História Imaginação - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aventura, Comedia, Ficção, Imaginação, Loucuras, Viagem
Exibições 22
Palavras 365
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Festa, Ficção, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Universo Alternativo

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi pessoal, Eu trago para vocês mais uma nova história: Imaginação. Espero que gostem...

Capítulo 1 - Onde Estou?


Abri os olhos e não via nada, estava tudo branco e havia um zumbido em meu ouvido. O zumbido foi passado e comecei a ouvir alguém me chamar:

- Acorda Alan, acorda...

Aos poucos minha visão foi voltando, e vi alguém...

- Você está bem?

- Hm, onde estou? – Disse levantando e esfregando os olhos.

 Era um lugar deserto, estava praticamente vazio

- Na sua mente- Ele disse num tom de voz engraçado.

Olhei ao redor:

- Minha mente é tão vazia assim?

- Calma, você ainda não está pensando em nada. Vamos andar por aí, aos poucos seus pensamentos voltam...

- Ok, mas quem é você? Eu te criei?

- Eu sou você.

- Você sou eu?

- Sim, na verdade, seu subconsciente.

Olhei para ele, não era nada mais que uma sombra.

- E você ê assim? – Perguntei.

- Eu sou como você me imagina. -  Ele começou a mudar de forma se tornando um cara loiro, gordinho e com sardas na região do rosto, usava uma jaqueta azul, calça preta e pantufas.

As coisas ao meu redor ficaram mais alegres, maiores e coloridas. Uma enorme bagunça sem sentido algum!

- Uau! – Falei admirado – Toda minha mente é assim?

- Não, só as áreas imaginárias.

- Imaginarias? Então tem mais coisa?

- Muito mais! – Se empolgou – Essa é apenas uma pequena parte de sua mente!

Ele me olhou com cara de quem estava muito alegre, e continuou:

- A mente humana é algo incrível. Tão enorme que pode não ter fim! Vem comigo. – Fez sinal para que eu o seguisse – Vamos para outra parte de sua mente!

Obedeci e começamos a correr:

- Para onde estamos indo?

- Não sei.

- O que vamos fazer?

- Não sei.

- Qual é o seu nome?

- Não tenho, inventa um.

- Que tal Rafa?

- Hm, gostei, Rafa então.

Pegamos muita velocidade, tudo ao nosso redor começou a se tornar uma montanha e estávamos correndo em direção a um penhasco.

- Cara, estamos indo para um penhasco! – Falei apavorado.

- Sim, vamos pular!

- Pular?! – A essa altura já não dava mais pra parar.

- Relaxa, deixa fluir.

Pulamos do penhasco, era muito alto!


Notas Finais


Oi de novo, então o que acharam? Em breve postarei o segundo capítulo, está muito legal escrever essa história, estou me divertindo muito. Se gostou deixe seu comentário! =D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...