História If - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias R5
Personagens Personagens Originais
Tags Ross Lynch
Visualizações 6
Palavras 1.908
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Honestamente já não sei que dizer aqui, kkkkk , sinto que sou muito chata com a cena do MAIS UM CAPÍTULO, tipo JURAAAAA QUE É MAIS UM????? NÃO SABIAAA!!! PENSAVA QUE ERA UM AVISO PARA DAR DE COMER AO GATO!
ok ok parei sorry.... excitação a mais



ESPERO QUE GOSTEM!!!🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄

Capítulo 12 - Confessions


24 de Novembro, 11h00


POV Violet


A aula de Biologia tinha acabado mais cedo por isso estava no corredor a falar com Alisha, provavelmente a única pessoa com quem falava naquela sala.

- Esta aula estava a ser aborrecida ainda bem que acabou mais cedo.-ela disse e suspirou de alívio.

-Acho que nunca concordei tanto contigo.

O professor teve que sair mais cedo, ia ter uma reunião com o diretor e era importante.

-Olá Alisha!- víramo-nos pra trás, um rapaz da nossa turma tinha acabado de se juntar a nós- Que bom que tivemos este tempo livre não achas?

Tossi para chamar a atenção do rapaz.

-Ah oi Violet.

-Olá para ti também Eric.

Eric não gostava muito de mim, vamos apenas dizer que quando me convidou para o clube de ciências da escola eu recusei porque não achava aquilo interessante, Biologia era uma das minhas disciplinas preferidas mas nunca fui muito participativa nos clubes da escola. Ele ficou chateado e basicamente ignorava a minha presença sempre que eu estava por perto.

-Pensei que a esta hora estarias a ligar para o teu namoradinho para saber com quantas gajas é que já te traiu.-ele disse com um sorriso cínico, referindo-se a Ross.

-Pensei que a esta hora estarias a convidar um dos teus bonecos para o baile da escola.-disse no mesmo tom.

- Primeiro não são bonecos, são figuras de ação. E segundo bailes são para pessoas com uma mente  simples, como tu.

-Não foi isso que me disseste o ano passado quando recusei ir para o teu clube, espera deixa ver se me lembro," Violet adorava que fizesses parte do meu clube, és uma das raparigas mais inteligentes da escola, és melhor que a maior parte das pessoas que lá estão , acredita ias ser uma mais-valia para as competições"-disse numa voz esganiçada de forma a provocá-lo- ou estarei enganada?

Eric virou-se e foi-se embora, tinha ficado sem resposta, a verdade é que detestava fazer pouco das pessoas mas ele não era coitadinho nenhum e não podia ficar a ouvir o que ele dizia e não responder.

- Ignora-o ele só te quer irritar , nem merece a tua atenção.

-Eu sei , não te preocupes.

Continuamos a falar quando vi uma cabeleira ruiva passar a correr, parecia estar a chorar e foi lá para fora.

-Alisha eu tenho que ir, falamos depois!- disse enquanto me afastava a correr para ver onde tinha ido a rapariga.

Procurei por todo o lado e encontrei-a num canto lá fora. O mesmo sítio onde tinha discutido com Brian dias antes.

-Fran?  O que se passou?

A ruiva levantou a cabeça para olhar para mim e consegui ver os seus olhos verdes cheios de água.

-Violet?

Não sabia o que se passava mas decidi acalma-la e dei-lhe um abraço. Ela chorou mais um pouco mas depois vi que se tinha acalmado e estava a tentar estabilizar a respiração.

-Mais calma?- estávamos sentadas no chão encostadas á parede, a minha camisola estava encharcada.

-D-desculpa.-ela disse enquanto soluçava, referia-se á camisola.

- Não te preocupes com isso. Agora queres-me contar o que aconteceu para estares assim?

-Eu conto mas tens que prometer que não dizes a ninguém.

-Ok, ok eu prometo, pinky!- disse enquanto lhe estendia o dedo mindinho para que o apertasse com o dela. Assim o fez e depois começou a falar.

-Bem eu, eu tenho um namorado, quer dizer tinha....Nós andávamos a sair á algum tempo.-fiz-lhe sinal para que continuasse- E bem eu sempre gostei muito dele, o problema é que ele é mais velho, é do teu ano. E-e ontem á tarde eu fui a casa dele, para almoçar-mos juntos. Estava tudo bem, estávamos sentados no sofá a ver televisão e ele beijou-me. Eu retribui e continuamos com os beijos mas depois ele pôs-se em cima de mim e começou a tirar-me a camisola então eu parei.

Ela tinha parado de falar então segurei-lhe na mão para que se sentisse mais segura. Ela apertou a minha mão com força e continuou com a história.

- Ele tentou continuar e eu pedi-lhe que parasse porque não estava pronta , mas ele ignorou-me então empurrei-o de cima de mim. Ele perguntou-me se eu não confiava nele, se não o amava e eu disse que sim , mas que simplesmente não estava pronta para fazer aquilo. Ele ficou chateado e mandou-me embora então eu fui. Hoje tentei falar com ele, mas quando cheguei á beira do sítio onde ele estava vi-o beijar outra rapariga então saí a correr e comecei a chorar. E depois tu encontraste-me.

- Se ele fez isso contigo então não tens que chorar por ele, ele obviamente não tem respeito por ti nem sabe o que é amor. Se assim o fosse teria respeitado a tua decisão. Ele não merece as tuas lágrimas.

-Eu sei mas eu só queria alguém que me amasse, que... olhasse para mim da maneira que o meu irmão olha para ti.

- Fran, um dia vais ter esse amor que desejas ok? Não tenhas pressa. Eu sei que é chato esperar mas acredita vai valer a pena, e vais ter algumas desilusões pelo caminho mas faz parte.- fiz uma pequena pausa e continuei- e em relação ao Brian, ele não me ama. Ele pensa que sim mas isso é mentira. Imagino que saibas o que ele fez?

-Sim.... sei. Mas ele teve a sua razão, ele gosta de ti e tu foste para a cama com outro. Ainda por cima foi com o Ross Lynch.

- Fran isso não é verdade, o que se passa é que as pessoas gostam de inventar rumores. E mesmo que tivesse acontecido o teu irmão não tinha o direito de fazer o que fez.

-Então o que é que aconteceu? Com o Ross.

-Bem, já que alguém quer saber o que realmente aconteceu, vou te contar. Sabes a festa de Halloween que todos andavam a falar?-ela acenou com a cabeça-Bem eu e o Ross bebemos um bocado, coisa que desde já aconselho-te a não fazeres, e beijamo-nos. Foi isso. Alguém deve ter visto e espalhou o rumor. E para te provar que não precisas de ter pressa, foi o meu primeiro beijo. Eu nunca tive um namorado, ainda sou virgem, dei o meu primeiro beijo há um mês atrás e estou quase a fazer 17 anos.

-Desculpa por te ter acusado, não era minha intenção. E não te preocupes que isto não sai daqui.-ela disse e piscou-me o olho.

-Já te sentes melhor?

-Bastante. Ah e desculpa por aquilo que o meu irmão te fez. Ele não teve razão, mas é meu irmão e... bem tu sabes, tenho sempre tendência a ficar do lado dele. Espero que continuemos a ser amigas.

-Fran claro que sim, e não te preocupes estás perdoada, agora vamos eu pago-te um chocolate, faz sempre bem.-Eu disse e levantei-me , puxei Fran pelo braço e fomos comprar o chocolate numa das máquinas de venda automática da escola.

Entretanto tocou para a fora e os corredores encheram de novo, Fran agradeceu outra vez e foi ter com as suas amigas.

-Violet!

Megan aproximava-se de mim com o telefone na mão.

-Olha para as fotografias que o Jack me enviou! Quem me dera estar com ele agora... -ela disse enquanto olhava para as fotografias do namorado- estou a morrer sem ele! E só de imaginar que lá está um calor infernal e nós andamos aqui de casaco e calças de ganga. Aposto que a puta já andou a esfregar óleo no corpo dele, aquela cabra eu vou matá-la!

-Megan calma, tu ficas demasiado nervosa. Vocês falam constantemente! Ele faz video-chamada contigo todas as noites e liga-te sempre depois dos jogos e quando acorda! Se ele não se importasse contigo não fazia isso, e como ele se importa de certeza que também já mandou a Lila para o caralho ok?

- Como é que ficas tão calma sabendo que neste momento o Ross está na praia rodeado de raparigas em bikini que estão provavelmente a discutir quem é que vai para a cama com ele primeiro?

-Ok então vou-te explicar pela milésima vez, primeiro ele não é meu namorado, segundo eu não gosto dele, terceiro com jogos todos os dias e treinos de manhã , á tarde e á noite duvido que tenham muito tempo para ir á praia.

-Então vais-me dizer que não sentes nem um pouco de ciúmes?

- Nem por isso, estou ótima! E aliás ,com ele fora  da escola as aulas de Inglês são bem mais calmas , por isso estou fantástica. E por falar em Inglês tenho que ir senão vou chegar atrasada. Xau!!! E larga o telemóvel! - disse enquanto me afastava de Megan e ia em direção á sala.

16h45

Estava a ver uma série no computador, já tinha estudado depois do almoço por isso decidi descansar um bocado. Fui á cozinha buscar um pacote de batatas fritas e quando voltei para o sofá vi que tinha uma chamada não atendida, Ross tinha ligado. Era a primeira vez que ligava desde que se foi embora, liguei de volta.

Chamada on

-Hey Clearwater! Tudo bem?

-Tudo ótimo Lynch, e contigo?

-Também, o Jack está a acabar de tomar banho e depois vamos jantar.

-Então como tem sido? Muito calor?

- Muito mesmo, e é mesmo estranho porque já começaram  a colocar as decorações de  Natal e vês pessoas na praia. Ainda por cima somos obrigados a correr na praia de manhã e o dia começa mais cedo aqui então é horrível.

- É bom que o Jack diga isso á namorada dele, porque ela anda insuportável.

-Porquê?

-Vamos apenas dizer que ela só consegue imaginar a Lila Stammer a passar óleo no corpo do Jack e segundo a visão dela vocês estão de férias e passam o dia todo a apanhar sol na praia.

- Na verdade a Lila foi apanhada a fazer coisas indecentes, se é que me entendes, vamos apenas dizer que as raparigas não podem entrar nos nossos quartos e vice-versa, ela achou-se demasiado esperta e agora é obrigada a distribuir água e a lavar as toalhas depois dos treinos, o rapaz vai ficar no banco o resto da semana.

-Acho que ela vai ficar muito feliz por ouvir isso.-disse enquanto me ria.

-Tenho saudades tuas.

Fiquei em silêncio, era suposto dizer que também tinha saudades dele? Quer dizer eu tinha mas não queria que ele soubesse.

-Ainda estás aí?

-Ahm,sim sim estou.-respondi rapidamente.

-Como tem sido, sem a minha adorável companhia?- 

-Não imaginas. Os meus dias sem ti são um horror, a cada momento que passa fico com mais vontade de te ver, não sei se consigo aguentar mais uma semana sem te ter a meu lado. -disse no tom mais irónico que consegui e comecei-me a rir.

-O Jack diz isso á Megan todas as noites e fica até ás três da manhã a falar com ela, já pensei em ir dormir na recepção por causa dele.- ele disse e eu conseguia imaginar o cenário, então ri-me outra vez.

- Bem de qualquer maneira espero que corra tudo bem, afinal são a equipa mais provável a ganhar o torneio não é? As notícias correm depressa.

-Sim é verdade! Ao menos vai valer a pena! Olha o Jack já está pronto por isso tenho que ir.

-Ok ok vai lá! Falamos depois.

-Adeus Violet!-consegui ouvir a voz de Jack pelo telefone e ele desligou.

Chamada off

Vi as horas, 17h00. Em Miami eram mais 3 horas que em Los Angeles por isso lá já seriam 20h00.

A minha mãe chegou pouco tempo depois e ajudei-a a fazer o jantar.

Como sempre desde que tinha partido a minha mãe perguntou se estava tudo com Ross e eu disse-lhe que ele havia ligado. Obviamente que ela ficou muito feliz, ela sempre gostara muito dele e ver que nos tínhamos aproximado fazia-a sorrir.


Notas Finais


Pronto e aqui está!!! Sei que não está nada de especial mas não posso juntar a ação toda num capítulo não é?
Por favor dêem feedback do que estão a achar .
Ps: QUESTION OF THE DAY: qual é a vossa cor preferida? A minha é roxo!!
🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄🦄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...