História I knew you were trouble - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Zayn Malik
Tags Adolescente, Amor, Drama, Drogas, Escola, One Direction, Romance, Sexo, Zayn Malik
Visualizações 6
Palavras 493
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - A festa continua


Fanfic / Fanfiction I knew you were trouble - Capítulo 3 - A festa continua

-Vamos lá Florence, já fumou cigarro não é?

-Cigarro de cigarro. Não disso.

-Isso - ele segura como se fosse feito de cristal - se chama maconha. E não acontece nada demais, você vai gostar.

-Olha, mostrar os peitos tudo bem, mas drogas? Sério?

-Peitos? Am?

-É - eu olho para meu decote e ele confirma com a cabeça.

-Olha tudo bem, não vou te forçar a nada okay?

Oliver parece desapontado. Eu estava estragando a noite dele e não podia fazer isso. Não hoje, não depois do que eu sabia. Mas drogas? Pude ouvir em minha mente todas as vezes que meus pais disseram "não use drogas, é um caminho sem volta".

-Tá, mas só um está bem? - ele sorri - e me traz um copo de vodka antes.

 

Não foi apenas um. Não foram apenas dois. Fumamos simplesmente quatro cigarros de maconha naquela noite. Estávamos no quarto dos pais de Mia, quando Jeniffer entrou.

-Florence vamos logo e...- ela cheira o quarto e olha preocupada para mim - que porra é essa? Oliver você é inacreditável! - no começo pensei que ela estivesse brava, mas depois ela começa a rir - Mas é sério, saiam daqui os pais dela chegam em cinco minutos.

Jeniffer fecha a porta, e eu estou tonta. Não consigo fazer nada além de rir. Tudo em minha volta é lento e giratório. Oliver estava rindo comigo, mas ele também imitava alguma... coisa. Era impossível saber o que ele estava imitando. Ficamos ali e nos esquecemos completamente do aviso de Jeniffer, até que somos lembrados, quando de longe escutamos o grito.

-Merda.

Oliver pega meu braço e nós corremos. Subimos uma escada e eu tenho a sensação de que vou cair a qualquer momento, o efeito estava impregnado em mim. Quando abro meus olhos por inteiro novamente, nós estamos no telhado. Ele se senta e eu me sento em sua frene.

-Acha que vão nos pegar? - pergunto preocupada.

-Não, relaxe. - ele ri e depois olha para cima, admirando as estrelas. - Incrivelmente perfeito.

-Sim, o céu é maravilhoso.

-Não - ele toca em meu rosto e sinto meu corpo gelar - estava falando desse momento, Florence.

-Ah. - o que eu respondo? - É, não é nada mal.

-Por que nega?

-Não estou negando eu só não sei o que dizer.

-Então não diga nada.

Ele me beija. Não sei descrever a sensação. Meu coração pulava como se estivesse em uma cama elástica e minha cabeça girava ainda sob o efeito de maconha. Nossos hálitos eram de pura fumaça, mas eu gostava. Certamente, era muito mais do que eu esperava.

-Está com sono? - ele segura meu rosto em uma mão - Parece cansada.

-É,estou. Mas não pretendo dormir, e tenho que trabalhar amanhã. - ao me lembrar disso, faço uma careta. - Merda tenho que trabalhar amanhã.

-Relaxa, daremos um jeito nisso.

E foi nesse dia em que minha vida mudou. Ou melhor, acabou.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...