História Imagine Bangtan Boys - Stay With Me - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Drama, Mutilação, Romance
Visualizações 135
Palavras 1.608
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Suspense, Terror e Horror, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiiiii mais um capítulo!! Eu fiquei exatamente 3 dias sem postar... Okay, não fiquei 3 dias sem postar,enfim, eu fui viajar lá pra casa do meu tio, e tipo: lá não tem internet, boa leitura. 💞💞💞💞

Capítulo 5 - Just stay here with me (Kim Namjoon)


Fanfic / Fanfiction Imagine Bangtan Boys - Stay With Me - Capítulo 5 - Just stay here with me (Kim Namjoon)

(Seu nome) P.O.V

Eu estava na garagem da casa de Namjoon, meu ex... Estava olhando as estrelas e bebendo um whisky, eu ouvi passos se aproximando, olhei para trás e vi Namjoon parado encostado na porta de ferro, ele sorriu me fazendo sorrir também, eu voltei a olhar as estrelas no céu:

- S/N - disse Namjoon com sua voz serena e grossa:

- Huh? - pergunto direcionando meu olhar ao homem logo atrás de mim, ele estendeu sua mão:

- Vem comigo. - ele disse sorrindo, eu me levantei do banquinho em que eu estava sentada, terminei de tomar meu whisky e deixei meu copo no chão, eu caminhei até Namjoon o alcançando e pegando em sua mão, nós dois caminhamos para fora da garagem, fomos para trás da casa e entramos em um tipo de beco... Eu olhei envolta, estava escuro, Namjoon soltou por um segundo minha mão, pegou seu celular e ligou a lanterna, ele clareou aquele lugar, pegou na minha mão novamente e nós voltamos a caminhar, eu vi uma escada logo a nossa frente:

- Cuidado para não escorregar. - Namjoon disse em um tom calmo olhando meu rosto, eu assenti com minha cabeça, nós dois começamos a subir as escadas, eu olhei para baixo e me agarrei no braço de Namjoon:

- Tenho medo de altura. - resmunguei, o rapaz me olhou com um sorriso deslumbrante nos lábios:

- Esta tudo bem, estamos quase chegando. - ele disse em um tom calmo, nós subimos as quatro últimas escadas: - Chegamos! - disse Namjoon soltando minha mão:

- Isso é tipo um sótão, certo? - pergunto sorrindo olhando envolta:

- É mais ou menos - Namjoon gargalhou, eu olhei o céu, estava todo estrelado, eu sorri abertamente, Namjoon se deitou no chão, eu me aproximei dele e me deitei do seu lado. Ficamos olhando as estrelas no céu:

- S/N... Eu preciso lhe dizer algo... - eu o olhei, ele coçou sua nuca: - Então, você sabe que eu estou namorando a Sohyun, não sabe? - ele perguntou ficando de lado, eu assenti meio chateada:

- Eu sei disso não é de hoje, você não precisa jogar na minha cara. - Namjoon arregalou seus olhos com a minha frase:

- Se acalme... Eu irei me casar com ela. - eu fiquei sem acreditar no que ele havia dito.

Ele iria se casar? Como ele pôde fazer isso comigo?

O que? - pergunto incrédula, eu me levantei rapidamente do chão: - Como você pode fazer isso comigo, Namjoon? - ele se levantou do chão, ficou na minha frente e me olhou sem entender:

- Como assim? Eu sou seu ex... - ele falou meio chateado:

- Sim, eu sei! Você não pode se casar com quem você acabou de conhecer, você não a conhece direito! - falo aumentando meu tom de voz:

- Ah, você está com ciúmes, não está? - ele perguntou sorrindo. Okay, ele está certo, eu estou com ciúmes:

- Não, eu não estou com ciúmes, só não... - num movimento rápido, Namjoon segurou meu pescoço e do nada me beijou, eu retribui o beijo, sentia muita falta dos seus lábios, ele pediu passagem com sua língua em minha boca, eu não cedi e nos separei: 

- Rapmoon, esqueça... Não posso fazer isso, você vai se casar. - falo e o olho meio chateada:

- Por favor... Ela não vai saber. - ele insistiu, eu balancei minha cabeça em negativo:

- É melhor não, sinto muito. - eu me dei de costas e me afastei, eu desci as escadas com cuidado para não cair, eu ouvi os passos de Namjoon atrás de mim, respirei fundo e continuei andando, assim que eu finalmente sai daquele beco, eu fui para dentro da casa de Namjoon, peguei minha bolsa no sofá a colocando em meu ombro, eu já ia passar pela porta, mas, Namjoon entrou em minha frente:

- Me deixe ir, por favor... - peço olhando o rosto dele, ele balançou sua cabeça em negativo:

- Não vá embora, fique... Apenas fique aqui comigo. - ele pediu meio chateado e começou a se aproximar, eu balancei minha cabeça em negativo: - S/N por favor... Eu não quero te perder. - eu passei minha língua entre os lábios e coloquei uma mexa do meu cabelo atrás da orelha:

- Você já me perdeu! Namjoon você vai se casar! - falo irritada e chateada ao mesmo tempo:

- Eu sei... O casamento será daqui a 3 dias... - eu me senti sem chão... Por que? Por que isso tinha que acontecer logo comigo?! Por que a vida é tão injusta? Eu funguei, deixei algumas lágrimas caírem dos meus olhos, Namjoon segurou meu rosto e as limpou:

- Não chore anjo, eu odeio te ver assim. - ele falou bem próximo de mim, eu sentia sua respiração bater contra meu rosto, eu levantei meus pés e me aproximei um pouco dele, ele grudou nossos lábios, dessa vez eu pedi passagem com minha língua e ele cedeu de imediato, ele agarrou minha cintura e colou nossos corpos, eu sorri entre o beijo e comecei a dar mordiscadas no lábio inferior de Namjoon, ele me pegou no colo e começou a caminhar comigo pro seu quarto, ele mordeu meu lábio inferior com uma certa força, assim que chegamos no quarto dele, ele me jogou na cama, eu soltei um gemidinho de dor, ele veio pra cima de mim e começou a beijar meu pescoço, eu gemi baixinho, ele sorriu com isso, ele se ajoelhou na cama e tirou sua blusa, eu arranhei seu ABS sarado, ele grudou nossos lábios novamente, eu troquei nossas posições, fiquei encima dele e rebolei lentamente em seu colo, ele segurou minha cintura e forçou seu membro já ereto em minha intimidade, eu soltei um gemido alto, Namjoon se sentou na cama comigo em seu colo e começou a me beijar, eu retribui o beijo, ele tirou minha jaqueta preta e começou a tirar minha blusa, ele apertou meus seios por cima do sutiã, eu soltei gemidos baixinhos, Namjoon trocou nossas posições ficando encima de mim novamente, ele desabotoou minha calça, eu levantei meu quadril, ele desceu minha calça e minha calcinha, eu mordi meu lábio inferior, Namjoon sorriu malicioso para mim, ele levou seus dedos até a minha intimidade e começou a me estimular, eu gemi e rebolei em seus dedos:

- H-Hum... Namjoon... Me foda... - peço com uma certa dificuldade, ele gargalhou:

- Eu não te ouvi baby, fale mais alto - ele disse em um tom provocativo:

- Me foda. - peço aumentando meu tom de voz, Namjoon penetrou dois dedos em minha intimidade me fazendo gemer alto pela surpresa, eu levei uma de minhas mãos até a calça de Namjoon e comecei a desabotoa - la... Ele gargalhou, tirou sua calça junto com sua box branca e se colocou entre minhas pernas, ele posicionou seu membro em minha intimidade:

- Posso começar? - ele perguntou, eu assenti com minha cabeça, ele penetrou seu membro dentro de mim, começou a se movimentar lentamente, eu gemi baixinho e comecei a rebolar:

- M-Mais... - eu disse com dificuldade:

- Você é muito apressada, baby. - Namjoon falou em um tom provocativo:

- P-Por favor... - eu disse resmungona, Namjoon começou a me estocar brutalmente, ele segurou minha cintura para facilitar seus movimentos, eu soltava gemidos altos, ele se desfez dentro de mim, eu gozei logo atrás dele, ele se jogou na cama do meu lado, nossas respirações estavam ofegantes:

- I-Isso foi muito bom. - falo sorrindo boba, eu me aproximei de Namjoon  e me deitei com a cabeça em seu peitoral:

- Estava com saudades disso. - ele disse sorrindo meigo, eu acariciei seu peitoral:

- Mas e agora? - pergunto meio preocupada, Namjoon respirou fundo:

- Eu irei conversar com a Sohyun, irei explicar para ela o que aconteceu entre nós dois... Acho que é melhor eu terminar com ela... - ele disse meio chateado:

- Não faça isso, Kim. Você a ama. - ele direcionou seu olhar para mim e sorriu:

- Senti tanta falta de você me chamando assim. - ele disse e sorrindo ainda mais, eu também sorri: - Acho melhor eu terminar mesmo com ela. eu nunca aceitaria que ela transasse com seu ex namorado. - ele disse, seu semblante estava sério: - Descanse. - ele completou sua frase e afagou meus cabelos, eu assenti fechando meus olhos.

(...)

- Sohyun, eu e a S/N precisamos conversar com você - disse Namjoon olhando a garota de cabelos loiros escuros, ela se virou para nós dois e sorriu:

- O que querem falar? - ela perguntou sem entender: - É sobre o casamento? - ela sorriu animada:

- Não Sohyun... Não é sobre o nosso casamento... - disse Namjoon em um tom calmo, o sorriso da garota se desmanchou:

- É sobre o que então? - ela perguntou cruzando seus braços:

- Bom... É sobre... É meio difícil explicar... Você sabe que eu dormi na casa do Namjoon ontem, certo? - pergunto fazendo a garota assentir, eu respirei fundo:

- Okay, vou ser direta... Eu e o Namjoon transamos... - falo e abaixo minha cabeça, Sohyun abriu sua boca e arregalou seus olhos:

- Eu... Eu quero terminar, sei que você não aceita traição. - Namjoon direcionou seu olhar a Sohyun, ela respirou fundo e apontou para sua aliança:

- Está vendo isso? Isso é muito importante para mim, você vai se casar comigo sim, Kim Namjoon. - ela disse e saiu de dentro da sua casa deixando eu e Namjoon com cara de taxo.

 


Notas Finais


Então foi isso nenês <3 até mais =3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...