História Imagine - Kim Taehyung - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags J-hope, Jin, Jung Hoseok, Jungkook, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Min Yoongi, Park Jimin, Rap Monster, Suga
Exibições 126
Palavras 1.269
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Na moral, desculpa a demora, mas voltei.
Espero que gostem.
Bjão.

Capítulo 5 - Caralho, quanto tempo?!


Fanfic / Fanfiction Imagine - Kim Taehyung - Capítulo 5 - Caralho, quanto tempo?!

Resolvo tomar banho. Saio, coloco um pijama azul claro misturado com verde claro e fui dormir, tava sem o que fazer mesmo. Então tranco a porta, coloco os meus fones de ouvido e acabo por adormecer.
     Acordo quase atrasada e então faço o que tenho que fazer e corro para o colégio. Chego assim que o sinal toca. A aula passa correndo  e chega a hora do intervalo, fico na mesa com os meninos zuando da cara um do outro. Principalmente do Yoongi que estava com a cara toda amassada porque dormiu três horários seguidos. Mas isso me faz refletir que preciso fazer amigas só estou no meio de meninos. Vou forçar barra com alguém hoje.

     As aulas seguem normalmente um saco. Vou para casa, tomo um banho coloco uma roupa qualquer e durmo um pouco. Acordo e são 15:26. Vou para a cozinha e pego um pacote de biscoitos integrais de castanha. Me jogo no sofá, ligo a televisão em um desenho animado e começo a comer. Depois de uns 15 minutos recebo mensagens no meu celular de um número desconhecido.

???: Vc morando onde?

___: Qm é vc?

???: Sério q vc ñ sabe qm eu sou? Kkk, pf neh?

___: Vai ficar enrolando msm?

???: ___! Sou eu a Ester, deixa de ser trouxa! Kkkk!

___: Filha da puta, quanto tempo! Como é que ta ai no Brasil? E as meninas? Estão bem?

Ester: Kkk, calma ae! As meninas estão ótimas. E as coisas no Brasil ja ñ sei! Ñ to nele. ;-;

___: Como assim? Vc ta onde?

Ester: Adivinha!!

___: Vc, mais do que ninguém sabe q eu detesto adivinhar!

Ester: Onde vc ta morando?

___: Na Coréia do Sul, e vc sabe.

Ester: Ñ sua jumenta! A casa, endereço, bairro? Pq eu to chegando ai na Coréia. Acho que vou chegar de madrugada ai.

___: Mentira?!! Caralho, tu ainda me enrola pra falar isso? Vey, vai morar aqui?

Ester: Sim, mas tu sabe como somos neh? Ainda ñ temos uma casa.

___: Rlx, vem morar cmg! Qm ta vindo com vc? Pq ja arrumo aqui.

Ester: Ñ vou te falar qm é! Mas contando comigo somos três.

___: Caralho! Tu sabe que eu ñ gosto de suspense!

Ester: Vdd, sei sim! Por isso msm que eu faço suspense com vc! Kkk.

___: Que horas VC's vão chegar no aeroporto daqui?

Ester: Acho que vai ser 03 e pouquinha da manhã.

___: Ok! Vou buscar VC's no aeroporto. Bjão vou sair um pouco.

Ester: Bjão! Se cuida.

     Quando eu era mais nova, tipo no segundo ano. Conheci a Ester, sempre ficávamos juntas. Uma era a melhor amiga da outra. Ela sabia de todos os meus segredo e eu os dela. Sempre ficávamos na mesma sala. Tinha só ela como amiga. Mas chegamos no quarto ano e conhecemos a Gaby. Nada nos separava. Viramos um trio de melhores amigas. Chegando no quinto ano conhecemos a Rafa, melhor pessoa. Só não gostava e ainda não gosto do irmão dela, o Gustavo. Eu vi o meu irmão e o irmão da Rafa conversarem, mas era pouca coisa e poucas vezes. Em fim, fizemos todas as séries/anos juntas até abril desse ano, quando eu vim pra cá. Fiquei sem os números delas um mês depois que cheguei porque meu irmão quebrou ele assim que eu falei para ele que não iria mais estudar, até ele voltar pra casa normalmente. Os dois estavam errados, eu estava mais, pois queria deixar de estudar. Mas não havia necessidades de quebrar o meu celular vey. Em fim, isso passou e hoje vou ver a Ester novamente.

     Coloco um short preto com uma regata vermelha e um al star preto e saio de casa. Vou ao um restaurante e vou pra casa. Tomo banho e vou dormir. Acordo 01:33. Ótimo, tá mó frio lá fora. Se bem que pra mim, frio é melhor do que calor. Coloco uma calça jeans preta, uma camisa branca, minha bota de cano curto preta e meu sobretudo preto.
     Pego um táxi e vamos até o aeroporto. Fico lá comendo, ouvindo música e lendo. 03:15 e nada da Ester e da suas companhias.
     Depois de algum minutos, 15 minutos para ser mais exata. Vejo a minha pequena vindo. Não nos interessa no que tem na nossa frente, saímos empurrando tudo até nos encontrarmos em um abraço que nos leva ao chão.
     Ester: Que saudades!— Minha pequena começa a  chorar junto a mim.
     ___: Também, quanto tempo!— Digo ainda no abraço que nos envolve no chão.
     Passamos uns 05 minutos no chão abraçadas. Mas logo assim que me levanto sinto uma mão em cada um dos meus ombros. Me viro e vejo a Gaby e a Rafa, mais uns 05 minutos no chão e me levanto.
     Gaby: O.K.! Já deu de pagar um dos melhores micões da minha vida.
     ___: Vamos! Tá tarde, vamos logo porque eu quero dormir!
     Ester: Mas gente! Eu sei que depois que você chegou de suas saída, você dormiu. Tenho certeza.
     ___: Tem toda a razão do mundo!
     Rafa: E ela não é a única a querer dormir! Dormir faz bem gente! Vocês não entendem isso não?
     Gaby: Claro que entendemos. Mas parece que vocês querer competir de quem dorme mais.
     Pegamos um táxi e fomos para a minha casa. Cada uma ficou com um quarto e todas dormimos.
     Sabe o quanto é irritante acordar com o meu despertador logo de manhã? Me levanto, tomo banho, coloco o uniforme e deixo o meu cabelo solto.
     Chego na cozinha e vejo a Ester fazendo café da manhã? Caralho, como assim?
     ___: Ué?! Ta com sono não?!
     Ester: Não, eu não sou você e a Rafa não!
     ___: Tá bom, to indo pro colégio!
     Ester: Vai comer não?
     ___: Se eu comer vou chegar atrasada!
     Ester: Come logo. Aposto que quando estava aqui sozinha nem comia nada.
     ___: Mentira, eu comia frutas, o.k.?!
     Ester: Beleza, come ai a salada de frutas. Eu e as meninas vamos hoje no teu colégio junto com você.
     ___: Vocês vai fazer o que lá?
     Ester: o que se faz em um colégio ___?!
     ___: Mas logo hoje? Deixa elas descansarem hoje neh?
     Ester: Melhor ir hoje do que ir mais tarde e não ter mais vagas. Vou chamar elas.
     ___: Tá bom, boa sorte com a Rafa!— Digo me sentando na mesa pra comer.
     As vezes a Ester agia como uma mãe. Não sei muito bem especificar essa palavra mas ela parecia. Ela tinha 19 anos, uns meses mais velha que nós.
     Saímos de casa e chegamos no colégio. Caralho, engraçado. Se eu saísse o mesmo horário que sai hoje si que sozinha chegaria atrasada. Mas hoje eu cheguei um pouco antes do sinal tocar. O que deu pras meninas conversarem com o diretor e fazer as matriculas. O sinal toca e as meninas saem de dentro da sala do diretor, me despeço delas e entro na sala de aula. Paro na porta me depanrando com metade da sala lá sem o professor. Jimin estava lá. O jungkook estava todo machucado e o Hoseok e o Tae não estavam. O que me faz lembrar que o Tae não veio ontem a aula também.


Notas Finais


Por favor, deixem os erros de lado.
2Bj
💚💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...