História I want to go back - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Exibições 12
Palavras 635
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - What you do Here? Part 2


Fanfic / Fanfiction I want to go back - Capítulo 4 - What you do Here? Part 2

Assim que a aula acabou, me despedi da Jenna e fui à procura do "novo monitor".
Rodei o Colégio todo e ainda não o encontrei. Estava quase desistindo quando vi ele passar depressa para o estacionamento,  e a julgar pelo jeito que estava andando,  sabia que ele ia aprontar alguma e é lógico que eu iria descobrir o que é. O segui até perceber que ele não estava mais sozinho. 
Olhei com mais cuidado e vi que ele estava à companhia da Jess, a menina mais snobe, soberba e superficial do Colégio.
Que decepção,  achei que ele tinha um gosto melhor para mulheres. Estava indo embora quando escutei um gemido vindo da direção dos dois,  me virei rapidamente para ver o que estava acontecendo e por Deus,  me arrependo amargamente de ter me virado.  Acho que a cena daqueles dois transando no estacionamento do colégio nunca vai sair da minha cabeça e por alguma razão senti uma pontada de leve no peito, ver ele com a Jess deve ter mexido comigo mais do que devia, mas não quero pensar nisso agora. 
Estava me virando para ir embora quando tropeçei no meu próprio pé e bati com força no carro que eu estava usando como esconderijo e de repente,  o alarme do carro começou a tocar, no desespero sai correndo e pude escutar a Jess gritar algo como "Quem esta ai". Corri para dentro do colégio e subi para o terceiro andar,  estava com intenção de ir me esconder no banheiro,  mas acabei me esbarrando com alguem e caí no chão 
- Olha por onde anda garota - Era o Scott, o irmão da Jess
- Desculpe-me - disse o olhando - Mas cade seus modos, não vai me ajudar a levantar?
-Não era eu quem estava correndo feito louco por ai, então não. - revirei os olhos e me levantei sozinha. 
- Bom, me desculpe novamente. me virei para sair mas antes que pudesse continuar, ele me pegou pela cintura e colou meu corpo no seu, nunca tinha percebido que ele era tão bonito assim,  ele tem olhos acizentados, lindo um cabelo branco, e ele cheira muito bem.
- Não é muito educado ficar encarando... Seu pai nunca te ensinou não? - eu realmente não tinha me tocado que estava o fitando e quando me dei conta disso, senti meu rosto queimar. 
- E-eu não estava te enca...
Antes que terminasse de falar ele arrumou um jeito de calar minha boca. 
Seus lábios são tão doces que poderia facilmente os comparar com um sorvete de baunilha. Quando me dei conta de mim, notei que o beijo estava mais intenso do que deveria, mas  a sensação é tão maravilhosa que eu não conseguia parar, mesmo que estivesse ficando sem ar, mesmo que estivesse ficando tonta. Eu simplesmente não queria parar. Logo senti uma de suas mãos deslisar pelas minhas costas e parar na minha bunda, e sua outra mão se preechia com meus cabelos da nuca, ele os puxava levemente me deixando em êxtase.
Meu corpo queimava, e me sentia  estranha.
- Você - ele disse tentando tomar fôlego- é uma menina bem safadinha apesar de não parecer - corei na hora.
- Não é isso que você está pensando - O que deu na minha cabeça? eu nunca falei com esse menino antes e ja estou aos beijos com ele. - É que isso foi tão repentino. 
- Desculpe - ele pegou no meu queixo e sussurrou no meu ouvido - eu não resisti,  quando você ficou coradinha, eu não me aguentei- ele desceu sua mãos ate minha bunda e a apertou com força me fazendo inclinar enquanto mordia minha orelha- Você esta mexendo com os meus sentidos Sam. - ele sussurrou em meio a gemidos baixinhos.
-Mas que porra esta acontecendo aqui? - Congelei.

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...