História I Wont Give up (gumlee)/M-preg - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Canelinha, Finn, Fionna, Jake Jr., Marceline, Marshall Lee, Mordomo Menta, Personagens Originais, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rainha Gelada, Rei Gelado
Visualizações 43
Palavras 1.753
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção Científica, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 9 - Não existe mais Marshall?



Nem mesmo o raiar do sol fazia o quarto de Gumball menos mórbido na visão dele,mal havia conseguido a difícil missão de cochilar quando os enjoos voltaram, algumas semanas atrás também havia sentido a mesma coisa mas um remédio milagroso da jujuba havia ajudado, porém parecia ter acabado e agora Gumball tinha que encarar a parede do quarto a manhã inteira tentando não vomitar,pelo menos podia pensar no que faria sobre o assunto Marshall durante esse tempo.

-gumball?-o principe vira o rosto vendo Marceline entrar pela janela flutuando,seu rosto franziu a ver a morena dentro de seu quarto.

-você só pode estar aqui por causa de minha irmã.

-extamente vocês dois são ótimos em advinhar.-ela sorri monstrando suas presas, Gumball olha para o chão buscando forças para não lembrar do vampiro.-jujuba me mandou aqui para ver se está tudo bem.

-mais ou menos,mas vou ficar melhor.-o principe responde respirando fundo.-então...encontraram a forma de trazer Marshall de volta?

-mordomo menta está trabalhando nisso,ele não deixa ninguém entrar na sala secreta dele,Finn está impaciente.-ela deu leve sorriso não contribuído pelo outro.-algum problema principe?

-não,eu pensei que tudo já estaria resolvido pelo objeto e eu pudesse voltar a ler meus livros.-ele cruza os braços fingindo estar insatisfeito, Marceline se senta ao lado dele na cama.

-sei que é difícil para você mais também é para todos nós.-a morena encosta levemente a mão no ombro do príncipe com um sorriso reconfortante.-e além disso….

Gumball observa ela atentamente quando o seu estômago revira e ele se levanta correndo para o banheiro abrindo o vaso sanitário e vomitando o máximo que podia sentindo a garganta arder intensamente, Marceline observava curiosa pela porta do banheiro, Gumball se levanta lavando o rosto na pia e secando com uma toalha.

-você está bem mesmo?-ela pergunta vendo o príncipe se firmar na pia.

-Não muito.-gumball murmura .

-você não estaria assim por causa de meu irmão? né?-Marceline cruza os braços deixando evidente seu nervosismo.

-Marcy,eu nem sei o que seu irmão fazia comigo,tudo o que eu me lembro é que estávamos juntos e pelo visto ninguém sabia.-as palavras do príncipe saíram ásperas,sentia ódio de si próprio tinha acontecido alguma coisa para Marshall estar fazendo tudo aquilo.

-eu sei como você está se sentindo..-a vampira murmura sorrindo de lado.

-NÃO, você não sabe,eu disse que o amava e de nada adiantou.!-gumball grita impaciente jogando a toalha na pia.-Por que ele me fez lembrar que um dia eu o amei?se depois iria fazer tudo isso!!me responda?!

-eu não sei...faz pouco tempo que ele está estranho e eu não podia fazer nada... ninguém sabia de vocês,mas você não contou.-Marceline respira fundo, realmente os argumentos do príncipe tinha a atingido em cheio.

-Eu preciso ficar sozinho.

Gumball sai do banheiro voltando a se deitar na cama ignorando a presença da vampira rapidamente, Marceline anda até a porta do quarto tristemente depois de ouvir o relato do príncipe,não entendia realmente o motivo de seu irmão estar fazendo tudo aquilo,estava apenas decepcionando as pessoas ao seu redor.

-esta quase acabando tudo isso e tenho certeza que você terá suas respostas.-a vampira diz saindo do quarto.

***********

Jujuba sorriu ligeiro ao ler mais um livro sobre anatomia humana,vários livros desses assuntos preechiam seus armários cada estante,quase nunca a princesa lia algum mais recentemente eles pareciam mais convidativos e depois de ler  cinco ela simplesmente não conseguia parar.

-Majestade,será que sou permitida para entrar?

A princesa continua olhando para seu livro terminando de ler as últimas frases, realmente o livro parecia ser interessante.

-conversou com ele?-jujuba pergunta sem se virar.

-conversei,ele certamente está sofrendo com o que estava acontecendo,sinto pena dele.

-me irmão só está meio dramático,logo irá passar mordomo menta está fazendo seus estudos e daqui a pelo menos três dias a solução aparece.-Junuba comentou se levantando e deixando o livro em um balcão branco e retirando seu jaleco.

-três dias?-a vampira pergunta confusa.-isso não é muito tempo?

-sim,mas ele precisa fazer tudo no dia perfeito.-ela fala indiferente observando a luz da lua entrando na sala uma visão muito interessante.

-Jujuba...acho que seu irmão não está muito bem.-marceline comenta entrando e fechando a porta.

-Faz pelo menos três semanas que ele esta meio estranho,fiz um remédio para ele na última semana mas ele continua doente.-a princesa faz um bico fazendo uma expressão pensativa.-para mim é algo não muito importante,depois terei que certificar isso corretamente.

-você fica linda pensando.-Marceline comenta sorrindo e se sentando no balcão pretendendo o cabelo que antes estava solto em um coque alto.

-obrigada muito gentil de sua parte.-a princesa agradeçe se aproximando da vampira e dedilhando levemente as coxas da morena.

A vampira ri colocando suas seus braços sobre o pescoço da princesa, jujuba envolve com seus braços a cintura de Marceline aproximando seus rostos iniciando um beijo calmo que logo se tornou uma oportunidade da Vampira descer suas mãos pelo corpo da outra parando em sua bunda e dando um leve aperto.

Jujuba para o beijo fazendo a vampira suspirar irritada,mas logo voltando a sorrir ao sentir as mãos da princesa levanta sua camisa e jogando no chão, Marceline morde o canto dos lábios vendo a fobação da outra,fazia um certo tempo que não estavam trocando esse tipo de carícias o reino tomava conta totalmente da princesa.

Marceline retira o próprio sutiã descendo do balcão vendo a princesa fazer o mesmo,a vampira prende a princesa na beirada do balcão com seu próprio corpo dando leves selinhos no pescoço de jujuba que logo se tornaram pequena mordidas e chupões os gemidos altos da princesa preechiam sala do laboratório inteiro,mas nenhuma das duas pareciam se importar.

-Marcy…-a princesa murmura sentindo as mãos da Vampira sobre a aba de sua calça.

Seu corpo foi levado pelas mãos da Vampira até a parede, jujuba gemendo de dor e de prazer logo tendo seus lábios atacados por um beijo desesperado da Vampira,as mãos da princesa brincavam acariciando os peitos e descendo lentamente para o abdômen da Vampira que gemeu.

A vampira sorri sacana descendo até seus peitos do tamanho médio e dando alguns chupões antes de se ajoelhar retirando a calça da princesa e jogando a peça para o lado, Marceline se sentiu satisfeita ao ver a última peça que a princesa usava molhada,seus dedos retiraram lentamente a calcinha rosa que ela usava.Seus dedos passava lentamente pela sua cilitrois fazendo jujuba afastar um pouco as pernas e colocar as duas mãos no balcão.

-Princesa Jujuba?!-A voz alta segue com batidas fortes na porta, Marceline levanta irritada indo até a porta pronta para matar que fosse que estivesse atrás da porta.

-Calma,eu resolvo isso.-a princesa comenta recolocando a calcinha e suas roupas enquanto a Vampira continua do mesmo modo.

-bom que alguém tenha morrido.-ela bufa vendo a princesa andar rapidamente até a porta abrindo e vendo o rei de Ooo,a princesa suspira derrotada.

-Jujuba, você não deveria estar cuidando do reino ou algo do tipo?-ele fala com seu sotaque irritante.

-serio isso.-a princesa coloca as mãos no rosto.-você só pode estar brincando e como você entrou aqui?

-os guardas bananas permitiram.-ele sorri tentando ver o laboratório sendo impedido pela princesa.-além disso todos correm perigo tendo aquele Vampiro louco atrás de todos.

-Eu já estou tomando providências necessárias para resolver esse problema,agora pode ir embora?

-O que é isto em seu pescoço?-Ele aponta se afastando.

-é…-Jujuba já formulava respostas para aquela pergunta,mas antes de dizer qualquer coisa a porta se abriu bruscamente, Marceline com o rosto em forma de monstro sai quase atacando o rei,mas jujuba aparece na frente.

-Deixa eu acabar com ele de uma vez?-Ela respira fundo voltando ao normal, jujuba agradeceu mentalmente pela vampira estar vestida.

-Não vamos causar confusão é se tem alguma reclamação espere até mas tarde,agora estou ocupada-a princesa diz cruzando os braços.

-Seu irmão nunca me trataria assim.-o rei murmura sorrindo de lado.

-todos nós tivemos um dia difícil e além disso Também estamos com medo.-jujuba concentrou toda a sua paciência.

-Falando em seu irmão,ali está ele.-Marceline respirar fundo.-Quem sabe ele encontre a solução de seus problemas rei de Ooo?

Gumball se aproxima com um sorriso fraco usando uma blusa rosa e um short roxo,seus cabelos bagunçados,ele observou curiosamente sua irmã e Marceline sair rapidamente o deixando sozinho com o Rei de Ooo que já abria a boca para mais de suas reclamações.

-você está bem?

-estou somente um pouco enjoado.-o principe murmura passando os dedos pelo pescoço.-Mas vou ficar melhor.

-Voces deviam fazer algo a respeito do que está acontecendo, vários reinos foram atacados o próximo pode ser esse.

O príncipe ouve tudo calmamente mordendo o canto dos lábios, realmente vários reinos estavam sendo atacados e daqui a pouco faltaria apenas o reino doce,ele precisava ao certo tomar alguma providência,mesmo que ouvesse a mínima chance de salvar o Vampiro aquele não era o Marshall que ele conhecia.

-você está certo.. pela primeira vez.

-estou?-O rei de Ooo comenta surpreso.-Q-Quer dizer é claro que estou.

Gumball já formulava em sua mente soluções para proteger o reino de um ataque futuro, Marshall havia demonstrado evidentemente que não estava brincando quando havia atacado Fiona e Finn,teria que ser um plano bem feito.O principe teve sua atenção chamada até o começo do corredor aonde Canelinha andava com um bolinho nas mãos, Gumball quando deu por si já estava vomitando em cima do rei Ooo que olhava horrorizado para as próprias roupas.

-Gumball?

O príncipe virou de costas evitando olhar para o canelinha devorando aquele bolinho,suas mãos cobriam seus lábios em uma tentativa de evitar um novo acidente.

-Er...Me desculpe,eu não estou me sentindo muito bem ultimamente.

-Eu bem que estava pensando em tomar banho aqui afinal.-Ele sai saltitante sumindo pelo corredor.

Gumball respirou aliviado ao não atrair a fúria do rei tudo que menos desejava era atrair confusões.

*******************

-Senhor?

Marshall abre os olhos lentamente encarando um pequeno monstro em sua frente,seus olhos verdes evitavam encarar por muito tempo o rosto do Vampiro enquanto brincava com os próprios dedos, Marshall bufou irritado encostando as costas na poltrona aonde estava sentado.

-o que foi?

-Mandaram lhe dizer que irá demorar para tudo estar pronto e que logo iremos acabar com todos os reinos.-O monstro da um sorriso que logo morre ao ver o rosto do Vampiro a sua frente.

-Vocês ainda não terminaram tudo?-ele se levanta rindo.-eu só deixo vocês a vontade um dia e vocês tiram férias?

-Não é nada disso…-O monstro responde encarando o chão.

-Entendo pois saiba que aquilo não irá acontecer novamente,esse corpo foi muito trabalhoso.-O Vampiro diz satisfeito.-Mesmo que não seja completamente meu.

-Fico feliz que o mestre tenha conseguido um pouco do que desejava.

-Não suportava mais essa parte fraca dentro de mim,um vampiro apaixonado por um garoto completamente desinteressante,apesar que aquele principe tinha um corpo interessante.-Novamente um sorriso brincava nos lábios do Vampiro.-Mas antes quero que acelere o processo.

-Como senhor quiser.-O pequeno monstro sai correndo deixando novamente o vampiro estava sozinho.

-O que eu quero realmente está longe...


Notas Finais


Obrigado pelos corações 😘😘😘😘😘 e comentários vcs não sabem como ajuda.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...