História Ice heart on fire... - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Jackson, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lu Han, Mark, Rap Monster, Sehun, Suga, Suho, V
Tags Chanbaek, Hunhan, Jikook, Jimin, Jungkook, Kaisoo, Kookmin, Lemon, Markson, Namjin, Vhope
Exibições 71
Palavras 2.153
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ola Gente!! espero que aproveitem o cap...nos vemos nas notas finais :3

Capítulo 2 - A festa


Fanfic / Fanfiction Ice heart on fire... - Capítulo 2 - A festa

 

Depois de 20 minutos esperando ouço a campainha tocar, saio do meu quarto e vou em direção as escadas, não demora muito e vejo taehyung com uma mochila nas costas e um sorriso quadrado assim que abro a porta

-Está sozinho!?- fala adentrando na casa procurando alguém

-Você sabe que meus pais nunca estão em casa- falo simplista

Realmente sentia falta de meus pais, meu pai é piloto de avião e minha mãe uma aeromoça, desde de cedo aprendi a me cuidar sozinho, já que eles sempre estavam viajando, reclamar eu reclamava, mas as vezes parava para pensar, senão fosse a profissão deles talvez eu nem estivesse existido, já que eles se conheceram no trabalho...

-Porquê da mochila!?- continuo 

-Trouxe minha roupa da festa, pretendo ir direto daqui se não se importa, e mesmo porque, você não iria gostar de ir sozinho!- falou fazendo bico

Realmente não fazia parte dos meus planos aparecer lá sozinho!

-Hobi não vai com a gente!?- perguntei, já que hoseok era seu namorado -ele não vai ficar feliz em saber que você anda sozinho nessas festas! - continuo

-É claro que ele vai com a gente! Ele vai nos levar de carro- falou

 convencido!

-Hoseok com seguiu o emprego!?- pergunto animado

-Claro que sim! - Falou com seu sorriso quadrado nos lábios -eu sabia que ele ia conseguir! Afinal meu namorado é eficiente em tudo o que faz! -Continuou e agora com um sorriso malicioso

Os pais de hoseok eram e classe média alta, e não aceitaram muito bem o fato da sexualidade do filho, e o expulsou de casa, assim que foi recusado, hoseok tratou de se esforçar para ser um homem independente, mesmo porque os pais de tae não sabiam da sexualidade do filho e hoseok tinha medo pelo namorado, medo de que o mesmo seja rejeitado e largado à sorte, ele trabalharia por ele e por tae, sinto uma certa admiração por ele... e sinto que um dia terei que fazer a mesma coisa se minha escolha sexual for realmente a qual eu penso...pois nunca provei das duas frutas, vai que!? Eu goste de garotas...

- Bom para vocês dois- falo e riu anasalado -vem vamos subir! - Continuo já subindo as escadas em direção ao meu quarto

-Que bagunça em! - Fala chutando minha mochila jogada no chão assim que entra no quarto- está precisando mesmo de uma ajuda! - Fala enquanto levanta uma peça de roupa que estava em cima da cama

-Jura?!- falo com cara de obvio e ele ri- por isso que você está aqui- falo e o deixo estático 

-Seu aproveitador de amigos- fala se jogando na cama

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨°¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

-Pronto! Acho que dá para o gasto- fala me analisando de pois de quase duas horas escolhendo peças de roupas para mim

Me olhei no espelho e percebi que nunca tinha feito essa combinação de roupa, (imagem do cap.) e tenho que admitir o tae se superou dessa vez! 

Meus olhos estavam maquiados e minha expressão estava seria e ao mesmo tempo que não deixava a desejar... eu estava sexy!

- Acho que fiz um ótimo trabalho! Não me agradeça jungkook, eu sei que sou d+!- falou convencido me tirando dos meus devaneios, bufei e o olhei e logo sentei ao seu lado passando meu braço em seu pescoço e bagunçando seus cabelos

-Obrigado! -Falei soltando ele, eu realmente não conseguiria me produzir sozinho de modo que ficasse daquele jeito 

-Agora só falta eu me trocar e estaremos prontos, depois esperamos hobi- falou se levantando e indo até o banheiro

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨°¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

-Ele está demorando não acha!?- falei entrelaçando meus dedos no sofá da sala enquanto esperava hoseok

-Calma! Isso tudo é por causa do gostozaum!?!- fala enquanto comia pipoca e via uma coisa qualquer na tv

O olhei estático e joguei algumas pipocas nele que me olhou expandato

-É, agora eu tenho certeza! É por causa do gostoso do jimin mesmo!- continua e eu bufo me encostando no sofá cruzando os braços, desisto!

Mas bem que ele tinha razão

Depois de alguns minutos por volta das 9:00 ouso a campainha tocar, era hoseok!

Fui até a porta seguido por taehyung, vi hoseok assim que abri a porta e não pode evitar de olha-lo de cima a baixo, meu amigo estava lindo e tinha que admitir que tae tinha muita sorte em ter ele como namorado, vestia uma camiseta branca coberta por um casaco de couro e calças pretas seguida por uma bota preta

 Taehyung que estava atrás de mim passou parecendo um furacão em direção ao namorado logo o beijando, ali eu voltei a minha realidade iria ficar segurando vela a festa toda! Mas porque eu acho que dessa vez vai ser diferente!? 

-É sério isso!?- tinha que cortar a festinha dos dois senão a gente não ia para a de verdade! - A gente não tem que ir para festa!?- continuo apontando para o carro logo atrás dos dois

-Está falando isso porque ta com pressa de pegar jimin! - Tae falou e bufei

É sério, tae era meu amigo, mas eu lá tinha minhas vontades de dar umas chaves de pescoço nele que não era brincadeira não

-Então, vamos!?- disse hoseok rindo e indo em direção ao carro, cortando o meu olhar de “taehyung, eu ainda vou te matar um dia desses! ”

Fomos em direção ao Hyundai Aslan estacionado em frente à minha casa, realmente a independência de hoseok está boa, mao terminou o ensino médio e já estava faturando muito na área de TI...

Entramos no carro e fomos em direção a casa de jimin.

¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨°¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

 

 Pov. Jimin

Saio do meu quarto e percebo que as poucas que aviam chegado a minutos atrás foi substituída por uma multidão de jovens bêbados e depravados, já era a terceira festa que eu dava e essa tinha um proposito em especial, havia um garoto no qual eu estava ansioso para ter em minha cama que agora estava ocupada por uma garota qualquer, sim! Eu sou homo, mas tenho que manter minhas aparências, sei que nem todo o grêmio aceitaria a minha sexualidade, e não aceitaria cair de minha escala de popularidade mesmo saindo do ensino médio Droga! Preciso tira-la daqui antes que ele chegue, vou em direção a garota nua e adormecida que estava em minha cama e balanço o seu braço 

-Acorda! - Falei e balancei mais seu braço, ela não parecia reagir, acho que peguei pesado com ela alguns minutos atrás!  Preciso dela fora daqui agora!

-VAMOS ACORDA! - Gritei ao mesmo tempo que bati em sua bunda descoberta, ele acordou em um susto e vi seu olhar em mim

-jiminie...- falou manhosa revirei os olhos e joguei suas roupas em cima da cama - Vista-se- falei frio e recebi um olhar estático de sua parte

-Mas jimini...-não a deixei continuar – VISTA-SE E SAIA AGORA! - Gritei a fazendo se levantar da cama e começar a se vestir desengonçadamente,

Revirei os olhos e a peguei pelo braço com força e a levei para fora dali, soltei quando já estava fora do meu quarto parecia está chorando, mas nem liguei fechando a porta em sua cara, essas garotas não têm realmente noção quando vai para a cama sem compromisso, acha que com isso vai consegui mais, Grande erro! 

Volto o olhar ao vedor do quarto ainda ouvindo as batidas de som vindo do resto da casa, estava bagunça! Tirei um dos lençóis jugados sobre a cama e percebi uma mancha de sangue na cama, a bendita da garota era virgem! Passei as mãos sobre meu rosto que garota estupida! Vou ter que trocar tudo isso, peguei os lençóis e coloquei em meu banheiro, depois daria um jeito nisso! Mais agora estava com pressa coloquei outra colcha em minha cama e fui em direção a porta, quando abri dei de cara com yoongi 

-Magoou em! -Disse e eu sabia que estava falando da tal garota- a culpa não é minha se ela quis perder a virgindade na primeira festa! -Falei simplista e notei seu olhar perplexo

-Ela era virgem jimin!?- falou e consenti -você não tem jeito! - Continuou e dei de ombros 

-Quer!?-disse me oferecendo um copo de vodka, que logo virei assim que peguei da sua mão 

-Sinto que você ainda vai aprontar muito esta noite! -Disse  com o seu olhar voltado aos convidados, pera corrigindo...convidadas, de uma coisa ele estava certo, minha noite só estava apenas começando 

Yoongi já era meu amigo de anos, eu confiava nele! Já que era o único que sabia da minha escolha sexual fora os garotos que pegava, ele me respeitou e me aceitou mesmo sabendo de tudo, e me conhecendo como ninguém, sabia o que eu tinha em mente, me satisfazer sexualmente daquilo que eu verdadeiramente queria, nem que para isso eu tenha que tomar medidas drásticas! 

Sai do seu lado e fui em direção aos convidados, afinal quem estava dando a festa era eu!

Depois de uns drinks, eu já estava um pouco mais 'alegre' que o normal

mas ainda dava para ter noção das coisas que fazia, pouco mais tinha!

não demorou muito e avistei um casal de homens e logo atras deles havia jungkook, sempre fui discreto em minhas aventuras com outros homens e só 'atacava' quando tinha a absoluta certeza de que eles queriam ate mais do que eu, e não era de hoje que notava os olhares de jungkook em mim, toda vez que sentia seu olhar em mim, eu o olhava ele desviava, e se eu não tão fosse observador ele se passaria despercebido, era uma pressa fácil, notava suas atitudes no colégio, era de poucos amigos, amigos pelo qual eu saiba era um casal gay ou seja jungkook não tinha esse tipo de preconceito o que me faz acreditar mais ainda na sua homosexualidade, não teve como não reparar em suas roupas, admito que, para um quase emo ele tinha bom gosto

fui ate eles para dar as boas vindas já com bebidas em mãos, não tirava os olhos de jungkook, o mesmo percebeu e não sabia se olhava pro chão ou para as paredes, sentir suas bochechas corarem em um ton de vermelho quando mesmo comprimentando seus amigos não tirava os olhos dele, bingo! agora tinha certeza do meu poder sobre aquele garoto, depois de falar com o casal me direcionei a ele logo atrás

-oi jungkook! esta gostando da festa?!- falei com um sorriso no rosto

-estou sim!- falou meio desajeitado -que bom, espero que fique ate o final dela!-falei lhe entregando uma bebida com um sorriso pervertido nos lábios e sentir ele virar um tomate de tão vermelho que estava

-já percebi que não gosta muito de festas não eh!?- falei divertido olhando nos seus olhos

-ta tão na cara assim!?- falou e pela primeira vez me olhou nos olhos, ali eu vi o quanto ele me desejava, eu não podia esperar mais, meu corpo já estava entrando em combustão, tinha que possui-lo o mais rápido possível

-vem! vamos a um lugar mas tranquilo!- o peguei pelo pulso e o arrastei através dos convidados que pelo estado não perceberiam nada, quando chegamos ao meu quarto bati a porta com um chute a fazendo abrir de imediato, puxei jungkook que estava atrás de mim pelo braço o fazendo entrar em meu comodo e ao mesmo tempo  o jugava encima da cama, e agora lá estava ele, meio deitado em minha cama se apoiando com os cotovelos olhando estático pra mim, sorri malicioso pra ele enquanto fechava a porta atrás de mim com uma das pernas não queria saber se a mesma estava trancada ou não, não me importava com nada naquele momento que não fosse me satisfazer sobre aquele garoto

foi até ele, e o mesmo não tinha nenhuma reação, tão fácil! tão entregue!  

me inclinei sobre ele e passei a minha mão sobre seus cabelos que logo o puxei de modo que seus olhos encontrassem os meus, e não esperei para toma-lo em um beijo selvagem, adentrei minha língua e pedi passagem que logo fui concedida, me aprofundei em sua boca em uma busca inserçante pelo seu gosto e assim ficamos por alguns segundos até  eu puxar seu cabelo para traz o fazendo inclinar a cabeça, ainda com o seu lábio inferior entre meus dentes, e o sinto arfar, já sentia meu membro latejando por baixo da calça sabia que não aguentaria por muito tempo se não fosse ágil,  tiro minha mão de seus cabelos agora indo em direção ao seu casaco para tira-lo, e voltei meus labios para o seu pescoço e destribuir mordidas que com certeza deixariam marcas, já estava com a mão em seu casaco quando sentir a porta atrás de mim abrir com um estrondoso chute revelando a garota na qual eu tinha transando mais cedo na festa, ela estava com um sorriso maléfico nos lábios e trazia atrás dela praticamente todos os convidados da festa, droga!  


Notas Finais


ooi gente! olha que esta aqui mais uma vez! euzinha :3, espero que tenho gostado do cap..desculpe os erros de portugues! comentarios são muito bem vindos! ESTOU MUITO PREUCUPADA COM OS MENINOS!! ESSE BLACK OCEAN TA ME MATANDO!!!! que ele não aconteca... ;-;... bem ate mais!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...