História If You Do - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts Namjin Jikook Vhope
Exibições 20
Palavras 945
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oe, eu demorei pra postar sorry. Mas aí tá a fic e eu pensei em colocar mais um Lemon ae de VHope ;u; boa fic

Capítulo 24 - VHope :3


Fanfic / Fanfiction If You Do - Capítulo 24 - VHope :3

JungKook

Aquelas palavras poderiam ser as últimas que eu queria ouvir no fim de minha vida. Jimin era minha vida. Não. Ele É. Agora vamos viver juntos pra sempre. Quem diria aue tudo começou quando eu entrei naquela sala do prézinho, todo tímido e escondendo o rosto com as mãos. Imagino que se eu não divesse aberto aquele porta... eu não conheceria o bem mais precioso de uma coisinha que se predomina vida. Jimin é a minha salvação. Sem ele eu morro. Sem ele eu posso ter qualquer vício fatal. Sem ele eu... não poderia amar outra pessoa novamente. Eu infelizmente não consigo expressar meus sentimentos muito fácil. Mas por ele... eu expressaria muito mais exagerado que eu conseguir. Por ele eu grito pro mundo inteiro que o amo. Faria qualquer coisa pra ver um sorriso naquele rosto que eu tanto não me canso de olhar. Faria ele feliz "Eu prometo... nunca e jamais vou te deixar... JAMAIS... e Jimin..." Me solto do abraço que já estávamos a um tempo.

Jimin

Jeon JungKook. Esse nome... essas palavras... me fazem chorar. Me fazem sorrir. Me fazem feliz. Ouvindo a sua voz eu escuto música... e nada mais. Ouvindo seus passos me prendo para não pular e o abraçar com toda a minha força. Sentindo seu abraço eu me sinto seguro, de tudo e de todos. Mas sentindo o seu beijo... é como estar no céu. Vc se sente mais leve quando é lento. E se sente mais apegado à ele quando é rápido. Saber que eu escolhi a pessoa certa com quem eu vou viver o resto da minha vida, é um alívio imenso. Jeon JungKook. Jeon JungKook. Jeon JungKook. Vc me faz delirar. Poderia iventar um dia inteiro apenas pra comemorar que eu tenho vc. Me casar com vc é um sonho realizado "Sim Kook-ah" falo entre soluços.

JungKook

"Esse anel... É da minha avó... A única lembrança que eu tenho dela... vai ser sua... preservea com carinho..." Seguro seu rosto com uma de minhas mãos, acariciando-o.

Jimin

"Jung... Kook..." Um sorriso se forma em meu rosto ao ouvir que confia em mim para cuidar daquele anel. Que confia em mim o suficiente para se casar "Eu te amo tanto..." Encosto nossas testas.

JungKook

"Eu amo do tamanho do Universo..."

《3 dias depois》

Taehyung

"Eu preciso dizer Hoseok... eu estou bem nervoso mas ao mesmo tempo bem feliz e orgulhoso". Já havia se passado três dias, depois que Kook pediu Jimin em casamento. Claro que quando eles pararam de trocar as alianças de noivado. Todos nós estávamos chorando, menos Yoongi, pq é um filho da puta escroto e tava prendendo aquele tempo todo.

Hoseok

"Normal meu amor... É incrível como eu te entendo" Dou risada e presto atenção em como ele se vestia errado "Perai" me aproximo e lhe dou um selinho "Deixa que eu faço" ele se enrolou todo para amarrar um laço em sua cintura. Seu pijama estava errado só por causa disso "Vc realmente me deixa impressionado" dou outra risada e continuo amarrando o laço em Tae.

Taehyung

"Tão bonito..." Acabei pensando alto e Hoseok ouviu, ficando corado e olhando para baixo sem jeito, o aue me fez rir. Quando ele acaba ele sai, mas eu não deixo segurando seu pulso e deixando seu corpo colado ao meu. Começei a beija-lo calmamente.

Hoseok

Tae me beija e eu apenas sabia retribuir. Ele me pressiona na parede com passos devagares e calmos. Seus beijos descem para me pescoço, deixando chupões, selinho e mordidas leves. Ele estava indo com calma. Deve estar muito cansado para ir rápido. Mas ainda sim, acredito ser prazeroso.

Taehyung

Não consigo me controlar quando o assunto é Hoseok. O seu corpo e lábios não me fazem pensar primeiro antes de agir. Ele me enlouquece cada vez mais "Call me daddy" Susurro em seu ouvido enquanto beijo seu pescoço e tiro seu pijama.

Hoseok

Ele tira meu pijama sem pressa e me deixa apenas com uma box. Ele diz 'Call me daddy' o que me fez arrepiar de vez. E assim fiz "D-Daddy..." gemidos atrapalhavam a minha fala mas Tae não se importava... na verdade achava bem mais prazeroso com o som da minha voz. Ele me beija e me empurra devagar até a cama, onde nos deitamos sem fazer nem menos um piu.

Taehyung

"Hoje vc vai ser meu BabyBoy... o melhor de todos" susurro em seu ouvido e começo a sentir mais prazer. Tiro meu pijama desfazendo o laço que Hope fez alguns instantes antes. Fico com minha box e começo a retirar a dele lentamente.

Hoseok

Ele retira a minha box e começa a masturbar meu membro, fazendo com que eu fique encapaz de falar normalmente "Tae... Hyung...  Ah" gemidos, apenas isso saía de minha boca. Ele começa a me beijar mas logo para e abocanha meu membro me fazendo arrepiar e fechar os olhos, inclinando minha cabeça para cima.

Taehyung

A visão de Hoseok sentindo prazer é uma imagem inesquecível e muito boa de se ver. Faço movimentos de vai e vem com minha boca em seu membro. Ele goza em minha boca e eu engulo tudo. O beijo de língua, explorando sua boca com ela.

Hoseok

Ele continua me beijando por uns dez minutos. Nossos lábios já estavam enchados pelo longo tempo em que ficamos. Tiro minha box e coloco meu membro em sua entrada. Eu nem menos coloquei os dedos... fodac eu só quero Hoseok.

Hoseok

Tae começa com estocadas leves mas ainda me fazendo gemer muito, só que baixo. Sua velocidade aumentava cada vez mais, até que ele atingiu meu ápice. Gozamos juntos, eu na cama e ele e meu abdômen. Deitamos na cama com a respiração ofegante. Seguramos as mãos e nos olhamos "Eu te amo Daddy".

Taehyung

"Também te amo meu BabyBoy" Sorrimos e caímos no sono ali mesmo, de conchinha.


Notas Finais


Se não ficou legal foi mal é que eu to postando 00:20 agora :v Espero que tenham gostado e o casamento dos dois vai ser planejado ; w ; <3

Meus gatinhos e gatinhas até lá e tchau!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...