História Imagine hot Tae/Jimin/Jungkook (Bts) - Capítulo 40


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jungkook, Rap Monster, V
Tags Banda, Colegial, Romance
Exibições 797
Palavras 771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Esse cap ficou uma bostaaa, sorry. Espero que gostem! 💕

Capítulo 40 - Culpa minha?


 Eu:

 - Hmm, quer saber.. me convensa! - Falei sentando na cama.

 Jimin:

 - Hmm, ok!

   Ele se aproxima de mim e me deita na cama, sobe em cima de mim e começa a beijar meu pescoço calmamente me fazendo se arrepiar inteira, em seguida ele destribui cupões no mesmo e eu solto um gemido sem querer.

 - Acho que convenci! - Ele sussurra no meu ouvido.

   Em seguida alguém bate na porta.

 Omma:

 - (S/N)?

 Eu:

 - O-oi Omma.

 Omma:

 - O que houve, por que voltou para casa?

 Eu:

 - Eu passei mal, mas já estou melhor, não se preocupe.

 Omma:

 - Tudo bem, se precisar de algo me chame!

 Eu:

 - Ok!

   Em seguida ela sai.

 Eu:

 - Viu se tivesemos feito algo..

 Jimin:

 - E quem disse que não vamos fazer?

 Eu:

 - Minha mãe ta em casa Jimin.

 Jimin:

 - Mas a minha não!

 Eu:

 - Para de ser safado, a gente pode esperar mais alguns dia para fazer isso.

 Jimin:

 - Mas eu queria agora! - Ele fala fazendo um biquinho.

 Eu:

 - Querer não é poder meu amor! - Falo lhe dando um selinho.

 Jimin:

 - Aah, por favor! O que que custa?

 Eu:

 - E o que que custa você esperar mais um pouco?

 Jimin:

 - Aish, chata. E o que vamos ficar fazendo então?

 Eu:

 - Vamos ver série..

 Jimin:

 - Ok!

   Em seguida eu e o Jimin começamos a assistir algumas séries.

   Já faziam horas que estavamos ali, olhei o relógio e já eram 16h.

 Eu:

 - PUTA MERDA!

 Jimin:

 - O que foi?

 Eu:

 - Sua Omma por um acaso passa em casa a tarde?

 Jimin:

 - Não, por que?

 Eu:

 - Menos mal, porque são 16h.

 Jimin:

 - JÁ? Puta merda, o Tae vai me matar.

   Em seguida o Jimin me dá um selinho e vai embora.

   Eu desci para comer alguma coisa mas não tinha ninguém em casa, fui até a cozinha e abri a geladeira, havia um pedaço de bolo de chocolate, o peguei e começei a comer.

   Logo depois que comi fui para o meu quarto, deite na cama e adormeci.

     (...)

   No dia seguinte acordei cedo como de costume, fiz minhas higiênes matinais, me troquei e fui direto para o Colégio.

   Cheguei cedo, não havia quase ninguém, sentei em um banco qualquer, peguei meus fones e começei a ouvir música.

   Logo J-hope senta ao meu lado e tira meus fones.

 Eu:

 - O que você quer?

 Hope:

 - Que grossa, eu hein, eu só queria conversar.

 Eu:

 - Desculpa, pode falar! - Falo rindo.

 Hope:

 - Como você está?

 Eu:

 - Bem, e você?

 Hope:

 - Estou bem, eu vou dar outra festa amanhã, sei que sua experiência na minha festa anterior não foi muito boa mas, eu queria muito que você fosse.

 Eu:

 - Eu não sei não..

 Hope:

 - Por favor (S/N), eu ia adorar te ver lá!

 Eu:

 - Tudo bem, vou tentar.

 Hope:

 - Obrigada (S/N)! - Ele me dá um beijo na bochecha e sai.

   Alguns minutos depois o Jimin chega.

 Jimin:

 - Oi amor!

 Eu:

 - Oi!

 Jimin:

 - O hoseok me chamou para ir na festa que vai ter na casa dele, vamos?

 Eu:

 - Ele me chamou também, eu não estou muito afim de ir não.

 Jimin:

 - Por que? Vamos vai ser legal!

 Eu:

 - Vou pensar!

 Jimin:

 - Ok!

   Em seguida o sinal toca, fomos para a aula.

   Durante a aula hoseok ficava me enviando mensagens, tais como:

 "Quero muito você lá, por favor!"

 "Vai, vai, vai, vai.. Por favor!"

 "Por favor, aparece lá!"

   Eu preferi não responder, eu falava com ele na hora do intervalo.

   A aula passou rápido, logo o sinal bateu o sinal.

   Saí da sala e esperei o hope na porta, quando ele saiu eu o chamei.

 Eu:

 - Ei, vem cá.

 Hope:

 - Oi (S/N)!

 Eu:

 - Eu vou na sua festa!

 Hope:

 - Ah sério!? Obrigada, vai ser ótimo te ver lá!

 Eu:

 - Tudo bem!

   Não entendi o por que de tanta insistência do hope para eu ir nessa festa.

   Eu estava indo para o refeitório quando lembro que o Jimin não poderia ir na festa, afinal ele está de castigo, merda.

   Chego no refeitório e vejo uma multidão imensa em forma de círculo, me meto no meio e vejo Jimin e Jungkook brigando.

   Entro no meio da briga e puxo o Jimin, o levo para o pátio.

 Eu:

 - ATÉ QUANDO VOCÊ VAI FICAR BRINGANDO COM O JUNGKOOK?

 Jimin:

 - ELE ME PROVOCA PORRA.

 Eu:

 - FODA-SE SE CONTROLA CARALHO.

 Jimin:

  - A CULPA É TODA SUA!

Continua..


Notas Finais


Eai, o que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...