História I Need You - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Neji Hyuuga, TenTen Mitsashi
Exibições 31
Palavras 2.680
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Shonen-Ai, Universo Alternativo

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - I need you


Caindo, caindo, caindo, desabando Caindo, caindo, caindo, tudo caindo

Tenten chorava compulsivamente sentada no chão frio. Seu peito doía tanto, uma dor que dilacerava seu coração, ela estava caindo, caindo, caindo e caindo, estava desabando. Não conseguia ser forte, não queria ser forte. Soltou um urro de dor e raiva, Droga ele destruia ela. Ele a destruia de Todas as formas possíveis, era como uma droga que te mata aos poucos. Ele era uma droga na vida dela, matando-a aos poucos. 

Você me destrói assim Eu vou parar, não quero mais você Eu não consigo mais fazer isso, que merda 

Quantas vezes já não prometeu a si mesma que iria parar? Que iria esquecer ele e seguir em frente? Já falou aquilo mil vezes, estava cansada de ouvir o mesmo discurso idiota. Ela não conseguia mais fazer isso, não queria mais fazer isso. Gritou novamente fazendo sua garganta implorar por água, por qualquer coisa menos mais gritos.  

Por favor, não me peça mais desculpas 

Uma batida na porta, uma unica batida e ela sabia quem era. Ela sábia e se odiava por mesmo assim levantar e abrir. Ele estava ali, parado olhando pra ela com aqueles belos olhos. Estava ali depois de ter virado as costas para ir embora, Deus, como Tenten odiava ele. 

_Tenten, me desculpa. Eu... Eu sei que fui um idiota, Deus me desculpe._Oh céus, quantas vezes aquilo iria se repetir? Tudo que ela queria era que ele não pedisse desculpas, que ele não olhasse pra ela com aqueles olhos que tanto amava.  

Você não pode fazer isso comigo Cada palavra sua é como um tapa-olho Escondendo a verdade e rasgando-me Me corta, me faz louco, eu odeio tudo Leve tudo embora agora, eu te odeio 

_Você não pode fazer isso comigo._A morena rosnou com raiva, uma raiva que doía em seu coração._você não pode, não pode fazer besteira e depois vim me pedir desculpa. Droga, que merda Neji, quantas vezes mais você vai fazer isso? Por quanto tempo você quer ficar brincando com meu coração dessa maneira? 

 Ele parou, pensou e suspirou. Ela estava tão raivosa, com tanta raiva e mesmo sabendo que aquela raiva era direcionada a ele. Deus, Neji não podia deixar de reparar em como Tenten ficava linda com raiva, ela ficava tão maravilhosamente linda com raiva e com lagrimas nos olhos. Ele se sentia estúpido por achar aquilo, mas achava Tenten era magnífica e ele um babaca que quebrava seu coração em mil pedaços. 

 _Tenten escuta, eu odeio brigar com você. Sei que fui estúpido, mas me perdoe. Eu prometo, te dou minha palavra que isso não vai mais acontecer, eu te amo Tenten, so o pensamento de não ter mais você já me dói o peito._ter ele assim implorando por perdão sendo tão sincero. Deus aquilo era demais pra ela.

Cada palavra dele era como um tapa-olho em seus olhos, deixa ela cega escondendo a verdade e rasgando-a. Ela se machucava, era cortada aos poucos. Ela o odiava por ir até ali e despejar palavras bonitas em seus ouvidos, por fazer ela ama-lo. Ela o odiava, queria tanto que Neji fosse embora e a deixasse finalmente sozinha. Livre. 

 Mas, você é o meu tudo, você é o meu Tudo, você é o meu Tudo, você é o meu

 _eu...

 Ela engoliu em seco, sua voz rouca de tanto gritar. Se ao menos ele não fosse seu tudo, Neji era tudo para Tenten. Deus, por que ela tinha que ter se envolvido tanto assim? Porque foi tão estúpida? Só queria bater nele até que finalmente ele entendesse. 

 Por favor, vá embora daqui, huh! Desculpa, eu te odeio Eu te amo, eu te odeio Me perdoe 

 _por favor, vá embora Neji._não, ela não olharia nos olhos dele. 

_Desculpa._A voz dele, tão amargurada, mas cheia de mentiras em meio a verdades. 

 _Eu te odeio tanto._Um soluço alto saiu pela sua garganta. 

_Tenten..._Ele suspirou, suspirou cansado. 

 _Eu te amo, te amo Neji por isso eu te odeio._ aquela verdade era tão cheia de mágoas e dor. 

 Neji olhou pra ela, como se fosse a primeira vez que olhasse Tenten naquela noite. Por que ele tinha que machuca-la tanto? Ele também amava ela, como amava Tenten. Amar ela era estranho, Tenten era a única que fazia ele amá-la e odiá-la ao mesmo tempo. Era a única que arrancava tantas risadas dele, a única a fazê-lo, fazer inúmeras loucuras. Então porque ele vivia machucando ela? 

 Eu preciso de você, garota Por que eu me apaixono e digo adeus sozinho? Eu preciso de você, garota Por que eu preciso de você mesmo sabendo que vou me machucar? 

Sim ele precisava dela, como precisava Tenten era uma droga para si. Mas ele não podia largar de ser quem era. E ela se apaixonava por ele, mas parecia que amava sozinha. Isso deixava seu pobre coração tão dolorido, Deus, ela precisava dele. Precisava tanto de Neji quanto de oxigénio. 

 Por isso beijou ele, por isso apertou ele nos seus braços com medo de perdê-lo. Neji retribuiu o beijo de forma afrida, ele precisava dela. Precisava sentir Tenten, queria ela precisava dela com uma necessidade urgente. Queria sentir cada parte daquele pequeno corpo em seus braços. Assim como ela, Tenten precisava de Neji mesmo sabendo que se machucaria. Eles precisavam um do outro. 

 Eu preciso de você, garota, você é linda Eu preciso de você, garota, você é fria Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota 

O rosto de Neji ficava tão tranquilo enquanto ele dormia. Era lindo, maravilhoso. Ela sorriu ao ver ele ali deitado ao seu lado, levantou-se devagar para não acordá-lo e vestiu a camisa dele. Caminhou lentamente até a varanda, fumando um cigarto habito que pegou depois de conhecê-lo. Deus, pensou, Neji era lindo e frio. E ela precisava tanto dele, talvez tenha sido estúpida ao beija-lo. Estava com tanta raiva, mas com tanto desejo de ter ele. De sentir ele proximo do seu corpo, ela nunca pensava muito quando estava com ele, apenas agia. Talvez aquele seja seu grande erro, pensou. 

     oOoOoOoOoOoOoOoOo 

 Isso vai e volta, por que eu continuo voltando? Eu vou baixo e baixo, eu sou um completo idiota Eu tentei de tudo, mas não consigo ajudar Isto está em meu coração, mente e emoção 

Sim, ela era uma completa idiota, pensou rindo. Talvez deve-se ganhar o título de idiota do ano, por que ela continuava fazendo isso? Que droga, ficava indo e voltando com sua palavra. Sim, estava arrependida de ter cedido a Neji na noite de sábado. Se pode-se voltar no tempo, Deus ela faria tudo certo. Ela ia pra baixo, baixo e baixo, sim tentou de tudo. Pensou que poderia ajudar, mas estava tão enganada. Foi tão estúpida. Ele não queria ajuda, não queria o seu amor. Muito menos queria dar o amor que dizia sentir. Era por isso, por essa razão que Neji Hyuuga estava na frente da faculdade trocando saliva com Shion honda. Ela era estúpida demais, fazendo papel de corna e trouxa. Queria se matar, mas não era melhor do que isso.

 Passou pelo "casal" e adentrou a universidade. Andou pelos longos corredores com a cabeça erguida, era forte demais para derramar lágrimas ali. Tenten mitashi era muito melhor do que isso. Entrou na sala de aula sorrindo para os amigos, Ino olhou de maneira preocupada para a morena. Tenten apenas sorriu para tranquilizar a amiga. Sentou-se ao lado de Hinata que também lhe lançava um olhar de preocupação, mas tudo que Tenten queria era paz. Paz e um dia sem Neji hyuuga nele. 

_como você esta?_foi Ino quem fez a pergunta.

 _Bem, estou muito bem._Tenten sorriu pra elas, um sorriso tão falsamente verdadeiro.

 _Então, você não se importa...._Sakura dize devagar, Tenten riu irónica. 

 _Nem um pouco, e antes que a Hina fale algo. Esta realmente tudo bem Hina, não se preocupe, você não tem culpa do seu primo ser um idiota._Hinata sorriu envergonhada, Ela amava tanto Tenten e odiava ver a amiga sofrendo. 

 _Tudo bem._Hina disse baixo. Depois disso todas se calaram, não havia nada a ser dito. Não por enquanto. Mas, eu não escuto as minhas palavras 

Murmuro de novo, eu murmuro de novo Murmuro de novo, eu murmuro de novo Você não diz nada, eu irei te tratar bem, por favor O céu está azul novamente, o céu está azul novamente 

A garota de coques nos cabelos andava pela faculdade com um copo de suco na mão e cantarolava uma canção. Tenten estava tão absurda em seus pensamentos ou na Música que não notou a presença ao seu lado. 

_Distraída?_A garota tomou um susto quase derrubando o suco. Olhou raivosa pra pessoa, mas sorriu em seguida. 

 _Não faça mais isso, Deus, quase me mata do coração Lee._o menino lançou um sorriso envergonhado pra garota.

 _Desculpe, enfim como você esta?_Tenten revirou os olhos com a pergunta.

 _Sério estou bem. Vocês deveriam parar de me perguntar isso._Lee abaixou os olhos. 

 Tenten estava tão exausta de ouvir os amigos fazendo aquela pergunta. Por Deus, era óbvio que estava bem. Quer dizer tão bdm quanto poderia estar naquele momento, sim viu Neji beijando outra, sim estava com raiva. Mas aquilo não era o fim do mundo, não mesmo

. _Vou pro patio, a gente se ver por ai._Acenou pro garoto e saiu andando. Ao chegar ao pátio sentou-se embaixo de uma árvore suspirando. 

Sim, ela estava bem não estava? Ela falou aquilo o dia todo, entoa estava bem. Quem liga se Neji beijou outra? Conhecia ele bem o suficiente para esperar isso vindo dele. Ao longe havistou a silhueta de duas pessoas, um casal se beijando. O amor era lindo mesmo pensou, mas esse pensamento não durou muito ap ver quem era o casal. Neji hyuuga e shion honda novamente. Deus, porque isso?  Castigo talvez.

 O céu está azul, o sol brilhante está Então, você pode ver, claramente, minhas lágrimas Por que eu amo você? Por que você? Por que eu não consigo te deixar?

 O sol brilhava, o céu estava azul cristalino. Um dia lindo, então porque aquilo era como um pesadelo para si? Lágrimas grossas cairam de seus olhos, tentou enxaguá-las em vão. Levantou-se e começou a correr, passando pelo casal. Porque ela tinha que ama-lo? Porque não conseguia deixa-lo? 

Neji se separou de Shion vendo a moren correr, droga pensou, porque tinha que ser tão idiota? Largou Shion parada ali e correu atrás de Tenten, mas a menina era rápida e conseguiu sumir de vista. Ele estava tão nervoso, estragou as coisas novamente. Ele estava sempre estragando tudo, afastando Tenten o tempo intero. Era tão estúpido e se odiou por isso.

 Eu preciso de você, garota Por que eu preciso de você mesmo sabendo que vou me machucar? Eu preciso de você, garota Por que eu preciso de você, mesmo sabendo que você me machuca? 

 Ela estava cansada, machucada. Então por que sentia que precisava dele? Era tão burra a ponto de amar a pessoa que mais machucava e fazia ela sofrer. Como era estúpida, se seus pais soubessem. Seu pai com certeza não mediria esforços para arranca-la daquela cidade, faria qualquer coisa para impedir sua princesa de sofrer. E naquele momento Tenten sentiu falta de casa como nunca sentiu antes, queria seus pais, queria ser embalada nos braços da mãe, queria tanto ouvir o pai dizer que protegeria ela. Que ela era sua princesa e que princesas não sofriam. Deus, se ela era uma princesa por que sofria então? Estava tudo tão confuso, a sua vida estava tão confusa. Ela era confusa e estava errada.

 Eu preciso de você, garota, você é linda Eu preciso de você, garota, você é fria Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota Eu preciso de você, garota, eu preciso de você, garota 

Ele a encontrou sentada embaixo da arquibancada, encolhida em um canto chorando. E aquilo partiu seu coração, Neji precisava de Tenten, mas não conseguia se impedir de fazer a garota sofrer. Sentou-se ao lado da morena e suspirou, ficou ali sem falar nada sem tocar nela. Apenas ficou ali velando o choro dela, ela levantou a cabeça e olhou nos olhos perolados. Tenten se jogou nos braços de Neji e chorou, chorou como uma criança que perde seu animal de estimação. Chorou agarrada a ele e então falou com voz chorosa e embragada. 

 _Eu quero meus pais, quero voltar pra casa Neji. Quero a proteção deles, eu quero parar de me machucar. Quero meus pais. 

 O coração dele doeu tanto na quele momento, ali estava a mulher forte que ele tanto amava. Ela estava ali chorando e Chamando pelos pais, Tenten estva ali se entregando de alma. Deixando sua alma a mostra pra ele ver o como sofria, como queria ser uma criança novamente. Mostrando como ele machucava ela, e como ela o amava.  

Garota, me diga adeus de vez Garota, me diga que não era amor Eu não tenho coragem 


_Tenten eu..._Tenten interronpeu ele. 

 _Não me peça desculpas, estou cansanda de ouvir você pedir desculpas._Com os olhos vermelhos olhou em seus olhos. 

 _Tenten eu... Sou um imbecil._Falou triste.

 _Sim, Você é e eu mais ainda por ama-lo._Neji sorriu pra ela.

 _Eu te amo._Falou encostando os lábios nos dela.

 _Por favor, Neji me diga adeus, fale que isso não era amor._Ela fungou._Eu não tenho coragem pra fazer isso.

 _Do que esta falando Tenten?_ele estava tao apreensivo, com medo do que ela diria. 

 _Preciso ir._falou levantando-se. 

Naquele dia Tenten lhe deu as costas indo embora. Indo pra casa com o coração na mão e com sua decisão na cabeça. Por favor, me dê um ultimo presente 

Me deixe, nunca mais voltarei de novo Eu preciso de você, garota Por que eu preciso de você Mesmo sabendo que vou me machucar? Eu preciso de você, garota Por que eu preciso de você, mesmo sabendo que você me machuca 

Naquele mesmo dia ela mandou ele ir na sua casa, queria vê-lo e ele foi. Neji foi, a beijou ciente de que tudo estava resolvido. Eles estavam juntos novamente. Seus lábios se juntaram com urgencia com os dela, naquela noite Neji e Tenten foram um so. Ela mostrou o como precisava dele e ele fez o mesmo, mostrou que amava ela. Por que somente Tenten fazia ele sentir um turbilhão de sensações.

 _Me dê meu ultimo presente._Ela sussurrou certa hora. 

 Neji não entendeu na hora mais amou ela mesmo assim, fez tenten ser dele de todas as formas. E quando o dia amanheceu e ele se encontrou sozinho na cama achou estranho.

 Levantou-se e andou pela casa não vendo a morena em lugar nenhum, achou uma carta em cima da mesa. Aquilo era bem estranho mais a pegou mesmo assim. 

 Desculpe, sinto muito mais eu não teria coragem para dizer adeus. Eu te amo e preciso de você Neji, porem nós dois sabemos que isso não estava tando certo. Eu me dei a você fui completamente sua, unicamente sua, porém isso nunca foi o bastante. Eu simplesmente cansei de me machucar dessa forma, ontem quando cheguei em casa liguei para meus pais. Falei que a cidade grande não era para mim, minha mãe ficou feliz, feliz ao saber que eu voltaria. Então ontem quando te liguei não era para a gente se reconciliar, pelo contrário era uma despedida. Você sabe que odeio elas, Então escrevi uma carta. Eu te amo e sempre amarei Neji,  quem sabe não nós encontremos no futuro? Espero sempre ser lembrada por você como a garota de quem você precisa. Vou sempre te amar e precisar de você.                     Adeus Neji hyuuga.

 Eu preciso de você, garota, você é linda Eu preciso de você, garota, você é fria Eu preciso de você, garota Sim, 

tenten sempre seria a garota de quem ele precisa. Sempre a amaria, mesmo sofrendo sabia que aquele era o melhor. Tenten precisava de algo melhor no momento, talvez quando ele finalmente amadurecesse e crescesse ai sim ele iria atrás dela. E os dois ficariam juntos, por que so assim Neji poderia dar pra ela algo que não machucasse a bela moça.  




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...