História I'm not weak - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Tags Fairy Tail, Mentiras, Romance, Shoujo, Traição, Vingança
Visualizações 127
Palavras 789
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oii, então, estou aqui com o 5 capítulo ^-^
E a votação de Rolu vs Stincy acabou!!! Como tinha poucas pessoas votando, pedi para meus amigos ( que também são fãs de Fairy Tail ) votarem, e acabou assim:

Stincy = 8 votos
Rolu = 12 votos

E Rolu venceeeeeeeeeeeeeeu!!! Entao, fiquem ai com o capítulo ^-^

Capítulo 5 - Capítulo V


3 HORAS DEPOIS

Pov . Lucy

Depois de três horas caminhando, Luna estava exausta, já que não era acostumada e viagens longas, e agora esta em minha cabeça. Já eu estou normal, já que acnologia não pegava leve no treinamento... foi doloroso no inicio, mas agora valeu a pena. Foi quando eu senti o cheiro de vários membros da Sabertooth, não sei distinguir todos, mas tenho certeza que são da Sabertooth, já que tive que passar por aqui uma vez, quando já havia me tornado um adragon slayer. Hmm... se a Sabertooth esta por perto, então estamos em Fiore.

- Lu-chaan... Luna tem fome. Luna quer sorveeete. - A exceed em minha cabeça começou a reclamar,mas ela até tinha razão, também estava com fome. O problema é que todos podem ver que eu tenho uma exceed, e apenas dragon slayers tem exceeds. Acho melhor esconder Luna e comprar algo para comermos. Adentrei mais na cidade de Fiore, e começaram a aparecer prédios e pessoas... por sorte, ants de sair, escondi Luna dentro da minha bolsa, com buraquinhos para ela respirar, claro. Parei na esquina, quando algo chamou minha atenção. Uma sorveteria... isso é ótimo, basta eu comprar dois sorvetes e ir embora. Entrei dentro da sorveteria que não tinha muita gente, e se tinha, nem olhei para elas. Fui direto no balcão e pedi os sorvetes.

- Ohayo. Vou querer um sorvete de chocolate e outro de creme.

- Para levar, senhorita?

- Isso mesmo.

Estava esperando nossos sorvetes ficarem prontos, quando ouvi algumas vezes vindo algumas mesas longe de mim.

- SSTIIING!!! PARA DE ROUBAR MEU SORVEETEE!!! - uma voz feminina gritou, espera, Sting? Sting é o dragon slayer da luz, terceira geração, membro da Sabertooth...

- Nnnhg... para de reclamar, Naya... ngh! - 

- Esses dois não crescem... Ei! Parem de gritar idiotas! - Apenas ouvi um estrondo, a voz deve ter batido na mesa, que reconheci como a Minerva.

- Isso vai ficar gravado em minha memória. - Sem duvidas nenhuma, esse é o Rufus.

- Não estou interessado... - Pela voz, deve ser Rogue. Tch, bela hora para ter audição aguçada, a conversa deles me irrita.

Em alguns minutos, a moça entregou nossos sorvetes, e eu sai apressada da sorveteria, é muito chato sentir os outros te observando. Entrei em um beco escuro e abri a bolsa, onde Luna estava quase dormindo.

-Hhmm... Lu-chan? - A exceed direcionou seu olhar as minhas mãos, e seus olinhos brilharam- SORVETEEEEEEEEEEEE!!!!!

- Luna, fala baixo! - Falei em quanto a gatinha agarrou o sorvete de creme e começou a lamber, parecia que Luna não comia a anos. Logo, comecei a comer o meu também.

- Hey, Lu-chan. - Luna me chamou, agora olhando para mim. - Acno-san disse que podiamos conversar co mele usando a lacrima. Luna quer  ver o papa.- A exceed estava quase chorando, não resisti e usei a lacrima.

- Ok, Luna. Vou ligar para o Acnologia. - liguei a lacrima, e logo vi a imagem dele, com a boca totalmente aberta.

- LUUUUUUUUCCCCCYYYYYYYYY, LUUUUUUUUUUNNNNNNAAAAAAAAA!!! - Acnologia parecia tão feliz que simplesmente abracou a lacrima, eu normalmente riria, mas eu estava com saudades demais para rir. - POR QUE NÃO LIGOU ANTES?!

- P-pai, também estava com saudades, mas calma, só fazem 3 horas e meia - Sorri para ele que agora estava  com um sorriso gigante esboçado no rosto. - Senti tanta sua falta, Acnologia. Você não sabe quanto tempo fiquei pensando em você!

- E então Lucy, achou uma guilda? - Acnologia perguntou, voltando ao seu estado sério. 

-Não... ainda não sei em que guilda entrar. Estava pensando na Sabertooth, por ser inimiga da Fairy Tail, mas provavelmente não aceitariam uma ex-fada muito bem...

- E a Blue Pegasus? É uma boa escolha.

-Talvez. Só vou entrar em uma guilda para conseguir dinheiro e me vingar de certas pessoas... - Um sorriso um pouco psicopata apareceu em meu rosto, eu realmente queria machucar as fadas que me traíram.

-Vai com calma Lucy, você ainda não sabe a força que tem! Depois que achar uma guilda, venha me visitar. - Acnologia perguntou e eu assenti. - E como esta a Luna?

- ACNOOOOOOOOLOOOOOGIAAAAAAA-SAAAAAAAAAANNNNNN!!!! - Luna gritou e agarrou a cama, tampei sua boca pra ela não gritar maias ainda. Por sorte, ninguém passou.

- Luna, minha segunda filha! Estava com saudades de você!

- Luna quer voltar para o papaaaaaaaaa!!!!

- Hahah, fique calma Luna. Depois da Lucy conseguir uma guilda, vocês virão me visitar.

- LUUUUUUUCCCYYYYYYYYY!!- A exceed agarrou meu braço gritando - VAMOS ARRUMAR UMA GUILDA AGORAAA!!!

 - Hahahah, boa sorte com a Luna, Lucy.  Até depois, minha filha. - Acnologia desligou a lacrima.

- Até mais pai....

 

-Eu ouvi tudo.

 


Notas Finais


E ai, quem sera que ouviu 0-0 Vejam no próximo capítulo!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...