História I'm Sorry, Daddy - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jin, Suga
Tags Bangtan Boys, Bts, Daddykink, Imagine, Suga, Yoongi
Exibições 427
Palavras 800
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom, como sou pobre e não posso dar nada material para a minha abiguinha, lhe darei esse imagine xavoso do YoonGi gostosão.

Feliz aniversário, Unicórnia Gótica Xavosa. Te amo você ♡

Desculpem qualquer erro e espero que gostem ♡

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction I'm Sorry, Daddy - Capítulo 1 - Capítulo Único


Era uma noite de quarta-feira chuvosa, meu celular havia descarregado e eu estava voltando da faculdade pelas ruas pacatas da minha cidade quando escuto uma buzina atrás de mim.

 

 

- _______! Entra aqui! - o carro parou em meu lado e a porta se abriu, abaixei pra ver quem era, era meu amigo, Kim SeokJin.

 

 

- Nossa, muito obrigada. - disse entrando no carro, estava quase toda encharcada.

 

 

- Nada, mas por que está na rua com esse tempo? - ele disse quando o carro começou a andar.


 

- Tô voltando da faculdade e não consegui ligar pro YoonGi ir me buscar, meu celular descarregou.

 


- Entendi.


 

-x-

 

- Obrigada mais uma vez. - eu disse dando um beijo em sua bochecha e logo saindo do carro estacionado em minha calçada.

 

 

- Nada, linda. Manda um abraço pro YoonGi. - ele disse e eu acenei já na varanda.

 

Entrei em minha casa, fui direto para o banheiro tomar um banho quente. Quando saí, vesti meu roupão e fui para o quarto.

 

- Oi, Daddy. - eu disse entrando no quarto vendo YoonGi no mesmo.

 

Tirei o roupão para começar a me vestir, sem a resposta dele.

 

- Vem cá. - ele disse sentado na cama com um tom seco.

 

- E-eu fiz alguma coisa, D-Daddy? - perguntei com voz trêmula.

 

Naquele momento eu já estava com medo, provavelmente fiz algo errado que não lembro e nunca se sabe a punição que meu Daddy me vai me dar.

 

- Por que estava com o SeokJin?

 

- E-eu ia te ligar pra me buscar, m-mas meu celular descarregou.

 

- Pois saiba que me deixou com ciúme, e sabe como eu fico quando estou com ciúme.

 

- Ma-mas, D-Daddy... - eu disse.

 

- Mas nada. Fica de quatro na cama. - ele disse se levantando e indo em direção ao armário, provavelmente pra pegar um de seus brinquedinhos.

 

Eu já estava acostumada com os brinquedos, mas a dor ainda me fazia efeito.

 

E assim eu o obedeci, subi na cama e fiquei de quatro virada para a parede. Logo senti a cama arriar, ele subira na mesma.

 

- Fica de joelho e põe suas mãos pra trás. - eu obedeci, não era maluca para não o obedecer, eu pagaria ainda mais caro as consequências.

 

Senti as algemas que já foram punição em outras noites serem passadas pelos meus pulsos e trancadas.

 

Senti que ele desceu da cama, olhei para trás para ver o que ele fazia, estava tirando sua roupa, ficando totalmente nu, não nego que estava excitada só de ver seu belo corpo definido a mostra.

 

- D-Daddy, descul... - minha boca foi tapada por sua mão antes de eu conseguir concluir minha frase.

 

- Você sabe as regras, elas são bem simples, Baby. - ele puxava meus pulsos para baixo com uma mão e a outra ainda em minha boca fazendo em ficar com o rosto virado pro teto. - Você não é idiota. - senti um tapa sendo dado em minha bunda. - Já expliquei direitinho o que a Baby não pode fazer, e se fizer receberá uma punição... - senti outro tapa. - Vou te foder tanto... Ah, você vai se arrepender de ter me deixado com ciúme. - sussurrou em meu ouvido.

 

Em um impulso ele empurrou meu tronco para que eu ficasse com o rosto encostado na cama, porém com meus joelhos ainda apoiados na mesma.

 

- Você é apertadinha, né? Não vai ser mais. - ele disse e com um impulso só penetrou em mim.

 

Ele estava estocando em movimentos lentos, porém fortes, enquanto com suas mãos brincava com meus mamilos e beijava meu ombro.

 

- Ah, Da-Daddy... - Eu tentei dizer uma frase com nexo mas tudo o que conseguia pronunciar era isso.


 

- Isso, Baby. Geme pra mim. - disse dando um tapa em minha bunda.

 

- Da-Daddy, i-isso é tão... A-ah... - cheguei ao meu ápice antes de concluir a frase.

 

Ele destrancou as algemas e me virou de barriga para cima. Ele me deu um beijo quente e depois de termos nos separados por falta de ar ele começou a fazer uma trilha de beijos que passava pelos meus seios dando leves mordidinhas nos mesmos indo até minha intimidade e começando a brincar com meu clitóris. Quanto mais eu me aproximava ao segundo ápice da noite eu ia controlando seus movimentos por minha mão em sua nuca. Logo após de eu chegar, ele subiu outra trilha de beijos fazendo-me provar do meu próprio gosto. Logo que nos separamos por falta de ar, YoonGi se deitou ao meu lado.

 

 

- Daddy. - eu disse com meus olhos já fechados de tanto sono.

 

 

- Diga.

 

 

- Me desculpa?

 

 

Ele não respondeu nada, só deu um beijo no topo de minha cabeça e logo adormeci.


Notas Finais


Desculpem qualquer erro e espero que tenham gostado ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...