História I Wanna Be Yours. - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Karin, Kiba Inuzuka, Kizashi Haruno, Konan, Kushina Uzumaki, Mebuki Haruno, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Temari, Tsunade Senju
Tags Gaaino, Naruhina, Nejiten, Sasusaku, Suikarin
Exibições 231
Palavras 1.766
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Desculpem pela demora para atualizar, eu estava com um bloqueio criativo.
Perdão.

Capítulo 23 - Esclarecimentos.


Cap 23 –Esclarecimentos.

 

-CHEGA. –um grito se faz presente no local, viro meu rosto o olhando. 

 

Naruto estava nervoso com toda aquela situação, seu rosto era uma mistura de indignação com nervosismo.

-Porra Sakura, o que está fazendo aqui? Logo agora? –Naruto parecia agora, abatido.

-Mamãe, se não se importa, vou ao banheiro. –Sarada se levantava.

-Porque? –Ino perguntava olhando para Sarada.

-Não sou obrigada a ouvir esse tipo de coisa. –minha filha cruza os braços irritada. Referia-se aos palavrões de todos.

-Você pode descobrir quem é seu querido papai. –Ino destilava seu veneno.

-Vamos menininha linda. –TenTen pega na mão de Sarada a guiando até o banheiro.

Após elas saírem, Ino se afasta e Naruto se senta a minha frente, onde Sarada estava a poucos segundos atrás.

-Então...? –Naruto queria explicações.

-Eu não posso visitar minha cidade? –o olho séria.

-Claro. –ele ri ironicamente. –Mas não é um bom momento. –acrescenta.

-E quando seria? –pergunto irritada com aquilo, achei que me receberiam bem nessa droga, até Naruto que era um dos meus mais fieis amigos parecia não estar feliz com minha repentina chegada.

Se bem que em relação a amigos, eu tinha um dedo bem podre né, Karin a minha melhor amiga ficou com o amor da minha vida, aquela vadia se fazia de tão boa amiga, aposto que estava de olho em Sasuke a um bom tempo já.

-A dez anos atrás, você foi uma vaca! –falava rudemente, aquele não era o meu amigo Naruto. –Não fique nervosa porque as coisas não estão saindo como planejou, sua imunda. –ele descarregava todo o ódio dele em mim. –Sasuke ficou te esperando, esperando uma droga de mensagem, algum sinal de vida, Deus! Você não sabe o quanto eu peguei ele chorando sozinho nos cantos da casa por sua culpa, Meu Deus! Você escondeu um filho dele! Sabe ele te amava...

-Amava...? –meu coração se parte.

-É, ele vai se casar com Karin. –ele sorria e tento de todas as formas segurar as lagrimas. –Aceita isso, você o perdeu, vá embora dessa cidade, Sakura. –ele ria.

-Eu não te conheço mais. –me levanto.

-Ninguém me conhece mais. –ele se achava.

-Quer saber Naruto! –sorrio o olhando. –É por isso que Hinata não te aguentou, ela foi embora com Gaara! –começo a rir com as mãos em minha barriga. –Ninguém te aguenta. E acrescentando amor, o Sasuke é meu. –falo confiante. –A Karin pode casar com ele, e tudo, pode transar, mas tenho certeza que ele sempre vai pensar em mim.

Viro as costas indo até o banheiro, Deus! O que eu tinha falado e feito?!  Eu não era assim, passei uma péssima imagem a Naruto, devolvi na mesma moeda, mas... foi justo, porem, eu não deveria ter falado aquilo.

-TenTen! –chamo a morena que estava distraída conversando com minha filha.

-Sakura! –a morena me abraça. –Não ligue para o que eles dizem, Karin levou o maior fora de Sasuke por causa de você. –ela falava e logo me lembro do que Naruto tinha me falado.

-Mas o Naruto disse que eles se casariam. –a olho esperançosa.

-Não, claro que não! –ela ri. –Naruto torce bastante por eles. –explica e me sinto aliviada.

-Meu Deus. –a minha felicidade era tanta, então eu ainda tinha uma chance de ter a minha felicidade completa. –Que horas você sai daqui? –pergunto, meus planos pra noite seriam especular TenTen.

-Daqui a meia hora,acaba meu expediente.

-Você tem compromisso pra noite? –sorrio, ela já sabia onde eu queria chegar com aquelas perguntas.

-Se você não quiser esperar, me passa seu endereço. –dá de ombros.

-Vou te esperar sim. –falo sorridente.

Entro no meu carro e Sarada sempre se mantinha quieta. Até achava estranho, mesmo ela sendo tão calada, eu sabia que muitas coisas estavam a deixando confusa.

-Amor, o que foi? –pergunto a olhando.

-Quem é Sasuke? –ela perguntava, minha pequena já sabia da resposta, ela só estava esperando uma confirmação minha.

Abaixo minha cabeça, e fico em silencio, ela entende isso como uma resposta.

-Porque não contou pra ele sobre a minha existência? –ela começava a chorar. –Porque me escondeu durante tanto tempo? –tentava limpar as lagrimas.

-Era um trato que fiz com minha mãe.

-Que droga mãe, por causa de um trato a senhora me privou de conhecer meu pai, e agora vem do nada, e acha que as coisas vão estar do mesmo jeito! A vida não é assim. –essa era eu, levando um sermão da minha filha. –Você acha que ele não ia me querer naquela época? É isso? Porque vocês eram bem jovens né?! Essa seria a única explicação.

 

Flashback on.

Sasuke se deitava ao meu lado, tínhamos acabado de nos amar.

-Eu ainda vou acabar engravidando, nunca usamos proteção. –me viro pra ele, o agarrando.

-Se você engravidar, eu te assumo, se eu fui homem pra fazer, porque não pra assumir? –ele falava seriamente.

-Até parece. –começo a rir.

-Que droga, você não confia em mim né? Um filho seria perfeito, mas não é o momento, mas se for, eu vou te assumir, vamos nos casar e ser felizes, okay? –ele se levanta saindo de perto de mim.

Flashback off

Ele ficou uns dias emburrado comigo, e chateado. Eu deveria confiar mais em Sasuke, mas que droga, que droga que eu fui fazer? Pensando pelo lado de Sasuke ele fez certo em se envolver com alguém.

-Me desculpa, mamãe vai tentar resolver tudo. –a olho pedinte, ela apenas fica quieta.

TenTen abre a porta do carro, se sentando no banco passageiro.

-Amiga, uma vez a Karin pintou o cabelo de rosa, por causa de você. –começava a falar.

-Amiga, melhor conversarmos sobre isso, quando chegarmos. –sorrio e ela entende, olhando Sarada.

 

 

Alguns minutos mais tarde.

 

 

Fiz uma macarronada, e comíamos em silencio.

-Caraca Saky, que comida deliciosa! –TenTen elogiava.

-Obrigado. –sorrio.

Terminamos e logo começo a lavar os pratos.

-Quer ajuda, mamãe? –Sarada se aproximava cabisbaixa.

-Não amor. –sorrio.

-Me desculpe se fui um pouco rude com você, mais cedo. São muitas coisas acontecendo mãe, e eu não to sabendo lidar. –minha pequena falava.

Largo o prato em cima da pia, e a abraço, depois dou um beijo na testa dela.

-Prometo que fazei dar certo, arrumarei isso filha, pela nossa felicidade. –a olho seriamente.

Aquela seria uma promessa de verdade, uma promessa que eu cumpriria.

Depois de Sarada ir ao quarto e eu terminar de lavar a louça, vou ao meu quarto com TenTen.

-Agora me conta TUDO! –exijo.

-Tipo, tudo-tudo? Ou tudo? –Tenten complicava demais.

-Amiga, conta tudo-tudo! –me jogo na cama.

-Shikamaru e Temari se casaram e foram morar na cidade natal deles, Gaara foi junto. Hinata sumiu depois que Naruto disse que não gostava mais dela, é claro, o babaca se arrependeu depois. Naruto se envolveu com Ino por um tempo. –nesse momento fico boquiaberta.

-COMO ASSIM? –eu achei que meus olhos iam saltar pra fora.

-Ah você sabe, ela quis se aproximar dele para ficar perto de Sasuke, ela ainda sente uma louca paixão pelo moreno sem coração.

-Moreno sem coração? –começo a rir.

-Amiga, ele ficou numa frieza terrível, Karin se submetia a cada coisa por ele. Pelo jeito ela realmente gosta dele.

-Ah, fala sério, o Sasuke não é assim? –reviro os olhos.

-Ele ama muito você, ele nunca, NUNCA te esqueceu, todas as vezes que ele diz que vai “viajar” é pra ir te procurar. Ele ama muito você, e a única forma de amolecer o coração dele é tocando em seu nome, claro, falando coisas boas de você. Se tem noção do quanto é horrível transar com alguém, e essa pessoa ficar gemendo o nome da ex, imaginando a ex. Era a esse tipo de coisa que Karin se submetia.

-Meu Deus. –estava chocada.

-A Karin veio com a ideia de se casar com ele, e ai, ele botou um fim no relacionamento deles.

-Como você sabe tanto? –pergunto curiosa. Ela tinha informação demais pro meu gosto.

-Cara, a Karin era melhor amiga dele, ele contava tudo pra ela e depois que ela passou a ser namorada dele, e uma coisa aconteceu comigo, ele passou a se aproximar mais de mim. Mais relaxa, não sou amiga fura olho e digamos que eu também tenha tido um passado triste. –ela falava agora cabisbaixa.

-Como assim? –a abraço.

-Eu e Neji terminamos, assim que eu descobri minha gravidez, eu falei pra ele e... –ela olhava para o teto, e as lagrimas já escorriam de seu belo rosto. –Ele me agrediu, ele tava drogado, ele me bateu tanto, mais tanto. –ela apertava os olhos. –E o Sasuke me ajudou, se Sasuke não tivesse me ajudado e chegado a tempo, eu estaria morta nesse momento.

-Eu... –fico sem palavras, Tenten mostrava estar frágil naquele momento.

-Não precisa dizer nada. –ela sorri tristemente, limpando as lagrimas. –Já passou, depois desse dia Neji foi embora, descobri que recentemente, ele tá casado e tem um filho. Bom, vou falar dos outros.

-Okay. –eu estava triste pela minha amiga.

-Suigetsu foi embora, disse que não aguentava ver Karin com Sasuke, Suigetsu humilhou Karin, falou que ela era uma baita vaca, porque você confiava tanto nela e ela na primeira oportunidade rouba seu homem. –fico boquiaberta.

-Caramba. –foi a única coisa que consegui falar.

-É, amiga. –ela sorria. –Você foi embora, mas nesse tempo que você se foi, a maioria das coisas giraram em torno de você, quando Kiba descobriu que Ino estava de caso com Naruto, ele apagou seu vídeo pornô, e todas as cópias do mesmo, Ino ficou louca de raiva. –agora ela ria.

-O Sasuke nunca me esqueceu então, você acha Tenten, que ele me perdoaria? –eu estava triste, me sinto uma insensível por sumir e deixa-lo assim, eu também nunca me esqueci dele.

-Ele vai ficar bravo e vai te odiar. –Tenten falava seriamente me deixando assustada. –Mais ele vai te odiar apenas por alguns segundos, afinal, o Sasuke te ama e mesmo que ele não entenda o porque de se esconder durante dez longos anos, ele vai te aceitar de volta. Ele AMA você, não duvide disso. –ela sorria agora.

Após mais um tempo conversando com TenTen ela resolve ir embora, eu a levo, Sarada vai junto também, chegando em casa meu coração acelera. Sasuke estava encostado em uma moto, me olhando, ele parecia aqueles típicos playboys de filme, saio do carro, sem saber se devo correr, ou não, Sasuke estava sério. Muito sério. Sarada sai do carro, e ele desvia seu olhar de mim, a olhando e logo voltando o olhar pra mim.

-Acho que você me deve muitas explicações, certo? 


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capitulo.
Prometo não demorar para postar o próximo.
Obrigado pelo carinho.

Recentemente reativei meu facebook, quem quiser pode me adicionar, aceito todos <3
https://www.facebook.com/beatriz.scaratto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...