História Imagine BTS - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 85
Palavras 870
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olha eu aqui de novo~ rs
Boa leitura ♡

Capítulo 10 - My dear neighbor pt 4


Fanfic / Fanfiction Imagine BTS - Capítulo 10 - My dear neighbor pt 4

O caminho todo, do hospital para a farmácia e da farmácia para o apartamento foi silencioso, além dele me obrigar a me apoiar em seu braço. Como se eu não conseguisse andar. Discutimos muito, porém desisti e me apoiei nele.
-A propósito, cadê o meu sobretudo?
Yoongi começou a abrir a porta do seu apartamento.
-Está com a vizinha do lado, os cara da ambulância tirou para poder aplicar o soro e colocar uma máquina de respirar, fora outras coisas que usaram em você. Amanhã você pega com ela.
-Mas a chave do meu apartamento estava lá...
-Você não vai querer acordar ela, né? Além do mais, o médico falou pra eu ficar de olho em você. Ainda estou preocupado.
-Eu estou bem... e também,  você deve me odiar, não precisa se preocupar mais.
-Eu não te odeio s/n, eu apenas gosto de te provocar. Agora entre logo. -Deveria entrar mesmo? De qualquer forma eu estava sem a minha chave. -Me segue. -Falou assim que trancou a porta do seu apartamento. Olhei para o relógio que tinha em sua casa, e vi que já era quase duas horas da manhã. Fomos parar em seu quarto e ele tirou do seu guarda roupa uma camiseta e uma cueca, logo me entregando.
-O que é isso?
-Vai tomar banho, você vai se sentir mais relaxada, e não se preocupe, essa cueca está limpa e faz tempo que eu não uso ela. Acho que ela nem me serve mais. -Ele deu de ombro indo pegar um toalha limpa para mim.
Ele me entregou uma toalha e uma sacolinha para eu colocar a minha roupa e em seguida me mostrou a onde ficava o banheiro.
Tomei uma banho e aproveitei para lavar o meu cabelo. Bom, quando ele me mostrou o banheiro disse para eu me sentir em casa, então acho que ele não vai ligar se eu usar o seu shampoo e o seu condicionador. Assim que eu terminei, me sequei e troquei de roupa. Me olhei no espelho vendo que sua camiseta tinha virado um vestido em mim. Guardei a minha roupa na sacolinha e sai do banheiro um pouco envergonhada, estava me sentindo exposta com essa roupa dele. E bom... Eu estava na casa de um homem que eu não me dava bem até ontem de manhã.
Yoongi me viu parada no corredor e me encarou por alguns segundos.
-Você está querendo pegar um resfriado? -Min 
-Estava me sentindo incomodada com o meu cabelo.
-Eu realmente não sei o que eu faço com você. -Ele pegou a minha mão e começou a me puxar para o seu quarto. -Senta ai. -Ordenou apontando para a cama.
Ele tirou um secador de dentro do guarda roupa e começou a secar o meu cabelo. Parecia que ele estava fazendo um cafuné em mim. Era tão bom e esquisito, não estava acostumada com isso. Assim que ele terminou de secar o meu cabelo e guardou o secador, tirou uma coberta de uma porta e jogou para mim.
-Pode ficar com a cama.
-E você?  Vai dormir a onde?
-No chão, preciso ficar de olho em você.
-Você e o médico estão exagerando.
-Não estamos. -Ele saiu do quarto e logo voltou com uma garrafinha d'água com um comprimido. -Ele mandou eu te dar esse remédio antes de dormir.
Peguei e tomei. Min saiu do quarto e foi tomar um banho. Ele devia estar exausto e ainda dormir no chão... Eu já estava boa. Supirei e me arrumei na cama, depois de um tempo ele voltou e começou a arrumar um lugar pra ele no chão, do lado da cama q eu estava. Min apagou a luz e deitou-se, aquilo me incomodava,  ele não precisava fazer aquilo.
-Yoongi... -Chamei ele para ver se ele estava acordado.
-Diga.
-Você deve estar muito cansado e se você dormir no chão vai acordar com dores nas costas. Isso se você conseguir dormir e é perigoso você pegar um resfriado.
-Está querendo trocar de lugar comigo? S/n, não vou fazer você dormir no chão.
-Então... -Eu não poderia falar pra ele dividir a cama comigo,  o que ele pensaria de mim?...
-Só se a gente dividir a cama. -Ele falou, como se tivesse lido meus pensamentos. Eu não disse nada, apenas continuei encarando ele deitado lá no chão. Ele agora me encarava e se sentou no chão apoiando os seus braços na bera da cama. -Posso?
Por algum motivo me senti nervosa. O que eu estava fazendo?
-Eu não quero que você durma no chão e acorde com dores no corpo.
Yoongi sorriu para mim, de uma forma que eu nunca tinha visto, era fofinho. Ele se levantou e pegou o seu outro travesseiro que estava no chão e deu a volta pela cama se deitando do meu lado. Porém, ele não havia se cobrido.
-Não vai se cobrir? -Perguntei
-Eu só tenho esse cobertor, o resto é tudo lençol, então nem compensa pegar. Vou só ter mais trabalho para arrumar depois.
-Você é idiota? Ia dormir no chão duro, ficar marcado pelo tapete, ia passar frio, acordar com dores e talvez resfriado? -Yoongi apenas riu. -Mesmo que você esteja na cama, de madrugada faz frio...
-E o que eu posso fazer? 

Notas Finais


Espero que tenham gostado. Amanhã eu volto a postar normalmente 😚 até ~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...