História Ib e garry, love - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ib
Personagens Garry, Ib, Mary
Exibições 41
Palavras 644
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Fantasia, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


SARVE MININAS I MINUNUS DESSE MUNDU DLC :V QUEM TA NESAPOHA SO EUUUUUU (o tiriricaaa :3) MARI!!! YEEEEEEE :3 ma vucs num querem saber neh? :'v é, eu sei, bem, fiquem com a fic >:3

Capítulo 9 - Uma aliança?


Fanfic / Fanfiction Ib e garry, love - Capítulo 9 - Uma aliança?

 

 

Eu estava dormindo calmamente, então escuto o despertador e acordo totalmente desanimada, visto uma roupa qualquer, e vou pegar minha bicicleta.
         -mãae, to indo pra escola.... ;3; ~ib
         -ok filha, tome cuidado ~mãe
        -tomarei ~ib
           Então eu pego a bicicleta e vou pra fora, monto nela e vou indo pra escola fazer minhas provas com a mary me observando....; ---; ai ai... to sentindo q hj eu tomo no cu....., mas bem, eu chego la e travo minha bicicleta naqueles canos la :v, e vou pra diretoria, o diretor mario e a mary já estavam la.
       -......oi mary... oi diretor mario... ~ib
        - olá senhorita ib, bem, aqui estão suas provas -ele da 2 duas provas para a  ib, uma d matematica e outra de historia- boa prova, agr, eu vou dar uma olhada nos alunos menores -o diretor mario levanta da cadeira e sai da sala deixando apenas eu e a mary na sala- ~diretor mario
       Então eu tento não fazer muito contato visual com a mary por causa da nossa ultima briga, mas então, para ser uma menina "gentil" eu pergunto:
      -.....s-seus machucados estão melhores?....... ~ib
       Ela me olha estranhando um pouco, mas então diz:
     -estão ss, obg por se preucupar ~mary
     aquela gentileza estava muito estranha... mas eu prefiro focar nas minhas provas mesmo, então sento na cadeira e pego minha caneta, e começo a prova.Se passa uma hora e eu consigo terminar as duas, e por incrivel que pareça, mary não fez nada, ela apenas fez oq o diretor mario a mandou fazer, então eu acabei me estressando um pouco, e perguntei pra ela:
     -vamos la mary... fale e faça oq quiser cmg... eu sei q vc está tramando algo... ~ib
      Ela me olha estranho..
     -o-oq? n-não ib... eu só... queria um tempo pra conversar com vc sobre algo... ~mary
     - oq? ~ib
     -......antes de tudo... desculpa pelas minhas provocações..... eu........ -ela suspira meio abalada- me desculpa... eu juro que só quero ser sua amiga.. novamente.... igual quando me conheceu na galeria.... ~mary
     É, aquela informação mostrava que ela lembrava da galeria... mas.... oq ela queria?...
     -bem mary... se vc está realmente ressentida... eu te perdoo... tbm não foi certo oq eu fiz com vc.... ~ib
     -foi ss..... eu mereci.... mas ib, não é disso que quero falar com vc ~mary
     -e sobre oq é? ~ib
     Na hora que mary iria falar oq ela queria dizer a ib, o diretor mario volta, e as duas fingem que não estavam conversando
      -já terminou suas provas senhorita ib? ~diretor mario
      -ss diretor.. ~ib
      -então já pode ir embora se quiser, vc tbm senhorita mary, obg por gastar seu tempo com a ib, foi de grande ajuda ~diretor mario
      -sem problemas diretor... conte cmg a hora que quiser -ela sorri, e nem parece que ela era aquele demonio q ela era, para o diretor mario, ela era uma garota gentil e amigavel- ~mary
            As duas saem, e mary vai conversar com a ib
      -ib.... é sobre o garry.... ele......  ~mary
      -ele oq?..... ~ib
     -......vc pode ir na minha casa amanhã de manhã? dps das provas q vc acabar? ~mary
      -e...e-eu...... claro..... ~ib
      -obg..... esse é meu endereço -mary tira um papel do bolso e da pra ib- amanhã então -mary olha para os canos das bicicletas- eu vou indo, meu irmão esta me esperando.. ~mary
      -sem problema... minha mãe tbm.... então.... até amanhã... ~ib
      -até... -mary pega seu capacete, e sobe na bicicleta dourada dela, e vai pra casa- ~mary
      Ib faz o mesmo, e vai pra casa, quando chega la, ela vai pro quarto dela dar uma regada na rosa dela, quando ela percebe que a rosa estava meio murcha e triste, ela fica meio desesperada e em choque, pois a rosa dela sempre foi "animada" e cheia de vida... aquilo deveria ter acontecido por causa de alguém... mas....... quem?..

 

 

 

 

CONTINUA >:3


Notas Finais


EAAAI???? oq acharam do cap? uq será q vai acotnecer???? foi a lazarenta da mãe dela q fez aquilo com a rosa ou foi algo mais afundo??? >:3 vcs saberão no prox cap :3 bju na teta esquerda i xaaauuuu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...