História Caution (Imagine Taehyung/Hoseok) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hinnalia, Hoseok, Imagine, Jimin, Jin, Namjoon, Romance, Suga, Tae
Visualizações 256
Palavras 987
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fluffy, Hentai, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 2 - Foto


Fanfic / Fanfiction Caution (Imagine Taehyung/Hoseok) - Capítulo 2 - Foto

- T-Tae? - pergunto surpreendida, eu realmente não esperava o ver ali.

- Olá, - se levanta sorridente - Você é a ______ ?

- I-Isso..

- Eu vim buscar o celular do Hoseok, poderia devolver?

- Oh, c-claro.. - respondi ainda nervosa, não sabia como agir em sua frente. - vamos subir.

Me dirijo até o elevador e ele me segue, assim que chegamos la pressiono o andar 12 então aguardo até ele parar, quando o mesmo o faz, saímos do cubículo e vamos até o quarto 530, procuro pelas chaves em minha pequena bolsa e destranco a porta me adentrando.

- Fica á vontade.. - digo e ele sorri acentindo mas não entra.

Vou até meu quarto e pego o celular onde havia o deixado na noite passada, ao voltar para a sala o encontro vendo uma das fotos no quadro, seu rosto tinha uma expressão um pouco preocupada e surpresa.

Ao notar minha presença ele se vira e sorri.

- Desculpa mexer em suas fotos..

- Não, tudo bem - sorrio e lhe entrego o celular.

- Obrigado.. - fica em silêncio e olha para a foto novamente mas não diz nada.

- Quer me perguntar algo? - pergunto depois de notar como seu rosto estava.

- Ah, bem.. quem é essa pessoa? - pergunta apontando para a mesma foto na qual ele estava olhando confuso.

Agora pude notar de qual se tratava.

- É meu tio - sorrio. A foto se tratava de ninguém mais, ninguém menos de que meu tio, essa foto é a única lembrança que tenho dele, fazem mais de 7 anos que não o vejo, eu sinto sua falta. Ao notar a expressão dele fico incomodada - Algum problema? - pergunto e Tae me olha surpreso.

- N-Não - ele sorri meio sem jeito - me desculpe, é só que ele me lembra alguém.

- Sério? Você o viu por aqui? Eram parecidos mesmo? - pergunto um pouco animada mais ele me parecia desconfortável.

- Sim, mas foi a uns 2 anos. - ele olhada para os lados com o canto dos olhos sem me encarar.

- Mas foi por aqui? - pergunto me interessando em seu comentário.

- Foi sim... - ele abaixa seu rosto.

- Ta tudo bem? - pergunto ao notar que continuava a evitar olhar em meus olhos.

- Ta sim, tenho que ir... Até mais __________. - ele se dirige para o corredor e se vira sorrindo mas sem deixar seus dentes aparecerem, eu diria que ele panaceia meio... triste.

- Até, se você ver aquele homem outra vez, por favor, pergunte seu nome, se for Marcelo me avise, Okay? Eu realmente sinto falta dele. - sorrio para o mesmo o seguindo pelo corredor.

- Dele.. seu tio? - pergunta se virando para mim.

- Sim.

- Você sente mesmo falta?

- Sim - sorrio - aliás, ele é meu tio - digo e o vejo suspirar.

- Vou indo, foi legal te conhecer. - se vira e o caminho em silêncio com ele até o elevador e a porta se fecha.

Volto para dentro de meu apartamento e fecho a porta sustentando minhas costas na mesma.

- Por que estava daquele jeito? Será que foi sobre meu tio? A.. Não, não, não pode ter sido - Rio baixo e vou até o banheiro tomar um banho.

Ao sair visto uma roupa larga e confortável, então vou até a cozinha e pego algumas "porcarias" como batatas palha, salgadinhos, gomas, balas, pirulitos, chocolates.

Vou até o quarto deixando as coisas sobre a cama, pego meu notebook que estava na estante junto aos livros -mais uma estratégia- procuro pelo carregador o encontrando em uma mês mais afastada, caminjo ate a cama e me sento na mesma plugando a tomada próximo á ela, conecto a outra ponta no notebook que o ligo.

Quando digitado a senha encaro por algum tempo a foto do J-Hope no fundo de tela junto aos outros em uma premiação. Deixo de lado o notebook e desço da cama indo até a sala pegar meu celular que havia esquecido, depois volto para o quarto, procuro pelo USB na mesma mesa do carregador e o pego voltando até cama e me ajeitando novamente conectando o celular.

- Vamos la - estalo meus dedos e entro na pasta de vídeos, copiando o da noite passada para a área de trabalho e abro meu tão conhecido editor de vídeos.

O tempo passou, minhas costas já estava dolorida pela posição posição que havia permanecido por tanto tempo, já havia comigo todos os salgadinhos, balas, gomas e chocolate -acho que amanhã vou acordar cheia de espinhas-, me levantei algumas vezes nesse tempo apenas para tomar água e ir usar o banheiro. Terminado tudo, faço login no YouTube e coloco o vídeo para fazer o pulpar.

- Que nome devo dar?! - me pergunto enquanto olho para os lados me lembrando sobre o que havia acontecido e encontro um nome que considerei perfeito, levo minhas mãos até o teclado e passo a digitar - "ENCONTREI O HOSEOK (BTS) E QUASE INFARTEI!".... Prontinho!

Cliquei em enviar a aguardei o pequeno ícone ser preenchido em azul, carregado escolhi uma miniatura e cliquei em uma que mostrava bem o rosto do garoto iluminado pela luz da praça.

Aproveitando que o YouTube estava aberto comecei a ver outros vídeos, desde programas de interação entre os garotos até reações de não kpoppers.

Quando passava das 1h da manhã, desliguei o aparelho e o deixem encima da penteadeira empurrando os objetos que estavam ali encima dando lugar ao eletrônico. Guardo o carregador e visto meu pijama, vou até a cama e me deito, pego o celular e verifico meus e-mails. Nem meus pais me mandam mensagem.

Bloqueio o aparelho e o deixo ao lado da cama sob o criado-mudo, me ajeito na cama embaixo dos cobertores e deixo que o corpo relaxe como em todas as outras noites.

Imagens de Taehyung e sua alteração de humor me alcançaram, o que me impediu de dormir, apenas o fiz quando finalmente consegui afastar os pensamentos e assim como o corpo, consegui relaxar minha mente me entregando ao sono.


Notas Finais


Até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...