História I think I love you - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, V
Tags Cat!jimin, Híbrido, Hoseok, Hybrid!au, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Taehyung
Exibições 313
Palavras 2.110
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey! ^^ Voltei mais cedo, espero que não se importem.
Só digo que a atualização rápida tem muito a ver com o link que eu vou deixar nas notas finas. Foi mas forte que eu. Eu tinha que mostrar isso a alguém!
Mas bom! Aqui esta a primeira parte da festa espero que gostem.

Capítulo 5 - Festa I


Quinze minutos de caminhada e quando deram por si ambos já se encontravam no local da festa. A casa era de um tamanho considerável. Com duas plantas, pintada na cor branca e revestida com pedras cinza na parte inferior. Uma escadaria pequena conduzia até a porta de madeira escura enquanto na varanda alguns adolescentes riam e bebiam tranquilamente de seus copos com a musica animada que ressoava por todo o local.

Ambos híbrido e humano se fitaram antes de em um movimento sincronizado sem planejamento prévio se dirigirem até a entrada da residência barulhenta.

 Os colegas na varanda não pareceram notar sua presença quando passaram por si entretidos demais entre gargalhadas altas e um pouco estridentes. Não eram nem dez da noite, mas o cheiro de álcool era forte e predominante ali. Assim como também dentro da casa na qual entraram sendo recebidos primeiramente por um ar quente que contrastava notoriamente com a brisa fresca do lado de fora, além de um ambiente apenas iluminado por luzes de neon e uma quantidade considerável de adolescentes, já fossem híbridos ou meros humanos dançando animadamente ao som da musica alta.

Jimin torceu o nariz graciosamente. O mesmo era muito sensível a cheiros e por tanto a mistura grotesca entre bebida, perfume e suor se tornava dez vezes mais forte pra si, assim como o som estridente o qual percebia bem mais alto que qualquer humano ali, como se ao chegar a suas orelhinhas ele se amplificasse, mas felizmente sem chegar a ser doloroso só desconfortável. Era sua primeira festa e a primeira impressão já não havia sido das melhores.

Por sua parte Jungkook somente olhou ao redor sem realmente saber o que fazer. Ele amava dançar, mas dançar no meio de uma mare de estranhos e ainda por cima naquela sauna improvisada que se tornara a sala da residência não lhe parecia muito convidativo no momento.

Estava prestes a chamar a atenção de Jimin quando um peso extra sobre seus ombros o fez se abaixar involuntariamente.

— Jungkookie Oppa, Jiminnie Oppa vocês vieram! —

Uma voz estridente e extremadamente risonha os cumprimentava enquanto sua dona se apoiava em ambos os garotos felizmente. O cheiro de álcool mesmo leve sendo evidente em sua presença.

Shin Suni, a anfitriã da festa era quem lhes recebia logo de cara.

— Suni-yah você esta bêbada— o hibrido constatara mais uma vez torcendo seu nariz diante o cheiro presente de forma fofa chamando a atenção da mencionada.

 Jungkook aproveitou a deixa para se desvencilhar do abraço indesejado deixando a menina se apoiar somente no garoto gato.

— Aigo Jiminnie oppa é claro! É uma festa! — ela ria e por pouco não tropeçara nos próprios pés ao tentar se afastar do ruivo quem rapidamente a segurou pela cintura a deixando espalmar suas mãos pequenas em seu tronco— Opps—

Ao mesmo instante o maior sentiu seu peito esquentar e sua cara fechar. Com toda aquela proximidade a cena poderia ser facilmente mal interpretada e a mera possibilidade de ser real o incomodava mais do que gostaria de admitir.

Suni era uma garota bonita, ele tinha que admitir.

Realmente bonita e o pior de tudo era que ela era uma híbrida de gato assim como Jimin e conhecia ambos, Jimin e Jungkook, desde os tempos de creche criando uma amizade duradoura desde esse tempo como o menor.

Eram o casal perfeito. E a constatação disso fazia o sangue do moreno ferver e suas mãos se fecharem em punhos involuntariamente, mas ao mesmo tempo se sentir culpado. Suni não tinha culpa de seus sentimentos e querendo ou não a menor sempre fora uma boa companhia tanto pra ele quando o híbrido ruivo.

— Jungkookie você ouviu? — a voz de Jimin falando alto o fez o olhar novamente.

O garoto agora segurava a garota animada pela cintura enquanto essa tinha seu braço sobre seus ombros como mais cedo. O gesto em si era tão casual e ambos aparentavam estar tão confortáveis que de fato pareciam um casal.  O maior torceu a boca inconscientemente ante a visão.

— Não, desculpa o que foi que disse? — ele questionou vendo como rapidamente Jimin sorria abertamente parecendo emocionado com algo.

— Suni-yah disse que vai ter uma competição de dança agora mesmo na piscina e nos convidou pra ir até lá!— ele contava animado e o Jeon por um momento se esqueceu de seus pensamentos anteriores voltando a sorrir enternecido ante a paixão do menor pela simples ideia.

— Parece legal— ele não pode evitar disser.

— Então vamos lá! Oppa vai ser tão divertido!— mais uma vez Suni ria alto demais e feliz demais subitamente saindo do lado de Jimin provavelmente com intensões de ir até o local mencionado, mas acabou por tropeçar e cair direto nos braços de Jungkook quem por reflexo a segurou repetindo a cena de mais cedo com Jimin. — Desculpa Jungkookie Oppa é difícil caminhar com esses sapatos! — ela exclamara levantando a cabeça pra poder fita-lo e o maior não teve como não rir ante a visão.

As bochechas dela estavam coradas tanto pela bebida quanto o calor dentro da casa, as orelhinhas também castanhas como seu cabelo estavam abaixadas demostrando que de fato estava arrependida e ela fazia um bico pequeno.

“Fofo”. Foi o primeiro pensamento que lhe veio à mente.

Mas subitamente Jungkook se lembrou de Jimin, provavelmente ainda parado em sua frente e levantou o olhar pra velo e se surpreendeu ao encontra-lo os fitando diretamente com uma expressão indecifrável no rosto.

Não era desgosto, mas certamente tampouco apreciação. Ele só parecia... Pensativo. Mas Jungkook não pode deixar de se preguntar:

 “Pensativo sobre o que?”.

(=^・^=)

Ao chegarem aos fundos da casa de Suni se depararam com uma roda inteira de alunos de diferentes series fazendo alvoroço pela pessoa que dançava no centro.

Aparentemente a competição já tinha começado então com certa dificuldade os três adolescentes fizeram seu caminho entre o aglomerado de estudantes até conseguir enxergar a pequena “pista” improvisada que fora formada ali mesmo sobre a parte empedrada ao lado da piscina.

Suni continuava colada ao seu lado, mas Jungkook assumia a culpa por isso afinal tinha sido ele quem havia tomado o trabalho de conduzir a garota cambaleante até onde estavam.

Realmente não era nenhum problema pro mais velho faze-lo. Pelo menos se ela estava junto de si consequentemente ele se assegurava de ela não estar abraçando o braço de Jimin em busca de apoio como fazia agora com o seu próprio.

Só que o que o Jeon não percebia eram os olhares entre irritados e decepcionados que o ruivinho lhe lançava cada tanto. A ele e a castanha risonha em seu costado.

— Wow! Hoseok sunbae é realmente muito bom— a voz da menor dos três conseguiu finalmente levar a atenção dos dois garotos ao dançarino a sua frente.

O mencionado se movia com agilidade e ao mesmo tempo graciosidade. As mãos e pés se movendo juntos em uma dança condicente com o ritmo rápido da musica alta. Era feroz e sensual ao mesmo tempo. Os olhos estavam fechados como se ele sentisse cada nota, criando cada movimento de acordo ao que escutava.  Era lindo e Jungkook sentiu a necessidade de acompanha-lo, mas se conteve com batucar as pontas dos dedos em sua coxa seguindo o ritmo da canção contagiante de algum grupo de K-POP popular.

Ele reconhecia o garoto como Jung Hoseok, um sunbae do terceiro ano que fazia aulas de dança na mesma academia que ele e Jimin haviam começado há frequentar esse mesmo ano.

Mas obviamente Hoseok sendo mais velho e estando na academia há mais tempo não estava na mesma turma que eles. De fato ele era um dos alunos da aula avançada e agora Jungkook via por que. Ele era de tirar o folego.

Não só no referente à dança, mas também em aparência. O garoto tinha cabelos tão negros quanto o seus próprios, um rosto anguloso e um sorriso cativante e contagioso e o corpo muito bem desenhado. Agora mesmo ele usava uma camisa de mangas longas branca e simples jeans escuros, porem era suficiente pra remarcar cada curva de sua figura, além de que quando ele fazia movimentos repentinos a camisa levantava deixando ver um pouco do abdômen definido.  

E bom talvez isso fosse um diagnostico observador demais vindo de alguém que apenas houvera trocado comprimentos como o mais velho e o admirasse apenas por sua dança. Mas talvez só talvez Jungkook tivesse tido um pequeno crush no rapaz de sorriso largo ano passado. Mas isso ninguém precisava saber.

Hoseok dançou apenas por mais alguns segundos até a musica acabar sendo ovacionado e aplaudido descontroladamente inclusive pelo Jeon e os dois híbridos que tinham se descoberto fans entusiastas e barulhentos assim como a maioria ali presente. E então o outro garoto, alguém que Jungkook não tinha ideia de quem era começou a fazer sua parte. 

A diferença de Jung ele usava roupas mais largas e acordes ao ritmo rápido do hip-hop que dançava, no entanto o que mais se destacava nele com certeza era o cabelo azul vibrante que se mexia conforme cada um de seus movimentos, os quais eram rápidos e muito precisos.

Ele era bom, muito bom de fato. Mas não havia duvidas que o Jung fosse melhor. O que ficou claro ao menino de cabelo colorido terminar de dançar, infelizmente não recebendo uma resposta tão emocionada do publico porem ainda assim animada.  

Por sorte ele não pareceu muito afetado, sorriu educado e fez uma leve reverencia ao acabar, aceitando mais do que feliz a mão que Hoseok lhe estendera e pelas poucas palavras que trocaram e a reação do garoto no final de tudo, Jungkook pode constatar que assim como ele, o outro também era um grande admirador do sunbae.

Aos poucos as pessoas começaram a dissipar-se pelo pátio traseiro. Alguns parando por ali mesmo e outros voltando pra festa no interior.

Jungkook se virou pra sugerir pros outros dois pra voltarem para dentro, mas quando foi olhar percebeu que Suni já não estava mais a seu lado. Procurou ao seu redor, porem o único que encontrou foi Jimin parado a sua esquerda.

— Suni-yah saiu com umas amigas que a chamaram— o ruivinho comentou sem nem mesmo precisar ouvi-lo perguntar.

— Nem percebi quando ela foi embora— disse francamente constatando que provavelmente tinha sido em meio à apresentação do garoto de fios azuis.

Ele realmente usava toda sua concentração quando o assunto era dança.

—mmm— foi à resposta do menor e Jungkook estranhou. Ele não costumava ser tão seco— Vamos voltar? — ele perguntou, mas não esperou o Jeon responder já se encaminhando pra fora dali.

O hibrido parecia incomodado com algo e o maior não soube muito bem como tratar o assunto, acostumado com Jimin sempre sendo uma bolinha de pelos laranja animada e alegre, não era do seu feitio aquela atitude distante e quando emburrado ele costumava ser bem mais birrento e expressivo e não tão fechado. 

Internamente enquanto caminhava a seu lado Jungkook repassou tudo que tinha acontecido desde sua chegada à festa até ali tentando encontrar o motivo da irritação do mais novo. Porem a única coisa suspeita e diferente que encontrou foi à aproximação de Suni. Estaria Jimin com ciúmes da garota?

Ao pensar na possibilidade o maior quase parou em seco onde estava e uma pontada em seu coração o fez ficar subitamente triste e um sorriso resignado pintou seu rosto.

Mas é claro. Qual outro motivo poderia haver? Jimin gostava de Suni e por isso estava irritado, dado que ele tinha passado a maior parte da noite colado a garota, ou ela a ele, já não sabia mais.

Isso era frustrante e desanimador. De repente Jungkook sentiu vontade de provar a teoria de que bebendo demais você esquecia seus problemas. A ideia era realmente tentadora e ficou martelando em sua cabeça por mais tempo que o aconselhado, porem ele lembrou que seu pai viria lhe buscar na saída da festa e provavelmente não ficaria nada feliz em velo se debruçando pelos cantos sem poder andar direto tal como a garota castanha hoje mais cedo. Além do que, quem sabe que asneiras ele poderia disser enquanto bêbado? E ainda por cima havia Jimin.

Ele não tinha só prometido à senhora Park que cuidaria do gatinho, mas também a si mesmo e isso a muito mais tempo do que algumas horas atrás. Ao redor de uns seis anos antes, pra ser mais exatos.

Não, ele não podia deixar Jimin a mercê de qualquer um. E beber até cair seria o mesmo que jogar o menino aos lobos pra fazer o que bem entendessem com ele.  E pelo o momento o Jeon não estava nem um pouco disposto a deixar isso acontecer.


Notas Finais


GENTE HAHAHAHHA OLHEM ISSO É BIZARRO E HILÁRIO AO MESMO TEMPO:
BANGTAN GIRLS:

http://orig00.deviantart.net/1764/f/2014/231/f/1/f15a7a4bad7c99cc80a8099b6757a3f0-d7vumgg.png

Sorry mas não dava pra não compartilhar. Eu ainda tô rindo muito por causa disso.

Mas mudando de assunto, acreditam que surgiu uma plot nova pra outra jikook? O.o

Mas dessa vez seria uma long fic. Porem, como sempre as ideias chegam, mas o problema é passar pro papel mesmo... Espero poder por ela em pratica porque eu achei bem legalzinha e olha pra eu dizer isso de uma plot própria é bem difícil.

Spolier: Tem a ver com as fotos ai de cima (ou algumas delas pelo menos)

Mas em fim! Estou muito feliz porque vocês são demais! E eu me sinto muito agradecida por todos os FAVs, visualizações e comentários fofíssimos de cada um de vocês. Serio muito amor pra cada um que lê e acompanha esta fic ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...