História I hate you... I love you - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Styles, Ian Somerhalder, Justin Bieber, Machine Gun Kelly, Martin Garrix, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Ian Somerhalder, Jaxon Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Liam Payne, Louis Tomlinson, Machine Gun Kelly "MGK", Martin Garrix, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Larry, Larry Stylinson, Louis Tomlinson, Ziam Mayne
Visualizações 107
Palavras 2.315
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não revisei, pleaser!
Notas finais tem avisos da fic!
A música que eu usei para o capítulo foi a better than words, over again e space do One direction... Apenas coloquei as três pra tocar e não teve ordem já que eu repetia as duas. Kkk
O lobo do capitulo é o Harry, mais o olhos dele tem o verde tbm mistura com o olho do lobo da foto.
Leiam...

Capítulo 22 - Better Than Words, Over Again... Space!


Fanfic / Fanfiction I hate you... I love you - Capítulo 22 - Better Than Words, Over Again... Space!

Harry Styles p.o.v

- oh porra - urrei jogando a cabeça para trás enquanto gozava forte dentro de Louis que esta de quatro a minha frente.

- droga, Styles - sussurrou Louis se jogando na cama de bruços - preciso descansar, minha barriga esta doendo de ser surrada! Jesus...

Sorrir com seu comentário e me sentei ao seu lado.

- só gozamos cinco vezes em quatro horas de sexo, Louis! Isso não é nada comparado a seis messes sem te foder... - dei uma risadinha passando a mão por sua coxa esquerda até a bunda e apertando forte o local - mais você deve esta cansado, até por que passou seis messes fodendo com Ian, Zayn e algumas vezes Martin, não é? Descanse, amanhã temos que conversa - disse me levantando da cama.

- não vai dormi comigo? - perguntou Louis sentando na cama.

- você ainda tem cheiro de outros alfas... É insuportável pra mim sentir esse cheiro - disse e fui para o banheiro passando pelo closet dele.

Entrei no box e suspirei. Abrir o chuveiro e deixei a água morna cair por minhas costa.

Porra, Styles. Mais forte...

Isso... Assim, me fode gostoso!

Droga, Harry... Eu vou gozar... Me deixa gozar? Quero gozar, ahhh, tão bom!

Harry, Harry, Harry... Styles!

Lembrar de Louis gemendo por mim a algumas horas atrás me deixa completamente duro novamente, mais não estou com animo para bater uma no chuveiro.

Droga!

Louis volta e bagunça toda minha vida. Não que eu tenha achado ruim, nunca!

Apesar, que não na hora que ele passou pela porta da casa de Zayn e eu o ver, juro que pensei em coisas broxantes para não ficar de pau duro no meio de tantas pessoas. Toda a tensão sexual que estou sem ele, me deixou louco! Aquela boquinha fina sorrindo e movendo os lábios, me deu vontade de beija-lo até minha boca ficar dormente. Porra, parece que aquela enorme bunda esta maior... Que tesão do caralho!

Foi ai que eu pecebir que apesar de tudo eu quero Louis! Independentemente dele ter estado com outros eu não me importo. Eu errei e ele errou, agora vamos esquecer isso e viver como antes... E ele vai querer, por que eu cansei de ser bonzinho, se não quiser, ele vai ser obrigado a querer!

Caralho de ereção!

Sair de banheiro depois de me lavar normalmente e fui para o closet, peguei uma calça de moletom preta e uma cueca preta, me vesti e passei pelo quarto vendo Louis na cama deitado de bruços com a bunda empinada e os olhos fechados. Apertei meu menbro e sair do indo para o escritório.

Me sentei na cadeira de frente a minha mesa e mandei uma mensagem para Luke arrumar os carros para saímos em 10  minutos.

Liguei o computador e abrir o programa de rastreamento do celular de Louis, digitei o nome de Ian e logo foi rastreado pelo seu número aonde o celular dele se localiza. A uma hora depois da minha casa. Perfeito!

Me levantei e fui de volta para o quarto e peguei uma regata branca, sair do quarto depois de da um beijo na bochecha de Louis.

Você é meu, Louis!

Voltei para o escritório.

- Jesse? - falei o nome que Louis deu a ela.

- sim, senhor Styles? - respondeu a voz eletrônica.

- abrir compartimento de armas! - disse e pode ver a parede que fica atrás da minha mesa sumir para o lado direito e mostrar meu arsenal de armas particular. 

Meus babys...

Peguei uma K47 e uma metralhadora manual e carreguei as duas. 

- tudo pronto! - disse Luke entrando no escritório - Ian Somerhalder - sorriu maldoso.

- o que é meu... Sempre será apenas meu!

- enquanto a Zayn e Martin?

- Zayn é meu irmão, nunca faria algo com ele e sei que não a sentimentos entre eles e que eles não vão mais se envolver... E Martin, acho que Liam pode resolver isso, ele e Louis só foderam uma vez... Mais Liam provavelmente vai se vingar por mim!

- ok, vamos? - disse Luke apontando para a porta.

- vamos! - exclamei colocando meu mais lindo sorriso.

Sair daquela mansão e meu coração se acelerou. Tudo o que fiz por amor a Louis passou por minha mente, e saber que vou matar Ian por amor ao Louis também esta em minha mente.

Entrei em meu carro e fui liderando o caminho, Luke logo atrás e mais dois carros com meus lúpus altamente treinados neles. Parei o carro enfrente o portão e os guardas que estavam ali ficaram em alerta, desligamos os carros mais deixamos as luzes ligadas dos faróis e não descemos até fazer uma analise perfeita de todos os pontos.

Abrir a porta do carro e deixei aberta e logo ouvir os tiros dos meus lúpus contra os de Ian, desci do carro e o portão foi aberto por um dos meus lúpus e entrei junto com Luke. Ian é mais idiota do que eu pensei, como ele pode ficar sem seguranças em grande quantidade, apesar de tudo ele é o príncipe da Inglaterra sucessor ao trono em algumas semanas.

Fui até a entrada da mansão e a porta estava aberta, Luke ficou em posição de defesa e entrei encontrando Ian na sala sentado no sofá lendo um livro.

- boa noite, Senhor Styles - disse Ian sem tirar os olhos do livro - a que devo a honra de sua visita que precisou matar meus guardas?

- Louis... - rosnei dilatando minhas pupilas e sentindo meu corpo esquentar.

- oh... Louis! Ele é encantador - disse Ian fechando o livro e se levantando para ficar de frente pra mim mais a alguns metros de distância.

- acho que você não sabia que ele é meu... Vim aqui lhe dizer isso - rosnei fechando os punhos.

- não foi isso que ele me disse, não é? Você sabe que sim, você sabe tudo sobre ele - disse Ian colocando a mão esquerda na cintura e tocando os lábios com os dedos da mão direita.

- e você sabia também que ele é meu. Sabia que viria atrás de você e mesmo assim se envolveu com ele...

- o que queria que eu fizesse? Disse não? Louis é gostoso demais para recusar - disse Ian sorrindo e eu dei um passo a frente - sabe que ele é... Sabe que ele é insaciável, que desconta suas frustrações no sexo e eu apenas o ajudei a se distrair de você!

- e passou a porra de seis messes fodendo com ele, com o que é meu! - rosnei me aproximando mais ainda dele - você é um filho da puta que tocou no meu precioso bem... Você não vai ficar pra conta história!

- sabe que não pode me matar... Temos um acordo que não pode ser quebrado ou Louis morre! - disse Ian sorrindo sarcástico - e sabe que não sou eu quem decido isso, por mais que seja apaixonado por Louis não vou poder fazer nada pra impedir que ele morra. Mais eu morreria por ele se quiser me matar.

- eu completamente acredito que seus sentimentos por ele são verdadeiros... É impossível não amar Louis! Ninguém melhor do que eu saber o que ele é capaz de fazer - rosnei - e eu quero muito mata-lo... Por isso, que se dane a porra do acordo. Você vai morre, Ian!

Me lobo interior saiu pra fora tirando a forma do meu corpo humano. 

Rosnei alto.

- você quer bricar assim, Harry? Eu aceito... Que vença o merecedor de Louis - disse Ian se tanformando em um lobo branco com manchas marrons.

Corri em modo de ataca e ele fez o mesmo, começamos uma briga de lobos sanguinária.

Uma luta de lobos entre lúpus é mais fora do normal do que possa imaginar, não nós cansamos rápido e quanto mais adrenalina no sangue mais forte e maior ficamos. Ian é um bom lobo lutador, foi treinado por muito tempo para uma batalha entre lúpus... A minha vantagem é que eu me auto treinei para matar um lobo lúpus.

Mais na nossa luta de rosnados, patas com unhas fortes e mordidas eu fui atingindo em cheio por um lobo lúpus branco.

Louis...

Pare com isso, Styles... Você ficou louco? Vai mata-lo!

Essa é a minha intenção! Não se meta no caminho, Louis.

Você não vai mata-lo. Não por mim... Eu não vou carregar o peso de mais uma morte na minha consciência por que você não consegue parar de ser um psicopata!

Faço isso e fiz por você!

Então agora você vai escolher... Eu vou sair de cima de você e deixar o caminho livre para mata-lo como quiser, mais se mata-lo, nem que eu passe a vida inteira fugindo eu nunca mais volto pra você! Fica a seu critério, Harry.

Você esta escolhendo ele? É isso que esta querendo dizer!

Não! Estou escolhendo você, estou me dando a você numa bandeja de ouro esculpida por deuses com frutas ao meu redor e com os pulsos amarrados e a boca aberta com uma maçã... Mais esse é o meu preço! Deixa- lo em paz, deixa-lo viver, basta você escolher.

Se eu não fosse mata-lo... Você me escolheria? Se eu não tivesse vindo aqui e apenas esquecido o que viveram... Você me escolheria, Louis?

Eu tenho medo de você, Harry!

Você me escolheria, Louis?

Eu amo você, mais não séria inteiramente feliz ao seu lado... Você machucou meu coração, mais estou disposto a me dar pra você e viver mesmo que seja infeliz ao seu lado se me prometer que nunca mais ira mentir pra mim.

Você me escolheria, porra?

Não sei, Harry.

Você é meu... Somente meu, entendeu?

Sim...

Nunca mais irar ficar sem mim... Vamos voltar a ser como antes, é eu prometo que vou fazer o impossível pra ve-lo feliz! 

Me transformei em humano de novo e sentir o peso do lobo de Louis em cima de mim. Encarei seus olhos.

- diga de novo. Diga que me ama.

Eu amo você, Harry Styles!

Suspirei fechando os olhos e repetindo o som da voz de Louis dizendo essas palavras em minha mente várias vezes rapidamente.

- vamos embora, Styles - disse Louis me fazendo abrir os olhos e encarar seus lindo rosto com seus perfeitos olhos azuis.

Louis é tão perfeito... E apenas meu!


Zayn Malik p.o.v


Em nenhum momento se passou pela minha mente que ter Sophia cara a cara comigo fosse me deixar assim!

Não sei explicar o que estou sentindo e muito menos pensando, mais se me perguntassem e eu conseguisse falar diria que nada. Isso é o que esta acontecendo comigo, no momento sou como uma folha em branco.

- você queria me conhecer... Diga algo! - disse Sophia parecendo irritado com a situação.

E ela tem razão em esta, por que eu no lugar dela estaria agora mesmo em uma briga " comigo ".

- hum... - olhei pra ela sentado em seu sofá com as pernas cruzados e olhei para Liam  - pode por favor nós deixar a sós?

- acho melhor eu ficar, Zayn...

- não vai precisar... Pode ir, Liam - disse Sophia abrindo um pequeno sorriso e Liam confirmou com a cabeça.

Enquanto o mesmo deixou a sala eu mordi minhas bochechas.

- você viu como ele me obedecer? Viu como ele fez sem pensar duas vezes quando eu falei pra ele ir? Isso nunca vai mudar, Zayn! - disse Sophia se levantando e me encarando - você é um alfa e ele realmente ama você, mais eu sou a ômega dele, a alma gêmea, a mãe da filha dele e a que o transformou em lúpus... Ele sempre será submisso a mim como eu sou a ele!

- por que esta me dizendo isso? Acha que eu não sei disso? - sorrir com sarcasmo - ninguém melhor que eu sabe disso e o que acabou de acontecer e uma das infinitas provas de que vocês dois são reais.

- não falei para jogar na sua cara algo que já esta estampado pra todos ver... Não quero e nem pretendo ser sua amiga, Zayn! Eu realmente amo Liam, mais sei que o sentimento não é compartilhado de ambos os lados, sempre soube que para ele tínhamos mais uma amizade com benefícios para ambos, não sou iludida ou algo do tipo... Apesar de anos juntos como um casal, acima de tudo sempre fomos bons amigos e sabemos tudo um sobre outro e ele nunca disse a mim eu te amo com o mesmo significado que eu dizia, se você veio aqui para se certificar que não estamos juntos eu garanto que não estamos e eu não pretendo ser a ex ômega que vai infernizar a sua vida por ter sido traída, fique tranquilo quanto a isso. Londres é grande demais para ficamos sempre nos topando por ai, e como falei... Amo Liam e quero ve-lo feliz, e se esta com você é o único jeito... Eu não vou impedir.

- sinto muito por ele ter traído você, eu realmente não fiz...

- de propósito... Eu sei, ele me disse que você não sabia que ele tinha uma ômega e uma filha e que quando descobriu o deixou. Ele me contou tudo, até a parte em que você disse que o aceitava se ele me deixasse!

- espero que um dia possa me perdoá e não ter raiva de mim!

- não tem o que perdoá você se quem errou e me devia respeito era Liam, e eu não tenho raiva de você... Apenas não gosto! Nenhuma pessoa gosta da amante ou amante do companheiro.

- eu realmente não pretendo afronta-la ou me meter no meio da sua vida com Liam e Liza... Eu sinto muito por ter bagunçado sua vida e obrigado por não ser uma louca apaixonada - disse e demos uma risadinha fraca - eu preciso ir agora, me desculpe por atrapalhar algo... Adeus, Sophia!

- adeus, Zayn - disse Sophia e assenou enquanto eu sai pra fora da casa.

A chuva frienta de Londres me atingiu em cheio enquanto comecei a correr o mais rápido possível de perto daquela casa.

Apesar da conversa até que amigável com Sophia, meu coração não sabe como reagir... E eu ainda não tenho idéia do que fazer ou de como agir. Liam veio como uma avalanche em minha vida!



Notas Finais


Oh meu deus....
Já estamos na reta final de I hate you... I love you
Sim, estamos!
Confesso que estou mais ansiosa que vocês para o final, adoro finais loucos!
Dependendo do que vocês acharem eu posso fazer uma continuação pra fic e se minha mente ajudar também!
Mais calma, esse não é penúltimo capítulo... Mais já esta acabando!
Triste...
Gente, minha outra fic que tem apenas um capítulo ( acho que hoje posto o próximo ) também é Larry e vocês poderiam ir lá ver né.
The jealous and the possessive!
Se não acharem entrem no meu perfil e vão ler a fic, pfvrzinho.
Estava escrevendo " pfvrzinho " e apareceu " LGBT zinho "
Kkkk morta estou!
Adoro os gays, eles são tão legais e engraçados... Queria um amigo gay, mais querer não é poder!
Me contento....
Comente qualquer dúvida, se quiserem me conhecer pode comenta ou manda mensagem e eu estou no Shaw por que não quero minha cama! Sou dessas... Kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...