História Imagine Hot Magcon - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 344
Palavras 723
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esta aí mais capitulo.



Como pedir seu imagine:
- o boy que você quer
- o nome da sua personagem
- o que vocês são
- o que quer que aconteça

Capítulo 3 - Cameron Dallas


Fanfic / Fanfiction Imagine Hot Magcon - Capítulo 3 - Cameron Dallas

POV'S Jade

 

Eu poderia estar simplesmente na minha cama assistindo algum filme qualquer, mas estou na casa de Cameron Dallas, brincando de um jogo completamente estupido, como desafio.

 

— Jade... – o olhei furiosamente ao garoto que por milésimos de segundos tirou meus devaneios, não sabia quem era estava muito embriagada pelas minhas 13  doses de vodka que havia ingerido.

 

— Jade. – mas que porra quem diabos seria?

 

No momento estava com os olhos fechados e tentei me esforçar para abri-los e ver a maldita pessoa.

 

— Quem diabos está tirando meu prazer de ficar completamente sozinha na cozinha sem joguinhos idiotas?– ouvi a risada dessa certa pessoa, a qual já identifiquei.

 

— Sempre sarcástico baby. – Dallas. — Estamos te esperando para continuar o jogo. – suspirei. Maldita voz gostosa de ouvir.

 

— Obrigado Dallas, mas estou bem aqui. – eu sabia que esse minha simples resposta não p convenceria de desistir.

 

— Se você for eu te chupo mais tarde.

 

Caralho, esse menino sabe me convencer.

 

— Esta bem, mas está me devendo uma oral.

 

— Com todo prazer gatinha.

 

Sigo a sala sendo levada por Dallas. Todos comemoram a minha volta.

 

— Eu disse que Dallas a traria de volta. – disse Carter.

 

— Não se contente Carter, não vou transar com você. – ele faz cara de cachorro abandonado e todos riem menos eu, continuo seria.

 

— eu voltei aqui para jogar, vamos acabar logo com isso.

 

...

 

POV'S Cameron

 

Jade fica ainda mais gostosa quando está bêbada, quando a encontrei estava praticamente inconsciente na cozinha.

 

Maravilhosa!

 

Uma regata rosa azul bebe solta no meio de sua barriga, pois na parte de seus bustos seus sérios são tá enorme que a blusa quase chega a estourar, uma calça clara rasgada no joelho e um chinelo da pluma preto, simples, mas gostosa.

 

Ela sentou entre o Sammy e eu, ela direciona seu olhar ao meu e dizia sussurrando que queria acabar logo com isso.

 

Até que a garrafa acaba de cair em sua direção para ser por Taylor. Ele direciona seu olhar ao meu, e já sei o que ele quer dizer. Todos já sabem que nos nós pegamos.

 

— Minha querida Jade. – debocha Taylor.

 

— Desembucha logo Caniff.

 

— Vá para o paraíso com o Cameron. – ela me olhou e decifrou no mesmo instante a expressão de meu rosto.

 

— Será um prazer cumprir seu desafio Caniff.

 

Jade me puxa pelo braço e me leva até um quarto de hóspedes.

 

— No meu quarto. – ordeno.

 

— sim senhor. – estávamos fechando a porta do quarto quando ouço a voz de Taylor.

 

— Vocês só tem meia hora. – sei que será o bastante.

 

Sinto-me com um tesão maldito com o toque de suas mãos em minha costas, já que a blusa minha blusa não estava mais em mim. A garota me empurra na cama, se senta em meu colo e rebola freneticamente em meu membro duro.

 

— Fique nua para mim. – tiro minha roupa junto a ela, rapidamente ela tira também suas roupas e me beija com calma.

 

— Me deixe te chupar. – ela se deita na cama esperando ansiosamente por mim.

 

Vejo sua intimidade molha, e caio boca recebendo um gemido sofrido dela.

 

— Sua língua Dallas, coloque sua língua.

 

Coloco minha língua no fundo de minha garota.

 

— Meu deus.

 

— Não ouvi.

 

— Dallas.

 

Canso-me disso e procuro a camisinha no bolso de minha calça.

 

— O que está fazendo?

 

— Tentando achar a camisinha.

 

— Eu tomo remédio Dallas.

 

Não perco tempo e entro nela, mas devagar. Em uma lentidão que ela resmunga alguma coisa a qual eu não ouço.

 

— Não estou ouvindo.

 

— Mais rápido, por favor. Por favor.

 

Minhas estocadas aumentam na velocidade e na força, mas paro.

 

— Dallas, pelo amor de Deus.

 

 

— Um minuto, pombinhos. – Taylor grita lá debaixo.

 

POV'S Jade

 

Nesse momento Dallas me leva céu, parecia que nada nesse existia, e ninguém desse mundo poderia me tirar de perto de Cameron.

 

— Ahh Dallas.

 

Não aguento por muito tempo, nem ele. Nós chegamos ao nosso ápice fervendo e suados.

 

— Deus, Jade. Você ainda vai me enlouquecer.

 

— Não, você vai me enlouquecer Dallas.

 

— Acabou. –Taylor entrou no quarto enquanto Cameron ainda estavam dentro de mim.

 

— Caralho. Não sabe bater na porta não Caniff.

 

— Para de reclamar e veste logo a merda da roupa.

 

— Sai Caniff, nós já vamos descer.

 

— Ok.

 

O som da porta se fechando é ouvido e o quarto fica em silêncio.

 

— Nós vamos descer mesmo?

 

— Não mesmo, Dallas.

 

— Minha garota. Pronta para um segundo Round.

 

— Sempre.

 


Notas Finais


Esta aí.
Pedido por Debby_126.

Leia as notas do autor. Obrigada.
Até o próximo imagine, bjos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...