História I Never Fall in Love - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Magcon, Nate Maloley, Victoria Justice
Personagens Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Jack and Jack, Jack Gilinsky, Jack Johnson, Jacob Whitesides, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Personagens Originais, Sammy Wilkinson, Shawn Mendes, Taylor Caniff, Victória Justice
Tags Aaron Carpenter, Cameron Dallas, Carter Reynolds, Jack & Jack, Jacob Whitesides, Mahogany Lox, Matthew Espinosa, Nash Grier, Nate Maloley, Sammy Wilk, Shawn Mendes, Victoria Justice
Visualizações 107
Palavras 966
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


I'M BACK BABES!
Depois de 1983472 anos eu voltei
Mil desculpas por ter ficado sem postar quase dois meses. É muito tempo eu sei, mas bloqueio criativo é uma merda!
Também tem minhas outras fics, mas enfim...
Cá estou eu!
Boa Leitura!!
Bjoooo<3

Capítulo 19 - Do You Want The Truth?


POV Blair

Eu não consiga prestar atenção no que o professor estava falando. Eu pensava sobre a Julie, sobre o Nate, sobre a vaca da Zoe. Quer saber? Eu vou acabar com isso hoje. A Zoe ultrapassou o nível de chatice, putice, idiotice, tudo. Eu não aguento mais ela.

Depois que as aulas acabaram eu fui no meu dormitório despachar a mala, mais conhecida como Zoe. Desde que ela falou que era só questão de tempo para o Nate me esquecer, ela ficou em primeiro lugar na minha lista negra.

- Bom, eu acho que você não precisa mais ficar aqui, né? – cheguei no meu quarto dizendo isso – Percebi que isso não ajudou em nada, então vocês já podem ir. Tchau.

- Calma, amiga – Zoe disse - a gente nem chegou direito.

- Ah chegaram sim. Vai embora, o quarto é meu e vocês já ajudaram bastante – disse sendo visivelmente falsa.

- Nós vamos comer alguma coisa, depois a gente conversa – Zoe disse e saiu junto com a Soph, que ficou totalmente calada.

A Soph era legal, super gentil e meiga. Por mim ela podia ficar, mas se ela fica a vaca também fica.

Fui ao encontro do Nate, que estava com o Sammy na quadra. Passei pelos dois com raiva e puxei o Nate pelo braço sem ao menos dizer “oi” para os dois. Levei Nate para fora da quadra onde não tinha ninguém.

- Eu odeio ela. Eu não aguento mais ela no meu quarto, eu quero que ela vá embora. Se ela fazer mais alguma coisa, eu vou matar ela, to te falan... – digo extremamente rápido, mas Nate me interrompe com um beijo. Ele nunca tinha feito isso antes.

- Quer que eu tire ela de lá? – ele me perguntou sorrindo, fazendo suas covinhas aparecerem, eu assenti. Encostamos nossas cabeças uma na outra.

- Por que você fez isso? – perguntei me referindo ao beijo

- Para você se acalmar – ele respondeu rindo

- Ah, bom jeito de me calar a boca - disse ainda surpresa

- Vamos expulsar a Zoe – ele disse e estendeu a mão para eu pegar, assim fiz.

Nós fomos até o meu dormitório, de novo. Por sorte as duas já estavam lá. não me sentia totalmente confortável fazendo isso, mas eu não queria mais acordar e olhar a cara de cu, da Zoe. Sammy, Jack G e Mel estavam lá também.

- Maloley – Zoe disse se aproximando dele, tentando seduzi-lo.

- Zoe, tá na hora de você zarpar, não acha? – ele disse direto e reto, fazendo ela recuar um pouco.

- Você já quer que eu vá embora? – ela começou a passar a mão nele. Eu não sei como não bati nela.

- Eu nunca quis que você voltasse – ele disse e segurou o braço dela bem forte - Vai embora, Zoe.

- Você não manda em mim.

- Qual é Zoe, só vai embora – Gilinsky disse.

- Vocês são uns idiotas. Sempre gostaram de mim no passado, o que aconteceu para vocês mudarem de ideia? – ela gritou.

- Maturidade – Sammy murmurou.

- Vocês preferem essa dai, né? – ela disse se referindo a mim – Tudo bem, fiquem com essa puta.

- A única puta aqui é você – eu disse, tentando me acalmar – Sai do meu quarto.

- Depois que a Julie morreu, tudo mudou. Você mudou, Nathan – Zoe continuou – Você era mais legal antes.

- Vai embora – Nate repetiu revirando os olhos.

- Talvez a sua irmã tenha se matado porque não aguentava mais viver com você.

Ela passou dos limites, então sem pensar duas vezes, e por impulso, eu dei um tapa na cara dela. Minha mão começou a arder, mas valeu a pena.

- Você devia ter morrido com ela, Nate – Zoe disse novamente.

- Cala a boca, Zoe – Soph se manifestou, surpreendendo todo mundo.

- O que?

- Você ouviu o que acabou de dizer? Você desejou a morte de alguém – Sophie dizia indignada – Você sabe como todos nós sofremos com a morte da Julie. Isso não é brincadeira. Como eu não percebi antes o quão vaca você é?

- Eu não acredito que você está mesmo dizendo isso, para sua melhor amiga – Zoe falou com raiva.

- Eu não quero ser melhor amiga de alguém que brinca com a morte.

Zoe olhou bem para todos nós no quarto, balançou a cabeça em forma de negação e saiu. Suspirei aliviada.

- Vamos comer? Sabe, tudo isso que aconteceu me deixou meio nervosa, e nervosismo me deixa faminta – Mel disse nos fazendo rir.

Chamamos o Johnson, Nash, Cam, Mahogany e Jacob, para ir conosco a algum restaurante.

Eu tinha acabado de me livrar de um problema, até que estava meio feliz. Mas ainda tinha algo que me incomodava, e eu sabia exatamente o que era.

Nós chegamos no restaurante, pedimos o que queríamos e começamos a conversar. O clima estava bem melhor. O Nate e o Nash não se odiavam mortalmente igual antes, era um progresso.

- Ei, tá tudo bem? – Mel me perguntou ao me ver quieta.

- Eu só quero acabar com isso, e saber logo o que fez a Julie se matar – digo triste. Eu não entendia o porque disso me afetar tanto.  

- Ah B, acho que você tem que esquecer isso. Não sei se a gente vai descobrir – Melissa disse.

- Eu só queria saber o motivo. Porque é tão difícil? – disse e senti lagrimas nos meus olhos.

Que merda, por que? Por que eu quero saber tanto sobre isso? Por que isso me afeta?

- Blair – Cameron me chamou – O que foi?

- Eu quero saber a merda da história por trás da morte da Julie, mas parece que sempre tem alguém mentindo – gritei e todos se entre olharam.

- Blair, você quer a verdade? – Johnson disse – Então você vai ter...


Notas Finais


Ficou uma merda? Ficou, mas o próximo vai ser topzer!!
Não vou demorar para postar o próximo, prometo!!

COMENTEM, INDIQUEM, FAVORITEM

Bjooooo<3

Leiam minhas outras fics::
NOVA FIC:
She's Got A Bad Reputation (Shawn Mendes)
https://spiritfanfics.com/historia/shes-got-a-bad-reputation-9185286

My Mother´s Boyfriend (Cameron Dallas)
https://spiritfanfics.com/historia/my-mothers-boyfriend-8494265

Crazy (Shawn e a Sabrina Carpenter )
https://spiritfanfics.com/historia/crazy-shawbrina-7707403


Happy Ever After (Matthew Espinosa)
https://spiritfanfics.com/historia/happy-ever-after-7944173


I Still Into You (Shawn Mendes)
https://spiritfanfics.com/historia/i-still-into-you-7810119


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...