História I Saw Love In Your Eyes - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 9
Palavras 1.789
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiê :3

Capítulo 4 - Momento estranho


Elas estavam completamente loucas,juro que nunca mais levo de menores para balada.

Agora

Sexta-feira

4:20 A.M

Estava muito estressada tentado tirar elas da balada que, por ser 4 horas da manhã, estava ainda lotada, chamei um táxi e as levei para minha casa, elas estavam bêbadas de mais para me dizer aonde moravam.

Entramos no meu apartamento, que estava super silencioso, acendo as luzes devagar e as levo para a sala, vou agradecer eternamente pelo fato delas terem caído no sono sem dar nenhum trabalho, S/N dormiu no sofá, Dany e Gabi em um colchão que eu havia pocisonado no chão da sala mesmo, adentrei em meu quarto tomei um rápido banho, coloquei o pijama que achei mais rápido entre o monte de roupas no canto do meu guarda roupa e me deitei.

Escutei um barulho vindo do meu celular, era a Mari.

📱

Mari: Lu, nao te achei, aonde você estava?

Eu: Tive que ir embora... As meninas beberam muito, trouxe elas para minha casa

Mari: Nossa... Mas elas deram Pt?

Eu: Ainda bem que não, chegaram e dormiram rapidamente

Mari: Menos mal então, bjs Lu até

Eu: Bjs

📱

Desliguei meu celular e adormeci rapidamente.

7:15

Acordei ao som do meu dispertador que tocava incrivelmente alto, fui ao banheiro e percebi que estava com uma cara péssima, com muito sono e olheiras de se assustar, fiz minhas higienes, passei maquiagem leve, porém suficientemente fortes para esconder a cara de sono, troquei de roupa e fui para a sala aonde as meninas já estavam acordadas tomando café.

-Como vocês estão?- Perguntei secamente enquanto puxava uma cadeira da mesa da sala de jantar, para poder me juntar a elas.

-Bem, não lembro de muitas coisas que aconteceram ontem, por exemplo como vim parar aqui e estou com a minha cabeça estourando mas tirando isso, eu estou bem- S/N disse pegando um cacho de uva da fruteira.

Comemos em silêncio, chamei um táxi para elas, que voltaram a seus devidos apartamentos e fui de moto para a minha faculdade.

((Quebra de tempo))

Pov's S/N

As meninas foram dar uma volta para conhecer a cidade e eu resolvi ficar em casa dançando.

Comecei a dançar até o memento que fui interrompida pelo toque de um celular, mas não era o meu.

Caminhei a procura do barulho que o aparelho fazia, e o mesmo me levou até o banheiro do quarto de Danielly, ela havia esquecido o celular, o atendi, por ser muito amiga dela e poderia ser algo importante

Ligação on.

Xxx- Danielly? É o Namjoon, o V me passou seu número, quanto tempo.

Eu: Ah... Não é a Dany.

Namjoom: Número errado?

Eu: Não, o número esta certo, só que a anta esqueceu o celular em casa carregando -Escuto uma voz familiar no fundo da ligação e acabo falando sem pensar- Jin?

Namjoon: Jin!? Você o conhece ?

Eu: Sim!, Ele me levou para a sala de aula, aish meu primeiro dia na escola eu já estava dando trabalho.

Namjoon: Ahh você deve ser a S/N, ouvi muito sobre você....

Eu:hm, Bom, aviso para a Dany que você ligou e falo para ela retornar o mais rápido.

Nam: okay, Obrigado.

Eu: Nada.

Ligação off

Volto para a sala e me sento no sofá entediada, quando recebo uma mensagem, era o Bambam.

📱

Bambam: Ei, hoje é a sua primeira aula, quer carona?- Fiquei sem responder um tempo com o celular na mão tentando raciocinar, aula ? Mas de que ? Foi aí que caiu minha ficha e eu me lembrei, putz a aula de dança.

Eu: Bambam eu havia esquecido, obrigada por me lembrar e sim aceito uma carona

Bambam: Ok, passo aí daqui 5 minutos, e de nada

📱

Fui até o meu quarto para me arrumar, não tirei a maquiagem já que ela estava leve, coloquei uma calça preta com uma blusa colorida, peguei minha bolsa na qual havia um moletom branco uma garrafa d'água e uma necessaire.

Escutei o interfone tocar, provavelmente era Bambam.

Me direcionei a porta pegando a chave de casa que estava na mesinha, ao lado da mesma junto com umas cartas que haviam chegado ontem, provavelmente eram coisas da escola ou da agência de intercâmbio, não me dei ao interesse de ler, sai de casa tranquei a porta e me direcionei ao elevador, que por conhecidencia, se encontrava parado no meu andar, desci até a entrada do prédio, aonde havia um corredor que levava a uma porta de vidro que dava para a rua, atravessei ela e encontrei o Bambam que sem dizer nada saiu andando a minha frente até o carro  apenas o segui.

-Pode entrar- ele disse indo até a porta do banco do motorista.

Entrei coloquei o cinto e ele deu partida no carro, como a escola não era longe não demorou muito, fiquei agradecida pois o silêncio estava levemente constrangedor, pelo menos para mim, já ele parecia estar super bem.

Saímos do carro em direção a entrada da escola, passamos pela recepção, pois a catraca por onde entramos de manhã estava fechada e fomos até a sala de dança que ficava no terceiro andar, ao lado da sala de teatro e piano, a sala era enorme cheio de espelhos e com ótimos aparelhos de som.

Me adentrei nela e posicionei minhas coisas em um banco enquanto aguardava a professora ansiosamente, por mais que parecesse uma coisa completamente supérflua eu estava nervosa.

-Boa tarde alunos-a professora entra na Sala-Bom trago algumas novidades por primeiro temos uma aluna nova, S/N seja bem-vinda, a outra notícia é que fomos chamados para fazer uma apresentação através de uma empresa de dança, para eles observarem o desempenho de cada um e quem sabe ate oferecer uma bolsa em suas futuras faculdade, se forem fazer algo relacionados a dança. E o tema dessa apresentação e também dessas quatro semanas é Street Dance. Ela diz enquanto pega o pendrive e uma folha-Ah S/N não te disse mas, toda semana treinamos um estilo diferente de dança e com base nesse estilo fazemos atividade diferentes como apresentações, criação de passos entre outros.

Apenas concordei com a cabeça.

Street dance é meu estilo de dança favorito, depois de Ginástica rítmica, por mais que eu ame coisas fofas, odeio ballet e amo street dance e hip hop, são os estilos de músicas que eu me dou melhor em relação a coreografia.

-Bom vocês vão montar uma coreografia com uma músicas escolhida por vocês, mas tudo com a minha ajuda e isso tudo será efetuado em duplas.- Ela coloca o pendrive no aparelho de som e todos ficam quietos- Que eu escolhi com base em quem eu quero que trabalhem junto pois tem o mesmo ritmo, o mesmo nível e, também, o mesmo potencials. As duplas são:Bambam e Haneul;Jimin e Jungkook; Hoseok e S/N;Jacksone Hyuna. Podem se juntar e Discutir- Ela finaliza o que estava dizendo  enquanto pega um caderno uma ceneta e se senta no canto da sala.

Fui caminhando até minha dupla quando me dei conta de quem ele era... Na festa eu havia visto ele, ah estou tão ferrada, eu tenho que odia-lo mas ele é tão bonito, quanto mais chego perto dele mais me desperta uma grande curiosidade.

-Sorte a sua- Ele me diz enquanto começa a se alongar e eu faço o mesmo.

-Porque? - pergunto alongando minhas pernas.

- Quando a professora faz esse Tipo de dupla, separado por 'experiência' eu fixo sozinho por que, segundo ela, são poucos os que conseguem me acompanhar, então parabéns e boa sorte- ele diz se movendo até o centro da sala.

Não sabia oque dizer, isso é bom? Eu ser uma das poucas que consegue o acompanhar? Quer dizer que eu não for bem vou pagar um micão, imagina se eu falhar e não conseguis mostrar do que eu sou capaz, todos e principalmente o hoseok iriam ficar com raiva de mim. 

-O que você acha dessa música?- O mais velho pergunta me tirando de meus pensamento.

Ele aperta o play e a música começa, faço a contagem com meu pé e vou admitir a música era boa, tinha uma batida ótima pata fazer esse tipo de dança.

-É uma boa música, tem uma batida boa para ajudar a fazer os passos e eu já peguei a contagem da música- Digo e ele me olha surpreso.

-Você parece levar jeito, vamos ver se é assim dançando- ele diz se posicionando para frente ao grande espelho da sala.- Vou fazer uns passos que pensei para a música, tente me acompanhar.

De primeira eu peguei a coreografia, meus pensamentos sobre os passos não haviam passado tão longe.

Passamos a coreografia mais três vezes, quando acabamos de passar a última vez, olhei ao redor e me dei conta que só estávamos nós dois ali, os outros alunos haviam ido e eu nem tinha percebido, quando danço é como se me desligasse do mundo, não prestava mais atenção em nada, o mundo ao me redor desaparecia, só existia eu e a música e pude notar que hoseok se sentia do mesmo jeito pois estava procurando os outros presentes na sala mais cedo feito um louco.

-Okay, tenho que admitir você é realmente boa-ele diz ofegante enquanto se senta no chão.

-Obrigada, você também dança bastante - digo enquanto pego uma garrafa de água e me sento ao lado dele.

- Eu soube que você não é da qui- ele diz e eu fito o chão- Brasil né?- eu concordo com a cabeça- Isso explica o seu sotaque.

-Sim, um monte de pessoas já vieram me perguntar sobre esse 'sotaque'-Digo e olho para o teto.

-Voce é a amiga da Dany não é ?- ele pergunta e eu volto meu olhar para ele com um ar curioso.

Queria poder negar, mas não posso.

-Sim- Digo e ele da um suspiro Baixo-E você é do Suga.

Ele concorda com a cabeça e eu fito a garrafa cor de rosa que eu estava segurando na qual a água já estava na metade.

Permanecemos em silencio, um silêncio bom, até que percebemos que havia alguem se aproximando.

-Hoseok?- Alguém diz parando na porta, quando me dei conta que era o Suga, me levantei rapidamente e caminhei para a minha bolsa, coloquei um moletom, pois lá fora estava um clima meio frio, tipico de Coréia, peguei minha mochila e sai da sala.

-Até- Foram as únicas palavras que saíram da minha boca, e queria que tivesse sido as únicas ditas antes de eu ir.

-Ei S/N- hoseok disse me fazendo parar a centímetros antes da saída da quele estudio -será que poderimos ensaiar terça feira aqui novamente? Para que quarta esteja tudo montado, para mostrar a professora- dou um suspiro leve e baixo.

-Claro, que horas?- pergunto o olhando, viro meu olhar para o Suga e rapidamente volto o olhar para o Hoseok.

-As 15:00? Ta bom para você ?- ele pergunta olhando o Celular.

-Sim está bom, ja vou indo- me viro e saio rapidamente da sala, pego meu celular coloco meus fones e vou caminhando até meu apartamento pensando no treino e no momento que posso ate chamar de estranho que acabara de acontecer.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!
Desculpe os erros.
Até o próximo capítulo ☺


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...