História I Remember - Capítulo 3


Escrita por: ~ e ~parkchimchim83

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook Vhope Namjin Suga
Exibições 24
Palavras 1.379
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oee gente...bom mais um caps pra vcs...

Desculpa os erros

Capítulo 3 - 2 capítulo


                       Autora on

   Depois que saiu de sua casa, pegou o primeiro ônibus que o levava para casa de sua mãe, achou um assento e foi se sentar, estava amargurado, chateado, se sentindo traído, um lixo, se culpava por não ser bom o suficiente para ele, mas talvez não fosse jeon o culpado.

   Depois de uns dois ônibus que pegou, caminhou até a frente da casa de sua mãe, olhava para o chão, não levantava o olhar, não estava mais chorando, mas a qualquer momento podia.

   Chegou em frente a casa que tanto conhecia, bateu na porta e esperou atenderem, cogitou a ideia de bater novamente mas logo ouviu passos e o trinco da porta destrancar, revelando uma mulher a sua frente, não tão velha.

  - Filho?...entra - puxou jeon para entrar em sua casa, logo fechando a porta. - o que aconteceu? O que você tem ? - a mulher pegou em seu rosto delicadamente levantando, fazendo o olhar em seus olhos, jungkook apenas a abraçou forte e novamente chorando, sentia falta daquele corpo menor que o seu, daquele calor, se sentia tão protegido quando estava em seus braços, sentia falta de sua mãe. - está tudo bem agora, calma, vai dormir amanhã conversamos...tá bom? - jeon apenas balançou a cabeça positivo, e sua mãe o guiou até seu antigo quarto.

   Chegando lá, depois de subir as escadas, sorriu ao ver aquele quarto tão arrumado, do jeito que deixou, -claro que não foi arrumado- sua mãe sempre foi organizada. Ela saiu o deixando sozinho, não demorou muito ela voltou.

  - Aqui está, toalhas , forro de cama, cobertor e travesseiro - sorriu terno e foi arrumar a cama, recebendo de jeon um murmúrio "obrigado" bem baixo - de nada. Bom está tudo pronto, descansa amanhã ser a um dia e tanto.

  - Obrigado mãe, amo a senhora - falou com um sorriso calmo nos lábios.

  - Eu sei disso - riu, contagiando jeon que também riu - também te amo meu filho. Boa noite. - foi até jungkook que ainda estava parado em frente a porta segurando sua mala, e lhe deu um selar na testa, este que sorriu e viu sua mãe sair e fechar a porta.

   Respirou fundo, e caminhou até a cama, pôs sua mala em cima da mesma, e tirou de lá de dentro, apenas uma calça moletom e uma cueca box, pegou a toalha que sua mãe deixou em cima da cama, antes de sair, e caminhou lentamente até o banheiro, se despiu e entrou no box, ligou o registro deixando que os pingos de água morna cair sobre seu corpo. Jungkook tornou a chorar novamente, deixando suas lágrimas misturar-se com aquelas gotas d'água que caíam sobre seu corpo.

   Por fim, terminou de tomar banho rapidamente, saiu do banheiro se secando caminhando até o quarto, terminou e vestiu sua cueca e a calça moletom cinza, tirou a mala de cima da cama e pôs ela no chão do lado da cama, depois deitou e se cobriu. Desejando dormir e não acordar, fechou os olhos e sem perceber dormiu, tanto pelo cansaço físico, quanto emocional.

                          ~ ☆ ~

   Acordou com poucos raios de sol invadindo seu quarto através da cortinas brancas. Choramingou por ter acordado, e virou para o outro lado da cama, e cobriu  seu rosto com o cobertor.

   Como era sexta-feira resolveu faltar no trabalho, não estava com ânimo, muito menos com paciência para fazer alguma coisa, ou conversar.

   Iria tentar dormir de novo, caso não ouvi se sua mãe, cantarolando uma música qualquer, decidiu levantar, ficou um tempo sentado na cama, tentando acordar realmente, seguiu para o banheiro, procurou pelas gavetas uma escova de dente, assim achou uma nova, deu de ombros e começou a escovar seus dentes e lavar o rosto, depois falaria para sua mãe que usou aquela escova.

   Vestiu uma blusa branca de mangas curtas, ja que estava com sua calça moletom cinza desceu para a cozinha encontrando sua mãe de costas para si, e de frente para o fogão, sentou na cadeira e falou:

  - Bom dia mãe - sorriu, vendo ela se virar com um sorriso no rosto, e secando as mãos em um pano.

  - Bom dia filho, dormiu bem? - perguntou voltando ao fogão.

  - Dormi sim, obrigado - sorriu - ah, eu usei uma escova nova.

  - Está tudo bem, deixei lá para você usar mesmo.

  - Ah, sim obrigado, está fazendo o que ? Que horas são?

  - Almoço. Acho que meio dia... - viu ela pegar algo no bolso e verificar algo. - não, é uma e meia. Não vai para a trabalho não ?.

  - Nossa - murmurou baixo, realmente estava cansado. - hoje não - deu de ombros.

  - Ah sim, está com fome? Já estou terminando aqui já, mas se quiser algo pode ir comprar, eu realmente, não comprei café da manhã.

  - Não tudo bem, eu espero - sorriu - posso ir assistir TV?.

  - Pode sim - riu fraco. Logo isso jungkook se levantou e seguiu para a sala, chegou e ligou a TV se jogando no sofá, e passando os canais, deixando em um desenho animado.

                   ~ ☆ ~

  - Filho? Já está pronto. - a mais velha da casa grita da cozinha para jeon a escutar, assim ele levantou, agradecendo mentalmente, já estava com bastante fome.

  - Hmm...que cheirinho bom. - falou sorrindo quando chegou na cozinha, sua mãe apenas lhe ofereceu um sorriso agradecendo. Pôs seu prato e se sentou na mesa de janta, logo em seguida sua mãe também.

  - Então... quer conversar agora? - ela pergunta receosa, não sabia do que se tratava, mas se seu filho chegou em sua casa tarde da noite chorando, algo ruim tinha acontecido. Jeon respirou fundo, pensando por onde começava, sentiu um aperto no peito, por apenas se lembrar do que aconteceu.

  - Então... foi o meu namorado. Na verdade ex namorado. -  falou com a cabeça baixa, cutucando a comida com o garfo.

  - E o que ele fez? - pergunta o fitando preocupada.

  - Me...traiu, quando cheguei em casa, ele estava no nosso quarto, na nossa cama, com outro, que eu sequer conhecia. - seus olhos já estavam marejados. Fungou. - eu só fico me perguntando se...se fiz algo de errado, se fiz algo que não lhe agradou, se nosso relacionamento, para ele, estava desgastante, se eu não fui bom o suficientemente, - levantou o olhar, já chorando e fitou sua mãe. - eu... eu só queria saber, sabe? O porque disso, não consigo entender.

  - Olha...- a mulher levantou de sua cadeira, e sentou em outra do lado da de jeon, passando uma de suas mãos pelas costas do garoto a sua frente, em uma leve acaricia. - você não foi  o culpado, tá bom? Você não fez nada de errado. Ele...não sei...deve ser algo com ele mesmo, não se culpe por isso meu amor.  Não se magoe, não faz com outra pessoa o que ele fez com você , eu sei que não é fácil, mas tente. Continue sendo o menino bom que você é, não mude sua personalidade  por causa dele, tá bom?.

  - Eu sei mãe, não é fácil, eu já estou muito magoado. Na verdade eu não sei mais de nada. - falou entre soluços, completamente confuso com tudo aquilo, sabia que sua mãe estava certa. Mas será que Jeon, vai seguir esses conselhos?.

  - Sim filho, olha se quiser ficar aqui, pode ficar tabom? Quanto tempo quiser, não tem problema. - falou limpando as lágrimas no rosto no maior, e sorrindo. Jeon a abraçou forte, murmurando "obrigado" várias vezes.

  - Está tudo bem, agora se acalme, e come, se não vai esfriar. - falou e sorriu, indo comer também. E assim terminaram de comer, jeon se ofereceu para lavar a louça, e foi aceito de bom grado, ele lavou e ela secou, conversando coisas aleatórias e rindo várias vezes.

                         ~ ☆ ~

   Horas mais tarde, os dois estavam na sala conversando sobre os programas aleatórios que passavam na TV. Até que a campainha toca, sua mãe se levanta, falando que já voltava, jeon ficou observando de longe sua mãe abri a porta e abrir um sorriso

  - Jimin!.

   E foi nesse momento que conheci meu amado.


Notas Finais


Me digam o que acharam...^-^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...