História I'm in love with you...but i can't confess |YOONMIN| - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bts, Jimin, Jin, Jungkook, Minga, Namjin, Rapmonster, Suga, Taekook, Yoongijimin, Yoonmin
Exibições 89
Palavras 2.099
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - Jimin desmaiou? |Capítulo 12|


Fanfic / Fanfiction I'm in love with you...but i can't confess |YOONMIN| - Capítulo 12 - Jimin desmaiou? |Capítulo 12|

Pov Yoongi

Estava a acordar, quando sinto que o meu corpo estava mais pesado. Abri os olhos e encontrei Jimin a dormir em cima de mim.

Já não é a primeira vez que isto acontece.

Tentei sair sem o acordar mas foi em vão.

- Hey Suga, porque é que estás a ir embora? Fica mais um bocado... - ele disse com uma voz rouca e puxou-me para a cama novamente.

- Okay eu fico mais um bocado aqui... - beijei sua testa e comecei a brincar com os seus cabelos alaranjados. Ficamos em silêncio, mas não era constrangedor, quando de repente, Jimin decidiu perguntar algo.

- Achas que no futuro deva pintar o meu cabelo de loiro?

- Se quiseres pintar, mas eu vou ter saudades do cabelo de cenoura, se isso acontecer. - fiz um biquinho só de pensar nisso, que Jimin logo o mordeu o desfazendo.

- Então eu vou continuar com ele assim... Para o "aproveitares" antes de eu o mudar. - eu saí da cama e comecei a saltitar fazendo Jimin cair na gargalhada.

Depois de um tempo, decidimos levantar-nos, pois daqui a pouco teríamos ensaio.

"Mesmo com visitas temos que ensaiar, que estupidez!"

Eu não tomei banho, porque íamos suar e depois é que o tomaria para não cheirar mal e Jimin decidiu fazer o mesmo.

Vesti uns calções de fato de treino, tenho que mostrar as minhas lindas pernas, uma camisola longa branca e umas sapatilhas pretas.

Já Jimin, foi com umas calças de fato de treino, uma camisola às riscas e também calçou umas sapatilhas pretas...

"Está-me sempre a copiar nas sapatilhas."

Saimos do quarto e Jimin quase desmaiou...

- Jimin? Estás bem? Tu comeste tudo ontem? - ele abanou a cabeça a dizer que não.

- Jiminie... - caiu-me uma lágrima, não gostava nada que ele fizesse isto. - Porque é que não te alimentas? - ele limpou-me a lágrima e sentou-se no sofá, dizendo para eu me sentar logo de seguida. 

- Eu acho que estou muito gordo e também tenho medo que te apaixones por outra pessoa... Eu tento comer, mas há algo que me impede... - ele deixou também uma lágrima cair. Eu pus a minha cabeça entre as duas minhas pernas e deixei que as lágrimas caíssem ao ouvir aquilo.

"Porque é que ele pensa que eu o vou trocar por alguém? Eu nunca faria tal coisa! Eu já o amo à tempo..."

- S-Suga n-não chores... - ele ficou espantado e começou a tentar acalmar-me.

- Como és capaz de pensar isso Jiminie? Eu amo-te tanto... E pensas que eu te vou trocar por alguém? - perguntei olhando para ele, e Jimin simplesmente pôs as suas mãos nas minhas bochechas.

- Desculpa por eu ser assim... É que eu nunca senti o que estou a sentir por ti e tenho medo de te perder... - ele beijou-me e afastou-se, e encostou a sua testa na minha. 

- Desculpa amor... - Jimin abaixou a cabeça. 

- Não penses nunca mais que eu faria isso, okay? - disse limpando as lágrimas dele.

- Eu prometo não pensar nisso... - ele pôs a sua cabeça em meu peito. 

Eu abracei-o e dei um pequeno beijo no topo de sua cabeça. Ainda bem que ninguém viu o que aconteceu... 

Levantamo-nos e fomos para a cozinha, onde Jin já estava a fazer o pequeno almoço.

- Olá meus queridos! - Jin sorriu alegremente, até ver as nossas caras. Eu disse para Jimin que podia lavar a cara antes de se sentar, ele assentiu.

- Olá. - disse aproximando-me de Jin.

- O que é que Jimin tem? Porque é que parece que estiveste a chorar? - Jin desligou o fogão e parou tudo o que estava a fazer, ele era uma pessoa que eu podia confiar até ao resto da minha vida.

- Jimin não se anda a alimentar por minha causa, ele pensa que eu o vou trocar por outra pessoa... Ele quase desmaiou de manhã... Eu não sei o que fazer... - sentei-me e pus a minha cabeça em cima da mesa, deixando uma pequena lágrima fria cair no meu rosto.

- Tem calma, e eu vou falar c... - Jin foi interrompido.

- Podes falar Jin... - disse Jimin, se sentando à beira de Yoongi e agarrando a mão dele.

Pov Jimin

Eu agarrei a mão de Suga que estava gelada...

"Por que é que eu não paro de o magoar?"

- Jimin eu não quero ser mau contigo... Mas tu só estás a fazer merda... - disse Jin olhando-me sério. Suga continuava com a cabeça deitada na mesa, mas estava a agarrar a minha mão.

- Eu sei que devia de me alimentar, eu sei mas... Os ciúmes sobem-me à cabeça e é isto que acontece... Eu tento parar que estas fases apareçam, mas elas voltam sempre. E eu sei que Yoongi pensa que a culpa é dele... Mas nunca será a culpa dele. Eu estou a magoar a pessoa que amo ver feliz, que parece tão jovem com o seu sorriso, que eu amo ouvir cantar... - Yoongi levantou a cabeça e abraçou-me.

- Okay, mas prometes que vais comer e não magoar os que te amam? - perguntou Jin, me abraçando.

- Prometo, e será a última vez que eu farei isto. - os meus olhos começaram a lacrimejar.

- Se te acontecer isso de novo vais falar com alguém sobre isso?

- Sim eu vou fazer isso... E Suga? - ele levantou a cabeça... Seus olhos estavam vermelhos, os seus lábios estavam secos.

- S-Sim?

- Não chores mais, eu amo-te meu anjo... - não resisti e o beijei, e ele começou a chorar.

"Eu sou o único que consegue fazer Suga chorar, e também sou eu quem o faço sorrir."

- Agora meus meninos vamos terminar de fazer o pequeno almoço, mas antes, vão lavar essas caras. Ninguém pode saber o que aconteceu aqui. - Jin levantou-se, ligou o fogão e continuou a fazer o que tinha parado.

Eu e Suga fomos à casa de banho e limpamos os nossos rostos, depois saímos novamente e toda a gente já tinha acordado, e estavam todos com uns belos sorrisos.

- Olá amigos do meu heart! - disse J-Hope, abraçando Suga que começou a rir com a atitude do melhor amigo. Já Kook viu-me e começou a fazer cócegas e eu caí no chão, e começaram-se todos a rir. Kook ajudou-me a levantar e fomos todos tomar o pequeno almoço. Eu acabei por comer muito e todos ficaram pasmados, já Suga e Jin riram-se.

- Espero que não tenhas comido demasiado, pois neste ensaio se calhar vamos esforçar-nos muito. - disse Tae.

- Ah isto não me vai fazer mal, eu ontem não comi bem então isto é a fome de ontem.

Acabamos de comer e fomos logo para a sala de ensaios, todos estavam a aquecer, já Nam e Jin estavam conversar. Parece que Jin disse algo chocante sobre mim, porque Nam começou a andar em minha direção com olhar de preocupação.

- Jimin, porque é que não andavas a comer?

- Tu sabes... Crises de ciúmes e pensei que Suga estava a parar de gostar de mim... Só isso. - respondi muito baixo, para que ninguém ouvi-se.

- Espero mesmo que seja por causa disso, se não vamos ter uma conversa séria. - ele olhou-me muito sério, não estava a gostar daquilo.

- Okay... Estás-me a assustar! - levantei-me e fui sentar à beira de Suga, que estava a falar com Lily.

- Eu nunca gostei de música, mas Kook é que me fez vir para "este mundo", e está a ser divertido, só não quero ser famosa sabes? Quero ter uma vida normal... Acho mais interessante assim. - ela respondeu com uma animação surpreendente.

- Cada um tem a sua opinião, apesar de eu gostar muito do que acabaste de falar. - respondeu Suga, pegando em uns papéis para estudar um pouco as letras das músicas. 

- Olha vou ter que parar de falar e trabalhar um pouco. Jimin queres vir? - perguntou, esticando-me a sua mão.

- Não, eu já estive a praticar um pouco, agora vou descansar.

- Okay. Até daqui a pouco. - ele acariciou a minha nuca e foi embora.

- Olha que vocês formavam um casal bem fofo... Gostava de arranjar alguém como Suga. - nesse momento a raiva subiu-me à cabeça.

- Sim, aposto que a pessoa que for namorar com ele, vai ter muita sorte. - disse a fitando furiosamente. Ela deixou um suspiro sair.

- Eu sei que vocês namoram. Eu ouvi a conversa na cozinha hoje de manhã. Porque é que tens ciumes meus? O Suga ama-te e nota-se tanto. Não deixes que essas crises de ciúmes estraguem a vossa relação. Ele estava a chorar à tua conta... E Kook disse-me que ele era duro que nem uma pedra, mas que quando tocavam no seu ponto fraco ele era um anjo, uma pessoa muito sentimental. Não faças nada de errado okay? - ela pôs a mão em cima do meu ombro e logo me deu um sorriso amigável.

- Desculpa por pensar que eras duma forma, e afinal não eras. E obrigado pelos conselhos. Afinal és uma boa amiga. - abracei-a e parece que ela não estava à espera disso. 

- E já agora, que somos amigos, eu fiz aquelas cenas todas para ver o quanto tu conseguias aguentar os ciúmes e até conseguiste.

- A sério? Sua trenga... - começamos os dois a rir. Olhei para trás e Suga estava a sorrir ao ver que Lily e eu estávamos a tornarnos amigos.

"Nunca quero que aquele sorriso se desfaça. Eu quero vê-lo todos os dias, quando eu acordo."

- Hey meus queridos amigos vamos começar o ensaio? - disse o Nam, batendo palmas e fazendo a sua dancinha, ele nunca vai mudar.

Lily esteve a observar toda a gente e quando parávamos para descansar ela vinha toda preocupada entregar-nos garrafas de água, era tão engraçado vê-la assim.

"Até que enfim eu consegui ser amigo dela, eu não gostava de ter inimigos/inimigas."

Depois de terminarmos o ensaio, todos estavam cansados, (inclusive eu). 

Compô-mos cada vez mais músicas e bem com um grau de dificuldade maior.

Suga estava a queixar-se que estava cheio de dores nas costas. 

"Normal, para quem dorme quase o dia inteiro."

Ele parece que dorme muito, mas ele fica até tarde a tratar das músicas ou de mim.

Eu tenho que conservar este Suga, porque não é todos os dias que ele está de bom humor, apesar de hoje ser dia um dia com alegria, choros e muitas outras coisas.

Subimos para casa, Tae e Kook foram para o sofá e tiraram uma soneca juntos e abraçados. 

"Também queria fazer isso com Suga, mas estamos a namorar às escondidas não é verdade? Não importa, porque à noite eu durmo com ele."

J-Hope ficou a falar com Nam, Jin foi fazer o almoço, eu e Suga sentamo-nos nas poltronas e adormecemos. 

"Bem que Tae e Kook podiam não ter ido para o sofá... Assim eu e Suga podíamos também dormir abraçados."

 Lily decidiu ver televisão. Passou cerca de meia hora e ouviu-se um Jin a gritar.

- Oh meus filhos, levantem a bunda dos sofás e vamos comer. Hoje é bife com batatas fritas. Hoje é o dia de comer porcarias, porque também fiz um bolo de chocolate. 

Tae e Kook acordaram e foram logo a correr para a mesa, Lily levantou-se e foi lavar as mãos, Nam e Hope também foram a correr, já Suga não acordou. E Jin já tinha ido para a cozinha para por a comida na mesa. 

Eu abanei-o mas ele não acordou, então como não estava ninguém na sala, pus-me em cima de seu colo e ele logo acordou.

- Menino mau... A pôr-se no meu colo sem a minha autorização? - disse Suga, dando-me um beijo na testa.

- Peço imensa desculpa, já vou sair de cima de ti. - eu saí e ele levantou-se e agarrou a minha mão, eu olhei para trás e vi que Lily viu o que aconteceu, e que estava a segurar-se para não gritar ali. Eu pisquei o olho para ela, e ela correu até à mesa onde os rapazes estavam.

Estávamos a comer normalmente e de repente alguém decide falar.

- Olhem, vocês não acham que o Suga e Jimin deviam de ser namorados? - perguntou Tae, olhando para mim e para o Suga com um olhar malicioso. 

Eu e Suga coramos fortemente e, Suga agarra a minha mão. Eu senti um arrepio pelo meu corpo inteiro... 

Continua...


Notas Finais


Então como podem ver o capitulo foi um pouco dramático. Mas tudo se resolve! Eu vou tentar postar outro capítulo, mas não prometo nada! 😂
Mesmo assim... Espero que tenham gostado!

Bye Bye, For Now! ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...