História Imagine Jay Park ( SOLO ) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jay Park
Personagens Jay Park
Tags Jay Park
Visualizações 146
Palavras 2.244
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


desculpa demora, e ja desculpa o cap pessimo.

Capítulo 7 - Cap 6


s/n

 

acordei com carias na minhas costas, abri os olhos devagar e virei para Hanbin, o mesmo estava com um sorriso lindo.

s/n: bom dia.- falo num tom rouco.

B.I: bom dia.- acaricia meu rosto.- a gente vai voltar hoje.

s/n: ta bem.- fecho os olhos de novo.- estou com saudade do Bin.

B.I: por incrível que pareça eu também, ele conhece meu melhor ângulo.- o mesmo ri.

s/n: então peça pra ele tirar suas fotos a partir de agora.- faço um bico.

O mesmo me puxa para perto de si, e sinto que ainda estamos nus, fica por cima de mim e me olha com aquele olhar penetrante dele, começa a me dar beijos pelo pescoço.

s/n: yah, você esta me esmagando.

B.I: estraga clima.- sai de cima de mim emburrado.

E do nada sinto um mau estar e saiu correndo para o banheiro e coloco tudo pra fora, Hanbin me olha assustando, mas não demorou para me cobrir com um roupão que tinha ali, e se agachar ao meu lado e alisar minhas costas.

B.I: espero que isso seja só um mau estar.- suas palavras me fizeram lembrar de uma noite em especifico com um certo alguém.

 

Jay Park

 

Acordei com uma baita dor de cabeça, quando olhei pro lado vi uma pessoa deitada e ao julgar pelos cabelos eu sabia bem quem era.

Jay: Hyuna?- a mesma se virou com olhar assustado.

Hyuna: o que a gente fez?- coloca a mão no rosto.

Se ela não sabia imagina eu, levantei o lençol e apenas respondi sua pergunta.

Jay: sexo.

Hyuna: ai meu deus, a gente só ia marcar a data do mv Jay, mais que merda.- a mesma murmura.- desculpa, é que isso não tava nos meus planos.

Jay: nem nos meus, mas fica de boa, não vai acontecer mais.

 

 

 

s/n

 

Depois de eu me recuperar, e voltar pro quarto pra arrumar minhas coisas, desci com os meninos para tomarmos café e enfim ir embora, estava bem distraída com meu notebook e meu fone de ouvido, que nem percebi quando alguém me chamava, e esse alguém passou a me cutucar, olhei para Hanbin e o mesmo olhava para alguém atrás de mim.

Jay: você ia embora sem me falar nada?- fala assim que tiro meus fones.

s/n: bom meu trabalho com você já ta feito.- voltei a fitar a tela a minha frente.

Jay: pelo que eu me lembro, você ia passar mais uma semana aqui.- me olha serio.

s/n: por uns motivos não vou mais.- meu estomago começou a embrulhar de novo e me levantei.

Jay: olha, aposto que você quer ir por causa daquela cena que viu minha e da Hyuna, mas eu posso explicar.- ele tentou falar algo mais, só que não deu tempo sai correndo em direção ao banheiro que tinha ali no restaurante.

E mais uma vez eu colocava tudo que tinha comido pra fora, e rezava pra aquilo que eu pensava não estar acontecendo.

Lagrimas começaram a cair no meu rosto, e vi Hanbin entrar no banheiro feminino sem se importar muito, o mesmo apenas me abraçou.

B.I: ei vou estar do seu lado, não importa a sua escolha.- acariciou meus cabelos.

s/n: e se for o que estamos pensando.- afirmo e o mesmo apenas me olha.

B.I: sendo meu ou dele, vou estar do seu lado.- e foi com essas palavras que ele acalmou meu choro.

Saímos do banheiro e Jay não se encontrava mais ali, foi melhor assim, depois de pegarmos nossas coisas seguimos para o aeroporto, havia algumas fãs esperando os meninos, e isso me deixou um pouco feliz, eles estavam ganhando um grande numero de fãs, os mesmo atenderam aos pedidos de fotos e autógrafos, depois fomos para a sala de embarque esperar o vôo.

 

Quebra de tempo.

Hanbin: eii a gente chegou.- me chamou baixinho.

s/n: me deixa dormir mais um pouquinho.- fiz um biquinho e o mesmo riu.

Hanbin: quando estiver em casa, agora vamos.- me puxou para que saíssemos do avião.

E depois de passar por todo aquele processo chato de esperar as malas, e ter que esperar a van, eu já me encontrava dormindo de novo só que agora nos ombros de Bobby, e não demorou muito para eu ser acordada de novo.

Bobby Yaegiya, acorda a gente já chegou.- olhou e percebi que a gente tava no dormitório dos meninos.

s/n: olha aqui não é minha casa.

Bobby: eu sei, é a nossa.- olha seria pra ele.- manager deixou você ficar aqui.

Apenas acenti e segui o mesmo, quando entrei só vi Jin sentando no sofá mexendo no celular, Yun passou correndo para seu quarto, me sentei do lado do Jin que se ajeitou para eu deitar minha cabeça em sua perna.

Jin: o Hanbin me contou, quer falar sobre?- apena neguei.- olha eu sei que você deve estar nervosa com isso, mas a gente vai ta aqui pra te ajudar.- olhei o mesmo com lagrimas nos olhas.

Bobby: yah, o que você fez hyung?- o mesmo se ajoelhou na minha frente.- ele disse alguma coisa errada?

s/n: não, apenas sei que posso contar com vocês pra qualquer coisa.

Bobby: você é como uma irmã pra gente, uma irmã mais nova que temos que proteger, eu acho que todo nos aqui somos bem grandinhos pra entender o que esta acontecendo com você, e não vamos te julgar afinal pode ser um Hanbinzinho aqui dentro.- fala passando a mão na minha barriga.

s/n: yahhhh, eu não sei nem o que dizer, nunca pensei que a gente fosse ser tão unidos assim.- abracei Bobby.

E quando vi todos os meninos estavam na sala, e quando dei por mim estávamos todos se abraçando.

Bobby: ei ei ei, cuidado pra não machucarem meu afilhado.

s/n: BOBBY.- dei um tapa no seu ombro.- acho que to com fome.

Jin: que tal uma pizza, o Bobby paga.- o menor recebeu um olhar do Bobby.- o que é? É para seu afilhado.- todos rimos.

Depois de quase acabarmos com o dinheiro do Bobby pedindo pizza, e eu quase comer duas caixas de pizza sozinha, fui para o quarto do Hanbin, esse que dividia o quarto com Bobby, tomei um banho no banheiro que havia no quarto, vesti uma camisa que havia ganhado do Bobby no começo da nossa amizade e deitei na cama do Hanbin.

s/n: Han você esta bem com tudo isso que ta acontecendo?- deitei de frente para o mesmo.

B.I: olha é meio novo pra mim, mas como te disse mais cedo, você pode contar comigo pra tudo, e pelo que vi na sala, com todos nos.- passou a mão pelo meu rosto.- talvez isso nos aproxime mais.

s/n: olha eu sei que isso vai te chatear, mais não quero estragar sua carreira e muito menos a dos meninos.

B.I: você sabe que não vai, eu conversei com o manager hoje, levei um pequeno sermão mais depois ele me disse que um filho nunca vinha em hora errada, embora a gente não saiba ainda de quem é, mas tenho quase certeza que vou ser um bom pai.- passa a mão na minha barriga.

s/n: e se não for seu?- o mesmo me olhou.

B.I: vai ser meu do mesmo jeito, olha a gente deu umas vaciladas, mas pela sua preocupação você também vacilou com o Park, e isso me deixa muito chateado, só vou te pedir uma coisa, sendo meu ou dele, você me deixara assumir essa criança como minha.

s/n: eu poderia fazer isso, mas não posso privar o Jay de saber disso, ele pode ser o pai também.

B.I: tudo bem, mas mesmo assim, vou ser responsável por vocês dois.

s/n: tudo bem.

Bobby: olha to entrando, vocês tão vestido ne?- o mesmo abri a porta de olhos tapados.

s/n: estamos.

Bobby: ótimo, agora vou tirar meu soninho da beleza.

s/n: Bobby, você podia cantar pra mim dormir.

Bobby: ta bem vou cantar uma musica nova que vamos lançar, chega mais pra la.- se deitou do meu lado.

B.I: essa cama é pequena demais para nos três.- e que a verdade seja dita era mesmo, estava sendo esmagada no meio daqueles dois.

Bobby: é rapidinho.- o mesmo começou a cantar e Hanbin acompanhou, e em minutos nos três estamos dormindo, e Bobby na saiu as cama de Hanbin.

 

No outro dia acordei sozinha na cama, levantei e fui ate o banheiro, fiz minha higiene e tomei um banho rápido, coloquei um short e uma blusa folgada, e segui pra sala e todos estavam la assistindo desenhos, apenas ri da cena. Me aproximando e sentando no meio deles, e me veio uma baita fome.

s/n: Han, será que você podia fazer alguma coisa pra mim comer?- o mesmo fez uma careta.

Dong: vem eu faço, o que você quer comer?- o mesmo me puxou pra cozinha.

E depois de uns minutos a mesa estava cheia de coisas pra mim comer.

Yun: huummm que cheirinho gostoso.- se senta na cadeira.

Dong: sai daí ai é tudo pra s/n, ela tem que se alimentar bem.

E num piscar de olhos todos estavam na cozinha, babando pela comida que Dong tinha feito, e quando o mesmo deu as costas pedi socorro com os olhos, pois não ia conseguir comer aquilo tudo, e em segundos tudo acabou, e eu fui deixada na cozinha, para provar que eu tinha sido a única comer aquilo tudo sozinha.

Dong: pronto agora pode ir pra sala.

s/n: ta bom omma.- sai correndo da cozinha.- gente acho que já ta na hora de eu dar tchau.

Chanwoo: mais ainda nem passou seu desenho preferido, fica mais um pouco.- faz um biquinho fofo.

s/n: bem que eu queria, mais tenho que trabalhar e ver meu outro amor.

Junhoe: olha o Bin pode esperar mais um pouco.

s/n: meu deus quando passei a ser tão querida assim nesse dormitório.

Bobby: desde de que o Hanbinzinho apareceu ai.- apontou pra minha barriga.

s/n: hahahahahaha espero que ele não goste de vocês, seu besta.

B.I: vamos parar, eu te deixo em casa.- o mesmo foi ate o seu quarto e pegou minha bolsa.

Me despedi dos meninos e fui com Hanbin ate em casa, não ficava muito longe, praticamente umas duas ruas dali, quando abri a porta vi que meu apartamento tava uma bagunça, Bin iria ter que arrumar aquilo sozinho, e logo.

s/n: esse é o mau de dividir apê com uma pessoa bagunceira.- o mesmo ri.

B.I: to acostumado.

Deixei a bolsa na sala, e fui com Hanbin ate o Studio que ficava do outro lado da rua, encontrando meu amigo tirando fotos de umas modelos, que logo ficaram olhando pra mim e Hanbin de um jeito estranho.

Bin: meu deus, você já foi em casa?- fez uma careta.

s/n: sim, espero que aquilo esteja arrumado ate de noite, vou sair com B.I e quando chegar você já sabe.

Bin: mau chegou e já ta dando ordens, como você agüenta?- Hanbin da de ombros e saímos do Studio.

B.I: pra onde a gente vai?

s/n: consegui uma consulta com uma amiga no hospital.

B.I: como você consegui as coisas tão rápido assim?- ri.

s/n: se te contar que nem sei.

Seguimos ate o hospital e encontramos com a Fei, uma amiga que tinha feito na época de faculdade, ela era medica, então contei pra ela que precisava de um favor, e ela não negou em me ajudar.

Fei: então vamos.

Seguimos ela ate uma sala, que continha uns aparelhos pra fazer ultrassom, e uma mesa, sentamos e tive uma conversa com a Fei sobre minhas ultimas semanas, e ela disse que eu devia seguir toda uma rotina agora, e que ela seria a pessoa que ia me acompanhar na minha gestação.

Fei: então vamos ver como esse bebe esta?

Apenas concordamos, e me troquei pois a ultra que ia fazer era diferente daquela tradicional, a Fei explico que ela iria introduzir o equipamento pela.. a gente isso é muito constrangedor, então vamos pular a explicação.

Fei: estão vendo esse potinho aqui?- aponta na tela um borrão bem pequeninho.

s/n: é ele?- ela confirma.

Fei: ele é bem pequeno ainda, mais daqui uns dias a gente já vai poder ver ele melhor.

B.I: a senhora podia gravar isso num cd pra mim, preciso guardar cada momento dele.- ela apenas confirmou.

Depois de sairmos da sala dela, passei pela recepção para pegar os papeis de pré-natal, Hanbin tava todo bobo e eu pelo jeito também, não sabia como podia ser bom carregar alguém dentro de si.

 

Quebra de tempo.

 

“cantora Hyuna, vai para hospital depois de passar mau.”

Estava esperando para mais uma consulta, no hospital quando li a noticia, já estava com um mês.

s/n: Bin, olha só.- mostrei o celular com a noticia.

Bin: nossa, o que será que aconteceu?- fala após ler a noticia.

B.I: cheguei a tempo? Ta cheio de reporte la fora.

s/n:  então ela ta aqui.

B.I: ela quem?

s/n: Hyuna.

Fei: s/n, será que a gente pode adiar a consulta um pouquinho é que chegou  uma paciente da emergência.

s/n: ta bem, o Bobby ainda não chegou mesmo.

B.I: ele também vem?

S/n: ele disse que queria ver o afilhado dele.- sorri ao ver o mesmo chegar correndo.

Bobby: to atrasado?- eu e Hanbin negamos.

Ficamos esperando ate a paciente sair da sala, e me assustei quando vi quem saiu da sala.

s/n: Hyuna.- fiquei mais assustada ainda quando vi quem saiu com ela.

 

Continua.


Notas Finais


espero ver comentarios.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...