História IMAGINE BTS - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 193
Palavras 2.135
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Lemon, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Como eu fiquei 2 dias sem postar nenhuma fanfic, hoje irá ser postadas duas fanfics ^-^

Será do Jin, e outra do Namjoom ~PAAAAH🔫~

Capítulo 5 - [IMAGINE JIN +18]


Fanfic / Fanfiction IMAGINE BTS - Capítulo 5 - [IMAGINE JIN +18]

~leiam as notas iniciais ^-^ ~


Você e os meninos decidem sair para acampar, já que os meninos teriam o final de semana de folga, vocês arrumam as malas é vão até uma pequena cabana em uma reserva natural.
Jin dirigia o carro e você ia no banco ao lado, o clima não estava muito bom pois você e Jin não estavam tão próximos quanto já foram um dia (vocês e Jin já haviam namorado por uma época, mas tiveram problemas e terminaram, mas por ser amiga de todos os garotos do grupo você nunca se afastou da vida de Jin, vocês ainda se amavam mas tinham medo de que o amor não fosse mais reciproco).
Você notava que de vez em quando Jin a olhava pelo canto do olho e desviava o olhar rapidamente, para prestar a atenção na estrada.
Vocês finalmente chegam ao local e tiram as malas do carro colocando-as no chão em frente a cabana.
-Me explica de novo S/N, porque não vamos dormir na cabana?? – perguntou Taehyung
-Ora, porque é mais divertido dormir aqui fora, ficar em volta de uma fogueira olhando o céu estrelado a noite – você o responde – A cabana só servirá para usarmos a cozinha e os banheiros.
A noite chega e Jin prepara o jantar para o grupo, o clima era descontraído os meninos riam e se divertiam, você também dava gargalhadas e se divertia, mas logo parava quando percebia que Jin ainda a olhava, as vezes rindo as vezes só a olhando com doçura (você conhecia bem os olhares de Jin), todos terminaram de comer e saíram da cabana para terminar de arrumar as barracas, menos você e Jin que ficaram para arrumar a mesa e lavar a louça, você estava um pouco nervosa pois estar sozinha com Jin era algo difícil, você queria toca-lo e abraça-lo, mas não podia pois estava com um pouco de medo da reação dele, você lavava a louça e ele a secava, ele te encarava ainda mais agora que estavam sozinhos e isso te deixava ainda mais nervosa pois você tentava adivinhar o que eles estaria pensando.
-O seu vestido, é muito bonito – Ele diz enquanto terminava de secar um copo. Você desperta de seus pensamentos e olha para ele e depois para seu vestido
-Ah, obrigada....- Você diz sem jeito
-Mas você vai acabar estragando ele se não usar uma proteção- ele diz pendurando o pano que estava em sua mão no ombro e pegando um avental. Você não teve tempo de reagir quando ele já passava os braços por sua cintura para amarrar o avental em você, ele teve que se abaixar um pouco fazendo com que o rosto dele ficasse perto de sua nuca, te causando arrepios e fazendo seu coração bater forte. Ele termina de amarrar o avental e fica atrás de você.
- O-obrigada...- você diz gaguejando, você podia sentir que Jin a encarava fixamente.
Você se arrepia quando sente ele tocar em seu cabelo puxando-o para o lado e chegando perto de seu pescoço, ele inspira fundo e depois expira fazendo você sentir o ar quente em seu pescoço, fazendo seu coração acelerar e bater ainda mais forte
-Você está usando um perfume diferente – ele faz uma pausa cheirando seu pescoço mais uma vez e colocando a mão em sua cintura dessa vez – É diferente, mas é bom.... – ele deposita um beijo em seu pescoço. Você não sabia o que fazer ou como reagir aquilo então você apenas se virou de frente para Jin de maneira rápida ficando contra o balcão da pia. Dessa vez Jin a olhava nos olhos o que fazia você ficar ainda pior, você queria Jin naquele momento, mas estava paralisada, talvez por medo ou por estar tudo acontecendo muito rápido naquele momento fazendo com que seu cérebro não conseguisse raciocinar direito. Tudo piorou quando Jin decidiu segurar seu rosto com uma das mãos, você começou a tremer e quase perder o ar, ele se aproximou de você devagar e a beijou com delicadeza, você aproveitou os primeiros segundos mas logo o afastou e correu para fora da cabana chorando, tudo aconteceu muito rápido deixando você confusa.

Você correu para sua barraca chorando tentando se acalmar e por os pensamentos em ordem, você se deitou e acabou pegando no sono. De repente você acorda assustada por causa de um trovão, logo começa a chover e trovejar muito o que a deixa assustada, você acaba não conseguindo dormir por conta do barulho e decide ir para a cabana preparar algo para tomar e se distrair, então você pega uma lanterna e sai de sua barraca correndo equanto Jin observa tudo de dentro de sua barraca.
Você entra na cabana e começa a preparar um chocolate quente, você o toma calmamente e quando termina coloca a louça na pia, um flashback passa pela sua cabeça do momento em que Jin a beijou, e você desperta do flashback quando alguém toca seu ombro fazendo você se virar bruscamente, totalmente assustada
-Ei, você está bem? – Era Jin, ele a viu saindo da barraca e foi checar se você estava bem
- Sim, eu... Sim estou bem – você se enrola toda para falar
-Tem certeza? – ele insiste
-Tenho, é só o barulho de trovões que... Você sabe, me assustam – Você diz colocando a mão em um dos braços com um pouco de timidez.
-Ah sim, é verdade – Jin diz tirando a mão de seu ombro. Alguns segundos de silencio se passam quando ele volta a falar – Hã, sobre hoje... depois do jantar, você sabe... O que aconteceu – Ele dizia mas você o interrompe
-Jin por favor, eu não quero falar sobre isso – você desvia o olhar para o chão evitando contato visual e Jin apenas solta um suspiro fundo
- Tudo bem, eu entendo – ele coloca as mãos no bolso da calça de moletom que usava
Nesse momento o som de um trovão soa com um estrondo e você coloca as mãos nas orelhas soltando um grito, Jin se aproxima de você tirando suas mãos das orelhas e te olhando nos olhos
-Ei, calma não precisa ter medo – ele diz sorrindo pois achava muito fofa a sua reação
- Mas o barulho é horrível!! – você reclama – Eu não vou conseguir dormir na minha barraca sozinha desse jeito....
-Se você não se importar, pode ficar comigo na minha barraca – ele diz te olhando. Você sente o coração bater forte de novo, mas aceita a proposta apenas acenando com a cabeça. Ele te pega por uma das mãos e corre com você pela chuva até a barraca dele. Vocês entram e sentam, ele pega uma toalha e seca seu rosto molhado pela chuva, os dois estavam molhados, não encharcados, mas estavam molhados. Jin olha para seu vestido meio molhado pela chuva, ele procura algo na mala dele e te entrega um casaco de zíper
- Coloque isso pra dormir, para não ficar com esse vestido molhado – ele se vira de costas
-Mas o que eu vou usar nas pernas? – você pergunta
- Precisa mesmo se preocupar com isso?? Eu já te vi vestindo menos que isso...Ou melhor, não vestindo...- ele solta uma risadinha e você dá um tapa de leve em suas costas deixando um sorriso escapar, enquanto você colocava o casaco, Jin tirava a camiseta húmida e você observava as costas de Jin observando principalmente os ombros largos e fortes. Você termina de se vestir e observa que Jin resolveu permanecer sem a camisa mesmo
-Porque você correu? – ele pergunta ainda de costas
-Jin por favor eu não que...- você dizia mas Jin te interrompeu se virando rápido, te pegando pelos ombros e te deitando ficando por cima de você
- Me responda! Porque correu? – A expressão de Jin era séria mas dava pra ver que tinha um pouco de tristeza em seu olhar – Porque se afastou de mim? É uma tortura pra mim te ver e não poder te tocar, não ter você em meus braços, é o pior tipo de tortura!!! – Os olhos de Jin começavam a lacrimejar mas ele respira fundo e toma folego – Me diga, você...Você ainda me ama? – Essa pergunta faz seu coração acelerar rapidamente a essa altura você já não aguentava mais, você deixa lagrimas escorrerem de seu rosto e sem pensar duas vezes, puxa Jin para um abraço e ele a segura com força
- Me perdoe Jin, eu estava com medo – você soluça – Eu te amo, você ainda é tudo pra mim
Jin se solta do abraço e a beija com desejo segurando seu rosto, como se aquele fosse o ultimo beijo que ele fosse dar em você, logo o beijo começa a ficar mais intenso e a mão de Jin começa a descer para a sua cintura e você coloca a mão no peito de Jin o arranhando de leve. Ele coloca a mão por dentro da sua camiseta e vai subindo até um de seus seios que ele começa a massagear delicadamente, seus gemidos são abafados pelo beijo de Jin, ele para de te beijar e tira sua camiseta te deixando apenas de calcinha, ele te observa por um momento apreciando a visão, logo se abaixando para beijar sua barriga, ele vai descendo os beijos até a altura de seu umbigo e tira sua calcinha, ele volta a descer os beijos até sua intimidade, ele abre suas pernas ficando no meio delas, ele começa a massagear seu clitóris enquanto depositava alguns beijos no interior de sua coxa e finalmente começa a chupar sua intimidade, a língua e os lábios de Jin eram macios e te faziam sentir ondas de prazer por todo o corpo. Você gemia ao sentir Jin chupando aquela região, e toda vez que você gemia o nome de Jin, o membro dele enrijecia ainda mais exigindo para estar dentro de você , então Jin decide penetrar 2 dedos em você fazendo o prazer e os gemidos aumentarem, ele ia fundo com os dedos e os mexia devagar te deixando em êxtase de tão prazeroso, ele aumenta a velocidade dos movimentos fazendo com que você se limitasse rapidamente, ele tira os dedos de você e com pressa tira as roupas que tinha, ele se posiciona no meio de suas pernas e te penetra rapidamente deixando um gemido sair, como se estivesse aliviado por finalmente estar dentro de você, ele já começa com movimentos fundos e rápidos atingindo seu ponto sensível em cheio, tudo o que você sentia no momento eram as ondas de prazer pelo seu corpo e o seu coração batendo forte. Jin segurava sua coxa com uma mão e com a outra segurava sua mão com os dedos entrelaçados, ele beijava seu pescoço desajeitadamente, pois gemia baixinho e respirava descompassadamente, ambos permaneciam quase colados um no outro, pois era o que ambos queriam, estar o mais próximo possível um do outro, ele agarra a sua coxa com mais força quando sente que está chegando no limite e você cruza suas pernas ao redor da cintura de Jin pois também estava chegando no seu limite. Os dois gemem alto em sincronia quando alcançam o orgasmo, Jin fica ainda por cima de você recuperando o folego, fazendo você sentir a respiração quente e pesada em seu pescoço, ele se retira de você devagar e deita ao seu lado colocando você deitada no peito dele, ele entrelaça os dedos em seu cabelo e inicia um cafuné.
- Olha, a chuva já parou – ele diz fazendo ambos rirem – Boa noite minha pequena – ele beija sua testa e a abraça finalmente dormindo.

Extra:

Durante a manhã os meninos acordam e veem que você e Jin ainda não acordaram, eles ainda não sabem que vocês dormiram juntos e vão até sua barraca pra te acordar
- Hey S/N, acorde já é de manhã – Jungkook abre a barraca mas você não está nela – S/N??? – Ele diz com um tom de desespero – HYUNGS A S/N DESAPARECEU!!! –Jungkook acaba desesperando todos os outros membros que saem te procurar na cabana, sem sucesso eles decidem chamar Jin para ajudar a procurar. Todos desesperados vão até a frente da barraca de Jin e a abrem sem permissão
-JIN HYUNG, A S/N SUMIU NÓS NÃO A ENCONTRAMOS EM NENHUM LUGAR!!!- Namjoon dizia desesperado.
Jin levanta apenas a parte de cima do corpo ficando apoiado nos cotovelos, ele estava sonolento e não entendeu o que estava acontecendo.
-hã? O que? – ele dizia totalmente desorientado
Você estava escondida entre as cobertas, então os meninos não a viam na barraca. Você acorda com a confusão e se movimenta entre as cobertas abraçando a barriga nua de Jin
- Oppa, que barulho todo é esse? Volte a dormir aqui comigo...- Você resmunga totalmente sonolenta.
Os meninos percebem que tanto você quanto Jin estavam nus e entendem a situação, eles saem da entrada da barraca totalmente envergonhados e vermelhos, se desculpando pela confusão enquanto Jin voltava a se deitar sem entender nada do que tinha acontecido.



Notas Finais


BEIJOS DE LUZ AMORES


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...