História I love you - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Visualizações 50
Palavras 1.096
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Transsexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Confesso que fiquei um pouco com duvida sobre esse capítulo, e me desculpem se fico dramático, Amo voces

Capítulo 8 - Como eu pude magoa-la ?


Fanfic / Fanfiction I love you - Capítulo 8 - Como eu pude magoa-la ?


 

O que ta acontecendo aquie? - Respondo com os olhos cheios de lágrima...


Como Chris pode fazer isso comigo? eu confiei tanto nele, estava finalmente abrindo o meu coração pra ele, estava pensando em todos esses dias junto a ele e percebi q nao podia ter medo de amar, eu ia me entregar pra Chris eu ia falar q daria uma chance prs ele, nao posso acreditar no q eu estou vendo, Chris e essa puta no banheiro, juntos? E porque ele tinha me mandado aquela mensagem? ele queria me magoar? começei a ficar tonta com os meu pensamentos 
 

Jennifer eu juro que posso explicar, so me ouve - Chris fala se vestindo, continuo calando apenas pensando no q eu havia visto 

 

Jennifer, me responde, vamos pra sua casa, eu juro que tenho uma explicação - Chris tenta chegar perto de mim mas eu me afasto 

Não me encosta - Finalmente falo algo, e vejo ele assustado com a minha reação, a puta ja tava toda alegre com o acontecimento 

Jennifer, n seja fria, voce nao é assim, me escuta pfvr - Chris se ajoelha com os olhos cheios de lágrima, como ele pode ser tao falso

Como voce pode fazer isso comigo? me humilhar desse maneira? sempre falei pra gente ir devagar pra vce nao me magoar e mesmo assim voce teve coragem de fazer isso? eu nunca me aproximei de um pessoa como eu me aproximei de voce, eu nunca dei espaço pra alguem fica tao próximo a mim, como eu te dei. Como voce pode me jurar amor? como voce pode jurar fidelidade? como voce pode pegar ela no nosso encontro? - Falo, jogando as palavras na sua casa e vejo o sorriso da puta se desfazendo 

Jennifer, so me escuta pfvr, eu juro q eu to sentindo algo por voce enorme, eu to querendo te amar, e sempre fui tentado conquistar espaço, eu juro que posso explicar o q aconteceu, eu sei q estou errado mas so quero uma chance de explicar - Chris levanta olhando nos meus olhos, senti ali algo verdadeiro brotar , mas isso nao estava me comovendo nem um pouco, estava com ódio nos olhos, saiu da frente dele o ignorando totalmente e vou ate a puta 

 

Muito obrigada por fazer eu enxerga a verdade, por fazer eu enxergar que sempre vou ser a feia, que homem nenhum vai ser capaz de me amar, de me desejar, de querer algo serio comigo, que ninguem nunca vai me olhar como olham pra voce, muito obrigada por fazer eu lembrar realmente quem eu sou, um nada, uma porcaria, uma gorda, feia e que nao se arruma, q so pensa em estudar - falo olhando nos olhos delas e vejo uma lágrima descendo de seus olhos 

Olha... - Ela tenta falar, mas interrompo 

Poupe seu discurso, pode continuar o que estava fazendo, nao sou de brigar, de sair batendo, de xingar as pessoas, estou com uma puta raiva de voce, so que voce nao é a unica errada da história, Chris esta envolvido, nao vou me rebaixar ao nível de voces - Falo e viro de costa pra ela, olho pra Chris 

Seja feliz, e seja capaz de sentir algo verdadeiro por alguem alguma vez na sua vida, lhe desejo sorte, coisa que voce vai precisar muito,ve a proposito  so mas uma coisa esta aquie o dinheiro do cinema, pipoca, refrigerante, tudo - falo jogando 50 reais nele - aproveita e fica com o troco - pisco e saiu daquele banheiro sem esperar por uma resposta correndo, escuto Chris me chamar, me escondo em qualquer parte daquela área do cinema pra ele nao me ver e o vejo seguindo em frente, como ele teve coragem de fazer aquilo comigo? me derrubo em lágrimas ali mesmo, encolhida no chao parecendo uma criança 


Justin pov. 


Estava feliz, tudo estava dando certo, vejo Chris se levantar pra ir ao banheiro e logo JuJu levanta, percebo Jennifer estranhar e ir atras, logo levanto prs segui-la preciso presenciar o show. Quando chego perto escuto umas gritarias e Jennifer falando, escuto as palavras dela bem atento e porra como eu posso ter feito isso com ela? como eu posso fazer ela sofrer desse jeito, podia ter bolado um plano melhor, q nn fizesse ela sofrer da maneira q ela estava, cada palavras, cada lágrima q estava saindo dela, fazia meu coração doer cada vez mais, percebo Júlia comovida com a situação e tenta se explicar, aquela puta iria contar toda a verdade, mas Jennifer a interrompe impedindo-a, suspiro um pouco aliviado,ver aquilo estava me doendo cada vez mais, olho pro meu amigo e pela primeira vez vejo q ele realmente estava apaixonado, nunca vi ele chorar por uma mulher ou se ajoelhar, porra eu sou um bosta, como posso fazer isso com o meu melhor amigo e a garota que eu amo, sim eu amo ela, mas nao sou capaz de fazê-la se sentir amada, eu so a maltrato, nao tenho coragem de assumir o q sinto por ela por medo do q os outros vao pensar, eu queria q ela fosse minha sem ao menos saber, e quis afasta-la de qualquer jeito de Chris e acabei nem percebendo q ela iria ser feliz com ele, q alguem iria fazê-la se sentir amada, eu estava me sentindo um bosta, me retiro dali antes q alguem me vejo e me escondo em qualquer canto.
Estava me afundando em meus pensamentos quando são interrompidos por choro, olho pra cima e nao vejo ninguem, espera aquelas lágrimas era de Jennifer, procura ela e a encontro encolhida em um canto, no qual ninguem conseguia vê-la, me aproximo e senti no chao, ela levanta a cabeça lentamente e me encara. 

 

Eu sei q a ideia é tentadora, mas pfvr se voce tiver algum coração nao me zoa, so me deixa quieta - Ela estava com medo de eu fazer algo com ela 


Me aproximo e toco em seus braços ela recua um pouco se encolhendo mais e eu continuo a puxando e abraço ela, sinto no começo ela um pouco desconfortável ckm a aproximação  mas logo cedeu e me abraço muito forte deixando varias lágrimas em meu ombro 

Eu estou aquie com você, quer me contar o que houve? eu posso ajudar? - Pergunto tentando conforta-la, vendo ela daquela maneira estava me doendo 

Justin, so me abraça , eu juro que depois eu conto, mas me abraça por favor - ela súplica 

Claro, hora q se sentir avontade vou ser totalmente sincero com voce - beijo seu ombro e aperto mais ...
 


Notas Finais


Espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...