História I Need U (Imagine Park Jimin) - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Block B
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V, Zico
Exibições 328
Palavras 1.091
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Festa, Ficção, Lemon, Orange, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Cap novooo
Pequenos avisinhos:
1°: Eu sei que o aniversario do Jin é só dia 4, amanhã na coreia pelo fuso
2°: o motivo de eu ter postado hoje foi que amanhã eu não vou poder, estarei ajudando num sopão beneficente para moradores de rua e vou passa o dia todo fora e não sei se ia dar pra postar
3°: Eu escrevi meio que na correria pra aqui não ficar parado então pelo o amor de deus me desculpa se tiver ficado meio merda
Enfim vamos pro cap
Espero que gostem

Capítulo 25 - Acabou


Fanfic / Fanfiction I Need U (Imagine Park Jimin) - Capítulo 25 - Acabou

_____POV

-GUESS WHO'S BACK! - acordei com uma voz inconfundivel gritando da sala

-NAMJOON - gritei levantando e correndo pra sala esquecendo de um detalhe

-OXIII VAI POR UMA ROUPA MENINA! - Namjoon gritou rindo e eu corei, eu me esqueci do que Jimin e eu tinhamos feito de madrugada

-Eita - falei - já volto - sai correndo pro quarto tentando esconder as minhas partes intimas com as mãos

-Você é muito monga - Jimin disse rindo enquanto colocava seu cinto

-Besta - dei um tapa no ombro dele e me vesti e logo voltamos pra sala e o Namjoon e o Jimin ainda riam da minha cara - seus troxa - falei - como assim você saiu do hospital de uma hora pra outra Namjoon?

-Sei lá, de repente o Jin não quis mais ser o médico responsavel por mim e quis trocar com aquele outro, acho que é Kyung o nome dele, mas ele não pode trocar então acabou que o Jin me deu alda de repente

-ELE É DOIDO? - Jimin gritou indignado - você precisava ficar um tempo sobre observação e ele te alta sem mais nem menos?!

-Muito estranho - falei - deve ter com certeza um motivo, eu vou falar com ele

-Vai nada - o Namjoon falou - deixa ele, se ele me deixou sair é por que eu já to bom o suficiente pra isso

-Tá bom

É claro que eu menti, minha intuição nunca se engana e eu sinto que tem alguma coisa a mais, essa história tá estranha de mais pra mim, e eu fiquei pensando nisso enquanto o Namjoon e o Jimin converçavam sobre coisas que eu não prestei atenção

-Por que você é muito fofa né amor? - disse o Jimin me tirando dos meus pensamentos

-É-é? - falei meio que perguntando sem entender nada

-Você nem prestou atenção né?! - Jimin falou um pouco impaciente

-Desculpa, tava falando do que?

-Do nosso dia ontem amor!

-Atá, a gente foi naquele restaurante coreano, foi bem legal

-LEGAL? - disse Jimin - FOI DE MAIS

-Muito

-Imagino - disse Namjoon - mas em fim eu já vou indo

-Ok Namjoon vai lá - falei e ele deu um beijo na minha bochecha e um high-5 no Jimin

-Tchau - Namjoon disse saindo

(...)

Passou um tempo e eu obviamente fui pro hospital falar com o Jin, eu procurei ele por todo hospital mas não achava, tava quase desistindo quando ouvi a voz dele vindo de um quarto aparentemente vazio, eu entrei e ele não me viu, ele tava de costas segurando um cuppy cake com uma vela cor de rosa

-Feliz aniversário... pra mim - ele disse com voz de choro e assoprou a vela e em seguida notando minha presença - oii _____, não repara nisso - ele disse limpando suas lagrimas - o que faz aqui? Seu amigo já teve alta

-Eu sei, você tá bem ta bem?

-To sim, pra pessoa solitaria que passa o aniversário sozinha

-Eu sinto muito, isso é horrivel

-Já me acostumei

-Ahhh mas eu não vou deixar! Vou te fazer uma festa!

-Não precisa, além de que eu nem tenho amigos

-Precisa sim, você tem eu, tem o Namjoon, o Yoongi, o Hoseok, o Jimin acho que você não conheceu ainda mas vão ser bons amigos que horas acaba seu expediente?

-Hoje não tem, só to aqui pra não ficar em casa sozinho

-Otimo então vamos! - falei puxando ele pelo o braço e correndo pra saida do hospital

(...)

-Caramba Jin, esse bolo tá otimo, você cozinha muito bem - falei de boca cheia

-Obrigado - disse sem graça e foi pra cozinha e eu fui atras dele

-Gostando da festa? - pergunteic entrando na cozinha com a luz ainda apagada, pois estavamos na casa do Hoseok e do Yoongi e não sabiamos onde acendia, apenas um pouco da luz da sala iluminava

-Adorando, tinha esquecido como é bom não passar o aniversario sozinho

-Legal - falei - Jin sabe o motivo de eu ter ido no hospital foi pra te perguntar uma coisa

-O que?

-Por que deu alta pro Namjoon já que ele tinha que ficar em obcervação e você mesmo já disse que não seria tão rapido

-É complicado, eu não podia mais ser o doutor dele por etica

-Como assim?

-Ele é muito doce, eu tentei, não teve como eu não me apaixonar por ele, e pela regra eu não posso ter cuidar dele nessa condição

-Quer dizer que você é gay? E apaixonado pelo Namjoon?

-Sim... Eu queria que fosse diferente mas infelizmente não é

Ele começou a chorar e eu abracei ele bem apertado e nesss hora as luzes se acenderam

-O QUE TÁ ACONTECENDO AQUI? - Jimin gritou

Quando olhei todos estavam nos olhando, Jimin, Yoongi, Hoseok, Namjoon e Jungkook e eu me dei conta de como meu abraço com Jin parecia estranho pra eles, estavamos sozinhos na cozinha abraçados no escuro

-Jimin não tá acontecendo nada de mais - tentei explicar

-Não é o que parece! - ele disse

-Eu disse que não houve nada, você pode cofiar em mim por favor?

-NÃO! EU NÃO POSSO, EU SEI O QUE EU VI

-Pelo o amor de deus, diz que você tá zuando com a minha cara e que você confia em mim

-Eu juro que não aconteceu nada - Jin disse

-VOCÊ CALA A BOCA - Jimin gritou

-Caramba Jimin como pode você querer casar comigo e não ter um pingo de confiança em mim? Por mais estranha que a situação pareça eu amo você mais que minha propria vida e jamais te machucaria - falei chorando e ele não fez nada, não disse nada, só me encarou com uma expressão de duvida - você tem que acreditar em mim

-Depois do que eu vi não sei mais se eu quero mesmo me casar com você, eu to confuso, você diz que não aconteceu nada mas eu sei o que vi

-Se você confiasse em mim não teria duvidas - falei ainda chorando mas tambem um pouco irritada - como poderiamos viver juntos o resto das nossas vidas sem confiança? Eu te amo e por isso eu confio em você mas pelo jeito você não sente o mesmo, a gente não pode acabar assim - sequei minhas lagrimas - Jimin - sequei novamente as lagrimas, fui até o Jimin tirando minha aliança e coloquei na mão dele e ele fechou a mão segurando ela forte - acabou - e fui em bora


Notas Finais


Mais uma vez desculpa se ficou meio merda
Espero que tenham gostado
Beijo no kokoro 😽
E até o proximo cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...