História •I Wish You Were Here• | kth+jhs - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Namjin, V-hope
Visualizações 7
Palavras 1.151
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ!! ÉU sou a Tabathata e bem vindos à mais um capítuloooo!!
Eu, sei tô meio sumida, eu sei. MAS, tá aí!
Eu não vou dar spoiler antes de vcs lerem o capítulo, então leiam logo.
Boa leitura! <3
{Fic também no WattPad}

Capítulo 4 - 3


No capítulo anterior...

"Bom, Kim TaeHyung, se não está lembrando, eu vou fazer você lembrar de detalhes, enquanto te conto."

FlashBack ON

- Eu tenho um coleguinha de quarto! - exclama ele saindo do elevador se virando para mim, dando pulinhos e batendo palmas fracas com o seu sorriso quadrado, me fazendo rir com sua atitude um tanto infantil e inocente. 
Gente, eu amei esse sorriso!
Pera, no quê eu tô pensando?! Quê isso, Jung Hoseok? Por que meu estômago está revirando? Por que minhas pernas fraquejaram por um segundo, na mesma hora que ele sorriu? Seja lá o que for, se acalme, Hoseok!

- Nome bonito o seu... Jung Hoseok. - diz lendo meu nome na porta do quarto, me distraindo de meus devaneios - Não só o nome, mas o dono do nome também. - diz me fazendo corar com um sorrisinho envergonhado.
- O-obrigado... - digo envergonhado (cem certeza parecendo um pimentão) - Você também é bonito... - digo e meu rosto queima mais ainda (tomate tem inveja de mim agora).
- Obrigado. Eu sei que sou lindo. - diz convencido jogando o "cabelo" para trás com o queixo erguido e olhos fechados.
- Você precisa se trocar, entra logo. - digo dando uma pequena risada - Eu te espero aqui fora.
- Tá bom. Já volto. - diz e entra no quarto.
Fiquei sentado em uma das poltronas que tinham na frente dos quartos esperando TaeHyung sair do quarto. 
Por que eu senti aquilo no estômago? Por que eu gostei do sorriso dele e de seu jeito inocente e engraçado? Calma, deve ser porque ele é a primeira pessoa que você conheceu aqui. Tem que ser isso. 
Passou um tempo, mas um curto tempo, e escuto alguém me chamar.
- Hoseok! - escuto uma voz familiar chamar. "É o TaeHyung" penso. 
Estava certo. TaeHyung estava me chamando... Por que? Ele não sabe se vestir? Ou o quê?
- Eu? - digo me levantando da poltrona e indo em direção ao nosso quarto - Precisa de ajuda?
- Hoseok, eu esqueci minhas roupas lá em baixo... eu acho, pelo menos... - sua voz sai abafada, mas entendo o que fala.
- Você tá pedindo pra eu buscar pra você? - digo com uma expressão preocupada.
- S-sim... Por favorzinho...? - diz e eu só consigo imaginar na sua linda expressão fofa e pidona. No quê eu tô pensando?? 
- Tá... Onde tá? - falo revirando os olhos.
- Hm... como é que eu posso explicar... Hm... Sabe aonde fica a lavanderia? E não é lá em baixo, eu confundi. - diz dando uma pequena risada.
- Hm... Não? - digo meio em um tom de pergunta.
- Ah, deixa. Eu vou lá buscar - diz abrindo a porta. Quando abriu, senti meu rosto esquentar e minhas pernas fraquejarem. Não é possível que ele seja tão lerdo assim...
- TAEHYUNG!! VOCÊ TÁ DE CUECA!! - digo surpreendido segurando seus braços o empurrando de volta pro quarto. Ele se assusta e olha para mim com uma expressão tipo "Ke que cê tá falando?".
- Ah é...! E-eu esqueci... Espera, eu... eu vou me trocar e vou lá, tá? - diz envergonhado, enquanto eu olhava para o chão.
- T-tá bom... vai lá. - digo com os dedos indicador e o dedão na parte de cima do nariz com os olhos fechados, tentando conter minha tremedeira e minhas pernas querendo me abandonar no chão.
Ele fechou a porta e eu me sentei novamente na poltrona e o esperei.
- Ai... não é possível... - digo baixo para mim mesmo, respirando fundo me contendo do acontecido.
Depois de algum tempo, TaeHyung sai do quarto - vestido, desta vez - e me encara.
- Que foi? - ele pergunta e só depois de um tempo que eu percebo que estava o encarando de um jeito... encantado? Não! Quê isso, Hoseok?!
- Ke? Ah, nada...! - coço a nuca desconfortável e dou um risada fraca.
- Quer que eu te mostre o lugar? - ele perguntou num semblante interrogativo.
- Ah... pode ser...! - respondo e ele me chama com a mão para levantar da poltrona.
Fomos caminhando, então ele me mostrou a lavanderia primeiro, que era onde estavam as roupas dele, então fomos pra lá primeiro e voltamos pro quarto pra, aí sim, ele se trocar. Depois, fomos à sala de estudo - tipo uma biblioteca - que tem em todo andar do dormitório, depois aonde ficavam alguns banheiros aleatórios por aí, caso estivesse muito apertado, depois a geladeira - que eu já conhecia - e mais muita coisa que tinha só nos dormitórios. E depois ele foi me mostrando a universidade toda: os prédios antigos, os prédios novos... e foi assim que eu descobri que ele estava fazendo faculdade de artes, que eu queria fazer, mas não tinha mais vagas então... foi arquitetura mesmo. São MUITOS prédios, vocês não têm noção de quantos são! Ou têm? Sei lá! Só sei que são muitos mesmo.
Ficamos caminhando, o TaeHyung me mostrando lugares... até chegarmos no campo de futebol. TaeHyung encontrou alguns amigos lá, então eu resolvi cumprimentá-los também, por educação e amizade.
- E aí!! - diz TaeHyung indo abraçar um de seus amigos.
- E aí, cara! Como vai? Seu namorado? - perguntou o amigo dele, me deixando visivelmente corado.
- Não, que isso! Acabamos de nos conhecer, ele é novato, e meu novo colega de quarto também! - diz TaeHyung dando tapinhas no meu ombro.
- Prazer! - diz o amigo dele, apertando minha mão e fazendo uma reverência, assim como eu.
- O prazer é todo meu! - digo sorrindo.
Assim, eu cumprimentei todos os 5 amigos dele e ficamos jogando conversa fora, trocando umas ideias... e já acho que fiz novas amizades! E também já sei o nome de todos: Jimin, Yoongi, JungKook, Namjoon e Jin. E também já descobri os casais: Jin e Namjoon namoram e o Jimin e o JungKook são muito suspeitos... shippei, virou OTP. O que TaeHyung abraçou primeiro foi o Yoongi, que disse que também desconfia do Jimin e do JungKook... Yoongi disse que o Jimin é muito difícil, porque ele já teve uma "experiência" com o Jimin... vamos dizer que os dois já se pegaram umas vezes... bom, foi isso que ele me disse, ou só porque ele quer ficar com o Jimin e não consegue... Tadinho...
O Jin disse que shippou eu e o TaeHyung juntos e que nós formamos um casal lindo e perfeito que ninguém pode destruir porque já virou OTP, e que fomos feitos um para o outro: "dois idiotas" palavras de SeokJin... Eu fiquei um pouco... feliz? Com esse "OTP"? Não sei... Puta que pariu Gisele... Será que eu já gosto do Tae? Eu conheci ele hoje...! Não pode ser! Ou pode? Não, não pode! Eu só sei que... eu gostei muito de todos eles, principalmente do Tae...


Notas Finais


Bom galeri, esse foi o capítulo com interações dos OTP mais maravilindo do planeta EXO (ke q eu tô falando?) (Nem é EXO) (Mas eu acho que EXO-Ls pegaram a referência)
Foi isso, capítulo curto, mas com interações de OTP! Se tu não shippa, não precisa ler, blz? É nois que voa bruxão!
E INTERAGEM COMIGO TAMBÉM, TÁ??!!! PLEASE, BITCH!!
2bj e até o próximo capítulo! ♥
{Fic também no WattPad}


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...