História I promise you - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias MasterChef Brasil
Personagens Ana Paula Padrão, Erick Jacquin, Henrique Fogaça, Paola Carosella
Tags Farosella Paolacarosella
Visualizações 86
Palavras 1.410
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá gente, espero que gostem, leiam as notas finais! Desculpe qualquer erro.
Fic-nova

Capítulo 1 - Casamento


Fanfic / Fanfiction I promise you - Capítulo 1 - Casamento


Dezembro, 2017 - Londres

Acordei com Ana me chamando, quer dizer me cutucando. Me levantei vagarosamente, ela falava mil coisas, mas minha cabeça estava girando e eu não estava prestando atenção em nada. Parecia um sonho e eu estava surda.

- Paola?- ela passou a mão em frente ao meu rosto para chamar minha atenção.- Terra chamando PAOLA!

- Fala aninha.- falei me espreguiçando.

- Em que planeta você está?- ela me puxou pela mão me fazendo levantar.- Hoje é o seu grande dia. Você vai se casar, querida. Com o homem que você sempre sonhou.

- Nunca sonhei em me casar Ana.- comentei fazendo a baixinha revirar os olhos. Mas realmente, eu nunca fui de seguir esses padrões, nunca imaginei me casar, entrar de branco, no meio de vários convidados me olhando. Ai meu Deus que vergonha .

- Nunca sonhou, mas aceitou. Você o ama certo?- essa pergunta me intrigou, mas era óbio que eu o amava, pois se não amasse não estaria me casando.

-Claro que sí Ana.- respondi saindo na sacada do quarto do hotel.

- Então por que não está animada?- Ana veio atrás de mim e ficamos em silêncio observando a paisagem, lindo dia que estava iniciando .

- Eu estou animada, só estou um pouco tensa.- respondi olhando para baixo e vendo o Jacquin que acenava para nós lá de baixo no Hotel. Acenamos de volta, ele e a Rosângela passeavam pelo lindo jardim.

- Você está pensando nele né?- Ana quebrou o silêncio.

-E como não pensar?-fechei meu olhos contendo lágrimas.- Passamos por tanta coisas juntos, que realmente, achei que acabaríamos juntos.

-Eu também achei.-ela segurou em minha mão.- Ainda há tempo de desistir desse casamento.

-Não posso Ana, não seria justo.- apertei a mão dela.

-Você nunca vai esquecer o Henrique né?

- Não dá, eu amo o Jason, por isso aceitei esse casamento, ele é legal, gentil, sempre me apoia... Mas...

-Mas?

-Mas o que eu sinto pelo Henrique é tão forte que talvez nunca se acabe, porém farei de tudo para esquecê-lo e sei que ele fará o mesmo.- agora as lágrimas caíram sem que eu pude evitar.

-Vem cá.- Ana me puxou para uma abraço, onde me desmanchei em lágrimas.

- Eu e o Fogaça temos uma forte ligação, um amor verdadeiro, mas não nascemos para ficarmos juntos. Nossos destinos podem ter se cruzados, só que não era para ser. Ele seguiu a vida dele com a Carine. E eu seguirei a minha com o Jason.

Saí do abraço e enxuguei minhas lágrimas.

-Isso não é hora para pensar nele.

-Vamos te arrumar então?- Ana perguntou.

- Vamos.

Saímos de lá em fomos direto para o local onde algumas meninas da produção do programa nos aguardava, elas nos ajudariam.

...

Henrique~

Não dormi nenhum segundo do vôo. De São Paulo ate Londres vim pensando onde foi que eu errei, onde foi que eu perdi a mulher da minha vida. Nunca amei ninguém como eu amei a Paola, eu havia prometido nunca deixá-la, nunca abandona-la, mas falhei, agora ela irá se casar com outro. Eu juro que eu tentei, com todas minha forças impedir que acontecesse isso, eu mudei, mudei por ela, virei um novo Fogaça e quis provar de todas as maneiras que eu conseguia ser o homem que ela realmente queria para sua vida. Mas falhei.Quem gostou foi Carine, que está comigo, e aliás veio tagarelando o vôo inteiro, com certeza ela estava satisfeita com esse casamento. Ela sabia que assim eu nunca mais teria chance com a Paola. Chegamos no Hotel que todos estavam hospedados. Avistei Jacquin que vinha até mim.

-Boa tarde Fogaça. Achei que no viria.- ele foi bem direto. O que me surpreendeu. Chegamos um pouco tarde, mas não era para tanto.

-Nos atrasamos um pouco, mas não tem por que perder esse casamento lindo né amor?- Carine forçou o mais possível o sorriso.

-Sim.- concordei por fora, mas por dentro eu estava corroendo de ódio. Puta que pariu, não caia a ficha, a Paola, minha Paola iria se casar com aquele velho.- Vamos para nosso quarto, querida, depois nos encontramos cara. Que horas começa mesmo?

- 17:00 horas.- Jacquin respondeu.

Carine e eu seguimos para nosso quarto, ainda tínhamos que nos prepararmos.

Paola~

A cada minuto que passava eu ficava mais ansiosa. Não só por causa do casamento, mas também por causa do Fogaça, eu queria que ele viesse, queria muito vê-lo, mas seria muito difícil também. Tive que escolher entre duas pessoas que amo foi terrível. Amo de maneiras diferentes mas amo os dois. Estava quase pronta quando Ana aparace para passar as últimas informações.

-Jacquin vai vim te buscar logo. Ta preparada amiga?- ela falou com os olhos cheios de lágrimas.

- Ele veio?- nem liguei para o que ela falou.

- Paola...

-Por favor, me responde.-eu fiz cara de dó. Só queria saber isso.

- Não o vi.

Aquilo acabou comigo, talvez seria melhor assim.

-Vamos te deixar a sós. Jacquin já vem.-ela beijou minha testa e saiu.

-Ok

Estava distraída ajeitando meu colar quando ouço alguém bater na porta.

- Pode entra.-falo e quando a porta se abre quase meu coração sai pela boca.

-Atrapalho?- era ele. O Fogaça veio. Contive minha lágrimas para não borrar a maquiagem.

-Não, fica a vontade.

-Porra Paola, você ta linda.-ele disse se aproximando.

- Obrigada.- sorri sem graça.

-É sério, você está muito linda. A noiva mais linda que eu já vi.- ele segurou em minhas mãos.

-Henrique...

Ficamos em silêncio.

- Achei que não viria.- quebrei o silêncio.

- Não poderia perder seu casamento. Aliás Vim te pedir algo agora.- ele segurou mais forte minha mãos

- O quê?-tinha medo do que seria.

- Posso entrar no lugar do Jacquin com você?

- Isso não é boa ideia.- era péssima ideia, eu e meu ex entrando juntos na igreja, que Maravilhoso.

- Por favor, Paola. Me deixa te levar até o Jason.

-Você está louco? Todo mundo sabe que já nos envolvemos.

- Idai, eu te levando lá vai mostrar que ficou tudo certo.- ele deu uma pausa.-Você é uma das pessoas mais importantes da minha vida, não importa o que aconteceu entre nós, mesmo que não seja comigo que você vai se casar e seguir sua vida, eu quero te levar lá, ter essa última chance de estar ao seu lado, poder entrar com você de noiva ao meu lado.

- Não me faça chorar.- eu segurava as lágrimas ao máximo, parecia que ia explodir.- Eu não sei...

- Vamos Paola!-Ana entrou do nada atrapalhando a conversa. Soltamos nossas mãos devido ao susto que levamos - Desculpa.

- Está tudo bem, já estou saindo.- Fogaça disse e já ia indo embora.

-Espera.- segurei em sua mão.- Jacquin, se importa de entrar com a Ana?

- Não, mas quem vai entrar com você?

- O Henrique.- entrelaçamos nossas mãos o que fez os dois olharem a nós sem entenderem.

- Paola você tem certeza?- Ana perguntou confusa, sem entender minha reação.

- Tenho sim, ta tudo bem. Nós já vamos.

- Ta bom, boa sorte.- Ana veio até mim e depositou um beijo em meu rosto. O mesmo fez Jacquin, que antes de sair falou a nós.

- Quero ver vocês logo, não vão fugir.- rimos e ele se foi.

Henrique me acompanhou até o carro e entrou também. Fomos em silêncio, minha tensão estava estampada na minha cara. Ao chegarmos no local minha pernas ficaram bambas, me deu um frio na barriga e minha mão suava de nervoso.

- Está muito nervosa dona Carosella.- ele brincou, mas me mantive séria e dei o braço a ele.- Nenhum sorriso para mim?

- Desculpa, eu to nervosa.- começamos a caminhar até o local da cerimônia.

- Tudo bem, eu entendo.

Chegamos ao local, era ao ar livre, tipo um sítio, mas estava todo bem decorado. Era lindo, com flores e vários enfeites decorativos, Ana mandou bem nos preparativos. Paramos logo na entrada, onde se estendia um tapete que iria até o moço que iria fazer a cerimônia e o Jason. Todos olharam sem entender para mim e Henrique, mas agimos da melhor maneira possível.

- Está preparada?- ele sussurrou

-Estou.

Conforme íamos caminhando com a música tocando, mil coisas se passaram em minha mente. Como eu e Henrique nos conhecemos, como terminamos, como Jason me pediu em casamento... Eu me senti em outra atmosfera. Até sair do meus pensamentos quando chegamos a frente. Fogaça deu um beijo demorado em minha testa. E cumprimentou Jason o mais amigável possível. Ouvi ele dizer ao Jason.

-Cuida bem dela ,cara.

- Irei cuidar.

O Cerimonialista inciou. A então esperada hora chegou. Meu coração disparou.

- Jason Lowe, aceita Paola Florência Carosella como sua legítima esposa?

- Eu aceito.

- Paola Florência Carosella, aceita Jason Lowe como seu legítimo esposo?

Fiquei em silêncio, olhei para Henrique que me encarava. Respirei fundo e logo falei.

-Eu...


Notas Finais


Bom, primeiro vou explicar, se eu continuar a história eu vou contar tudo o que aconteceu antes desse casamento e o que acontece depois. Então vai rolar uma curiosidade hahaha
Então continuo ou não?
Comentem por favor!😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...