História I Miss You - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Alexandrite, Ametista, Connie, Garnet, Jasper, Lápis Lazuli, Opal, Peridot, Pérola, Personagens Originais, Rose Quartzo, Rubi, Safira, Steven Quartzo Universo, Stevonnie
Tags Amedot, Jaspis, Pearlmethyst, Pearlrose, Rubapphire, Steven Universe, Steven Universo
Exibições 43
Palavras 2.571
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, FemmeSlash, Festa, Ficção, Fluffy, Hentai, Musical (Songfic), Orange, Poesias, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiieee
Sorry pela demora
Boa leitura
Bjs


Spoiler: próximo cap tem treta

Capítulo 16 - ( Parte 10 - Baile de Boas Vindas) Hot 3 - Final.


Fanfic / Fanfiction I Miss You - Capítulo 16 - ( Parte 10 - Baile de Boas Vindas) Hot 3 - Final.

P.O.V Yellow Pearl

Desde o dia em que conversamos, eu senti algo totalmente diferente pela Blue. Eu passei a notar coisas nela, que antes não percebia, mesmo tendo preferência por meninas. Seu sorriso inocente e lindamente meigo fizeram meu coração azedo se adocicar e amolecer.

Era como se meus sentimentos estivessem adormecidos e naquele momento despertaram.

O que eu passei a sentir, não é uma pífia atração sexual e sim amor. Verdadeiro amor. Ela me prendeu de repente e mexeu comigo.

O que supostamente eu sentia por Pérola desapareceu na hora.

Sei que quase todas as pessoas não acreditam em amor à primeira vista. Bom, no meu caso, pode não ter sido a primeira vista, mas eu a estou totalmente amando intensamente.

Desde rapazes até moças, minhas decepções foram muitas e me considerei fechada para novas possibilidades. Mas Blue Pearl conseguiu mudar isso em mim.

Hoje, aqui e agora, vou falar isso a ela. Dizer o quanto ela mexeu comigo e sobre outras muitas coisas que tentarei achar palavras existentes para mostrar que eu a estou amando.

Será que ela me daria uma chance?

Após nos separarmos de Pérola, ficamos caminhando sem rumo por aí.

Eu queria muito tê-la chamado para ser meu par, mas preferi falar o que tinha que falar no Baile.

Yellow Pearl:
- Alguém te convidou pra te acompanhar?

Blue Pearl:
- Não, não. Não sou o tipo de garota que é convidada para ser par em bailes. - Rimos. - E você?

Respiro bem fundo.

Yellow Pearl:
- Não... - Ela faz um barulho nasal. - E por falar nisso... - Me olha. - É... Vem comigo no banheiro pra eu te falar uma coisa.

Blue Pearl:
- Tá. - Fomos até o banheiro. Me encosto no mármore da pia e ela também. - O que quer falar? - Suspiro.

Eu estava usando uma bolsinha tiracolor, de dentro tiro uma carta que eu mesma fiz.

Yellow Pearl:
- Pra você. - Extendo a carta e sorrio.

Ela pega a carta e sorri.

Blue Pearl:
- Pra mim? Obrigada. - Olha para carta com adesivos bonitinhos. - Você é uma fofa. - Sorri lindamente e aperta devagar minha bochecha.

Yellow Pearl:
- Lê em voz alta, por favor.

Ela sorri de novo e abre o envelope. Por que eu não consigo parar de olhar seu sorriso? Estou parecendo uma boba. Deus, ela é tão perfeita.

P.O.V Blue Pearl

Blue Pearl:
- "Querida, Blue Pearl.

Tem ideia do quanto é especial pra mim? Provavelmente sim, pois deixo claro isso sempre. Você é uma daquelas pessoas que eu guardo em segurança no meu coração azedo. Mas ironicamente, você conseguiu deixá-lo mais doce e a me fazer querer estar o tempo todo com você. *Sinto meu rosto queimar em vergonha.*

Não sou a melhor pessoa do mundo, nem a mais amorosa e sensata. Mas, ao meu contrário, para mim você é a melhor pessoa do mundo, para mim você é a mais amorosa, doce e sensata. * Meu Deus... Isso tá acontecendo mesmo? - Penso. * E é por isso que eu te amo.

Aceitas ser meu par? "

Eu estava pasma. Ela sente o mesmo por mim? Ela me ama? E eu nem percebi. Meu Deus... Eu vou chorar. Segura, Blue.

Daí, vidramos nossos olhos e ela começa a falar. 

P.O.V Yellow Pearl

Yellow Pearl:
- Sabe, Blue... O amor é meio que estranho. - Fico mais próximo dela e ela continua no mesmo lugar. - Ele não escolhe a quem devemos amar, só nos faz amar. - Coloco delicadamente uma mecha de seu cabelo atrás da orelha. - É com ele que descobrimos que podemos voar, aprendemos a sonhar e encontramos um sentido a mais para viver. - Arrisco colocar as mãos em sua cintura, ela permite e a trago mais para perto. - O amor é uma vida gerada em nosso coração, só esperando o momento certo para nascer com a certeza que nunca vai morrer, porque o amor... - Subo minha mão para suas costas e fico fazendo carinho ali. - O verdadeiro amor, ele nos faz perceber que não é nossa matéria que será eterna e sim nosso amor por quem nos rodeia. - Suspiro. - O amor te escolheu para eu poder amar, mas... Preciso de sua aprovação. O que me diz? Quer ser meu amor?

Blue Pearl:
- Quero. - Fala em um sussurro.

Nossos rostos estavam absurdamente próximos. Eu olhava diretamente em seus olhos. Podia sentir sua respiração sob meu rosto. Fitei rapidamente sua boca e fui consumida com uma vontade enorme de beijá-la, de amá-la, de fazê-la minha para sempre.

Mal podia acreditar que ela também me amava. Por que eu não percebi isso antes?

Aquele pequenino espaço entre nossos lábios estava me encomodando. Sem mais demoras, uno nossos lábios. Um beijo perfeito, quente, amoroso, carregado de paixão, sinceridade. Peço passagem com a língua e ela permite.

Estava sendo a melhor sensação do mundo. Eu estava provando do amor correspondido e com a pessoa certa. E eu não deixaria nada nos fazer ficar separadas.

O ar nos faltou e fez-nos separar.

Blue Pearl:
- Eu te amo tanto. Faz tanto tempo que eu quero dizer isso, mas... Nunca soube como.

Yellow Pearl:
- Agora pode dizer sempre que quiser. Eu serei para sempre sua.

Blue Pearl:
- É recíproco.

Ela sorri lindamente e me faz voar.

Yellow Pearl:
- Quer ser minha dama?

Blue Pearl:
- Eu sempre serei.

Sorrio e saímos do banheiro.

Yellow Pearl:
- Me concede a honra dessa dança, mademoiselle?

Blue Pearl:
- Com prazer, monsieur. Só que a música já acabou.

Colamos nossos corpos.

Yellow Pearl:
- Isso é só desculpa pra te abraçar, tonta. - Ela ri do jeito meigo dela e eu babo só de olhá-la.

Colo nossas bocas de novo. De repente, ouço alguém familiar falar perto de nós. Separamos o beijo para olhá-la.

Pérola:
- Ah, eu sabia, eu sabia, eu sabia, eu sabia! - Coramos instantaneamente ao vê-la. Ela nem sabia e nós não havíamos contado nada. - Tá tudo bem, meninas. Errado seria não amar. - Sorrimos e nos abraçamos. - Aproveitem bem a festa! - Ela dá na bochecha de cada uma de nós e se despede.

Yellow Pearl:
- Tava tão na cara que nós estávamos apaixonadas? - Nos olhamos.

Blue Pearl:
- Pelo jeito sim. E nós fomos as únicas que não percebemos. - Rimos.

Yellow Pearl:
- É.

A próxima música começa e rapidamente muitos casais se aproximam, inclusive nós, para dançarem.

Não havia um espaço sequer entre nossos corpos. Eu abraçava sua cintura e ela a minha. Blue Pearl estava com a cabeça deitada em meu ombro e de olhos fechados, como eu. Encosto minha bochecha em sua cabeça. Ficamos assim. Dançando lento e aproveitando aquele contato prazeroso.

[...]

Após a música calma, começam outras mais animadas e muitas pessoas vão dançar. E nós fomos também.

Eu não tirava os olhos de minha garota. Deslumbrante como sempre. Linda e perfeitamente ela. Blue é um sonho e uma dádiva sob mim. Não sei imaginar minha vida sem ela. E de agora por diante, ela estaria pra sempre ao meu lado.

Além de linda, ela dançava sexy. Não parava de me olhar de cima a baixo. Ela estava mostrando seu lado safado. Fica de costas para mim. Não hesito em agarrar sua cintura e a colar sob mim. De acordo com o ritmo da dança, rebolava bastante em minha intimidade e me fazia gemer baixo em seu ouvido.

Senti meu corpo ficar quente e a excitação chegar. Ninguém nunca tinha me deixado tão entregue tão rápido. Só ela mesma.

Já estava perdendo a cabeça, daí resolvo me separar dela e a puxar para fora da multidão.
Corremos até a área das piscinas, que é um lugar ao ar livre, só que no mesmo andar, com apenas algumas colunas de sustentação separando.

Yellow Pearl:
- Já estava ficando com calor. - Falo me abanando com a mãos.

Blue Pearl:
- Eu vi. - Sorriu maliciosa.

Yellow Pearl:
- Olha a santinha se revelando. - A puxo para ficar colada em mim de novo e sorrio maliciosa.

Blue Pearl:
- Só pra você, baby. - Sorri e me beija com vontade, deixando algumas mordidas em meu lábio inferior.

Yellow Pearl:
- Eu gostaria de ver esse seu lado. - Sussurro rouca em seu ouvido e ela se arrepia. Beijo seu pescoço e mordo em seguida, e repito o processo.

Blue Pearl:
- É pra já.

Daí, pegamos o elevador para nosso dormitório e vamos direto pro quarto.

Blue Pearl:
- Vou tomar banho. - Tira os saltos e vai até o banheiro.

P.O.V Blue Pearl

Depois que tiro minha saia, sinto duas mãos tocarem minha barriga.

Yellow Pearl:
- Eu tiro pra você. - Beija meu pescoço. Viro de frente pra ela, que tinha um olhar penetrante sob mim. Ela leva as mãos até a borda de minha blusa e eu levanto os braços para ajudar. - Posso tomar banho contigo? - Diz maliciosa.

Blue Pearl:
- Com toda certeza. - Levanto minhas mãos até sua nuca, enquanto a beijava intensamente. Ela pede passagem e eu cedo. Ela segurava minha cintura e a apertava contra si. Levo minhas mãos até a borda de sua blusa, a tiro e ela tira bem rápido a saia que usava também, a deixando de roupa íntima apenas. Daí, ela volta a se colar em mim. Meu Deus... Eu vou enlouquecer com essa garota. Arranho sua barriga, enquanto fitava seus seios. - Bom, eu vim tomar banho, não transar com você. - A empurro de leve e sorrio.

Yellow Pearl:
- E eu vim tomar banho com você. - Sorri.

Tiro minha lingerie e ligo chuveiro. Ela não parava de me olhar e eu estava amando. Ela vem pra perto de mim e a ajudo a tirar sua lingerie também.

Yellow começa a a beijar meu pescoço e me arrepio. Vai até minha orelha e morde o lóbulo de leve. Levo minhas mãos até seus seios e começo a fazer uma massagem lenta neles. Ele geme baixo e continuo a torturá-la. Ela aperta minha bunda com força, nos colando mais.

Blue Pearl:
- Se eu te machucar, avisa. - Ela assente.

Com calma, abocanhei um de seus seios e passei a massagear o outro com mais força. Chupo, mordo e sugo seus seios e ela só gemia.

Yellow Pearl:
- Mais. - Fala entre gemidos. Depois de massagear um pouco seus seios, vou deixando beijos por toda extensão de sua barriga. Me ajoelho e deixo beijos e chupadas entre suas coxas. - Para de me torturar e me chupa. - Fala baixo.

Sorrio e beijo de leve seu sexo. Coloco sua perna esquerda em cima do meu ombro e voltei a beijar seu sexo, a fazendo tremer. Lambi sua entrada de baixo pra cima e segurei seu clitóris entre os dentes, a fazendo gemer alto, o que me motivou a continuar. Começo a sugá-la com rapidez e intensamente. Daí, ela segura meus cabelos com uma mão livre.

Paro de sugar seu clitóris e penetro com a língua o quanto pude. Tão molhada. Volto a sugá-la e seus gemidos só aumentavam. Devagar, para de sugá-la e penetro dois dedos em seu clitóris. Ela joga a cabeça pra trás e geme de novo.

Blue Pearl:
- Tão apertada. Gostei. - Ouço ela fazer um som nasal e eu só sorrio.

Passo a acelerar os movimentos, mais rápidos e com um pouco de força. Não demorou para sentir meus dedos seres apertados dentro dela e ela se desmanchar neles. Os tiro com calma e provo, sentindo seu gosto.

Com cuidado, tiro sua perna de meu ombro. Subo depositando beijos por todo seu corpo. Desde a barriga até sua boca.

Blue Pearl:
- Você é tão gostosa, Yellow. -Sorrimos e eu coloco uma mecha de cabelo atrás de sua orelha.

Yellow Pearl:
- Eu digo o mesmo de você. - Rimos baixo. - Mas eu quero te foder.

Blue Pearl:
- E eu quero que você me foda. - Falo maliciosa e a beijo. - Tá esperando o que?

Ela começa a me beijar intensamente e sem pressa. Leva as mãos até minha bunda e aperta forte, fazendo meu centro se contrair. Troca de lugar comigo e me encosta na parede. Morde meu pescoço, morde o vão de meus seios e começa a sugar meu seio direito, enquanto massageava com força o outro. Gemo e seguro seus cabelos com uma mão, a incentivando a continuar.

Ela solta meu seio e desce a mão, arranhando minha barriga até chegar em meu sexo. Gemo ao senti-la massageando meu clitóris. Ela massageava e fingia que ia penetrar, mas parava e voltava a massagem lenta e torturante. De repente, ela me penetra duma vez, me fazendo gemer bem alto.

Blue Pearl:
- Mais... Forte. - Falo entre gemidos e ela obedece. Estocando forte e rápido.

Yellow Pearl:
- Você é tão gostosa e apertada, Blue.

Ela sugava meus seios e me penetrava ao mesmo tempo. Estava quase gozando, quando ela tira seus dedos de dentro de mim.

Blue Pearl:
- Por que parou? - Falo sem esconder minha raiva.

Yellow Pearl:
- Quero te chupar.

Ela se ajoelha e eu coloco minha perna direita em seu ombro. De repente, sinto ela lamber meu clitóris e penetrar dois dedos duma vez. Gemo em surpresa. Ela começa a estocar rápido e forte. Agarro seu ombro direito e afundo a outra mão em seus cabelos.

Blue Pearl:
- Não para, Yellow.

Sinto minhas pernas ficarem fracas, seus dedos serem apertados dentro de mim, espasmos me possuírem e me desmanchar em seus dedos. Gemi alto o tempo todo. Só parou de me penetrar quando terminei de gozar. Enquanto se levantava, lambe seus próprios dedos devagar.

Yellow Pearl:
- Já estou amando seu gosto.

Blue Pearl:
- E eu te amo por inteira.

Ela sorri e me beija de novo. Um beijo doce e intenso. Depois, tomamos banho juntas, sem muitas gracinhas. Vestimos nossas roupas de dormir e juntamos as camas, para dormirmos juntas.

Ela me abraça pelas costas e ficamos nessa posição por muitos minutos em silêncio.

Yellow Pearl:
- Você já tinha transado? - Essa pergunta inusitada me faz arqueiar as sobrancelhas. - Parecia ser tão experiente. - Rimos.

Blue Pearl:
- Não, eu só me toco, às vezes. Ai eu só fui desenrolando.

Yellow Pearl:
- Uau... Você aprendeu só?

Blue Pearl:
- Posso dizer que sim. Mas e você?

Yellow Pearl:
- Bom... Eu estava transando uma vez escondido dentro do banheiro próximo às salas, mas o zelador entrou e tivemos que parar. Era de madrugada.

Blue Pearl:
- Seria com quem?

Yellow Pearl:
- Nem lembro o nome dela.

Blue Pearl:
- Que ela fique beeem longe de você agora. - Digo com ciúmes.

Yellow Pearl:
- E ficará. Pois agora você eu sou sua.

Blue Pearl:
- É recíproco. - Ela ri brevemente e beija meu pescoço.

E ficamos em silêncio por algum tempo.

Yellow Pearl:
- Blue? - Faço um som nasal em resposta. - Sei que você merece um pedido mais bonitinho, mas... Quer namorar comigo?

Blue Pearl:
- Claro que eu quero. - Sorrio. - Boa noite, amor.

Yellow Pearl:
- Boa noite.

Estar em seus braços, foi algo que eu almejei por muito tempo.

E agora eu estava.

Em segurança.

Ali.

Com ela.

Minha Pearl favorita.






















































Continua...


Notas Finais


Comentários?
Críticas?

Obs: Essas últimas palavras em itálico não foram pensamentos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...