História I love you, i need you JB (Imagine JB <3) - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Visualizações 20
Palavras 1.254
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Hentai, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei com mais um capítulo, espero que gostem....

Boa leitura anjinhos❤

Capítulo 3 - Capítulo 3


Denovo tomo um susto quando Jin entra no meu quarto sem bater na porta até pq ela nem tava fechada

S/n: - Cara cê tem que parar de fazer isso!- falo jogando um travesseiro nele

Jin: - Ai garota, só vim falar que o jantar tá pronto!- ele joga o travesseiro de volta - Já vou descer...- falo e levanto da cama indo até o banheiro

Jin desce e vai pra mesa, saio do banheiro e pego meu celular na cama que estava com uma mensagem, era o JungKook ele falava que na próxima semana tinha certeza que iria me ligar denovo, aquilo já foi o suficiente para eu começar a pular de alegria, me recomponho e desço para a cozinha onde jin já estava sentado, me sento a mesa e jantamos depois ajudo meu irmão com as louças e volto para meu quarto.

Me jogo na cama com um tédio danadado e fico rolando pela cama, decido sair na rua um pouco e corro para o banheiro para tomar um banho e em seguida coloco uma roupa e saio do quarto descendo as escada indo em direção a porta.

Jin: - Pra onde vai s/n?- jin fala chamando minha atenção

Jin: - Vou sair um pouco na rua, posso?-

Jin: - Claro, mas não demore tá?

S/n: - Tá, tchau- falo saindo de dentro de casa

Ando um pouco pelo quarteirão e vou para uma Praça que tinha perto de minha casa, chego e me sento em um banco e avisto aquele garoto de mais cedo, ele tava lá me olhando sem nem piscar, aquilo me incomodou mais fiquei o encarando pra ver sua reação e a única coisa que ele fez foi pender a cabeça um pouquinho para a esquerda e arquear uma sobrancelha me olhando fixamente nos olhos, seu rosto era lindo, ele era lindo, UMA TENTAÇÃO...eu tinha vontade de ir falar com ele mas não o conhecia e ele parecia ser estranho demais.

Levanto do banco para ir embora e o olho mais uma vez, me viro e começo a andar para ir pra casa, enquanto eu andava por uma rua totalmente vazia senti que alguém me perseguia, olhei para trás mas não vi ninguém, meu coração começa a disparar e ando mais rápido para casa, escuto um barulho atrás e olho rápido alguém derrubou uma lata de lixo mas não havia ninguém...saio correndo até chegar em casa, paro, respiro fundo, me recomponho e depois abro a porta e entro em casa, subo direto para meu quarto tentando demonstrar naturalidade, oque tava meio difícil já que eu tava com o coração disparado por ter corrido igual uma louca. Certeza que foi aquele garoto que tava me seguindo, ao chegar no meu quarto vou direto para o banheiro tomar um banho e me acalmar um pouco

Será que ele sabe onde eu moro? Puta merda...                                                                      Será que conto para o Jin sobre ele?

Saio dos meus pensamentos ao escutar batidas na porta do banheiro

Jin: - S/n? Aconteceu algo na rua? Você chegou meio esquisita...tá tudo bem?-

S/n: - Esquisita? Não, impressão sua. Eu estou bem...-

Jin: - Bom...então deve ter sido impressão minha mesmo, qualquer coisa estou lá na sala, tá?-

S/n: - Tábom-

Jin: - Tchau...- Jin fala e escuto a porta do meu quarto sendo fechada

Alguns minutos depois saio do banheiro e me visto, me deito na cama e fico pensando no ocorrido e acabo pegando no sono.

No outro dia acordo com batidas na porta e levanto para abri-lá, era o Jin que iria me levar la na clínica e corro para o banheiro tomar banho e me arrumar pra irmos, desço as escadas e seguimos para a clínica, quando chego vou direto para o quarto do Luhan que já estava acordado, conversamos bastante e depois fui até o quarto de JB, bati na porta e ele a abriu.

JB: - Oi...oque faz aqui?- ele pergunta sério e aquilo me deu uma vontade de dar meia volta e ir embora mas continuei em frente a porta, não o conhecia tão bem mas ele parecia ser bem fechado

S/n: - Eu sempre venho aqui...posso entrar?- falo imaginando que a resposta seria não ou ele simplesmente fecharia a porta 

JB: - Pode...- ele fala abrindo mais a porta me deixando entrar

S/n: - Tá tudo bem com vc?- falo me sentando em uma cadeira

JB: - Tá...vc trabalha aqui?- ele fala se sentando na cama

S/n: - Não...-

JB: - Ué...então é oq?- ele fala confuso

S/n: - Irmã do Jin...-

JB: - Ele te deixa vir aqui? Assim de boa?-

S/n: - Deixa...pq?-

JB: - Ele não tem medo que vc comece a usar drogas?-

S/n: - Não.-

JB: - Legal então-

S/n: - É...como que vc começou a usar drogas?- pergunto e ele fica sério, super sério

Pra quê fui perguntar?

JB: - Com amigos...eu ia numas festas e lá alguns vendiam...- ele fala meio incomodado

S/n: - Ata...por favor não volte a usar...- falo olhando em seus olhos e ele desvia o olhar

JB: - E nem vou....-

S/n: - Ótimo...venha vamos andar um  pouco!- levanto e pego em sua mão o puxando sem o dar chance de negar indo até a porta e a abrindo

Saímos do quarto e começamos a andar, nos conversávamos e a voz dele era tão, tão, sei lá...eu tava gostando de ouvir...por mim eu parava de falar para escutar só a voz dele, ele é bem bonito mesmo... Passamos por YoungJae e eu aceno ele acena de volta sorrindo mas já estava indo embora

JB: - Quem é?- ele fala se referindo a o YoungJae

S/n: - YoungJae...funcionário novo, entrou dois dias antes de vc chegar-

JB: - Ata...vc gosta daqui?- ele pergunta me olhando nos olhos

S/n: - Sim, aqui é legal...-

JB: - Esse espaço ou as pessoas que estão aqui?- 

S/n: - Consertesa as pessoas...como eu iria gostar de um lugar vazio?- falo e JB sorri de canto

Converssamos mais e depois passo denovo no quarto do Luhan

S/n: - Lu...- falo batendo na porta

Lh: - Oi...entra!- ele fala e abro a porta entrando no quarto ele tava sem camisa e fazendo umas abdominais jogado no chão

S/n: - Pra quê faser isso ein?- pergunto o analisando

Lh: - Pra ficar bonito, não sábia?- ele fala levantando do chão

S/n: - cê sempre faz isso?-

Lh: - Sim, ta tendo efeito?- ele fala e olho para seu abs, meu Deus...

S/n: - Tá eu acho...-

Lh: - Sim ou não s/n!- ele fala me encarando

S/n: - Ai meu deus que besteira...sim menino, SIM!- falo revirando meus olhos e ele rir

Lh: cê vai pra escola amanhã?-

S/n: - Vou...-

Lh: Graças a Deus vc não vai me perturbar logo cedo...- ele fala levantando as mãos para cima e rindo

S/n: - Eu já tô indo embora já.....tchau.-

Lh: - Tchau!- ele me puxa para um abraço

Saio do quarto e Jin já me esperava no carro para irmos embora, no caminho para casa jin para em frente ao mercado e entra lá, pego meu celular e começo a mexer, alguns segundos depois escuto um barulho no vidro do carro e era aquele menino, ele me olha e volta a andar, é nessas horas que o cú tranca...como esse caralho sábia que eu estaria aqui? ele para um pouco perto do carro e fica me olhando, minutos depois Jin sai do mercado e entra no carro

S/n: - Cê compo Toddynho pa eu?- falo com voz de criancinha

Jin: - Toma...- ele fala me entregando o Toddynho -Tinha uma senhora que riu de mim por causa disso...- ele rir e eu também

Ele liga o carro e seguimos para casa.


Notas Finais


Gostaram? Se gostaram comentem e favoritem a história e eu ficarei muito grata...💞


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...