História I Will Never Forget You - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 2
Palavras 509
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Ficção, Lemon, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Zero. One


Fanfic / Fanfiction I Will Never Forget You - Capítulo 2 - Zero. One

     "É engraçado não é? Como a vida é cruel.. ela te deixa para baixo e depois lhe dá um motivo para continuar a respirar, só para poder ter o prazer, de novamente, te estilhaçar, quebrar em pedacinhos bem pequenos, colocando moral, lembrando a você que a felicidade tem um preço, com ela vem as mágoas.. os corações partidos..
        Se eu conhecia Min Yoongi? Sim, de fato o conhecia como ninguém, sei de suas inseguranças, medos, agonias... presenciei seus momentos tristes e felizes.. lágrimas ..sorrisos.. e com toda a certeza, minhas melhores memórias são as em que ele está sorrindo.. Min foi um anjo, que alegrou todos os que estavam a sua volta, fazendo de seus mais terríveis dias,  um pouco menos piores, exalou a beleza e pureza, ele vai viver eternamente em meu coração, assim como deve viver no de vocês, não faça de sua morte, um adeus, mas sim, um até logo, não deixe com que a pessoa maravilhosa que ele foi seja esquecida ."

         Park respirou fundo olhando tristemente para o local onde se encontrava um caixão branco decorado com flores de cores vivas, ao seu lado, o desenho favorito de Mim, onde o mesmo, se encontrava sorrindo, não tinha nada de especial, a não ser o fato de que fora desenhado pelo próprio Jimin, o menino adorava retratar o outro sempre, dizendo que as lembranças eram as melhores coisas que cada um poderia deixar de seu legado. 
           Desceu do palco sendo aplaudido de pé por cada pessoa que se encontrava presente, suas mãos tremiam e seus olhos já cheios d'água clamavam por liberta-las, mas ele tinha de demonstrar calma aos parentes do falecido, que assim como ele, estavam sofrendo muito com a perda.

•••

         Quase todos haviam ido embora, só restavam ele e a senhora Min, a moça sentada em uma das cadeiras,  sorria tristemente para o desenho exposto, o filho era o único que lhe restava, seu marido morrera em um acidente de carro há muito tempo, Jimin se aproximou da mulher sentando ao seu lado, e sem emitir um som apenas a abraçou, as vezes a melhor coisa a fazer é estar ao lado da pessoa, mantendo o silêncio. 

"Sabe.... meu filho te amava tanto...." - Ela falou deixando as lágrimas molharem seu rosto 
- " não poupava uma palavra quando me contava sobre você... obrigada por ter feito meu filho tão feliz.." 

         O menino permaneceu calado, apenas escutando o que a mais velha tinha para lhe falar, e para a sua surpresa, um pedaço de papel fora colocado em seu colo, no início não entendera, mas depois de olhar com mais calma pode perceber seu nome escrito por letras bem caligrafadas escritas em tinta preta, aquela era a letra de Yoongi. 

" como última coisa, ele me pediu para lhe entregar isto... seja o que for.. deve  ser importante.. não esqueça de me visitar e trazer notícias.." 

   A moça deu um beijo na testa do moreno lhe deixando sozinho em seguida, ela era quase como a mãe que nunca teve, sempre se preocupando.


Notas Finais


Ahhhhh, o q será q o Yoongi escreveu para o Jimin?
Vou deixar vcs curiosos :3
Espero q estejam gostando
~Marc


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...