiro dia em sua escola nova, irmãzinha.. - Após dizer a ultima palavra, Jihyo fez um pequeno biquinho, começando a chacoalhar sua irmã adotiva.-

- Aigoo... Que horas são? - A garota resmungou baixinho, empurrando levemente sua irmã para o lado, ainda com seus olhos fechados.-

- São 07:03 da manhã, Tzu, você vai se atrasar! Foi difícil achar uma vaga pra ti no mesmo colégio que eu pois faltam 2 meses para o ano acabar e você faz isso? Não aceito. Levanta pra tomar um banho e se arrumar.  - Jihyo se sentou na cama, cruzando os braços e continuou com seu biquinho infantil nos lábios.-

- Aish! Tá bom, tá bom! - Tzuyu indagou impaciente, se levantando da cama.- 

Após se levantar, foi até seu armário, retirando de lá sua toalha e seguindo rapidamente ao banheiro. Trancou a porta do banheiro, então começou a se despir com pressa, resmungando algumas vezes sobre estar com sono e preguiça de ir ao novo colégio. Após se despir completamente, ligou o chuveiro e entrou de baixo da água quente, relaxando os músculos ao sentir a água sobre o seu corpo.

Após terminar seu banho, Tzuyu voltou ao quarto e viu sua cama arrumada e seu uniforme em cima da cama, deu um sorriso fino e se secou, vestindo seu uniforme, em seguida pondo a meia e o sapato. Ligou o secador de cabelo e secou seus fios molhados, e ao terminar, penteou os mesmos e pegou sua mochila, pondo seus materiais dentro da mesma.

                                                                                              ~  Tzuyu PoV On

Após terminar de me arrumar para o colégio, saí do meu quarto, fechei a porta do mesmo e desci as escadas com um sorriso em meu rosto, escondendo que estava com uma enorme preguiça e cansaço.

- Bom dia mãe, bom dia pai, bom dia maninha. - Dei um abraço em cada um, pegando apenas uma maçã para comer, assim sentindo meu pulso ser segurado pela Jihyo e ela me puxar para fora, murmurando que estávamos muito atrasadas.-

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~//~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Depois de um tempo sendo arrastada pela Jihyo até o colégio, respirei fundo antes de pisar no mesmo. Assim que entrei no tal colégio, tratei de correr até onde ficava a sala de aula, as vezes esbarrando em algumas pessoas e me desculpando sempre.Ao chegar na sala de aula do 3° ano ( Ensino Médio), me direcionei a ultima carteira, então me sentei na mesma  e apoiei meu rosto em minhas mãos.

Bom, acho que esqueci.. Sou a Chou Tzuyu, eu tenho 17 anos de idade e sou a irmã adotiva da Park Jihyo. Fui adotada com 5 anos de idade mas mesmo assim penso que meus pais dão mais atenção a Jihyo do que a mim, talvez por ela ser a mais velha e de sangue, ela sempre foi a mais privilegiada. Meu pai trabalha em uma empresa e a minha mãe tem um restaurante, e o meu pai por estar em uma empresa acabou se tornando meio metido e um pouco, digamos que preconceituoso com as pessoas de classe mais baixa. Tirando esse pequeno defeito, meu pai é muito bom.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~//~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Ao ver que as pessoas estavam chegando, me pus em postura e comecei a observa-los, sentindo alguns olhares tortos sobre mim. Todos já estavam sentados e com postura, o professor já havia entrado em sala e estava sentado, observando a todos nós.

- Bom, como vocês já devem saber nós temos uma aluna nova, ela se chama Chou Tzuyu. - Ele fez uma pequena pausa, se levantando e ainda mantendo sua postura.- Tzuyu, se apresente.

Dei um longo suspiro, ficando de pé ao lado da minha carteira, respirando fundo antes de falar qualquer palavra.

- Bom, como o professor havia dito eu sou a Tzuyu, sou taiwanesa mas vim para um orfanato aqui de Seul com 3 anos de idade após perder meus pais. Fui adotada pelos pais da Jihyo com 5 anos e agora tenho 17... Ah... eu.. Aish, não sei mais o que falar.. - Ouvi algumas risadas por conta do meu nervosismo, mas ignorei e me sentei novamente um pouco emburrada.-

- Como você é nova aqui, o JungKook vai te ajudar nas matérias. Como ele é o mais inteligente da turma, acho que ele da conta, não é? 

Ao ouvir as palavras do professor, olhei para o garoto que ele indicou e vi o mesmo bufar levemente e assentir com a cabeça. Ele se levantou e veio ate mim e juntou uma carteira com a minha, pondo seus materiais em cima da mesa.

- Não fale nada comigo a não ser que precise de ajuda sobre o dever, se eu pudesse teria recusado isso então nem tenta amizade pois eu não estou afim. - Ele disse sem me olhar, ainda com seu semblante sério, o que me fez arregalar os olhos. - Reforço na biblioteca depois da aula, se faltar, deixo você se foder sozinha. 

- Primeiro, eu não pedi a sua ajuda, se está insatisfeito reclame com o professor. Segundo, se você acha que pode falar assim comigo você está enganado. Terceiro: Vai ser grosso na puta que pariu pois eu não estou com paciência para aturar um garoto idiota feito você. - Falei em tom baixo para que só ele escutasse, então abri minha mochila, peguei meu estojo, caderno, abrindo o mesmo na matéria de filosofia, pegando minha caneta e começando a copiar o texto que o professor passava. -

Senti o garoto me fuzilar com o olhar, o que me fez rolar os olhos e continuar copiando a matéria. Porém, não estava entendendo nada então tive que passar por cima do meu orgulho e pedir a ajuda de JungKook.

- Pode me ajudar? Eu não estou entendendo.

-...

Continues in the next chapter..



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...