História I Heart Necklace I Yoonmin I - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys (bts), Drama, Jimin, Sugamin, Yaoi, Yoonmin
Exibições 62
Palavras 1.828
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fluffy, Mistério, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá pxouas queridas.
Entau, sobre a votação da outra fic, eu nem contei por preguiça.

E estava demorando para postar por que estava preparando essa, e o colégio tá meio complicado sabi :c

Mas eu lembro que tinha bastante voto Yoonmin, portanto, vamo fazer o OTP né :D

Capítulo 1 - Capítulo Único.



Até hoje eu me lembro de minha infância, mas principalmente de meu melhor amigo, que me deu um pequenino colar..


////////////////


-Ei, Minnie! Quero te dar um presente!-O garotinho mais velho disse, com um sorriso em seu rosto pálido.
-O que é, Suga?
-Um colar, meu pai me disse que é muito especial, portanto eu quero que você nunca tire e nunca empreste para ninguém. Entendeu?


/////////////////////


Depois daquele dia ele nunca mais voltou, mas eu ainda guardo comigo as esperanças, dentro daquele bonito e pequenino colar...
~~~~~~~~~~

         Lá estava eu, olhando para aquele colar e relembrando tudo o que havíamos passado juntos, podem ter sido apenas três anos, mas foram três longos anos, e os mais felizes da minha vida...

Foram tantas lembranças... Que pelo menos dentro de mim, nunca foram esquecidas.

E agora, estou eu, indo para o caminho do colégio, lembrando de um assunto aleatório e criando expectativas que tem mais chances de nunca acontecerem, bom, quem nunca se iludiu?

-Jimin...? Jimin? Jimin?! Me escuta caralho!

-Hm? Ah, é só você, JungKook.-Bufei, ouvi o mesmo soltar de sua boca alguns xingamentos baixinhos, não me importei, mas não me segurei e comecei a rir.

-Por quê você nunca tira este colar? É hora de mudar um pouco.-Ele colocou a mão no pingente, com intenção de puxá-lo, mas dei um tapa em sua mão, o impedindo de fazer isso.-Tão fora de moda...

-Ele tem significado para mim...

-Um dia eu ainda irei arrancar este seu colar...-O mesmo disse com um sorriso maléfico em sua face, mas eu só continuei andando.

-Chegamos.-Observei o colégio dos pés a cabeça, aquilo era muito grande e espaçoso, JungKook já estudava aqui, mas eu em si fiquei de boca aberta.

-Não se impressione, o colégio é bom, mas as pessoas que existem aí.. Não.

-Obrigado... por avisar.

-Eu vou indo, até a aula, Jimin.

-JungKook não me... Deixe falando sozinho!-E agora? Terei de andar por este colégio enorme até achar a sala da diretoria para confirmar minha matrícula? Kookie é tão útil pra algumas coisas, mas tão ruim para outras... Nem para me mostrar o colégio, que é bem pequenininho...

-Ei garoto, está perdido?-Um professor ou algo assim veio falar comigo, sua pele era pálida, cabelos verdes desbotados, parecia assustado com alguma coisa depois que olhou para mim, ignorei.

-Onde fica a sala da diretoria?-Perguntei com um bico em meus lábios.

-Vá até o final do corredor, em seguida vire á direita, logo irá ver uma plaquinha escrito "diretoria".

-Obrigado. Mas afinal, isso não é um corredor, e sim uma avenida.-Rimos, logo após eu sorri, o mesmo retribuiu. Os professores daqui aparentam ser legais, bom, pelo menos este sim.
Bati na porta três vezes, nada. Mais três vezes, nada.

-Está procurando a diretora? Aqui estou eu.-Disse ela sorrindo, quantas pessoas gentis.

-Quero confirmar minha matrícula.

-Park Jimin?

-Sim.

-Assine aqui, por favor.-Ela apontou para alguns lugares na folha, assinei todos.-Pode ir, sua sala é a número 7.

-Okay, obrigado.-Disse saindo da sala com calma, voltando para dentro daquele corredor. Assim que achei a sala, entrei lá dentro, com um pouco de tempo as pessoas começaram a entrar, os olhares se voltaram em mim, me fazendo corar um pouco.
Ouvia comentários sobre: "Quem é o garoto novo?" "Tem namorada?" "É muito bonito"

-Silêncio alunos!-O professor entrou na sala e ninguém percebeu.-Deixem o garoto se apresentar.-Todos ficaram em silêncio.-Aqui na frente, por favor.-Me levantei de meu lugar, ainda um pouco envergonhado e corado, me senti mal com todos os olhos virem em minha direção, mas tentei ignorar.

-Bom, meu nome é Park Jimin e tenho 21 anos, espero me dar bem com todos.

-Alguma pergunta para ele?-Disse o professor, e uma garota levantou a mão.-Prossiga.

-Tem namorado?-Corei, eu iria responder, mas o professor interrompeu.

-Perguntas decentes?-Ninguém levantou a mão.-Sou Min Yoongi.-Min Yoongi?- Professor de História, espero que suas notas sejam boas, garotinho.

-Eu também espero.-Falei baixinho, mas que o professor ouviu, fazendo-o sorrir. Fui para o meu lugar, mal sentei e o professor já estava na segunda linha de um texto, peguei meu material rápido e comecei a copiar.

~~~~

A aula passava devagar, e os textos só aumentavam.
Aparece um bilhetinho em minha mesa, ignorei por um tempo, mas logo depois e curiosidade não me deixa em paz e eu vou ler o que está dizendo:

"Você fez o professor sorrir, que milagre."

Fiz uma cara de dúvida, ele nunca sorriu em sala de aula para me mandarem bilhetes?

~~~~

Ao passar pelos corredores infinitos, ouvia grupinhos de gente falando que eu fiz o professor sorrir, o que tem de mais? Um garoto me puxa para trás de um armário, me assusto e o olho sem entender.

-Eles estão te procurando.

-Mal entro no colégio e já participo de uma perseguição? Nossa...

-Querem te ver, saber como você, ou seja, tudo o que as pessoas fazem. Mas você fez o professor sorrir, sabe como é difícil?

-Um sorriso não é difícil de se conseguir, é só o jeito que se tenta.

-Já que você diz... Vai lá garotão.-Ele disse sorrindo.-Se vira aí, amigo.-Um monte gente estava vindo em minha direção, diferentes faces, diferentes roupas...

-Hm?

-O que você tem de tão especial garoto?-Uma das pessoas perguntou.

-O que eu tenho de especial eu não sei, mas o que vocês acham de especial em mim, vocês terão de saber.-Disse saindo de lá, todos ficaram me encarando, eu fui grosso?

-Você é muito esperto,garoto.-O professor aparece em meu lado, me deixando surpreso.

-Sou?-Disse apontando para mim mesmo.

-Seu cérebro é esperto, mas garanto que sua mentalidade é de uma criança de quatro anos, não é mesmo?

-Acho que neste ponto terei de concordar contigo.-Sorri.

-Se aqui tivesse alguma turma do primeiro ano, te mandava direto para lá.

-Sabe... Acho que não é necessário.-Rimos, e ficamos se encarando por algum tempo. Sinto alguém puxar pelo braço, me assusto, e percebo que era JungKook novamente.-Vai assustar outro, caralho.

-Olhe a boca.-O professor me repreendeu. Sussurrei um "desculpe" e abaixei a cabeça.-Garoto obediente, bom mesmo.

-Ei!-Saí andando de lá com um bico e de braços cruzados. 

O sinal tocou, voltei para a sala, duas aulas seguidas da mesma matéria não é de se merecer, principalmente História.
Sempre me parava a pensar sobre este maldito colar, para ver se o tédio passava, o que teria de tão especial neste colar para Yoongi me mandar nunca tirá-lo?

Em meio á esses pensamentos, acabei dormindo durante a aula.

~~~~

-Jimin! Acorda demônio!-Eu havia acordado, resmunguei coisas que nem eu mesmo entendi, eu só queria dormir, não tinha dormido bem na noite passada.-Jimin! A aula já acabou e você dormiu nas últimas duas inteiras!

-Eu já estou acordado...-Falei com a voz sonolenta.

-Então levante daí.-Ele me puxou da cadeira, me fazendo cair e o puxando junto, resultando em um JungKook em cima de um Park Jimin.
O professor de História entra na sala, por quê bem ele? Poderia ser qualquer um.

-Não saíram ainda? Andem logo, mas antes, Park Jimin, fique aqui.-Fiz uma expressão duvidosa.-Não irá sair JungKook?-Ele saiu, e de poucos em poucos foi sumindo.-Bom, garoto, quem te deu o direito de dormir não na minha, mas em várias aulas?-Ele grito com uma face séria.

-Me desculpe...-Lágrimas já escorriam de meu rosto, não me sinto bem quando gritam comigo.

-Ei! Não quero te fazer chorar...-Ele disse limpando minha bochecha. Corei.-Mas uma bronca é necessária pra você, não é mesmo?

-Não irá se repetir.

-Bom mesmo, pode ir indo, era apenas isso.-Sorri e fui em direção á porta, mas senti uma mão gelada segurar a minha.-Não é nada, só tenha um bom dia...

-Igualmente.-Sorri novamente e saí andando.

~~~~

-O que o professor fez contigo? Eu ouvi você chorando...

-Nada de mais JungKook, nada de mais...

-Diga logo Jimin, ele fez algo com você? Eu me preocupo sabia?!-Eu estava prestes a falar, até sentir um dedo tocando meus lábios, olho para trás, professor havia feito isso.

-Shh, não conte para ele...-Tirou o dedo de minha boca. As pessoas olhavam aquilo de boca aberta, eu não estava assim, mas me sentia igualmente á elas, afinal, ele estava muito próximo ao meu rosto.
Ele sai andando como se nada tivesse acontecido, fiquei apenas o encarando, até JungKook me tirar de meu transe.

-O que foi isso?-O mesmo pergunta, enquanto eu coloco, dessa vez, o meu dedo em meus lábios.

-Eu não sei...

-Acho que alguém se apaixonou...-Disse com um sorriso malicioso.

-Q-que?! Não perco tempo com pessoas que não valem a pena.-Disse com a mão na cabeça, com vergonha.

-Então quis dizer que eu não valo a pena, pequenino?-Aparece por trás de mim, coro, e tento evitar responder, mesmo não dando certo.

-N-não foi isso, q-que eu quis d-dizer...-JungKook começou a rir, por quê diabos eu fui gaguejar?

-Bom saber, Park Jimin.-Foi andando, me deixando envergonhado e com vontade de enfiar minha cabeça em um buraco.

Ignorei JungKook rindo, fui em direção á sala, evitando trocar olhares e desejando apenas poder ficar em paz, apenas esperando os alunos entrarem e poder prestar atenção na aula, mas isso não seria possível, pois meu subconsciente não me deixava fazer isso, ficava colocando toda a culpa jamais imaginava em cima de mim.

A aula estava a acabar, o sono continuava, mas tudo um dia passava, principalmente com um sinal barulhento á tocar perto de ti, com isso, desperto e já saio andando.

-Te achei!-A voz era de JungKook, ignorei e continuei andando, ele viria de qualquer jeito não importava como, este garoto não larga de meu pé mesmo.
Sinto meu colar ser puxado, fico surpreso, mas lágrimas já estavam percorrendo meu rosto quando vi aquele pequenino pingente no chão, junto a sua corrente ao meio.

Corri, fingi não ver as pessoas em qual me esbarrava, já me encontrava em um lugar desconhecido, apenas avisto uma praça, suas árvores grandes e verdes, gramas verdes e flores deixavam o lugar mais bonito, mas bom, eu não estava com cabeça para reparar em tudo que havia no lugar, apenas sentei em um banco e tentei evitar molhar meu rosto.

-Acho que isto é seu...

-Hm?-Levantei a cabeça.-Professor?

-Você não precisa mais deste pequenino colar...

-Preciso sim.

-Por quê precisa dele?-Sentou-se ao meu lado, e me olhava com atenção.

-Quero achar alguém, no qual já me importei muito e quero reencontrar... Pode ser algo impossível, mas eu acredito em milagres.-Sorri e tirei um pouco de sujeira de meu rosto.-Mas por quê eu não precisaria mais dele?

-Sabe, eu também acredito em milagres... Mas o seu já se realizou.

-Hm? Como assim?- O encarei.

-Desculpe...-Selou nossos lábios de uma forma calma, arregalei meus olhos e fiquei observando seu rosto corado, com timidez, comecei a ceder o beijo, sem me importar com as pessoas que poderiam olhar, o beijo durou mais alguns segundos, mas tivemos de nos separar pela falta de ar que permaneceu.

-Por quê fez isso?-Perguntei com as bochechas vermelhas.

-Para te mostrar que eu estou bem aqui na sua frente...

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...