História I love loving you - Capítulo 66


Escrita por: ~

Postado
Categorias Christian Figueiredo, Felipe Castanhari, Gustavo Stockler (Nomegusta), Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas "T3ddy" Olioti, Lucas Lira (Invento na Hora), Lukas Marques & Daniel Mologni (Você Sabia?), Natalia "Nah" Cardoso, Patricia "Pathy" dos Reis, Rafael "CellBit" Lange
Personagens Christian Figueiredo, Daniel Mologni, Felipe Castanhari, Gustavo Stockler, Júlio Cocielo, Kéfera Buchmann, Lucas Lira, Lucas Olioti, Lukas Marques, Nah Cardoso, Patricia "Pathy" dos Reis, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange
Tags Julio Cocielo
Exibições 541
Palavras 2.134
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oooie :) Boa leitura <3

Capítulo 66 - Sera uma noite maravilhosa


Eu e Júlio nos entre olhamos e ele me puxou colocando seu braço pelo ombro e ele beijou minha cabeca

Fica tranquila - Ele sorriu

Estou de boa - Eu estava com medo do que poderia acontecer, mas tentei manter a calma e ficar de boa

Formos o resto do caminho calados ate o mercado que tinha ali próximo, entramos e eu resolvi ficar perto de Fernanda que estava tímida por conta de não conhecer os meninos

Ei, vem pra - Puxei Fernanda e juntei nossos braços e eu ainda estava abraçada com Júlio

Não louca, não quero ficar de vela - Ela falava nervosa e tímida e Júlio riu

To saindo - Ele me soltou dando um risinho e caminhou mais rápido alcançando Gustavo

Não espera - Ela falou corando e eu ri

Porque tanta vergonha menina ? - Ela riu timidamente e eu mudei de assuntoEntão você bebe ? - Ela negou com a cabeça

Tenho vontande, mas ainda sou de menor e meus pais não permitem

Meu Deus um bom caminho - GargalheiMinha mãe deixa, não liga muito

Minha mãe e super protetora e não gosta muito que eu faça essas coisas

Daqui a pouca tu fala que e bv também - Ri

Não isso não - Ela riuIsso eu não obedci minha mãe - RI

acredita que eu dei meu primeiro beijo com 14 anos e vim dar o segundo com 16 quase 17 ? - Ela Gargalhou e eu Ri

Nossa, mas porquê ?

Ah e uma longa história, vou te poupar dessa história triste e chata da minha vida - Ela riu

Tudo bem - Entramos no supermercado

Ei deixa eu te perguntar ? - Me virei para elaSerá que daria problema se eu bebesse hoje ? - Eu sorri

Claro que não, relaxa eu cuido de você se ficar tonta e os meninos te ajudam a beber se você não der conta

Vou aproveitar que minha nada esta longe - Ela riu e eu gargalhei

Acabou o bom caminho - Gargalhamos e e paramoa onde os meninos estavam que nos olharam confusos oque fez nos duas caímos na risada

Que isso ? - Gustavo perguntou

Nada - Fernanda falou tímida e eu RI dela, ela era bem vergonhosa na frente dos meninos

Então oque acham de comprar tequila ? - Christian falou

Tequila e muito forte cara, se esse povo se embreagar amanhã ninguém levanta cedo para treinar - Gustavo falou

Vamo de vodka mesmo - Júlio falou

Ah vodka não e forte ? - Christian questionou

Mas vamos comprar vodka e pronto - Júlio falou sério

Mas eu quero tequila - Christian falou

Ah que saco - Fui ate a estante de bebidas e peguei uma vodka e uma tequila e entreguei um para cada umPronto resolvemos o problema ? - Falei e Gustavo riu

Estava quase enfiando esses bebidas tudo gela a baixo neles - Gustavo falou e Fernanda riu

Acho que deveria pegar mais bebidas, porque vai ser pouca para todo mundo - Fernanda falou

Verdade - Gustavo concordou e pegou mais 2 garrafas de vodka e mais 1 tequila

— Lindinha pega a cerveja - Christian falou

E mesmo Vih pega 4 caixas de cerveja - Gustavo falou e Júlio me olhou sério dei de ombros e Fui com Fernanda pegamos um carrinho de compras pegamos a cerveja e formos ate eles onde Christian e Júlio discutiam de novo

Qual o motivo da discussão agora ?- Perguntei

O sabor do suco para beber com vodka - Gustavo rolou os olhos

Meu Deus meninos, peguem os dois sabores - Fernanda falou

Ah quer saber não vou falar mais nada - Júlio falou

Graças a Deus - Eu ri

Peguem Os sucos e vamos - Gustavo falou Christian pegou uma caixa com 12  suco de uva de litro e colocou no carrinho

Não vodka com suco de uva e ruim - Falei

O meu Deus, vai começar - Gustavo reclamou e Fernanda riu

Qual tu quer Lindinha ? - Christian falou

Maracujá - Falei

Ok - Ele trocou por maracujá e Gustavo rolou os olhos

O Júlio ta falando suco de maracujá tem 3 anos e você... Ah esquece vamos logo - Fernanda riu e Formos para o caixa e Júlio estava com a cara fechada, a moça passou as bebidas e os meninos pagaram e levamos para a casa, Eu e Fernanda viemos conversando o caminho todo e um silencio entre os meninos, chegamos na casa os meninos colocaram as bebidas para gelar, e eu me sentei numa mesa com Felipe e pathy e Fernanda me seguiu

Oi, compararam as bebidas ? - Felipe falou

Sim, esta no freezer

Espero que tenha Vodka. - Pathy falou

Tem,compramos também

são quantas horas ? - Fernanda falou tímida e Felipe olhou no celular

— 19:12 - Ele falou

Vamos subir e nos arrumar, partiu ? - Pathy falou

Partiu - Falei rindo e Fernanda se levantou e assim eu e pathy fizemosVão indo que eu vou - Falei indo ate Júlio sentando numa mesa sozinho fitando os meninos conversarem, sentei no colo dele e dei um selinho nele

Uai Lindinha ? - Ele falou irônico e eu RIQual e a desse moleque ? Primeiro te bate e xinga e depois vem com Lindinha - Ele rolou os olhos e eu gargalhei

Não sei, mas não estou nem ai - Falei rindoEle pode chamar ate de princesa, não quero ele - Ele sorriu de canto e me beijou

Eita vão devagar - Igor falou se sentando e eu RI

To saindo - Me levantei rindo

Onde você vai louca ?

Tomar banho - Falei e ele riu malicioso balançando a sombrancelhas e levou um tapa nas costas de Júlio e eu ri indo para dentro da casa

— Vih me ajuda a escolher uma roupa ? - Pathy falou quando sai DL banheiror enrolada na toalha

— Claro, quais as opções ?

Ela mostrou dois vestidos um azul marinho e outro vermelho, os dois lindos.

— O azul marinho

— Ta bom obrigada, vai vestir oque ?

— Um macacão florido - Falei indo ate a mala e pegando a peça de roupa e mostrando para ela

— Nossa que lindo

Pathy vestiu o vestido e eu vesti o macacão na frente dela mesmo ela era mulher não tinha probelma

— Eaí como ficou ?

— Ficou muito festa em balada, coloca esse vestido aqui - Fui ate a minha mochila e peguei um vestido branco e entreguei para ela

— Obrigada - Ela sorriu e trocou a roupa

— Ai sim, agora ta uma roupa mais praia - Falei rindo

— Caralho esse vestido e muito lindo - Ela falou e Fernanda saiu do Banheiro enrolada na toalha e pegou uma calça

— Fer tu vai de Calça ? Você ficou de calça o dia todo

— Não gosto muito de mostar minhas pernas

— Para de bobeira - Pathy falou — Seu corpo e lindo

— Eu sou muito magra não gosto - Ela falou e eu ri

— Deixa eu ver oque tu trouxe - Fui ate a mala dela com pathy e caçamos ate que achamos um vestido florido

— E esse - Falei

— Concordo

— Mas eu uso isso para dormir - Rimos

— Vai veste - Pathy falou e a menina foi no banheiro vestir — Ela e bem tímida ne?!

— Sim, mas logo se acustuma e perder a vergonha - Falei e Fernanda voltou

— Lindaaaa - Falei

— Arrasou - Pathy falou e ela riu

— Obrigada meninas

De maquiagem eu passei só uma base um rímel , lápis de olho e um pó passei um batom matte clarinho e fui de chinela mesmo, Fernanda passou só um gloss e pathy uma maquiagem mais pesada, destacando o olho com o delineado e na boca um batom mais claro, ela calçou uma sandália rasteira e Fernanda uma sapatilha preta, descemos e quase não tinha ninguém, só Diana Christian e Clara lá, nos sentamos numa mesa e ficamos conversando, quando os meninos descem, que sincronia todos os outros meninos desceram juntos, ri com meu pensamento, Júlio veio ate mim e me deu um selinho e se sentou no meu cabelo.

— Gordinho - Ri

— Chatinha

Nesse momento Diana olhou para gente e riu e se levantou e entrou pra dentro da casa e Ouvimos a campainha tocar e Christian fez questão de abrir, quando me dei conta havia umas 20 pessoas ali, homens e meninas eu não conhecia ninguém que havia chegado

— Presentinho para nossa festinha - Christian falou e os meninos comemoraram

— Quem são ? - Perguntei

— Uns povo a que a gente conheceu na viajem passada e acabamos fazendo amizade

—Amizade, hum sei - Falei olhando umas meninas trazendo mais bebidas para o Freezer e um carro se som entrou de ré na área e ligaram o som super alto

— A noite vai ser super divertida - Christian falou rindo

— Querem bebidas ? - Júlio se levantou cortando o assunto

— Quero Vodka - Falei

— Cerveja Júlio - Pathy falou

— Trás vodka para a Fer também - Falei ela assentiu e ele saiu

— Adorei esse povo, tem tanto gatinho que da pra pegar 1 para cada dia - Pathy falou e eu ri mas parei na hora quando vi uma menina conversando com Júlio ela ria de algo que ele havia falado

— Eu sou super tranquila,Mas nessa viajem vou dar uma de namorada ciumenta maluca, passei muito tempo sem o Júlio para perder para a dessas aqui - Elas riram e Júlio voltou acompanhando da menina loira, ele entregou os copos e a loira entregou a cerveja da pathy e ele voltou para o freezer acompanhando dela e eu rolei os olhos — Hoje eu mato alguém - Dei um risinho e tomei um gole dA bebida

— Eu vou e aproveitar - Pathy se levantou e foi ate um grupinho de meninos

— Ela vai chegar neles ?

— Sim

— Queria ter essa coragem

— Calma mais tarde arrumo um gatinho pra tu - Ela riu e Júlio voltou ainda acompanhando da Loira, fala sério isso está mesmo acontecendo... — Não vai me apresentar sua amiga Cocielo ? - Perguntei e ele engoliu seco e a menina sorriu

— Jessica prazer - Ela me deu dois beijinhos

— Vitória - Sorri falso e Fernanda riu

— E você e ? - Ela deu dois beijinhos na Fernanda

— Fernanda

Mas tarde um pouco ( Por Júlio )

Estava sentado com a vih numa mesa com o Gustavo e Fernanda, Christian era um filha da puta tentou me atingir, mas não foi esperto o suficiente, era oque eu pensava ate ver Laura entrando pelo portão, Puta merda não acredito que ela veio

— Júlio - Gustavo falou

— Shh! - Falei e Vitoria me olhou seria

— Pode começar a falar !

Fiquei com ela na viajem - Falei

— Aaah novidade, você pegou praticamente todas essas meninas aqui - Ela falava brava e eu ri

— Mas com ela foi diferente, eles pareciam casalzinho aqui

— Calaboca Gustavo - Vitória respirou fundo e Laura se aproximou

— Oi docinho - Ela tentou beijar minha boca mais virei o rosto

— Oi Laura - Ela arquiou uma sombrancelha

— Que aconteceu Docinho ? - Ela sentou no meu colo, caralho isso vai dar ruim, Vitória se levantou e saiu da mesa e Fernanda fez o mesmo — Oxê não entendi

Vitória voltou para a mesa

— UAI - Gustavo perguntou

— Meu copo - Eu ri

— Que burrinha - Laura riu e Vitória rolou os olhos

— Ah cala boca - Ela falou e saiu de novo dessa vez com o copo na mão.


~Flsahblack on~

— Oi prazer Laura

— Oi Júlio - Sorri

— Posso me sentar aqui ?

— Claro

Ela se sentou ao meu lado e eu passei a mão pelo ombro dela e ela se aconchegou

— Então Laura você e Solteira ?

Sim e você ? - Não respondi só aproximei dela

— Vamos poupar informaçoes vai - Falei e a beijei ela correspondeu

— Você beija bem -Ela falou e eu ri

— Eu sei benzinho


Notas Finais


Heuheuheuheuhe Agora o circo pega fogo :o
Espero que tenham gostado um beijo <33


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...