História I'm Young - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias WINNER
Personagens Seungyoon, Taehyun
Tags Drama, Kang Seungyoon, Kangnam, Nam Taehyun, Namyoon, Seungyoon, Taehyun, Tragedia, Winner, Yaoi
Exibições 23
Palavras 578
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá,

Isso é uma despedida. Mas calma, não estou me despedindo do site ou parando de escrever histórias, é uma despedida para alguém que é especial para mim. Ontem foi anunciado que Nam Tahyun estaria deixando o Winner e com ele, consecutivamente, o meu OTP estaria desfeito, já que ambos não estarão mais juntos.

Escrevi essa Oneshot a algum tempo e ela se baseia também em despedidas. Esperam que sintam tudo que deveriam sentir ao lê-la e ao Taehyun deixo todos os meus consolos e meu apoio.

Taehyun, Fighting!

Choroso estou ;-;

Capítulo 1 - Capítulo Único


                                           I’m Young

 

 

“ Na minha cabeça consigo entender
       Mas meu coração não deixa você ir
           Mesmo se tudo em mim desabar
                Eu gosto de você
                    Mesmo quando eu tento jogar tudo fora
                         E tentar esquecer
                            Eu gosto de você
                                 Eu gostei de você...”

 

Eu ainda gosto de você.

Você diz que vai ficar tudo bem, mas sabemos que não é tão fácil assim.

As lembranças, não é? Você ainda as tem, não é? Elas me ganham.

Lembro perfeitamente de como estive inalcançável e, de todos, você conseguiu me atingir.

Não quero que toque minha tez e tente secar as lágrimas que tu provocaste. Deixe que rolem, elas lembram minha tolice em achar que por te ter nunca mais precisaria chorar.

Sabe? Isso aqui está parecendo um memorial. Estamos digerindo lembranças boas e ruins e você me olha como se nada disso te apetecesse.

Eu quero gritar, mas você insiste em tapar minha boca. Quero correr, mas você insiste em segurar meus braços. Quero arrancar do meu peito a dor, mas você insiste em dizer que sem ela não seriamos humanos.

O que você quer de mim, Kang Seungyoon? Já fui totalmente teu, meu corpo te pertencia assim como minha alma e meus desejos. Você recebeu de mim tudo que eu não sabia ter.

Porém, eu ainda gosto de você.

Estou doente. Não sabe como é sentir cada pedaço do seu corpo resistir às boas emoções, tampouco sabe como é ter seu coração coroado com espinhos. Você não se importa.

Estou confuso. Você não parece se importar e ao mesmo tempo aquece meu coração com esse beijo. Por que gosta tanto desses jogos? Já disse que não sou um bom jogador. Você é mestre em brincar com os sentimentos, com os meus sentimentos.

Deixe-me ir. Deixe-me livre. Quero apodrecer distante dos seus olhos. Não quero que veja os vermes comerem minha carne. Não me abrace desse jeito. Por favor, se afaste.

Para você, sempre estarei dizendo não. Disse sim uma vez e hoje me arrependo. Sente o que tem aqui dentro? Exatamente, parece um espaço vazio. Eu não quero ver essa culpa estampada em sua face.

Vá embora de uma vez e deixe todas as suas lembranças sobre nós dois comigo. Não quero que algo tão puro resida numa mente tão perversa.

Louco? Nunca estive mais lúcido. Agora posso ver claramente o quão otário fui por ter te amado. Não me encare desse jeito, sua distância me fortalece. Seu medo não me comove.

Não me diga para ficar calmo! Isso nunca funcionou. Jamais toque meus fios dessa forma novamente. Não quero sentir suas mãos aninharem meus pensamentos. Afaste-se.

Não chore, pois isso torna tudo mais complicado. Não lamente, pois os que lamentam não entrarão no reino dos céus. Não se arrependa, pois não vou te perdoar.

Por que está implorando? Eu já tomei uma decisão. Estou doente e não posso mais lutar contra isso.

Por que ainda está aqui? Eu disse para ir embora.

Por que?

Por que me abandonaste? Por que não cumpriu sua promessa? Por que não esteve sempre ao meu lado? Agora já é tarde.

Todavia, eu ainda gosto de você.

Por que ainda me assiste enquanto caio? Por que ainda pisa em meu sangue derramado? Não quero que apare meu corpo. Não quero que veja o buraco em meu crânio.

Não quero te dizer adeus. Não te chamei aqui. No fundo você se importou?

Um dia eu já fui seu, mas agora pertenço a morte. 


Notas Finais


Chegamos ao fim, vocês provavelmente devem estar querendo comer meu fígado agora. Mas não desistam de mim ;-;

No mais, agradeço por terem lido e vão lá nas Tags sobre o couple e me ajudem a manter Kangnam vivo! Vão ler bastante e criar mutias histórias sobre, é o pedido de um amigo urso <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...