História I just love you - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 5
Palavras 530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Lemon, Mistério, Policial, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


+turu bom?!+
===========
{<3}<>{<3}<>{<3}

Capítulo 14 - {O homem de terno}


Fanfic / Fanfiction I just love you - Capítulo 14 - {O homem de terno}

{Tae/V Open}

Eu estava em casa assinando alguns papéis que o Hoseok pedio, haviam mais de 10 pilhas de papéis, eu achava realmente aquilo desnecessário pois os papéis falavam sobre o mesmo assunto, estava no penúltimo papel até ouvir alguém bater na porta, corri para atender e era um homem de terno preto e um microfone ao lado da boca, ele disse com uma voz grossa e uma feição séria:

Homem: está muito ocupado para falar?

Eu: não... mas quem é você?!

Homem: sou da assessoria do senhor Hoseok e vim buscar os papéis assinados.

Eu: quando ele disse que vocês iriam buscar rápido não achei que fosse realmente agora... preciso terminar de assina-los quer entrar?

Homem: tudo bem mas seja breve.

Ele entra e fica em pé me olhando, eu me sento na mesa e contínuo assinando os papéis, quando ia terminar de assinar o último papel penso "como posso ter certeza que ele realmente trabalha para Hoseok" eu olho para ele e ele está parado e nem se mexia, eu vou até ele é digo:

Eu: como posso ter certeza que foi realmente o Hoseok que o chamou?

Homem: ligue para ele... - Ele me parecia sincero-. 

Terminei de assinar os papéis e entreguei a ele, ele os pegou e foi em bora sem dizer uma palavra, e ele era realmente bem profissional.

{Jimim Open}

Jk me levou para uma praça, haviam várias pessoas e elas nos olhavam torto(estranho), devia ser porque estávamos de mãos dadas(juntas), e haviam só casais héteros, haviam alumas crianças brincando pois havia vários brinquedos, tinha tipo um parquinho, elas corriam, gritavam, davam risadas e se divertiam, eu e Jk nos sentamos em um banco de madeira, olhamos as crianças e eu digo:

Eu: quando nos casarmos quero ter filhos como eles(as).

Jk: vamos ter quantos filhos?

Eu: dois! um casal, um menino e uma menina.

Jk: sempre quis ter um casal também.

Eu: você acha que vamos continuar juntos pra sempre?

Jk: como assim? Jimim nunca mais vamos nos separar! nunca mais! -ele diz segurando minha mão e olhando nos meus olhos -ele me dá um beijo na testa e coloca minha cabeça em seu ombro-.

Ficamos daquele modo por uns 2 minutos, estava tudo tão bem, Jk sente seu celular vibrar em seu bolso e o atende fazendo eu tirar minha cabeça de seu ombro, ele faz uma cara de preocupado e até se levanta do banco, ele olha para mim e desliga o telefone e diz:

Jk: preciso ir para a empresa urgentemente!

Eu: o que aconteceu?

Jk: no caminho te explico, vamos para o carro rápido.

Eu: ok ok...

{Namjoon Open}

Sai da casa de Jin muito furioso, entrei no carro e fui até a minha casa, me deitei na cama e tudo que eu e ele passamos juntos veio me minha memória me fazendo chorar sem parar, ouço meu telefone tocar e era Hoseok:

(Atendo secando os olhos)

Hoseok: o Tae te deu notícia?

Eu: não?! porque daria?

Hoseok: estou esperando o email da nossa empresa patrocinadora avisando dos papéis que deixei para ela assinar.

Eu: tentou ligar pra ele?

Hoseok: sim! mas só dá caixa postal.

Eu: foi até a casa dele?

Hoseok: não...

Eu: então vá, vou avisar Jung Kook para qualquer coisa fazemos cópias novamente e as assinamos nós mesmo.

Hoseok: OK, se conseguir encontra-lo te aviso.

(Eu desligo o telefone)

....





Notas Finais


E Tae...
Vai ser demitido?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...