História I have a gift - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Romance
Visualizações 17
Palavras 3.035
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Lírica, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Sobrenatural, Survival, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


veja o traje de todos eles completo abaixo, nas notas finais! Bjss
Me desculpem pelo erro. Tchau, bjs... fui!

Capítulo 22 - I felt My heart soar...


Fanfic / Fanfiction I have a gift - Capítulo 22 - I felt My heart soar...

S/N OFF :

JIN ON :
Depois que eu e Taehyung fomos para a loja, entramos como loucos, em uma loja fina, de tamanha categoria, clássica... Bom, acho que já deu para imaginar, cada um foi para um canto, uma coisa me chamou atenção, foi um vestido vermelho, brilhante, acho que cairia bem, por céus, ela ficaria muito atraente, mas do que já é. Também comprei muitas maquiagens, de várias marcas, acessórios também e por último eu escolhi o salto, basicamente preto combina com tudo. Então eu peguei dois pares de salto preto, e um par de salto branco. O Taehyung é louco, acho que ele gosta da S/n, mas está entregando-a fácil para o Jimin! Mas a S/N saberá o que fazer. Se fosse comigo, bom, primeiro ela não iria nem sentir o cheiro do Refúgio do Jimin, tá pensando o quê! Rum! Achei o Tae, pagamos tudo e saímos da loja cheio de sacolas, fomos o mais rápido possível para a minha casa! Vimos Mateo sentado onde nós estávamos mais cedo. Caminhamos até ele com as sacolas, perguntamos aonde S/N estava, ele disse que estava no banheiro, então eu perguntei para Tae se ele poderia levá-las até a S/n, porque eu acho que eles tem mais intimidades. mas eu fiquei incrédulo quando disse que não. Logo ele que pegava todas com o Suga? Bom, tecnicamente eu não tenho autoridade, porque eu transo com algumas até hoje. Tae revoltou-se e então pegou as sacolas da minha mão e entrou para a minha casa. que nem flash. Enquanto isso, eu fiquei conversando com Mateo.
Jin - Então Mateo, como é ser anjo? - O perguntei gentilmente.
Mateo - Bom, tem muitas regras, leis, compromissos que todos nós, os anjos temos que seguir! Mas agora o Reino está em festa, durante muito tempo nós à esperamos, então agora que eu a vi, estou mais contente do que nunca. E acho que o guardião também ficará, hoje mais cedo ele estava ansioso, inquieto... Como se a conhecesse antes... - Respondeu-me duvidosamente, com a mão no queixo... Aish, se ele soubesse!
Jin - Bom, de repente né... Nossa, eu tinha tudo para tornar-me anjo, olha a minha beleza. - Apontei-me para o meu rosto. - Eu sou mundialmente bonito. - Mateo me olhou como se eu fosse louco, mas ainda sim, sorria gentilmente.
Mateo - Bom, você é muito bonito. Mas como anjo, posso te dizer que muitos tem defeitos...
Jin - Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaah, inclusive o Guardião! - Elevei minha bela voz e fiz uma cara estranha. É, realmente agora ele deve achar que eu sou um verdadeiro lunático.

- Eu e Mateo conversamos por um tempinho, e esperamos pela S/N.

JIN OFF :

S/N ON :
Bom, eu fiquei este tempo todo tentando escolher um vestido, eu descartei o vermelho porque é muito vibrante, bem a cara de JIn, mas o vestido vermelho era impecável. Agora eu fiquei na dúvida entre o dourado e o preto. Bom, o dourado era lindo muito elegante,sexy, possivelmente o Jimin estará com a sua esposa, e se ela for bonita e tentar provocar-me, pelo menos eu teria o belo vestido, mas vendo em um modo totalmente oposto, eu também gostaria de provocá-la, só que de um modo mais elegante e simples, só com o meu charme. Então a minha escolha será o vestido dourado! Com um belo decote, e em baixo um pouco transparente. Vamos deixar o vestido preto para uma outra ocasião. Vesti-me e peguei uma outra sacola, havia três caixas, abri uma e tinha um salto preto, embaixo era vermelho, de couro muito bonito, será esse mesmo. Depois eu fui para a frente do espelho arrumar meu cabelo e passar maquiagem. Como sempre, eu passei um batom vermelhinho cereja, uma sombra dourada bem fraquinha, um delineado de gatinho, rímel, lápis de olho, um contorno com blush vermelho na bochecha, não sou de usar muita maquiagem, no cabelo eu ondulei-o e ficou muito lindo, faltava os acessórios... vasculhei em outra bolsa e peguei alguns bem simples, um colarzinho de ouro, os brincos, no furo principal da minha orelha eu coloquei uma cruz pequena, no contorno eu coloquei uma bolinha branca, uma preta média, uma dourada pequena, um outro com formato de uma folha, e mais dois que era tipo um piercing prateado. Em minhas mãos eu coloquei um de caveira pequena que contornava o dedo indicador e dedo médio. Nos mesmos dedos eu coloquei um pequeno com duas bolinhas pretas no meio do dedo médio e no indicador, o anel enroscava, com uma cruz pequena no topo acima de minha unha que estava pintada de preto. Contudo, acabei de arrumar-me e borrifei um perfume com aroma um pouco doce.

S/N OFF :

SOOK ON :
Subi para arrumar-me e coloquei um vestido preto que atrás era longo e na frente curto, uma gargantilha também preta, com uma lua, brilhante no meio, com umas pedrinhas azuis cor do mar, meu salto era uma bota preta, muito bonita. Nas orelhas eu coloquei um brinco que é uma cruz prata grande. Nas minhas mãos, ou em uma só eu uso um anel que pega o dedo indicador e do meio, era de asas prateada também. Meu cabelo era preso, e eu usava tipo um chapeuzinho pequeno, muito lindo. Mina maquiagem era um batom vermelho, sombra preta, rímel e um contorno com blush rosinha nas bochechas.Depois borrifei um perfume não muito forte em meus pulsos e pescoço. Já estava pronta e bela como sempre. É bem provável que ex do Jimin apareça, e eu não vou deixar meu homem à solta. A porta do meu quarto se abriu.
Jimin - Já está... nossa Sook, está muito bonita. - Eu sorri, com suas palavras. Jimin nunca me tratou assim.
Sook - Obrigada. Realmente eu estou impecável. - Sorri e o provoquei.
Jimin - É... - Jiminnie parecia-me nervoso. Sentou-se na cama.
Sook - O que foi meu amor? - Caminhei até ele e me agachei colocando minha mão em sua perna.
Jimin - Nada, é que estou om saudades de tudo, de casa... - Da S/N, não é mesmo? Aish... garota estúpida.
Sook - Ah, bem... estou aqui meu amor... - O abracei, e pela primeira vez, ele retribuiu, se levantou, ainda o abraçando e olhou-me.
Jimin - Você é linda...Mas você não é... - Jimin rapidamente colocou a mão em minha nuca e agarrou meus fios selando ferozmente nossos lábios, com um beijo profundo, pelo menos da minha parte, ele pediu-me passagem com a língua e eu cedi, enquanto segurava em minha cintura e eu na dele. Paramos, ofegantes, Jimin me abraçou bem forte, como se fosse querer sentir algo, o retribui, assim, Jimin desfez nosso abraço envolvente, não disse uma palavra, apenas voou pela janela, virou mania.

SOOK OFF :

S/N ON :
Assim que abria porta do banheiro, meu coração acelerou, eu gostaria de saber a opinião dos meninos sobre a minha roupa, se eu fiz certo em escolher este vestido, é tanta coisa em minha cabeça, não sei se eu estou fazendo o certo, ou o errado. Se Yoongi descobriu, ele irá vir atrás de mim. Estou preocupada com o  Jungkook, tadinho. Será que ele está bem... Pensamentos invadiram minha cabeça, enquanto eu descia lentamente as escadas até o último degrau. Eu senti um arrepio, uma aflição, minha face era de uma pessoa totalmente preocupada. Quando eu até a porta que dava direto para o jardim, pude perceber que eles pararam de rir e olharam para mim de uma forma totalmente descarada. Taehyung fez uma expressão de quem não acreditou, e mordeu os lábios revirando os olhos, Jin mostrou-se assustado como se nunca tivesse me visto antes. Ou como se eu fosse outra pessoa. Mateo sorria gentilmente e batia palmas. Então eu parei e sorri timidamente, como se fosse uma criança de 5 anos, mas minha expressão era sedutora.
Jin - Estou chocado. S/n é você? - Arregalou os olhos e abanou-se com as mãos.
Mateo - Nossa, tornou-se uma bela rainha. Parabéns meninos, ótima escolhe de vestido. - bateu palmas e me olhou de cima a baixo.
Tae - Eu... não tenho palavras para descrever o quanto você é magnífica, uma mulher linda que guarda a inocência e ao mesmo tempo sabe ser sedutora. - Tae pegou em minhas mãos, molhou os lábios e olhou profundamente em meus olhos, seus olhos mudaram de cor, ficaram acinzentados, eu não sabia como descrever este momento, mais eu pude sentir que suas palavras foram verdadeiras. Tae levantou as duas mãos e segurou meu rosto. - Você é única S/N. - Eu sorri verdadeiramente, então Tae beijou minha testa por 5 segundos, como se tivesse medo de perder-me. 
Jin - Ah que bonitinhuuuu! - Fez uma cara extremamente engraçada. Rimos.
Mateo - Bom, vamos S/N? - Sorriu e colocou a mão em meu ombro.
S/N - Sim!! - Sorri e abracei o Jin.
Mateo - Pronta para voar? - Sério?! fiquei animada.

- Quando o Mateo me abraçou para voarmos até o devido lugar, meu coração apertou e alguma coisa disse-me para levar o Tae.
S/N - ESPERA! - Sai dos braços de Mateo e fui até o Tae.
Tae - O que você está fazendo?! - Olhou-me assustado.
S/N - Vamos comigo? - O olhei curiosa para saber sua resposta.
Tae - s//N eu não me dou bem com Jimin, é o refúgo dele... e além do mais, o conselho acha que nós compactuamos com Yoongi, realmente... até você aparecer sim, mas agora não. - Olhou-me tristemente.
S/N - Mateo, eu não vou. - Olhei-o indignada.
Tae - COomo assim?! - Olho-me intrigado.
Jin - Você vaaai, e vaai agora!! - Empurrou-me até Mateo.
 S/N  - Não, o conselho tem que aceitar os meninos também, se eles não gostarem diga-os que eu não estou nem um pouco afim de conhece-los. Tá bom Mateo. - Coloquei a mão na cabeça e comecei a falar sem parar andando de um lado para o outro como o conselho foi rude e repulsivo com os meninos.
Mateo - Bom, na verdade não é no refúgio do Jimin, é no salão do conselho em outro lugar, em outro portal... Os meninos podem acompanhá-la, mas só quem é Rei. E não adianta, o Jin não vai.
S/N - Tae, vá para casa arrume-se e chame o Namjoon! 
Tae - Oay!! - Tae abriu um sorriso imenso, e saiu que nem flash até a saída da casa de Jin, então o mesmo disse que iria sair e que voltaria só depois. também saiu.

S/N OFF :

TAE ON :
- Cheguei em casa, peguei meu telefone e liguei para o Namjoon. 
Ligação Namjoon on :
Namjoon - Alô?? - Falou meio ofegante.
Tae - Namjoon? Vou ser direto, larga tudo que esteja fazendo, tome um banho e coloque seu melhor terno... ou não! Depois venha para a minha casa.
Namjoon - Tá brincando? S/n corre perigo e você acha que eu vou vadiar contigo Taehyung? - Franzi minha testa e arqueei uma sobrancelha.
Tae - Como assim? É sobre ela mesmo, venha para a minha casa que te explicarei tudo. E venha arrumado.
Namjoon - Tá, se é sobre ela eu vou. Tchau, chego ai em 30 minutos. - Desligou na minha cara, isso mesmo??

- Fui direto para o banheiro, nem falei com ninguém, quando sai, me enrolei em uma toalha e caminhei até a porta do meu quarto, abri-a e fechei-a, caminhando assim até meu closet. Olhei tudo calmamente e peguei uma camisa social branca, uma gravata preta e uma calça social e uma jaqueta de couro, isso mesmo, aqui é badboy!! Hahaha, nossa eu sou maluco? Nossa, estou falando com a parede. Tudo bom parede? Não sai do lugar né? Meu Deus Kim Taehyung, você É crazy!! ( Tecnicamente eu também, porque eu estou escrevendo isto). Bom, coloquei os sapatos, quer dizer botas... isso mesmo!! Botas... e finalizando com um perfume, não muito porque eu já sou cheiroso.Bom, sai do meu quarto e desci rapidamente as escadas, senti o cheiro de cachorro molhado do Namjoon de longe. Então eu peguei a minha carteira e sai rapidamente de casa, indo ao encontro de Namjoon.
Tae - Senti seu cheiro de longe! - Namjoon estava encostado no carro dele de braços cruzados.
Namjoon - Não me irrite.. - Ele estava nervoso e irritado.
Tae - O que foi? - O perguntei e ele fez uma cara de preocupado.
Namjoon - Todos já sabem de S/N, e eu não sei nem aonde ela possa estar, nunca mais falei com ela. Fui na casa do Jimin para ver se ela estava lá e nada... Yoongi possivelmente já descobriu e irá nos matar. - Abriu a porta do carro e entrou.
Tae - Fique tranquilo, S/N estava comigo esse tempo todo. - Fiz o mesmo.
Namjoon - Nossa, você nem para ligar ou mandar um sinal de fumaça, ou fazer uma charada com trilhas de sangue. - Ligou o carro, logo deu partida e atravessamos o portal. - Para onde iremos? - Perguntou-me olhando fixamente para a rua.

- Expliquei tudo para Namjoon, ele me olhava atencioso algumas vezes, e fazia uma cara de incrédulo. Ainda mais quando contei que o Jimin traiu a S/n. Ele olhou sem acreditar e então chegamos até a casa do Jin.  S/a já estava no portão principal. Quando Namjoon a viu ela correu para abraçá-la.

TAE OFF :

NAM ON :
Quando eu parei o carro na frente da casa do Jin pude ver S/n, linda...Sai do carro e o fechei, guardei minhas chaves e nossa, a olhei sem reação, ela estava linda, seus olhos brilharam e ela abriu um sorriso de fazer qualquer um derreter-se por completo. Então abri um sorriso e caminhei até ela.
S/N - Namjoon, humm... está vestido formalmente!! - Peguei em seu rosto, beijei sua bochecha, peguei-a no colo e abracei-a.
Nam - Oh, você está linda! Eu fiquei tão preocupado. - Ela olhou-me meio tristinha, e logo sorriu em seguida.
S/N - Obrigada Nam. Desculpe-me por não te ligar, para contar tudo. creio que já está ciente de tudo. - A coloquei no chão.
Nam - Não se desculpe. Eu que tenho que te pedir desculpas por sumir., S/a. - Peguei em suas mãos. - Vem cá. - A chamei para um abraço novamente.
S/N - Ah, eu precisava de você aqui, comigo!! - Afundou seu rosto no meu peito.
Nam - Ah, veja pelo lado bom, eu estou aqui! haha - Ela sorriu e olhou para Taehyung incrédula.
S/N - Sim... Tae, que jaqueta é esta? - Hahaha 
Tae - Ah é um charme...ainda tem outro charme... - Retirou um óculos moderno dos bolsos e colocou na nuca.
S/N - Você não existe hahaha! - Rimos.
Mateo - Bom, senhores e senhorita S/N vamos? - Sorriu.
Todos - Sim.
Mateo - Então, vou indo na frente e vocês me sigam.

- Entramos no carro, s/a estava ao meu lado e Taehyung atrás, então eu liguei e o anjo, que eu não sei o nome porque não fomos apresentados parou na frente do carro, abriu suas asas e fez um sinal para que eu o seguisse.

NAM OFF :

JIMIN ON :
Eu precisava parar de pensar em S/n pelo menos um pouco, mas não consigo, meus sentimentos eram confusos, a Sook estava tão linda, o que está acontecendo comigo, eu estou ficando louco, eu precisava agir, saber o que realmente se passava em minha cabeça conturbada. Será a Sook o meu futuro? Aish, estou cansado. Eu a beijei, profundamente, e senti meu coração apertar, como se eu estivesse fazendo algo errado. Então eu separei-me e voei pela janela, ficando um pouco no jardim, tomando um pouco de ar e pensando daqui a diante, como será... Meu destino não pode ser com a Sook, eu não sinto nada por ela. Aish, odeio estes pensamentos. Não adianta nada você ser um Rei, se sua vida for literalmente triste. Sem forças e esperanças, sem amigos... Voei até o quarto novamente e chamei a Sook para irmos. Então saímos e atravessamos o portal. Entramos no carro, eu liguei-o e dei partida. 
Jimin - Sabe mais ou menos aonde é esta tal reunião que especificamente é uma festa de boas vindas. - Olhei fixamente para a pista.
Sook - Ah, é escondido. Em uma floresta. - Encostou sua cabeça na janela.
Jimin - Sim, mas teremos que atravessar algum portal? - Ela mostrou-me o caminho e eu segui.
Sook - O que você acha? - cruzou os braços e falou ironicamente.
Jimin - Por que em uma floresta? - A perguntei irritado batendo minhas mãos no volante. 
Sook - Aish... Eles são Elfos da Floresta. - Respondeu-me irritada também.
Jimin - Hum... - O silêncio reinava naquele carro. Não sei o que deixou a Sook tão irritada. - O que a deixou irritada, Sook?
Sook - Estamos indo a uma tal "reunião" e encontraremos quem? S/N!!
Jimin - Achei que você tinha capacidade suficiente para ser melhor do que ela. - Disse rispidamente.
Sook - Você não... não tem noção do que está dizendo. - Começou a ficar nervosa. 
JImin - Bom, veremos se você não irá se exaltar ao vê-la entrando pela floresta e sendo adorada por todos. E por mim. - A provoquei.
Sook - Veremos! A propósito... chegamos! Pode parar aqui. Por quê não fomos voando? Aish. - Desceu do carro apressadamente e furiosa.

- Sook saiu, então a vi atravessando um portal naquela floresta escura. Eu estava escolhendo um lugar para deixar o carro. Então quando eu olhei para o retrovisor, tinha um carro parado atrás do meu naquela imensa estrada deserta e sem um pingo de luz. Eu senti meu coração disparar em uma frequência, achei que eu iria morrer...

JIMIN OFF :

S/N ON :
Nam avisou-nos que chegamos no local. Então, ele estacionou e na frente tinha um outro carro, espera eu conheço esse carro, é o carro do J-jimin... Comecei a tremer e eu sentia uma mistura de sentimentos de dor e amor, em meu coração, eu não sei de qual forma eu irei olhá-lo, mas eu não posso chorar.


 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...