História If I Could Fly - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Christian Figueiredo, Felipe Castanhari, Felipe Neto, Gustavo Stockler (Nomegusta), Júlio Cocielo, Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, One Direction, Zayn Malik
Personagens Christian Figueiredo, Felipe Castanhari, Felipe Neto, Gustavo Stockler, Harry Styles, Júlio Cocielo, Liam Payne, Louis Tomlinson, Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Niall Horan, Personagens Originais, Zayn Malik
Visualizações 5
Palavras 3.233
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 21 - Capítulo 20


Fomos todos em direção ao salão, mas antes de eu chegar lá, avisei o Louis que logo mais eu estava de volta, e fui em direção a casa na qual nos arrumamos. Entrei lá e fui para a sala onde eu tinha colocado meu vestido de noiva, encontrando o de festa. Chamei a Regina e a mesma me ajudou a tirar o vestida de noiva. Logo em seguida, Regina me ajudou a colocar o vestido de festa(1)

Depois de pronta dei uma retocada básica na maquiagem e soltei meu cabelo, tirando a fita e deixando só a parte de cima presa(2)

Me olhei no espelho e dei um sorrisinho, me despedi de Regina e sai do quarto voltando para o salão.

Percorri meus olhos pelo salão procurando o Louis e o encontrei sentado numa mesa junto com os meninos e Stella. Sorri e comecei a andar em direção a mesa, me sentei na cadeira vazia que estava ao lado do Lou

- Hey meninos e Stella!

- Olá casamenteira - Zayn falou dando um risinho e um aceno rápido com a cabeça, soltei uma pequena gargalhada e apoiei minha cabeça no ombro de Louis.

- Porque trocou de vestido? - Harold perguntou e eu revirei os olhos com a pergunta

- Porque aquele vestido era muito grande para ela se locomover direito e além disso, ela sairia batendo em tudo! - Stella respondeu por mim e eu a olhei com um olhar agradecido e ela apenas assentiu de leve.

Começamos a conversar sobre coisas aleatórias, até que Louis se levantou e foi em direção a uma mesa, conversando com alguém rapidamente, que eu não consegui identificar pois estava muito longe, e logo ele voltou com um sorrisinho de quem aprontou. Olhei desconfiada pra ele, quando ia perguntar oq ele tinha feito fui interrompida pela voz do Ed soando nos auto-falantes do lugar

- 1, 2, 3... Testando... Vcs estão me ouvindo? - Perguntou e recebeu um coro de "Sim" - Ótimo. Essa música foi pedida pelo nosso maridinho! - Falou apontando para Louis que soltou um sorriso. - Aqui vai: Lego House

E então ele começou a dedilhar no violão.

I'm gonna pick up the pieces
And build a Lego house
If things go wrong we can knock it down
My three words have two meanings
But there's one thing on my mind
It's all for you

Ed começou a cantar e então Louis se levantou e ficou de frente pra mim e me ofereceu sua mão, respirei fundo e a peguei, me deixando ser guiada por ele até o meio da pista que tinha ali

And it's dark in a cold December
But I've got you to keep me warm
If you're broken, I will mend ya
And I'll keep you sheltered from the storm that's raging on, now

Nos posicionamos, ele com as mãos em minha cintura e eu com minhas mãos em seu ombro

I'm out of touch, I'm out of love
I'll pick you up when you're getting down
And out of all these things I've done
I think I love you better now
I'm out of sight, I'm out of mind
I'll do it all for you in time
And out of all these things I've done
I think I love you better now
Now

- Não acredito que fez isso - Sussurrei olhando pra baixo

- Pq? Não gostou? - Perguntou enquanto posicionava nossas mãos e começava a nos guiar na dança pelo salão

- Não é isso... Eu não sei dançar, e vc sabe disso... - Falei envergonhada me deixando ser guiada por ele, mas com um profundo medo de pisar em seu pé ou cair aqui no meio

- Nada disso, eu te ensinei a dançar, lembra? Depois daquela noite eu te ensinei e vc aprendeu perfeitamente - Falou como se estivesse me repreendendo e eu apenas assenti ficando calada e seguindo seus passos

I'm gonna paint you by numbers, and colour you in
If things go right we can frame it, and put you on a wall
And it's so hard to say it, but I've been here before
Now I'll surrender up my heart, and swap it for yours

Finalmente tomei coragem e olhei para cima, encontrando sua imensidão azul olhando diretamente pra mim, acabei me perdendo ali e foi como se todas as pessoas que estavam ao nosso redor sumissem, o salão, as mesas, as cadeiras, tudo sumiu e estávamos só nós dois, a sós

I'm out of touch, I'm out of love
I'll pick you up when you're getting down
And out of all these things I've done
I think I love you better now
I'm out of sight, I'm out of mind
I'll do it all for you in time
And out of all these things I've done
I think I love you better now

- I think i love you better now... - Ele sussurrou em meu ouvido. E eu sorri corando de leve

Don't hold me down
I think my braces are breaking
And it's more than I can take

Louis me rodou rapidamente, fazendo meu vestido rodar junto. Senti o vento em meu rosto enquanto olhava para o meu sorriso favorito de todos.

And it's dark in a cold December
But I've got you to keep me warm
If you're broken I will mend ya
And I'll keep you sheltered from the storm that's raging on, now

Sorri e não me segurei, dando um selinho rápido em seus lábios, mas logo fui puxada novamente por ele para perto, e iniciamos um beijo calmo e doce

I'm out of touch, I'm out of love
I'll pick you up when you're getting down
And out of all these things I've done
I think I love you better now
I'm out of sight, I'm out of mind
I'll do it all for you in time
And out of all these things I've done
I think I love you better now

Cantarolei esse trecho junto com a música e o vendo sorrir

- Sua voz é tão linda - Sussurrou me encarando e eu o encarei de volta sontando um sorrisinho bobo

I'm out of touch, I'm out of love
I'll pick you up when you're getting down
And out of all these things I've done
I will love you better now

- And out of all these things I've done, I will love you better now - Cantarolei para ele e o mesmo sorriu

A música acabou e nós paramos no meio da pista com nossas testas coladas uma na outra ofegantes

- Eu te amo - Sussurrei

- Eu também

Fomos tirados de nossa bolha com as palmas de todos ali, abeixei minha cabeça envergonhada e comecei a puxar Louis para nossa mesa. Nos sentamos e começamos a conversar com os meninos.

Comemos algumas coisas, até que eu vi que já eram 22 horas, ou seja, estava na hora de sairmos para a lua de mel. Uma coisa que me incomodava, não por eu ter medo mas por causa da curiosidade, é que eu não sabia onde seria nossa lua de mel. Louis insistiu em fazer uma surpresa e eu aceitei...

Fui despertada de meus pensamento com Louis me chamando

- Vamos amor! Está na hora, precisamos ir para o aeroporto - Me alertou pegando minha mão e me levantando

- Tudo bem... - Falei sorrindo e fomos em direção ao carro mandando um aceno rápido para todos.

Entramos no carro e fomos para o aeroporto

- Amor, e as nossas malas?

- Já estão no aeroporto babe - Ele respondeu sorrindo para mim e eu sorri de volta, abrindo o vidro ao meu lado e observando as ruas e as pessoas enquanto o vento batia em meu rosto fazendo meus cabelos balançarem. Comecei a pensar em qual lugar seria nossa lua de mel, céus, eu estava tão ansiosa.

- Vamos? - Escutei Louis me chamar e olhei em volta percebendo que já estávamos no aeroporto. Sai do carro e fui ao seu lado, entrelaçando nossas mãos

- Nosso vôo sai daqui 10 minutos, já anunciaram, então ja podemos entrar. Vem - Me avisou me puxando delicadamente para o portão do vôo. Entramos no avião e eu me sentei na janela com ele ao meu lado

- Não vai me falar onde vamos? - Perguntei, tentado fazê-lo me falar, mas falhei miseravelmente, revirei os olhos e deitei minha cabeça em seu peito, e acabei adormecendo com o carinho que ele fazia em meu cabelo

~~ 11 horas depois ~~

Eu e Louis estávamos conversando, até que fomos interrompidos pela voz da aeromoça

- Senhores passageiros, favor colocar o cinto de segurança e arrumar seus acentos na posição normal, em 5 minutos iremos aterrissar, obrigada pela atenção - Ela anunciou e eu e Louis colocamos nosso cinto e esperamos.

Alguns minutos depois estávamos descendo do avião. Olhei em volta mas não reconheci onde estávamos, comecei a olhar as placas e vi que estavam em português

- Estamos no Brasil - Pensei alto e Louis me olhou e sorriu - Mas aonde? Em que lugar do Brasil? - Perguntei fazendo uma cara de dúvida e ele apenas me ignorou, me puxando para a área onde retirava as malas. É ele realmente não vai me contar...

Depois de pegarmos as nossas, saímos do aeroporto e fomos em direção a área de táxis

- Qual é o endereço? - Perguntei para o Louis

- Rua xxxxxxxx xxxxxxx, número xxx - Respondeu e eu assenti e nós entramos no táxi

- Olá, bom dia! Aonde desejam ir? - Um homem super simpático perguntou e eu dei o endereço. Senti saudades do clima carinhoso e amável do Brasil.

Peguei na mão de Louis e fiquei olhando a paisagem da janela e sorri aspirando o ar puro. Logo chegamos na tal rua, o táxi parou de frente para uma casa, mansão na verdade, maravilhosa!

- Uou - Sussurrei e logo sai do carro sendo seguida por Louis depois que ele pagou. Pegamos nossas malas no porta malas e fomos em direção a casa, abrimos a porta e entramos

- É tão lindo - Falei sorrindo, subi correndo para o andar de cima e entrei no nosso quarto, olhei pela janela vendo a vista do mar. Espera aí, eu conheço essa praia... Não acredito! Estamos em Arraial do Cabo, na praia Farol!(3)(4)(5)

- Gostou? - Louis perguntou me abraçando por trás e beijando minha nuca

- Se eu gostei? Eu adorei! Eu sempre quis vir para Arraial do Cabo, é tudo tão lindo... - Falei e soltei um suspiro por causa dos beijos. Me virei de frente para ele e o beijei, vi que o beijo estava esquentando e me separei dele

- Oq foi? - Ele perguntou confuso me olhando assustado

- Você já viu o sol que está fazendo? A gente deixa isso para a noite, agora eu quero curtir essa praia maravilhosa! - Falei soltando uma gargalhada por causa de sua cara. Fui até minha mala e peguei meu biquíni, tirando meu vestido rapidamente com a ajuda de Louis, e coloquei meu maiô(6)

Depois de ter colocado ele, coloquei um shorts e peguei uma bolsa grande, colocando uns salgadinhos que eu trouxe de Londres, caso sentisse fome no vôo, até pq, eu não ia pagar algo que nem sustenta. Além dos salgadinhos, eu coloquei meu chapéu, protetor solar, toalhas, garrafas de água, óculos de sol e dinheiro caso a gente queira água de coco ou sorvete.

Depois de tudo, me sentei no sofá e fiquei esperando o Louis. Enquanto isso resolvi postar uma foto no Insta, que eu tinha tirado antes de ontem(7)

CandyCandy: And if you feel you're sinking, I will jump right over into cold water for you💕❄

958.034 curtidas | 672.251 comentários

@______: Wow, tão linda!

@________: Está mais bonita do que antes, parece que a cada vez que vejo alguma foto sua vc está diferente...💕

@____: Mas essa menina é um arraso mesmo, meu Deus do céu...!

@______________: Tão cute😍💕

@_________: Te amo bebê💚

@____: Já sei até pra quem é essa legenda... Shippo tanto Loudy(Shipp do Lou com a Candy)💛

@_____: Você está perfeita! Como sempre... Como o Markie está? E o Lou Lou? 🖤
________________
________________
Sorri com os comentários e comecei a responder os que davam

- Oq está fazendo? - Louis perguntou e senti sua respiração batendo contra meu pescoço

- Postei uma foto no Insta e estou respondendo alguns comentários - Respondi sorrindo e ele concordou - Vamos?

- Vamos!

Saímos da casa, trancamos e eu coloquei a chave e meu celular em minha bolsa e nós fomos para a praia. Ao chegarmos la, procuramos um lugar de frente pro mar para colocar as cadeiras e o guarda sol, achamos e montamos tudo. Nos sentamos e eu tirei meu shorts, coloquei meu chapéu e meu óculos de sol me deitando na cadeira

- Amor vou dar um mergulho, quer vir? - Louis perguntou e eu o olhei

- Não amor, vai la, depois eu vou - Respondi sorrindo e ele concordou me dando um sorriso e indo em direção ao mar. Comecei a o observar com um sorriso no rosto que logo morreu quando percebi que muitas meninas olhavam para o meu esposo!

Fiquei emburrada olhando para aquelas najas que secavam Louis dos pés a cabeça. Até que vi Louis saindo do mar e vindo em minha direção

- A água tá maravilhosa - Ele falou chegando perto de mim com seus cabelos pingando e gotas de água passando pelo seu corpo, ele estava tão sexy assim...

- Hmm - Respondi com um resmungo olhando pra baixo

- Hey amor, oq houve? - Ele perguntou levantando meu queixo e me fazendo olha-lo

- Nada... - Respondi olhando na direção das meninas que ainda olhavam para Louis e ele seguiu meu olhar encontrando as meninas que deram sorrisinhos para ele oq fez meu sangue ferver

- Então vc está com ciúmes, hun?! - Perguntou se abaixando ao meu lado e passando seu nariz em minha bochecha em forma se carinho e eu fechei os olhos

- E se eu estiver? Qual o problema? - Perguntei cruzando os braços o afastando e ele deu um sorriso lindo

- Não precisa ficar, vc sabe que eu só tenho olhar pra vc e que elas não fazem diferença nenhuma em nada - Ele falou puxando meu rosto em sua direção e distribuindo beijos em meu rosto e eu assenti - Eu te amo, tá? É só vc! - Ele falou e me puxou para um beijo que me deixou sem fôlego

- Também te amo, muito - Falei depois de recuperar o fôlego

~~ Algumas horas depois ~~

Estávamos voltando para a casa depois de um dia totalmente divertido. Chegando em casa eu fui tomar banho.

Estava flutuando em meio a pensamentos enquanto sentia a água quente cair em meus ombros, fui acordada de meus pensamentos com a porta abrindo e Louis logo apareceu, nú. Ele entrou no box e sorriu pra mim e eu sorri de volta.

Começamos a conversar sobre o casamento, os convidados, como as coisas estavam e então eu olhei em seus olhos e ele estava me olhando com carinho, sorri e me aproximei dele o puxando para um beijo, que de doce e calma foi para rápido e quente.

Louis me empurrou pra trás fazendo minhas costas baterem na parede gelada do banheiro e então uma ideia louca veio em minha cabeça, pode parecer um pouco, talvez, nojento para alguns. Mas eu sempre tive curiosidade

- Oq acha de testarmos algo novo? - Perguntei ofegante enquanto ele beijava desde meu maxilar até meu pescoço

- Como assim "algo novo"? Que tipo de coisa? - Ele perguntou me olhando

- Acho que vc sabe oq estou querendo dizer - Falei envergonhada e ele sorriu

- Tudo bem

Ele me virou de costas pra ele, distribuindo beijos pelas minhas costas e pousou suas mãos em meus seios. Eu soltava alguns suspiros e gemidos sentindo seus dedos brincarem com meus seios enquanto olhava suas expressões pelo espelho que tinha na parede de frente pra mim. E então depois de um tempo, ele desceu uma de suas mãos até minha vagina e introduziu um dedo ali que escorregou facilmente

- Hmm, tão molhada... - Sussurrou em meu ouvido e eu me arrepiei toda, soltando um gemido ao sentir ele introduzir o próximo dedo. E então ele introduziu mais dois dedos de uma vez me fazendo soltar um gemido rouco, ele começou a fazer um vai e vem, mas então de repente ele tirou seus dedos de dentro de mim e levou até minha boca me pedindo para chupa-los e eu chupei dois sentindo meu gosto, que era meio doce misturado com um azedo leve.

Antes que eu pudesse chupar os outros dois, ele puxou para ele chupando rapidamente olhando e meus olhos. Ele abriu o vidro do box e saiu indo para o quarto e voltando rapidamente com um pênis de borracha, um lubrificador e um pacote de camisinha.

Ele entrou novamente no box e levou sua mão novamente em minha vagina, fazendo movimentos circulares em meu clitores e eu soltei um gemido alto e quando ele percebeu que eu estava chegando, ele parou e tirou sua mão novamente se abaixando e pegando o pênis de borracha do chão, o colocou em minha entrada e o colocou la dentro rapidamente por causa de meu lubrificante natural, me fazendo soltar um gemido. Ele segurou o pênis com uma mão fazendo vai e vem e pegou no pacote de camisinha, logo rasgando o pacote e colocando a camisinha e seu pênis, logo em seguida pegou o lubrificante, abrindo e jogando em seu pênis, jogou o lubrificante no chão e espalhou o que estava e seu pênis.

- Eu vou bem devagar, se doer me avise, e se não quiser me chame que eu paro, okay? - Ele perguntou me olhando através do espelho e eu assenti e ele colocou seu pênis na estrada de meu orifício e foi entrando lentamente.

Doia bastante, soltei um gemido de dor e assim que ele entrou por completo, ele parou e me esperou acostumar, e então quando eu não senti mais dor nenhuma, dei uma leve rebolada e ele entendeu começando a se mexer e fazer o movimentos vai e vem.

E então ele clicou em um no pênis de borracha e ele começou a vibrar o que me fez urrar de prazer, ele recomeçou o vai e vem com o pênis de borracha e foi aumentando a velocidade do vibrador e do vai e vem, tanto de seu pênis, quanto do de borracha.

Eu estava delirando de prazer. E eu não gemia, eu gritava! Estava tão bom

- Céus, tão apertadinha - Ele suspirou e aumentou o vai e vem me deixando mais louca

Depois de alguns segundos eu senti que estava chegando, e então senti uma eletricidade enorme passar pelo meu corpo inteiro e então eu gozei e Louis deu mais 2 estocadas e logo gozou também.

Ele tirou seu pênis e o pênis de borracha de dentro de mim quase me fazendo cair, se não fosse por ele ter me segurado. Ele jogou o pênis e a camisinha no chão do lado de fora da banheira e me sentou delicadamente ali, e logo em seguida se sentou atrás de mim e começou a me ensaboar e eu fiz o mesmo com ele.

Depois de termos tomado banho, eu fui dar um passo para chegar na borda da banheira e se não fosse por Louis, eu teria caído ali mesmo, eu não sentia minhas pernas

- Louis! Olha oq vc fez comigo! Eu vou te matar! - Murmurei manhosa me agarrando a ele que riu e me pegou no colo me colocando sentada na pia e começou a me secar.

Depois de secos e trocados, nos deitamos na cama e eu logo peguei no sono com a cabeça em seu peito


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...