História I love you...I love you too!!!! - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Laura Marano
Personagens Laura Marano
Tags Raura
Visualizações 63
Palavras 628
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hello hello genteee!! Me desculpa por demorar tanto assim pra atualizar a fic, mas eu estava muuuuuuito oculpad, por favor não me matem....

Bom, aí está mais um capítulo

Capítulo 13 - Capítulo 13


Pov Laura

Estava andando pela praia para ver se tirava os pensamentos da minha mente, e quando volto para o lugar onde estava, vi uma cena que me fez ficar sem chão. Eu saí de lá correndo e a última coisa que ouvi da boca dele foi o meu nome. Depois de algum tempo, meu corpo não tinha mais forças para continuar correndo, percebi que tinha chegado em um parque e a única coisa que eu fiz foi sentar encostada em uma árvore e chorar, chorar como uma criança que perdeu seu brinquedo favorito.

 

Pov Ross

Quando a Lau saiu correndo, meus olhos imediatamente encheram-se de lágrimas, que logo começaram a cair. Eu não tinha força para nada, fiquei ali, parado onde estava, ouvindo o som da Delly e da Raini gritando com a Courtney. Por um momento, achei que poderia finalmente ser feliz ao lado da minha pequena.

-ROSS!!- sou acordado dos meus pensamentos com um grito da Rydel- finalmente...vem, vamos pra casa, seu dia acho que já foi cheio de mais.

-não Rydel, você está maluca? E a Laura? Você acha que eu vou sair sem antes achar a Lau??

- Não se preocupa Rossy, os meninos e a Nessa já a acharam e levaram-na para casa- ela falou já me puxando para o carro. O céu de repente ficou nublado e logo as gotas de chuva começaram a cair molhando o vidro do carro. Onde passávamos tinha algum casal abraçado por conta do vento, ou apenas para protegerem-se da chuva em um pequeno guarda-chuva. Lembrança dos momentos que passamos juntos veio na mente, desde o dia em que nos conhecemos, até a cena dela com lágrimas nos olhos hoje.

 

Pov Laura

Depois de algum tempo sozinha, vejo um loiro e três morenos se aproximarem de mim e sentarem ao meu lado. Não falei nada, apenas abracei os quatro e deixei as lágrimas tomarem conta do meu rosto novamente.

-Lau, não chora. Aquela menina é uma idiota, só queria te fazer sofrer- minha irmã falou em um ato de tentar confortar-me.

-É Lau, a Courtney não presta. Ninguém nunca gostou dela, nem mesmo nossa mãe- disse o Ryland olhando-me. O celular do Riker começa a tocar e ele se afasta de onde estávamos.

-pessoal, vamos lá pra casa, inclusive vocês meninas, nossa mãe está chamando para ir jantar- falou o Riker juntando-se novamente a nós. Fomos todos nós para a casa dos Lynch’s. Vocês devem estarse perguntando, mas Laura, você a um minuto atrás num estava chorando por causa do Ross? Como agora vai pra casa dele? Simples, os meninos conversaram comigo e disseram que foi tudo armação da Courtney, e agora que eu me acalmei mais, vou conversar com o Rossy e pedir desculpas para ele. Fomos todos no carro da Vanessa, eu olhava pela janela, molhada por conta da chuva que acabara de cair, perdida em meus pensamentos, até que começa a tocar no rádio Sad Song- We The Kings. Nesse momento, lembranças de nós dois explodiram como fogos de artifício na minha mente. Meu Deus, eu precisava logo chegar lá e pedir desculpas para meu loirinho.

 

 

Pov Ross

Assim que cheguei em casa, subi para o meu quarto e me tranquei lá. Eu deitei na minha cama e a raiva subiu a minha cabeça. Raiva da Courtney por ter feito aquilo, raiva de mim por não ter me afastado assim que desconfiei, enfim, raiva de tudo. Enquanto pensava no que aconteceu hoje, escutei batidas na minha porta.

-não quero falar com ninguém- respondi e suspirei fechando os olhos, mas abri assim que ouvi a voz eu mais queria nesse momento.

-Rossy, sou eu- em um pulo, levantei-me da cama e assim que abri a porta, sou tomado pelos lábios doce da minha pequena...


Notas Finais


Até o próximo pessoal!!

Kisses, Milla!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...