História I love you, Darling. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens V
Tags Amor, Bangtan, Bangtan Boys, Bts, Hetero, Imagine, Jimin, Jovens, Kpop, Romance
Visualizações 25
Palavras 839
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá! Esse é meu primeiro imagine, então, me perdoe por qualquer erro.

Capítulo 1 - First day, first love.


(S/N) Povs.

Acordei mais cedo que o meu despertador, e até que foi bom, pois pela primeira vez em anos posso pentear meu cabelo e passar alguma coisa nos olhos, pra não assustar meus colegas de classe.

Fui direto para o banheiro, desembaracei meu cabelo e passei um rímel e um batom vermelho bem de leve, pra parecer que eu estou saudável, bom, só parecer mesmo, por que problemas é o que eu mais tenho...

Me arrumei em cinco minutos, até me senti apresentável, não bonita, mas arrumada. É raro eu me sentir assim, mas, não sei por que, hoje o dia começou bem.

O telefone toca

Mel: AMIGA, não se atrasa hoje! Minha mãe falou que vai entrar gente nova na escola, então, vá arrumada, vai que você desenhacalha? - dei uma risada falsa, mas aquilo estava longe de ser engraçado, chegava a ser triste.

(S/N): Eu já me arrumei. Me espera na porta da sua casa que eu já estou indo. - Ela desligou em seguida e uns cinco minutos depois eu estava caminhando com ela para ir para a escola. E eu já estava ficando irritada! Aquela garota não parava de pensar e de falar no possível macho novo da escola. Eu estava quase brigando com a minha única melhor amiga.

Chegando na escola 

Eu entrei na escola, com medo do que poderia acontecer, imagina só se a Mel fosse puxar assunto com o aluno novo! Não quero nem imaginar uma coisa dessas, com certeza ela ia me puxar e me apresentar, e provavelmente falar que estou solteira e em busca de alguém, mas, eu realmente estou procurando uma pessoa. Mas eu não quero um namoradinho, eu queria um amor! Sabe aqueles casais de dramas? Meu sonho é ter um relacionamento desse tipo, mas é perda de tempo eu ficar pensando nisso.

Mel: (S/N), tenho que ir falar com a diretora sobre um assunto, então vá na frente que mais tarde eu apareço na sala.

 Eu apenas concordei, e me senti muito aliviada dela ter ido embora, e ter parado de falar no menino novo, eu não aguentava mais, então fui correndo pra sala pra garantir meu lugar atrás, eu odeio ficar na frente, com os professores te olhando o tempo todo... É HORRÍVEL. Mas como eu estava com pressa, eu acabei tropeçando, até tentei me segurar, mas não teve jeito. Eu fiquei vermelha de tanta vergonha! Fui recolher meus livros do chão, me recompor, e fingir que nada disso aconteceu, mas quando eu virei para pegar meu material, eu vi apenas um tênis. Um tênis branco, um pouco sujo, mas muito bonito. Olhei pra cima e era um menino, um menino que eu nunca vi na vida me viu cair. Me senti aliviada, provavelmente eu nunca viria ele de novo, então levantei e fui falar com ele.

(S/N): Oi! É... Eu acabei escorregando e... Acho que você viu, ou não? -  Não entendi por que eu estava nervosa, era só um menino. Só isso. Eu ia pegar minhas coisas e ir embora.

???: Ah, eu vi sim! Hahaha, foi engraçado... Mas, você não se machucou, né?

(S/N): Por sorte, acho que não... Só estou com o tornozelo doendo, mas acho que foi pela batida. - Tentei puxar meu material da mão dele, mas ele não soltou, apenas segurou minha mão e olhou nos meus olhos. Eu fiquei nervosa. Simplesmente gelei. Acho que nunca me senti daquele jeito.

???: Meu nome é Taehyung. Mas, me chame de Tae. Qual é seu nome?

(S/N): Meu nome? Ah, sim... Eu me chamo (S/N), prazer. 

Taehyung: O prazer é todo meu. Te vejo por aí. - Eu me despedi dele, rezando para que eu nunca mais visse ele de novo, ele me entregou a mochila, e colocou um papel dentro. Não entendi muito bem o motivo, esperei ele sair para eu abrir o papel. 

Era o número de telefone dele. ELE ME DEU O NÚMERO DELE!!!! 

Como eu demorei muito, pelos acidentes que aconteceram, a Mel conseguiu me alcançar, e seguimos para a aula de matemática, a matéria que eu menos gosto, fui pra aula feliz. Acho que nunca fiquei feliz naquela escola, e quase em lugar nenhum. Quando eu entrei na sala, a professora Mariana brigou conosco e nos deu uma advertência. Eu estava tão envergonhada, nem olhei pra turma, apenas saí olhando pro chão. Apenas pros tênis das pessoas. Até que eu vejo um tênis branco igual o tênis do "Tae". Gelei. A pessoa do tênis branco segurou meu braço delicadamente. Não queria olhar para ela. Estava com medo. Então ele riu.

Taehyung: Hey, não fique com vergonha de mim. Eu não mordo. Pode olhar para mim! 

O sorriso dele era uma coisa absurda de linda! Eu estava apaixonada. Não queria. Mas estava. Me senti estranha... Não com um frio na barriga. Só lembro que vi aquele sorriso lindo, um pouco quadrado, ficando cada vez mas escuro, e minha cabeça bateu no chão. Acho que desmaiei. Senti alguém me segurando no colo, mas não conseguia abrir os olhos. Acho que estou morta. Será que eu morri? O que está acontecendo comigo?




Notas Finais


Desculpa por qualquer erro, ainda estou começando. :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...