História I Won't Let Go. - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Suga
Tags I Won't Let Go, Jihope, Jikook, Mais Uma De Tantas Outras, Thediferent Girl, Yaoi, Yoonkook, Yoonseok
Exibições 40
Palavras 750
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, olha quem nem terminou uma fic e já criou outra hauabauah

Essa fic será bem curta, mas bem curta mesmo, desde os capítulos até o tanto dos mesmos. A ideia veio na madrugada e eu já escrevi tudo. Perdoem se a sinopse não combinou taaaanto assim com a história, não desiste de mim haushaua

A parte em aspas do começo do capítulo são lembranças, as outras partes são mensagens trocadas.

Nesse primeiro capítulo é o Jimin que narra, okey? :3

Perdoem os erros de gramática e boa leitura.

Capítulo 1 - Pequenas Mentiras, Grandes Amores.


   “-Você me ama, não é?

    -Eu sempre vou te amar, JungKookie.”

   As palavras ecoavam pela minha mente, acordei de súbito do meu sonho com ele, olhei para o lado direito da cama e lá estava JungKook dormindo. Me permiti remexer no cabelo inquieto, sentia meu peito apertado, tinha sido apenas um sonho.

   “-Me ligue sempre que precisar, Jimin. Eu sempre estarei aqui para você.

    -Eu sei… Obrigado, hyung.

    -De nada, amor.”

   Estiquei o braço até o criado mudo ao meu lado e peguei o celular, nenhuma mensagem dele. Nenhuma ligação. Nada. Me permitir deitar outra vez, ficando de costas para meu namorado, logo senti seu braço me puxando e me colando a si, o calor se JungKook me deixava calmo, um breve selar em meu ombro.

-Volta a dormir, Jiminie. Está tarde, amor.

   Apenas concordei baixo e fechei os olhos, desejando mais uma vez, que Hoseok voltasse.

(...)

   O toque insistente da porta em pleno domingo me irritava como nunca, passos pesados até a sala e a porta sendo aberta com violência, ouvi um breve cumprimento, passos calmos entrando. Me levantei com preguiça da cama e segui para a sala,e deparando com aquele sorriso solto e largo ao lado da carranca de meu namorado.

-Hyung?

-Voltei, Jiminie.

   Corri ao seu encontro o abraçando apertado escondendo meu rosto em seu ombro, os braços dele me rodearam com força, evitando que milímetros nos separassem.

-Senti tanto a sua falta.

   Disse em um breve sussurro, recebi um sorriso amoroso em troca.

(...)

   -Jimin, estou indo pra faculdade

   -Okey, Kookie. Cuidado, e bons estudos.

   Senti ele me abraçar pelas costas e me distribuir beijos pelo rosto me fazendo rir solto, sempre gostei da demonstração de afeto exagerada de JungKook quando estávamos sozinhos, toda vez que ele fazia tal coisa eu me apaixonava mais por ele, pela personalidade difícil, e pelo sorriso infantil, cada dia mais eu o amava mais.

-Vai se atrasar desse jeito, JungKookie!

-Até mais tarde, Jiminie… Eu te amo.

   Sorri.

-Eu também te amo.

(...)

    Meus pés aproveitavam a água fria e salgada, o vento bagunçava meus fios, eu me sentia livre.

-Você é tão lindo dessa forma.

   Abri os olhos e virei o rosto para Hoseok, ele me olhava apaixonado, o sorriso ali, doce e cálido. Meu coração acelerou, as bochechas coraram, senti minhas pernas tremerem, minhas mãos suarem. Eu estava mais uma vez, perdidamente apaixonado por ele.

-Obrigado.

   Um riso baixo, senti ele me pegando no colo, me permiti rir enquanto o estapeava de leve. Ele nos levou até a pequena cabana na praia, me mostrou mais uma vez as cores de deus olhos e de seus quadros, me permitiu sentir o cheiro da tinta sendo jogada harmoniosamente pela tela branca, me permitiu sentir o aperto de seus braços. Me fez sentir o calor que emanava de seu belo corpo, aspirei o cheiro gostoso de seu suor misturando com o meu enquanto nos entregávamos ao que sentíamos envoltos ao lençol branco e leve que cobria sua cama.

(...)

   Mãos fortes, beijos certeiros, gemidos roucos, arrepios, suor, calor, suspiros, olhos fechados, a cama rangendo, nossos corpos se chocando, os lábios maltratando a pele alheia com carinho e amor… Amor… Era exatamente que fazíamos em nosso quarto a meia luz, nossos corpos se moldando perfeitamente, um JungKook ofegante e majestoso acima de meu corpo me fazendo suspirar e gemer seu nome com vontade e amor. Eu o amava.

(...)

   -Por que não me ligou, Jimin?

   -Eu… Não pude, Hoseok.

   -Me prometeu ligar!

   -Mas o Kookie…

   O vi levantar da cama irritado e começar andar a passos largos por seu quarto, me sentia em vertigem com a cena.

   -Você o ama?

   Um aperto no peito ao ver os olhos castanhos me fitando com tanta intensidade.

   -Amo… Amo mais do que a mim mesmo.

   Um suspiro cansado, um riso seco e soprado.

   -Por isso vim aqui, hyung. Precisamos acabar com isso, o mais rápido possível.

   O vi me olhar com uma feição de dor.

   -Vai nos jogar no lixo assim? Tudo o que sentimos? O que passamos? Por ele? Mesmo, Jimin?

   -Me desculpa, hyung. Mas não dá mais. Não voltarei a te procurar, me perdoe por tudo, Hoseok.

   E eu sai de lá, sem olhar para trás, sem me desfazer em lágrimas por o deixar, eu apenas fui.

(...)

   “-Hyung, prometi não te procurar mais, mas… Sinto sua falta, amor”






    Era uma pequena mentira contada todos os dias de nossas vidas, uma pequena mentira que nos fortalecia, talvez, de certa forma, era amor.


Notas Finais


Esse foi o primeiro dos três capítulos que a fic terá, como está tudo pronto por ser bem curtinho (só uma ideia rala mesmo) daqui um dia eu volto com o segundo e passado um dia do segundo venho com o terceiro :3

Kisses :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...