História Imagine BTS - JungKook e Suga - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rapmonster, Suga
Exibições 89
Palavras 965
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente foi mal pelo cap pequeno,é que minhas provas vão começar depois de amanhã,e eu estou estudando muito para passar e me dedicar ao máximo nas minhas férias aqui.então beijo,e espero que gostem!

Capítulo 14 - Brigas,brigas e brigas....


Fanfic / Fanfiction Imagine BTS - JungKook e Suga - Capítulo 14 - Brigas,brigas e brigas....

Depois de alguns minutos de explicação,me pego olhando para sua boca,e cara,que lábios lindos,não consegui mais me concentrar,até que ele percebe que eu estou olhando para seus lábios,então ele se vira para mim,da um lindo sorriso e pergunta:

-Quantos anos você tem? - Suga.

-17, por que? - Pergunto assustada com sua pergunta.

-Ótimo! - Fala ele 

Imediatamente, ele se levanta e me puxa para a cama, fazendo com que o mesmo ficasse encima de mim, então ele começou a me beijar, eu tentava de tudo para que ele parasse, mas eu não tinha força o bastante,em meio ao beijo eu pedia para ele parar, mas era mesmo que nada, até que alguém chega no quarto e fala:

-Que merda é esse? Quem você pensa que é pra ta beijando-a a força, seu canalha, eu vou te mataar ! - Fala aquela pessoa indo encima de Suga.Ah não,é o Jimin.

-Jimin por favor nãããão. - Mas ele não me deu ouvidos, meu Deus, eu não sei o que fazer! E agora?

FERNANDA (OFF)

JIMIN (ON)

Suba as escadas para pegar meu celular que estava lá encima,quando passo pelo quarto da Lavi, esculto barulhos estranhos, de alguma pessoa agoniada, decido entrar para ver, quando abro a porta,meu Deus,me deparo com o Suga encima da Fernanda,minha nunca vontade era de mata-lo,disse algumas palavras nas quais eu nem me lembro mais,e fui encima dele,Fernanda ainda pediu pra mim parar, mais eu nem dei ouvidos, minha única vontade era de matar esse cara que tentou abusar a filha de minha melhor amiga.

JIMIN (OFF)

LAVÍNIA (ON)

Esculto alguns gritos do Jimin falando que vai matar alguém por ter beijado outro aí a força...Perai, BEIJADO ALGUÉM A FORÇA? O JIMIN ESTÁ LÁ ENCIMA,E QUEM ESTA LÁ TAMBÉM É MINHA FILHA E O SUGA! Não penso duas vezes e corro para cima,os meninos vinheram logo atrás, quando chego em frente ao meu quarto me deparo com uma cena forte, Jimin e Suga um batendo no outro? Imediatamente os meninos vão os separar.

-QUE MERDA OUVE AQUI HEIN? - Grito querendo satisfações.

-Esse descarado estava abusando Fernanda! - Fala Jimin vermelho de raiva e um pouco machucado.

-Mentira! Eu apenas estava a beijando! - Fala Suga com uma voz zonza,ele estava sangrando um pouco por causa dos murros de Jimin.

-COME É A HISTÓRIA? - Pergunto já me alterando>

-Calma Omma,o Suga apenas me beijou e eu pedi para ele parar,e foi mesmo na hora que o Jimin entrou. - Fala Fernanda nervosa.

-Deixa de mentira Fernanda! Eu escultei você pedindo para que ele parasse várias vezes, não tente acoberta-lo! - Fala Jimin com mais raiva ainda. - Olha como a roupa da menina esta Lavínia,toda desabotoada, aposto que ele tentou tranzar com ela!

-SUGA, SINCERAMENTE CARA, VOCÊ PASSOU DOS LIMITES, COMO OUSA AGIR ASSIM COM MINHA FILHA? EM MINHA CASA? TU NÃO TEM VERGONHA NESSA CARA DE MERDA NÃO MIN YOONGI? - Falo num tom muito alto, e altamente estressada.

-Calma Lavínia! Não foi assim não! - Falou Suga com uma voz muito triste.

-CALE A BOCA QUE EU ESTOU FALANDO! SAIA DAQUI AGORA,AGORA YOONGI, E NÃO VOLTE NUNCA MAIS ESTÁ ME ESCULTANDO? NUNCA! - Falo.

Imediatamente Suga pega suas coisas e sai chorando,senti pena dele, eu sei que fui muito grossa, mais ele mexeu com uma das pessoas que eu mais amo nesse mundo cara! Uma pessoa que eu considero filha, é imoral.Logo depois nós acalmamos,eu limpei as feridas de Jimin e descemos para almoçar,almoçamos sem falar nada,quando a gente termina...

-Lavínia! Tem como você ir no meu quarto agora? - Pergunta Nanjoom, todos ficam surpresos.

Ao chegar ao quarto dele :

-Oi? - Falo.

-Senta aí. - Fala ele com uma voz fria. - Lavínia é o seguinte,eu conheço muito bem o Suga, e ele não fez isso! Não sei o que rolou mas só sei que o Suga não tentou estuprar Fernanda, ele não faria isso não Lavínia! - Fala ele indignado.

-Nanjoom,você ouviu o Jimin,ele estava encima dela cara! - Falo e meus olhos enchem de lágrimas.

- Minha princesa! Você estava na hora? - Fala ele com uma voz doce.

-Não Nanjoom,mai... - Nem termino de falar e ele me interrompe.

-Mais nada,você não estava na hora, você não sabe da verdade, converse com Fernanda ,depois vá a casa do Suga sozinha para conversar calmamente com ele! - Fala ele me puxando de leve e me abraçando. - Te amo princesinha! 

-Também mozão.

-Kookie escultar isso...Digo nada! - Fala ele rindo.

-Ele não vai fazer nada,o que ah entre eu e você é uma forte amizade,ele entenderá nossas intimidades.

-Pois tá, saia e faça o que eu lhe pedi!

Saio de seu quarto e vou até a escada e grito:

-Fernanda, aqui encima,agora! 

Vou para o quarto,sento na cama e a aguardo,logo ela entra,mando ela fechar a porta :

-Senta aí! - Falo friamente apontando para a cadeira que estava em frente a cama. - Agora me conta exatamente o que aconteceu nesta manhã.Então ela me obedeceu e contou tudo o que havia acontecido,embora o Jimin seja meu melhor amigo,vamos combinar que ele exagerou um pouco nesta história. - Ótimo,agora pode sair. - Falo me levantando e dando um beijo em sua testa.Ela sai e eu arrumo uma mochila e saiu para a casa do Suga,chego ao endereço que o Nanjoom tinha me dado,a casa era muito bonita,entro e bato na porta,ninguém atende,então eu abro a porta e esculto alguns barulhos de choro,sigo e chego na sala,me deparo com o Suga,ainda todo cheio de sangue,jogado no chão,sem camisa e cheio de garrafas de bebias ,a maioria secas,mais ainda tinha umas cheia.

-Lavínia? O que esta fazendo aqui? Veio falar mal de mim de novo? - Pergunta ele bastante grosso.

-Não Suga,eu vim aqui me desculpar e....

 


Notas Finais


Aí meu pai amado coitado do Suguinha!...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...