História I Need Your Hug ((VKOOK)) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Taekook, Vkook
Exibições 30
Palavras 1.269
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Fluffy, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ALOO
Oii pessoas lindeas! Voltei ... mesmo sofrendo pakas com o show do BTS ano que vem. Sério preciso ir! PRECISAMOS 💕
~ Boa leitura
Espero que gostem... c:::

Capítulo 4 - Amigos?


Fanfic / Fanfiction I Need Your Hug ((VKOOK)) - Capítulo 4 - Amigos?


  ♧Continuação♧

Pai: Filho eu…- ele olhou para o meu rosto e arregalou os olhos- KIM TAEHYUNG. O QUE ACONTECEU?

Estremeci. Sabia tudo o que deveria falar, mas simplesmente congelei. O encarei de boca aberta ainda sem dizer nada. Balancei a cabeça e tentei ser o mais confiante possível com minhas palavras.

Eu: Ahhh… isso?- apontei para o meu rosto e ele assentiu com um semblante sério, já preparando-se para me chamar atenção- Deixa eu explicar por favor? -ele revirou os olhos e sussurrou um prossiga- Bem, no caminho da escola, eu senti meu estômago doer muito, mas ignorei. Já faltando um quarteirão para chegar a escola, senti uma vontade de vomitar gigante e sai correndo pra casa. Eu sei que eu poderia ter ido pra escola, e ter pedido um remédio. Mas era meu primeiro dia de aula e eu não. ..queria passar mal. Continuando… e-eu- "Taehyung naum gagueja agora, pelo amor de Deus! !" - corri muito, mas não estava focando minha atenção ao chão, estava tentando pensar em outra coisa pra não vomitar na rua. E foi nesse… nesse momento que eu tropecei e caí de cara no chão.- Meu pai me olhou com preocupação e logo minha ficha caiu. Consegui convencer meu pai! Fiquei aliviado e logo voltei a falar.- Pai, eu estou cansado. Vou dormir ok? Boa noite. Te amo!- me levantei do sofá e dei um abraço nele.

Pai: Filho tá doendo? Quer que eu faça um curativo? Tá enjoado ainda ? Eu posso tentar fazer um chá que sua vó me dava…- o interrompi

Eu: Pai! Calma eu tô bem agora. E-eu só cai. Nada de mais. Não precisa de chá. Por favor.-sorri divertido e ele também.

Fui subindo as escadas e logo ouvir um : " Boa noite filho! Também te amo ! " suspirei feliz e logo me joguei na cama, sem nem trocar de roupa. Adormeci; nem deu tempo de ter sonhos bizarros.

* _QUEBRA DE TEMPO_ *

Acordei com o meu despertador do celular tocando a música Closer- The Chainsmokers. E me dirigi ao banheiro para tomar banho e etc. Logo depois de tomar banho boto meu uniforme - com uma jaqueta jeans e um tênis preto da marca Puma. Ajeito meu cabelo, coloco um perfume qualquer e desço

Meu pai já tinha ido trabalhar mais cedo e deixou um bilhete na geladeira dizendo isso, além de um " bom dia!" escrito de maneira exagerada.

Peguei minha mochila. Meu celular e meu precioso fone. Fiz o mesmo caminho de antes. Só que dessa vez sem nenhum grito e com alguns carros passando na rua.

Cheguei na escola e fui logo na secretária explicar minha falta e me apresentar à diretora. Ela foi muito simpática comigo e me levou até uma sala no segundo andar. Adentrei a sala junto com os alunos e agradeci, de forma tímida, a diretora. Sentei na última carteira e logo vi o professor entrar na sala. Era aula de biologia. Minha matéria favorita. Prestei atenção na aula e me diverti bastante. Esse professor é incrível!

Depois de 20 minutos de aula o professor lembrou que eu era um aluno novo e pediu para eu me apresentar. Assim fiz, como ele pediu. Mas antes de me sentar. Um menino adentra a sala apressadamente e pede licença ao professor. Me sento na cadeira e observo o garoto andando na direção da minha fileira de cabeça baixa.

Quando eu percebo o menino de cabelos pretos já estava em minha frente.

Menino- Ei novato! Esse lugar é meu. -fala em tom de voz firme.- então por favor … Saia.- depois que diz isso levanta a cabeça e os seus olhos encontram o meu. Arregalo os olhos e ele também … ah eu não acredito! Esse olhar… de novo.

Eu: Jungkook?

Jungkook: Tae? Então quer dizer que você é o aluno novo?- pergunta ele se sentando em um lugar vazio ao meu lado. - Nossa mano. Nem passou pela minha cabeça que você ia estudar na mesma escola que eu. - sorriu de canto e logo pegou seu caderno na mochila.

Eu: Sim… eu fui transferido esse ano.- ri com o comentário dele - eu também nem imaginei - menti, pois tinha prestado atenção na camisa dele(uniforme). Mas vai que ele pergunta se eu estava observando ele. Onde eu enfiaria minha cara? Deixa pra lá que é melhor.

Continuei prestando atenção na aula. E depois de um tempo bateu o sinal, avisando que o recreio acabará de começar. Ainda bem pelo menos conheço Jungkook. Mas acho que não vai rolar a gente sentar junto. Ah que saudade do Jimin e do Suga! Queria que eles estivessem aqui comigo. Quando chegar em casa vou ligar pra eles.

De repente escuto alguém falando comigo, interrompendo meus devaneios.

Jungkook: Tae? Tae? TAEHYUNG!- olhei pra frente e vi uma figura emburrada e segurei a vontade de rir.

Eu: Oi! Que foi? - perguntei já não aguentando mais segurar o riso

Jungkook: Não ria! Eu tô tentando te chamar a vinte e quatro anos e você só fica sorrindo olhando pro nada! Tá doido é?- perguntou de maneira estranha me fazendo rir mais ainda. Mas me controlei, se não ia da uma ataque dentro da sala de aula

Eu: Ah desculpa, eu tava pensando em umas coisas aqui… er-rr eu vou lá pro pátio. Tchau - pego meu celular, meu fone e meu dinheiro .

Quando saio da sala sinto uma mão puxar meu braço e meu coração dispara. Sou virado para frente e me deparo com um Jungkook sorrindo divertido depois de me dá um susto.

Eu: Meu Deus Jungkook! Você quer me matar!?- coloco minha mão sobre o meu coração e faço uma cara engraçada. Nossa realmente a companhia dele me agrada. Nem estou mais tão tímido. Na verdade eu não sou tímido. Mas depois da morte da minha mãe… fiquei um pouco fechado pro mundo.

Jungkook: Calma Tae ! - fala rindo - só queria perguntar um negócio.- o encaro- Já que você é novato e não conhece ninguém. Gostaria de sentar comigo e meus amigos? - sorriu mostrando seus dentinhos fofos de coelhos.

Eu: Mas eu não vou incomodar?

Jungkook: Claro que não! Vem!- me puxou pelo pulso e me guiou até uma mesa com três garotos.

Nos aproximamos da mesa. Vários olhares estavam direcionados a mim e ao Jungkook. Só que a maioria era para os nossos pulsos . Por um momento me senti envergonhado com isso. "E nossa, suas mãos são muito macias!" Que que eu estou pensando? Taehyung pare. Se você quer fazer amizades tem que se acostumar. Faz muito tempo que não faço amigos novos. Só o Suga e Jimin que estão comigo desde a infância.

Jungkook: Fala ae galera!- ele chega na mesa e comprimenta os outros e logo depois me apresenta.- Esse aqui é o aluno novo da minha sala.

Meu amigo Taehyung.- sorri e meu coração se encheu de alegria quando escutei a palavra amigo. Acenei para os três meninos que até agora eram desconhecidos.- Esses aqui são Namjoon, Hoseok e Jin.

Namjoon: Eae beleza ? Posso te chamar de Tae? Ah se quiser pode me chamar de Rap Monster.- sorriu mostrando suas covinhas.

Eu: Beleza! Claro. - sorri quadrado

Hoseok- Pode me chamar de J Hope.-Hope? Esperança? Quê?

Jin- ah pode me chamar de… - foi interrompido pelo Rap Monster.

Namjoon: Pink princess- falou com voz de menininha, que fez todo mundo rir. Mas por que Pink Princess? Tô curioso pra saber o significado de todos esses apelidos.

Então, o inesperado aconteceu. Fiz mais de um amigo em um dia. 



♧Enquanto alguns escolhem pessoas perfeitas, eu escolho as que me fazem bem.

    ~ Você me fez bem, me faz bem


Notas Finais


Obg por lerem! Desculpe qualquer erro;-;
Bjus taekookas~~~


Até o próximo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...