História I need you. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kuroko no Basuke
Personagens Akashi Seijuro, Alexandra Garcia, Aomine Daiki, Furihata Koki, Himuro Tatsuya, Kagami Taiga, Kise Ryouta, Kuroko Tetsuya, Midorima Shintarou, Momoi Satsuki, Murasakibara Atsushi, Riko Aida, Takao Kazunari
Tags Aokise, Yaoi
Exibições 397
Palavras 387
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shonen-Ai, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg)
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Prólogo - I need you.


Aominecchi... Amo você.

– Algum dia eu vou casar com você loira.

– Vai me ensinar a tocar guitarra? De graça?

 – Me diga Ryouta, qual a graça de estar aqui se não pudermos viver cada segundo como se fosse o ultimo?

– Fazer um pedido? Eu peço que sua bunda nunca diminua loira.

Quer namorar comigo, Ryouta?

—°—

Não há uma maneira exata de conseguir saber quando, como ou onde você começou a amar.

Ninguém nunca ama da mesma maneira, ninguém nunca se entrega da mesma maneira. Paixões, amores, gostos, tudo é diferente para cada pessoa. Você pode ter vários casos, mas nunca os amara da mesma forma, você pode ter uma família grande, mas o amor nunca será o mesmo pra nenhum deles.

Você pode amar loucamente, intensamente ou fracamente. Depende muito de você, das suas escolhas, dos seus desejos, dos gostos de quem recebera seu amor. O amor não escolhe hora pra aparecer, você não pode força-lo. Não pode simplesmente ir lá e dizer “quero amar você” não, amor requer tempo, ou não, como eu disse, depende das circunstâncias.

Você pode amar intensamente em um mês, fracamente em três anos, loucamente em um dia.

Você pode se entregar de corpo e alma, ou somente de alma, ou somente de corpo. Depende de você, do seu amor, das suas escolhas, das circunstâncias.

Eu amei intensamente, loucamente, mas nunca fracamente. Em um curto período de tempo, eu amei um homem mais do que amei a mim mesmo. Eu amei de corpo e alma, eu vivi as melhores – ou piores, até hoje não sei – circunstâncias. Meu amor começou de forma errada, mas, foi seguindo da forma mais certa possível.

Eu nunca acreditei em “para sempre” afinal, o para sempre, sempre acaba. Mas, com ele eu vivi o meu próprio para sempre, eu aprendi que mesmo que ele acabe ainda permanecerei ao lado dele.

Por que o meu para sempre, só acaba depois da morte, não quando o amor acabar de algum dos lados.

Por que, o amor nunca acaba. Ele fica fraco, mas não acaba.

E meu amor não enfraqueceu com os erros dele, nem com os meus. Ele só ficou ainda mais intenso.

Por que minha alma e meu corpo, já não podiam mais viver sem o amor dele.

Por que ele era o meu pequeno para sempre.

— Kise Ryouta.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...