História I Hate You ( Imagine Mark Tuan ) - Capítulo 59


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Personagens Originais, Youngjae, Yugyeom
Tags Bambam, Got7, Imagine, Imagine Mark Tuan, Jackson, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Exibições 281
Palavras 624
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem do capítulo.
Me desculpe se tiver algum erro.
Boa leitura😍

Capítulo 59 - News - Part 2 tongue kiss


Fanfic / Fanfiction I Hate You ( Imagine Mark Tuan ) - Capítulo 59 - News - Part 2 tongue kiss

                   / Mark off /

                   / (S/N) on /

Fomos para a cozinha cada um pegou o que alguem fez e se sentamos na mesa.

- Quem fez a comida? - perguntou Sun Hee.

- Mark e Jackson. - respondeu Bambam.

- Meu Deus é hoje que eu morro. 

- Se não comer eu vou fazer você comer a força. - falou JB.

- Ontem eu ouvi o barulho de alguem chorando ontem de noite. - falou Ana.

- Era do quarto do Mark. - falou Bambam.

- Que que aconteceu? - perguntou Ana.

- Você tava fazendo o que com ela? - perguntou Jackson malicioso.

- Jackson Wang. - Mark bravo.

Eu cai na risada com o que o Jackson falou. Mark saiu correndo atrás do Jackson.

- Eu tive um pesadelo. - respondi a pergunta da Ana.

- Outro. - falou Sun Hee pois eu contei para ela do outro.

- Como assim outro? - perguntou Jinyoung.

- Uns dois dias depois que eu sai do hospital eu tive um pesadelo. - respondi.

Escuto o meu celular apitar, tiro ele do bolso e está uma nesagem de alguem desconhecido.

     • Mensagem on •

Número desconhecido: Tenha cuidado pois alguem pode ser o próximo.

     • Mensagem off •

- O que que é isso? - Bambam pegou meu celular.

- Bambam me da meu celular. - me levantei rapidamente para pegar o celular.

Ele lei e colocou meu celular para o alto.

- Me da. - pedi.

- Baixinha. - colocou o celular mais alto.

- Meu querido eu não posso fazer nada se você é uma girafa. - falei.

Alguem puxou o celular da mão dele. Olhei para o lado e vai Mark lendo a mensagem.

- O que é isso? - perguntou sério e olhando para mim.

- Não sei. - respondi.

- Vem. - Mark me puxou.

Saímos da casa dele e fomos para um parque alí perto.

- Você recebeu isso quando? - perguntou.

- Hoje. - respondi.

- Que horas? 

-É interrogatório agora?

- Que horas foi? - insistiu.

- Quando você tava correndo atrás do Jackson. - respondi.

- Você já recebeu essas mensagens antes? 

- Não.

- Se você receber outra você promete que vai falar para mim?

- Prometo.

- Eu tenho medo desse alguem machucucar minha família e vocês. - falei com lágrimas nos olhos.

- E eu tenho medo de te perder de novo. - falou e eu abaixei a cabeça envergonhada e com lágrimas saindo pelo meus olhos.

- Eu não vou deixar ninguém chegar perto de você. - falou.

Ele colocou a mão no meu queixo e levantou devagar. Ele ficou me encarando até ele puxar meu queixo para frente me dando um beijo.

Eu acabei fechando os olhos, o beijo era apaixonado, ele pediu passagem com a língua e eu cedi.

A maldita falta de ar fez nós dois se separarmos, ele limpou as lágrimas que tinha em meu olho e me abraçou.

- Eu não vou te perder de novo. - repetiu entre o abraço.

- Eu queria poder lembrar de você. - falei.

Ele separou o abraço e olhou em meus olhos.

- Quantas vezes vou ter que falar que eu criarei novas lembranças com você. - falou.

- Não sei.

- Boba. - falou bagunçando meus cabelos.

- Que mania em. - falei ajeitando meu cabelo.

- Vamos voltar, eles vão achar estranho a nossa demora. - falou segurando na minha mão.

- Vamos. 

Quando chegamos na porta da casa dele nós soltamos a mão. Entramos dentro da casa e só falto JB matar o Mark.

- Pensei que alguem tinha sequestrado vocês. - falou Jinyoung.

- Mas não sequestrou. - falou Mark fechando a porta.

- Vocês estavam fazendo oque? - perguntou Yugyeom.

- Conversando. - falou.

- Sobre??

- Coisas pessoais. - respondeu Mark.

- To com fome. - reclamei.

- Não deixo nem ela comer. - falou JB.

- Ainda tem coisa para vocês comerem e anda logo antes que os esfomeados irem comer. - falou Jinyoung.

Nós dois fomos para a cozinha e comemos.


Notas Finais


Até que enfim o beijo esperado por todos.
Amanhã eu não sei se vou conseguir postar o capítulo, pois eu talvez irei para praia. ( não é certeza )
Bjs 😘💝💟💕❣


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...