História I love you after all - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Kai, Lu Han, Sehun
Tags Chanbaek, Hunhan, Kaisoo
Exibições 43
Palavras 1.089
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cara.... Eu tinha feito um fucking capítulo. Mas a esperta aqui, na hora de copiar pra postar, apagou tudo
TUDO
Aí eu fiz de novo. Mas eu mudei

Capítulo 6 - °6°


Estava tudo indo muito bem, eu estava totalmente ansioso para poder conhecer a pessoa por trás das cartas, mas como a vida não é nenhum mar de rosas, tudo começou a desandar.

Primeiro eu tive prova surpresa de história, e eu sou péssimo em história, ou seja, tirei um belo zero. Depois teve aula de biologia e eu cortei meu dedo com a folha do caderno. No intervalo, minha mãe ligou e disse que meu pai tinha voltado para casa e estava um caos. A partir daí, foram coisas simples que eu causei por preocupação. Quando meu pai fica exaltado, ele costuma agredir as pessoas, e como ele voltou para casa e minha mae é a única pessoa lá....

Acho que eu vou ter que, infelizmente, desmarcar com a pessoa das cartas. Mas aí que está o problema, como eu vou desmarcar se eu nem sei quem ele é ?? Será que se eu colocar um bilhete na porta do meu armário, ele vai ver ? A, mesmo que ele visse, qualquer pessoa poderia pegar antes dele. Acho que vou fazer isso.. Aí eu me sinto menos mal

Agora estou na última aula, matemática, faltam exatos 5 minutos para poder ir embora

Nossa, agora que eu lembrei que eu não comentei mais sobre Kyung, né, bem, ele está morando em um apartamento com Jongin, o lugar é do pai do Kai ( como Jongin gosta de ser  chamado ), como no momento ele esta se enrolando com uma mulher, eles estão quase casando.

- Baekhyun !

Luhan insistivamente ficava estalando seus dedos na frente da minha cara, me fazendo sair dos meus desvaneios. O olho com uma sobrancelha erguida

- A aula já acabou, vamos !

Me levanto rapidamente e guardo minhas coisas de qualquer jeito na mochila. Saio da sala e vou correndo para casa

                  +-+-+-+-+-+-+

Chego em casa e escuto o som de algo se quebrando, entro e vou direto para a cozinha, que é de onde veio o barulho. Quando chego lá, vejo minha mae agachada juntando pedaços de alguma coisa que eu não consegui identificar

Toco seus ombros e ela olha para mim e logo força um sorriso

- Meu amor, você chegou !

Diz e se levanta, me abraçando logo em seguida. Me afasto um pouco e a olho

- Está tudo bem ?

Ela me olha triste

- Seu pai veio hoje e fez o maior escândalo, mas ele já foi, e disse que não vai mais voltar. Que por um lado, é bom

A abraço novamente

"Vai ficar tudo bem" penso comigo mesmo

          ** 2 meses depois **

Kyung vai vir jantar aqui hoje

Sorrio

- Por isso eu preciso que você vá ao mercado

Afirmo com a cabeça e ela me entrega o dinheiro

- Compre as coisas que estão nessa listinha

Ela diz e me entrega a lista

               +-+-+-+-+-+-+

Agora eu estou no mercado, só falta um último ingrediente e como eu sou uma pessoa muito alta, eu não alcanço o extrato de tomate. Nesse exato momento estou nas pontas dos pés tentando alcança-lo

Continuo tentando até sentir alguém perto, demais, de mim. Ele pega o extrato de tomate

- Olá pequeno

Chanyeol diz e me entrega o produto

- Olá - Por incrível que pareça, Chanyeol aprendeu algumas  palavras em libra, assim como o alfabeto. O alfabeto manual, também conhecido como alfabeto datilológico, é muito utilizado para comunicar nomes próprios ou palavras que ainda não possuem sinal correspondente, mas para uma comunicação efetiva é preciso aprender muitos outros sinais e estruturas gramaticais. Além de estudo teórico, aprender Libras, como qualquer língua, requer também muita prática. Conhecer o alfabeto é apenas o primeiro passo. Mas mesmo assim, dá pra "falar" alguma coisa com ele. Mesmo me dando uma leve agonia

- Parece que eu sempre vou ter que te ajudar, pequeno

Coro e coloco o extrato de tomate no carrinho, logo, começo a andar em direção ao caixa

- Vai me deixar falando sozinho mesmo ?

Olho para ele com uma cara feia

- Sem ofensas

Rio anasalado e continuo meu caminho. Ele some.

                   +-+-+-+-+-+-+

Sabe aqueles carrinhos que as velhinhas usam para carregar as compras ? Então. Eu uso, e com orgulho. Mas às vezes, ele fica muito pesado, e como um bom sedentário que sou, minhas pernas já estavam morrendo, e ainda faltava alguma estrada até minha casa

Estava pensando no quão bom seria se eu tivesse um carro, ou se eu soubesse voar, quando alguém pega o carrinho de minha mão. Olho em volta assustado e vejo Chanyeol um pouco a frente com meu carrinho. Apresso o passo e fico ao seu lado

- Você estava andando meio esquisito 

Sorrio e cruzo os braços, era final da tarde, e estava batendo um ventinho gelado

- Esta com frio ?

Channy me olha de soslaio. Faço que sim com a cabeça. Ele passa seu braço pelos meus ombros, me causando um arrepio. Olho para ele e vejo que o mesmo está corado.

Andamos mais um tempo, em um silencio constrangedor.. Bem.. Por mais que eu quisesse falar.. Eu não podia.. Entao, né..

Chegamos em minha casa e ele me entrega o carrinho

" Por que Chanyeol esta tao quieto ? Ele normalmente fala tanto " Penso e fico o observando descer os degraus que haviam na frente da minha casa

Mas, inesperadamente, ele para suspira e dá meia volta. Ele para na minha frente e fica mexendo os dedos da mão, sinal de que esta nervoso. Ele abria a boca como se fosse falar algo, mas desistia e ficava quieto. Quando eu ia "dizer" alguma coisa, ele me beija. Fico sem reação. Foi um simples selar, mas porra, meu coração parece que vai sair pela minha boca

- D-Desculpe Baek, é q-que eu ... - Ele disse alguma coisa, mas eu não entendi direito.

Vejo que ele esta tremendo e continua falando. Mas como ele é lerdo em. Antes que ele pudesse arranjar mais uma desculpa esfarrapada, o beijo. Ele pede passagem para sua língua, e logo a cedo. Nossas línguas exploravam cada canto da boca um do outro, mas nos separamos assim que o ar se faz necessário. Sorrio e o olho. O mesmo sorri e dá um passo para trás, e quase cai da escada. Aceno e entro de casa, com o carrinho, antes que me pergunte

Largo as coisas na cozinha, com minha mãe, e me deito no sofá, pensando no quão maravilhoso Chanyeol é

Pena que eu não sabia o que viria pela frente


Notas Finais


Socorro

Perdoem minha falta de criatividade e não desistam de mim <3

Prometo que daqui pra frente as coisas vão ficar mais interessantes
MUAHAHAHAHA

Aah, e só pra lembrar, aí, o Baek tem 19 e o Chan tem 18 :))


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...