História I Need U (Imagine Park Jimin) - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Block B
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Kyung, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, Zico
Exibições 161
Palavras 1.913
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Lemon, Orange, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpem a demora de postar é que eu não tava conseguindo escrever é que eu tava passando por ums probleminhas chamados, almoço de familia, TPM e 2NE1 acabou 😪 já esperava isso mas doeu assim mesmo, acho que os hormonios da TPM fez doer mais, ainda ta doendo 😩
Enfim me pediram hot e o passado do Jungkook e eu fiz esse cap, desculpa se tiver meio boxta, eu fiz o passado do Jungkook e o Taehyung e acabou vindo atona algo do passado Hoseok e do Yoongi e tambem tem hot
Enfim espero que gostem
Desculpem as notas grandes

Capítulo 23 - Especial de 100 favoritos parte 2 - Lembranças


Fanfic / Fanfiction I Need U (Imagine Park Jimin) - Capítulo 23 - Especial de 100 favoritos parte 2 - Lembranças

JUNGKOOK POV

~Flash Back 2011

Hoje só mais um dia normal na escola, meus dias andam sendo muito monotonos, acordo, acordo meu irmão, tomamos café, nos arrumamos, vamos pra escola junto com os amigos do meu irmão Yoongi e Hoseok, eles vão pra sala deles e eu vou pra minha, encontro lá meu melhor amigo Taehyung depois da aula vamos pra casa todos juntos, em casa o mais puro tédio até a noite, a hora que o meu pai chega bebado em casa e bate na nossa mãe e a gente se tranca no quarto e chora até dormir, é sempre assim, 24/7, e é obvio que hoje não vai ser diferente

-Terra chamando Jungkook - disse Taehyung me tirando dos meus pensamentos - Tá na hora de ir em bora

-Ahh tá... Tá bom, vamos - falei meio que gaguejando por que? Não sei, acho que eu gosto do Taehyung, eu nunca me vi gay, isso tudo é muito novo pra mim, enfim nós saimos da sala e fomos pro portão esperar meu irmão e os amigos dele

-Vamos? - meu irmão falou e eu assenti, me despedi do Taehyung e fomos, quando chegamos em casa estava lá a minha mãe chorando sentada no sofá e tres malas

-O que tá acontecendo mãe? - Perguntei

-A gente vai em bora, pra sempre

-COMO ASSIM? PRA ONDE A GENTE VAI?

-Brasil, a gente vai morar lá com um amigo meu

-Eu não vou

-COMO ASSIM NÃO VAI JEON JUNGKOOK? VOCÊ NÃO TEM ESCOLHA VOCÊ VAI E PRONTO

-MAS EU QUERO!

-VOCÊ NÃO TEM QUE ESCOLHER NADA, VAMOS AGORA ANTES QUE O SEU PAI CHEGUE

Ela me puxou e fomos aero porto, com dificuldade achamos nosso voô e estavamos prestes a embarcar e vi minha mãe distraida

-Eu não posso ir, cochichei pro Namjoon

-O que você quer dizer Jungkook?

-Cuida da mãe por mim

Eu falei enquanto eles entraram e eu sai correndo eu vi eles brigando com os seguranças pra deixar eles virem atras de mim, mas eles não poderia mais desembarcar até chegar no Brasil, minha mãe gritou e um segurança correu atras de mim mas eu fui mais rapido e sai do aero porto e despistei ele entrando numa rua, eu não fazia ideia de como voltar pra casa então eu peguei o celular e ligue pro Taehyung

~Ligação on

-Alô - disse Taehyung - olá Jungkook

-Taehyung preciso de um favor

-O que?

-Você pode vir me buscar no aeroporto? Eu to aqui perto e não sei voltar pra casa

-Mas é tão perto de casa

-Mas eu nem saio, não sei omde fica nada

-Tá, daqui ums 10 minutos eu to ai na frente do aeroporto

-Ok, até daqui a pouco

~Ligação off

Eu esperei ums 9 min e fui pra frente do aeroporto de novo e lá vi Taehyung e fui até ele

-Vamos, rápido - falei

-Porque?

-Longa história, depois te conto tudo prometo mas vamos sair daqui - falei puxando ele e fomos rapido até a rua da minha casa - eu não posso voltar pra casa

-Por que? Me explica tudo agora - sentamos na calçada e eu contei tudo pra ele - nossa... Eu não... Não sei o que dizer, pra onde você vai agora?

-E-eu não sei...

-Pode vir pra minha casa

-Não sei não, quer dizer será que seus pais vão deixar

-Vão eles são legais, eu explico tudo pra eles, além de que eles gostam de você e tentar não custa nada

-Tá bom então, vamos

Levantamos e fomos pra casa dele, lá ele explicou tudo pros pais dele e eles concordaram de eu ficar na casa deles, ficamos converçando o dia inteiro e a noite colocamos um colchão no quarto do Taehyung e dormimos lá

~6 meses depois

Tá cada vez mais dificil conviver com o Taehyung, cada dia eu me apaixono mais por ele e acho que ele sente o mesmo por mim, eu tenho medo de fazer uma besteira e estragar tudo, hoje eu mal falei com ele, eu sai e fui pra casa do Yoongi e do Hoseok, os dois moram juntos sozinhos, os dois fogem do sistema, a historia deles é bem complicada digamos que eles são orfãos, eles não sabem o que aconteceu com os pais deles, eles se conheceram quando transferiram o Yoongi de orfanato e eles viraram muito amigos, um dia eles fugiram e até hoje moram nessa casa

-Hoseok, Yoongi - falei batendo na porta

-Oii - Hoseok disse abrindo a porta - entre - eu entrei - tá tudo bem?

-Não cara, eu preciso converçar com alguem

-Pode falar, o Yoongi saiu, ele ta trabalhando

-Ok, é sobre o Taehyung

-O que tem o Taehyung?

-Eu... Eu gosto dele, mais do que como amigo e eu não não aguento mais olhar pra ele sem poder tocar, não dá e eu não sei mais o que fazer, você entendo?

-Entendo, fala isso pra ele

-Como? E se ele não corresponder e ficarmos estranhos um com o outro, a gente mora juntos

-Se esse for o caso sinta-se a vontade pra morar comigo e o Yoongi

-Tá bom, vou fazer isso,

-De qualquer forma volta aqui mais tarde, Yoongi e eu temos uma coisa pra te contar e queremos contar juntos

-Tudo bem, eu to indo agora

Sai de lá e voltei pra casa do Taehyung e fui procurar ele, o encontrei chorando no quarto

-Onde você foi? - ele perguntou

-Eu fui na casa do Hoseok e do Yoongi, mas o que aconteceu

-O que eu te fiz de mal Jungkook?

-Nada - falei sem entender

-Então você quase não fala mais comigo, não olha nos meus olhos, nem se quer fica mais no mesmo comodo que eu, só me diz isso por que serio eu não to mais aguentando, na verdade acho que eu sei o que é, caramba, você sempre foi tão cego, você nunca enxergou que eu semore fui apaixonado por você e agora você percebeu e não me corresponde por que é hetero e ta fugindo de mim

-Seu tolo - falei e beijei ele - você é mais cego ainda, eu sempre, SEMPRE fui apaixonado por você

-Não brinca

-Eu to falando muito serio, EU TE AMO KIM TAEHYUNG, sempre tive medo de você não me corresponder, mas agora que eu sei que corresponde, quer Kim Taehyung namorar comigo? - disse me ajoelhando

-Sim, mas é claro que sim - ele falou e me deu um beijo, em um piscar de olhos eu deitei ele na cama e parei o beijo dando selinho nele e descendo até o pescoço e em seguida tirando a camiseta dele - Jungkook

-Oi meu amor

-É que eu...e-eu s-sou - corou - eu sou virgem

-Eu tambem amor, eu to feliz da minha primeira vez ser com você mas se você não quiser agora eu entendo

-Eu quero - ele disse puxando a minha cabeça e me beijando

Sem parar o beijo ele virou e ficou em cima de mim e tirou minha camiseta e começou a chupar o meu pescoço e ir descendo até chegar na minha calça, ele tirou ela e em seguida minha box e começou a me chupar, uma sensassão muito boa, um prazer enorme, não dava pra acreditar que ele nunca tinha feito aquilo antes, eu gemia alto, sorte que essa hora os pais dele estsvam no trabalho, eu não demorei muito até chegar no orgasmo, eu virei e fiquei novamente por cima dele e tirei sua calça e a sua box junto e começei a chupar ele meio sem jeito, não sabia direito o que eu tava fazendo mas ele tava gemendo me deixando louco, não demorou muito e ele tambem chegou ao orgasmo, eu levante e coloquei ele de quatro na minha frente e lambi um dedo e coloquei na entrada dele e ele deu um gemido de dor e eu começei a fazer um movimento de vai e vem de vagar, quando ele começou a gemer de prazer fiz o mesmo com mais um dedo e depois com o outro até ele se acostumar

-Tá pronto amor? - perguntei

-To amor, pode colocar

Ele disse e eu coloquei e ele gemeu de dor, eu comecei a fazer o movimento de vai e vem bem de vagar até os gemidos de dor se transformarem em gemidos de prazer e fui almentando a velocidade e começei a masturbar ele, ele gemia e rebolava me deixando louco, o genido dele era musica pros meus ouvidos e isso só me estimulava a ir mais e mais rapido, até que nós dois gozamos juntos, eu deitei na cama e ele deitou no meu peito e eu abraçei

-Eu te amo Hyung

-Eu tambem te amo Maknae

E durmimos assim

-O QUE TA ACONTECENDO AQUI - acordamos assustados e vimos a mãe do Taehyung na porta e logo o pai dele tambem - VOCÊS ESTÃO JUNTOS, OHHH CEUS, SEUS IMUNDOS, ISSO É PECADO, CONDENARAM AS SUAS ALMAS, FOI VOCÊ NÉ JUNGKOOK? O TAEHYUNG NÃO ERA ASSIM ANTES DE VOCÊ VIR PRA CÁ

-EU SEMPRE FUI ASSIM SÓ TINHA MEDO DE DEMONSTRAR - Taehyung protestou

-EU NÃO CRIEI FILHO PRA SER VIADO! - o pai dele disse - VOCÊS SÃO UMS IMUNDOS, EU QUERO QUE VOCÊS DOIS PEGUEM SUAS TRALHAS E SAIAM DA MINHA CASA - e saiu batendo a porta

-E agora? - Tae falou me abraçando enquanto chorava - pra onde vamos?

-Calma amor, eu sei pra onde podemos ir, vamos arrumar as coisas

Arrumamos as coisas e fomos de mãos dadas em direção a porta de saida e passamos pelos pais deles

-E nunca mais apareçam na minha frente - o pai dele cuspiu as palavras - gente como vocês merecem morrer apanhando

-Não esculta ele - falei pro Tae - vamos...

Saimos e eu levei ele pra casa do Yoongi e do Hoseok

-Jungkook - Yoongi disse abrindo a porta e olhando pra gente - o que houve?

-A gente pode ficar aqui com vocês? - perguntei

-Claro, entrem - o Hoseok disse de lá de dentro e entramos e sentamos no sofá - o que houve? - explicamos tudo pra ele - caramba, é claro que podem ficar aqui com certeza, Jungkook, lembra que eu disse que Yoongi e eu queriamos converçar com você?

-Sim

-Então, o que ta acontecendo é que tem uma asistente social atras de nós a gente decidiu sair do país, vamos pro Brasil, assim podemos ficar de olho na sua mãe e no Namjoon e tambem nos livrar do sistema, nós queriamos deixar a casa pra você, agora pra vocês - Hoseok falou

-Eu não acredito, já foi dificil perder minha mãe e o Namjoon e vocês tambem

-Vamos manter contato, eu prometo - Yoongi falou

-Eu vou sentir falta de vocês - falei abraçando eles

-Tambem vamos - disseram

~Dias atuais

O Hoseok e o Yoongi foram prl Brasil e eu e Taehyung dividimos até hoje a casa, uma madrugada Tae e eu estavamo dormindo quando o celular tocou era o Hoseok

~Ligação on

-Hoseok são 3:35

-Eu sei é que é tarde, é que aconteceu uma coisa

-O que? Pelo o amor de deus o que aconteceu Hoseok?

-O seu irmão tentou se matar

-O QUE? COMO ASSIM HOSEOK? EU VOU PRAI O MAIS RAPIDO POSSIVEL, muito obrigado por ter avisado

-Agora eu to indo pro hospital e vou ter que deligar tá bom?

-Tá bom tchau

 ~Ligação off


Notas Finais


Então é isso, desculpem mais uma vez o cap meio boxta
E espero que tenham gostado
Beijo no kokoro 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...