História I Need True Love - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bernard Duarte, Cristiano Ronaldo, David Luiz, Edinson Cavani, Javier Pastore, Marcelo Vieira, Neymar, Thiago Silva
Personagens Cristiano Ronaldo, David Luiz, Edinson Cavani, Javier Pastore, Marcelo Vieira, Neymar, Personagens Originais, Thiago Silva
Tags Crislanny Marinho, Neymar, Paris, Thiago Silva
Visualizações 208
Palavras 3.372
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello
Hello !!

Demorei muito? Eu espero que não, e vocês? Estão bem? Gostaria de informar que muito babado, confusão e gritaria estar por vir!!.

Neymar no PSG em Manas??? Eu tô feliz demais rapaziada, isso vai ajudar e muito na história.

Boa leitura, amo vocês e até o próximo ♡♡

Capítulo 14 - Montanha russa


Fanfic / Fanfiction I Need True Love - Capítulo 14 - Montanha russa

“Olhos inchados,
coração partido, 
sorriso bordado.”
— 
Warley G.



{David}

Estamos concentrados no hotel, sendo assim ficamos cada um em seu devido quarto, entre a zapiar a TV e olhar minhas redes sociais - optei pelas redes, entrei no WhastApp e vi uma mensagem da minha namorada. 

(WhastApp)

Amor: tá ai? Amor preciso saber se você quer que eu compre um teste na farmácia ou faça o exame!?

Tremi na base, soava frio, engoli seco e comecei a digitar.

David L: Exame???? Teste??? A menstruação não veio?

Amor: não ! E eu estou tão assustada quanto você.

David L: você pode esperar até eu voltar?

Amor: até amanhã???

David L: Sim, voltamos ainda hoje, só que na madrugada.

Amor: então dá sim, te espero ♡

David L: tá com medo?

Amor: um pouco e você???

David L: muito !! Um filho é uma responsabilidade e tanto, Babi.

Amor: vai dá tudo certo meu bem !! Te amo ♥

David L: te amor princesa, se cuida ou se cuidem !! Rs ♥

Fechei o aplicativo e abri o Instagram - mas logo quis jogar meu celular na parede a minha frente ou no chão mesmo. Marcelo tinha postado uma foto tipíca de um almoço de amigos, porém vitória e Gil estavam na foto como um perfeito casal. Meus ciúmes estavam em um patamar tão alto que nem notei que minha irmã estava ao lado de Cristiano, o que também não me alegrou nem um pouco. 

A foto tinha sido postada a uma hora atrás, e eu parei para ver os comentários ridículos em relação a vitória e Gil, todo mundo estava realmente acreditando que a minha mulher, a minha mulher !! Namorava um moleque com vinte e poucos anos. Arremessei meu celular na parede e vi ele se transformar em migalhas no chão e em seguida respirei fundo e peguei o outro celular, o que eu uso para falar com a vitória ou fazer transferências de dinheiro da minha conta pra dela. 

- se acalma David! - murmurei para mim mesmo.

Disquei o número do segundo celular da vitória e o mesmo começou a tocar - e meu sangue esquentando na mesma proporção, ao décimo primeiro toque ela teve a decência de me atender. 

- o que houve? - foi a pergunta que ela me fez quase em um sussurro. 

- você tá achando que eu nasci pra ser palhaço? - Perguntei.

- como é? - respondeu - o que deu em você?.

- o que me deu? - ri sem humor - você aparece em uma foto abraçada com um cara e pergunta o que me deu? .

- eu não estava abraçada com ele, o braço dele estava apenas ao redor da minha cadeira - justificou - não foi nada demais !!

- eu não quero saber onde estava o braço dele, o seu sorriso era ridículo - passei a mão pela nuca - se não te conhecesse daria que estava adorando aparecer ao lado dele.

- você é maluco! - revidou - o que você tem contra ele? - alterou a voz.

- ele levou a minha mulher pra sair, deu presentes - respirei fundo - ele é louco por ti e você quer que eu fale o que tenho contra ele?.

- eu não sou sua propriedade, David !! - gritou.

- garota, você ainda tem dezessete anos - soltei uma risada amarga - quem comprou a merda desse apartamento? - perguntei - quem deu um empurrão na sua carreira em Paris? Quem foi que sempre te deu tudo que você tem agora?? - gritei. - não foi o Marcelo, não foi esse moleque que é apaixonadinho por você, fui eu ! - engoli seco - essa sua vida de menina " independente" - dei ênfase - é graças a mim! Então não venha me dizer que você não é minha, por que você é sim.

Um silêncio breve se instalou e eu ouvi quando ela meio que suspirou.

- eu sou falar uma vez, então preste bem atenção - pausou - todas as suas coisas, tudo que você me deu David - ouvi sua voz trêmula e engoli seco - vai ficar nesse apartamento, tudo, até o dinheiro que você transferiu pra minha conta, quando você voltar vai está tudo aqui - respirou fundo - e me esqueça, esqueça de tudo, eu vou fazer o mesmo. 

- Vitória???? - berrei ao celular e vi que a ligação tinha sido encerrada, tornei a ligar e só dava caixa postal.

Respirei fundo e tentei não jogar o outro celular no chão, ainda tendo que aguentar o fato de que eu não poderia contar para ninguém, minha irmã iria me dar uns bons sermões, Karol, nem se fala. Então, tenho que me concentrar no jogo e pensar em como me resolver com a vitória, ainda hoje. 

{Marcelo} 

Primeiro eu ouvi ela murmurando, graças a deus eu sempre tive uma audição muito boa! Então reconheci a voz masculina que falava do outro lado do celular, mesmo de trás da porta eu consegui ouvir tudo. Não sabia o que estava sentindo, não era desgosto, nem mágoa, creio que se trata de tristeza, fico despedaçado quando vejo a minha bonequinha assim. 

Não vou correr atrás do David pedindo explicações ou talvez chegar a quebrar a cara dele, eu tô vendo que ele não merece tanta atenção assim, eu só quero ouvir a vitória e entender o porquê de tudo isso!? Ela pode ter o homem que quiser, pode ter tudo. Porque logo um cara comprometido? Quando eu briguei pela guarda da vitória, foi pensando nela! Em como iria criar- lá, eu fiquei louco pensando em como eu iria virar de uma hora pra outra pai de uma menina??? Eu praticamente reeduquei ela, fiz de tudo, faço de tudo até hoje. Vitória sempre quis ser dona de si, independente, então porque se prender a um homem?

A porta estava entreaberta então apenas girei mais o trinco e a vi cabisbaixa encarando o celular, pude ver que ela estava decidindo se ligava ou não pro Neymar.  

- tá indo desabar com a pessoa errada - me pronunciei e ela em um sobre salto me olhou assustada. 

- por favor, me diz que você não escutou! - suspirou e abaixou a cabeça. 

- eu escutei - respondi e fechei a porta.

Logo o silêncio se instalou, mas não por muito tempo. Ela começou a chorar e manteve a cabeça abaixada. 

- você tem vergonha de mim não é? - perguntou - você me criou tão bem, me ensinou tanta coisa e olha onde eu me meti - riu sem humor e eu suspirei e sentei a seu lado. 

Ergui seu queixo e beijei sua testa, em seguida deitei sua cabeça sobre meu ombro. 

- eu não estou decepcionado com você e antes que você me pergunte - pausei - eu não vou fazer nada contra o David, ele não merece tanta atenção. 

- me perdoa Celo? - perguntou.

- meu amor, eu só quero que você me explique o porquê!? - fiz carinhos no seu cabelo - eu tento de proteger de tudo e achei que estava fazendo um bom trabalho, mas pelo visto eu estava enganado. 

- eu gosto dele - Vitória respondeu e eu engoli seco.

- ele tem namorada, Vit - respondi e vi as lágrimas que corriam pelo seu rosto - ele te contou que está suspeitando que vai ser pai? - perguntei e ela ergueu a cabeça me encarando com seus olhos vermelhos. 

- pai? - franziu o cenho - mas como assim pai, Celo? - riu sem humor, mas logo vi que ela iria chorar novamente, então a abracei e ela desabou sobre meu peitoral - eu sou muito trouxa ! - quase gritou - como eu pude cair em uma armadilha dessas?.

- você só fez o que eu sempre te ensinei - beijei seu cabelo - seguiu seu coração, mesmo ele estando errado. 

Ela se ergueu e deitou a cabeça no meu ombro. 

- e agora? - murmurou.  

- agora, você vai deixar tudo isso pra trás, esse apartamento, as coisas dele, o dinheiro que ele deposita na sua conta - respirei fundo e mantive toda a minha calma - olha pra mim! - pedi - você nunca precisou disso, não foi? - questionei - concordei com seu trabalho porque você sempre quis ser independente e amava tudo aquilo - segurei suas mãos - você sempre será a minha bonequinha, eu briguei por você na justiça, eu quase fritei meus neurônios para aprender como ser um bom pai de uma menina - passei meu polegar pela sua bochecha enxugando suas lágrimas - eu fiz tudo isso por que eu te amo na mesma proporção que amo meus dois moleques e se você quer ser dependente de um homem, que seja eu - beijei sua testa. 

- eu te amo tanto - apertou minha mão - eu não quero ser dependente de ninguém - respondeu - eu só quero ter uma vida normal - forçou um sorriso - eu poder andar de mãos dadas com alguém, ou postar fotos com esse alguém sem ter que me preocupar com a namorada dele, eu só queria alguém que estivesse junto comigo em tudo, não é pedir demais é? - mordeu o lábio. 

- você já tem alguém disposto a fazer isso tudo por você - coloquei uma mecha de cabelo sua de trás da sua orelha - tudo no seu tempo, bonequinha. O Gil - ri - eu nunca vi um cara tão terminado a conquistar você como ele - rimos - vai chegar o dia em que você vai enchergar nele esse alguém, mas por enquanto, você só tem a mim, porque Clarice nunca ligou pra nossas fotos. - falei e ela riu. 

- aí meu Deus ! - gargalhou - eu te amo tanto, tanto - me abraçou. 

- eu também te amo - a soltei. - vamos almoçar e logo em seguida vamos procurar um novo lugar pra você morar, até uma mansão, se você quiser. - rimos. 

- só quero sair daqui - ela respondeu - espero que a Cris entenda - forçou um sorriso.

- pelo o tempo que eu conheço aquela criatura - ri - ela não vai se meter na sua decisão e vai dá colo ao irmão, ela gosta de você, mas o irmão vem primeiro. 

- eu entendo, perfeitamente - respondeu - pelo menos um bom irmão ele consegue ser - comentou e eu concordei.

- ele erra muito como homem, mas como irmão, é impecável. -falei. 

- ainda bem que eu tenho você - me abraçou e eu gargalhei.

{Cris}

Rafa veio me buscar pra ver o jogo na casa dela, a mando da tia Nadine, e eu não tive como negar. Já tinha furado com ela uma vez, então disse que iria sem nem pensar duas vezes, tudo bem que a Bruna está lá, mas e daí? Se ela não me afrontar, não afronto ela.

- você come devagar demais - Rafa comentou enquanto digitava algo no seu celular.

- eu não tenho pressa - respondi e Cristiano deu um risinho, ele estava ao meu lado, mas não estava almoçando, preferiu esperar Vit e Marcelo.

- o garoto vai com vocês? - ele me perguntou.

- Gil? - sugeri e ele assentiu - acho que sim, ele vai rafa?

- ele disse que sim - ela respondeu - disse que ia deixar você e o Marcelo curtirem a Vit um pouco - ela direcionou a fala ao Cristiano que sorriu. 

- sempre gostei desse garoto - ele respondeu e me olhei - você precisa mesmo ir? - murmurou próximo a mim que quase me engasguei com a comida.

- preciso - sorri de lado - mas, não se preocupe - tomei um gole do meu suco - nos veremos mais vezes e manteremos contato não é? - arqueei a sobrancelha e ele sorriu abertamente me mostrando aquela Arcádia dentária de dar inveja. 

- as redes sócias estão aí pra isso - respondeu rindo. 

Me apressei e terminei de comer, fui ao banheiro do quarto que estava e escovei meus dentes em seguida guardei minha escova na bolsa e peguei a mesma. Quando sai dei de cara com a vitória saindo do quarto dela com o Marcelo.

- pra onde a senhorita acha que vai? - ela perguntou e eu ri. 

- Rafa veio me buscar - sorri - tia Nadine exigiu que eu fosse ver o jogo lá - ri. 

- Bruninha não está lá? - Marcelo comentou divertido - menina, só sentindo um cheiro de cabelo queimado por aí - rimos.

- eu vou me comportar - revidei e Vit me olhou desconfiada - prometo! - conclui.

- Antes que você vá eu preciso te contar uma coisa - vitória estava agarrada ao braço do Marcelo.

- é sobre o meu irmão né? - indaguei e ela assentiu - ele sabe? - direcionei meu olhar a Marcelo.

- faz uma meia hora só - ele respondeu. 

- você vai terminar com ele não é? - direcionei a palavra a vitória que concordou tristemente. 

- eu preciso viver, Cris - ela respondeu - e o seu irmão, ele me fez feliz, mas me manteve presa a ele, e isso pra mim já basta, você entende não é? - mordeu o lábio inferior

- eu não vou me meter - rebati. 

- eu avisei - Marcelo murmurou e foi impossível não rir.

- eu só quero ter certeza que você vai aconselhar ele à não me procurar mais - Vitória falou - diga que eu sou grata por tudo e que eu estava cansada. 

- e diga que eu descobri, mas não vou matar ele - Marcelo falou e olhou docemente pra sua prima quase filha - não que ele não mereça, estou fazendo isso por ela.

- eu sei - suspirei - e agradeço, mas ele é meu irmão - olhei pra eles dois - querendo ou não, não consigo deixar de ficar triste por ele. 

- ele só vai precisar do seu colo - Vit falou. 

- como sempre - Marcelo completou e eu forcei um sorriso. 

- o meu bebê chorão - murmurei. - suponho que vai sair daqui, também? - arqueei a sobrancelha. 

- vou - ela confirmou - depois te passo o meu novo endereço. 

- tudo bem - sorri - espero que tu curta muito o Celo e o Cristiano - rimos - e Gil falou que vai comigo e a rafa. 

- ah que pena - Marcelo respondeu e eu ri vendo que ele não tinha ficado nem um pouco triste. 

- porque? - ela perguntou. 

- lá na sala ele te explica - respondi e formos descendo às escadas. 

...

- pensei que você fosse ficar pra ver o jogo - Vit conversava com o Gil, nós já estávamos no corredor, melhor, segurando o elevador pra ele se despedir. 

- acho melhor deixar o Marcelo e o Cristiano curti você um pouquinho - apertou a bochecha esquerda dela - é só um jogo. 

- preferia que você ficasse - ela fez bico e eu vi ele se derretendo. 

- não é a coisa mais linda? - perguntei a Rafa que riu e tirou uma foto deles distraídos. 

- depois de você com o juininho, eles são lindos sim - ela respondeu e eu revirei os olhos. 

- a gente ainda tem uma vida inteira juntos, meu amor - eles balançavam as mãos e sorriam - agora o Marcelo merece ter esse tem pinho com você. 

- tudo bem - Vitória se deu por vencida - até mais então - o abraçou e beijou o rosto do meu amigo que estava mais baleado que soldado em guerra.

- até mais princesa - beijou a testa dela que sorriu e acenou pra mim e rafa antes de fechar a porta. 

Gil entrou no elevador quase flutuando e nós rimos muito da carinha dele apaixonado.

- ela não é linda? - nos perguntou. 

- vocês são lindos - respondi. 

- eu e o Gabriel somos lindos - Rafa respondeu rindo.

Tiramos uma foto tipíca de elevador e eu que decidi postar. 

CrisMarinho: achem o Erro !! 

Mencionei eles dois e fiquei vendo os comentários.

@crismar: o erro é o @neymarjr não tá na foto. 

@nadine.golçaves: o erro é vocês ainda não terem chegado.

@vitvieira: o erro é o @thiagosilva_33 não está na foto. 

@marcelotwelve: o erro é o @thiagosilva_33 não está na foto/rt.

@gilcebola: o erro é a @vitvieira. 

@rafaella: o erro é o @neymarjr não está na foto. 

@candantas: o erro é o @davilucca não está na foto. 

@brumarquezine: o erro é eu não está na foto.

@BruMar_meucasal: o erro é a @crisMarinho está na foto. 

@Anti_CrisMar: o erro é a @CrisMarinho ter nascido.

Comecei a ri e tive que responder.

@CrisMarinho: @Anti_CrisMar Kkkkkkkkkkkk erro? Isso foi uma catástrofe amiga. 

@CrisMarinho: @crismar você é um ♡♡♡♡♡.

Fechei minha rede social e tive que ouvir Rafa e Gil me enchendo de perguntas sobre o Thiago. 

Meu ccelular vibrou então peguei o mesmo e vi novas mensagens no WhastApp, um número desconhecido, abri o aplicativo e vi a foto do Cristiano com seu filho e sua mãe, logo tratei de salvar seu número e abri as mensagens. 

Cristiano: *foto* você comendo é a coisa mais Lindinha Kkkkkkkkkkkk.

Cristiano: espero vê lá novamente em breve !! Beijos ♡.

CrisMarinho☆:Kkkkkkkkkkkk tirou foto minha comendo? #chateada, também espero vê - lo em breve ♡♡

{Neymar}

faltava pouco menos de meia hora para começar o jogo e estamos conversando calmamente no vestiário, principalmente eu e Thiago, que pela milésima vez me falava sobre a Cris, e eu sendo forçado a ouvir, eu a conheço muito bem, não preciso que ele fique falando nela vinte e quatro horas, mas eu entendo a fascinação. 

- e o David não agiu como esperava - ele continuava falando. 

- você mora com ele e agora está quase namorando a irmã mais nova dele, cara se você esperava flores, eu lamento - dei um tapinha no seu ombro e ele riu. 

- eu só senti isso uma vez - Thiago me olhou - pela belle, e agora por ela. 

- isso o que? - franzi o cenho. 

- paixão - respondeu - estou apaixonada pela sua amiga - ele sorriu e eu engoli seco. 

- caraca... - falei sem jeito e logo vários flash do que eu vivi com a Cris naquela noite começaram a me atormentar - você sabe o quão sortudo é? - questionei. 

- sei - respondeu. 

- eu espero que você saiba mesmo! - rebati - espero que você aproveite cada segundo e que faça até o impossível pra não perder aquela garota - o encarei - então aqui vai algumas dicas. - pausei e ele riu. 

O resto do time estava espalhado pelo vestiário e era quase impossível ouvir nossa conversa, já me falaram que amor é quando você quer que a pessoa amada seja feliz mesmo não sendo você o responsável por essa felicidade. Não posso ser egoísta, não com ela, quero que ela seja feliz, já que não sou eu o cara sortudo. 

- mesmo vocês morando na mesma casa, sempre mande mensagem de bom dia - falei e ele riu - ou você mesmo vá dá bom dia a ela, mesmo que ela não responda com convicção, dê o seu bom dia - sorri me lembrando da sensação maravilhosa que foi acordar ao lado dela - ela assiste uma série - pausei - gosping girl. 

- já ouvi falar - respondeu.

 - ela vai querer que você veja com ela - falei e ele revirou os olhos - vai querer fazer maratona e tudo mais, a Cris é a pessoa mais indecisa que eu conheço, então quando ela pedir sua opinião seja sincero, se você quer mesmo aquela mulher, tem que entender que ela odeia a rotina, então inove sempre, não precisa levar ela a lugares caros, ela odeia - ri. - vá por mim, ela odeia mesmo. 

- você sabe muito sobre ela - Thiago me analisava - chega a ser assustador.

- não sei se isso foi um elogio, mas obrigado - forcei um sorriso sorriso e cocei a nuca - não a machuque - fixei meu olhar no seu - em hipótese alguma, nunca coloque uma mulher como aquela em segundo plano - avisei - você não sabe o tamanho da sorte que tem - ri sem humor - ficar com a Cris é como andar numa montanha russa, então se segure pra não cair. 



Notas Finais


Eu não sei vocês, mas se existe pessoa mais foda que o Marcelo, me apresentem, porque eu desconheço. E o Thiago gente??? Morro de amoreees.
Beijoooooo ♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...